quarta-feira, maio 12, 2021

Gripen para o Brasil

F-X2: nenhum dos interessados protocolou oficialmente sua oferta

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

vinheta-clippingO ministro da Defesa, Nelson Jobim, afirmou ontem que nenhum dos três países que concorrem ao programa FX2 (França, Suécia e Estados Unidos) protocolou oficialmente as propostas para a venda de 36 caças. Jobim também afirmou que o acidente na semana passada com dois caças franceses Rafale, fabricados pela Dassault, concorrente no FX2, não vai interferir no processo de escolha. A americana Boeing também concorre com o caça F18.

Jobim reiterou que o prazo para a entrega das propostas vai até o dia 2 (sexta-feira). O ministro criticou a posição da fabricante brasileira Embraer, que defende que os aviões fabricados pela sueca Saab, os caças Gripen, seriam mais apropriados por causa da transferência de tecnologia. “Não cabe à Embraer ter opinião a respeito desse assunto. Cabe ao governo brasileiro. E a Embraer não é parte do governo brasileiro”, afirmou Nelson Jobim.

FONTE: Diário do Nordeste

- Advertisement -

11 Comments

Subscribe
Notify of
guest
11 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
catraca

vai ser na última volta do relógio……..

RJ

E quem disse que o Gripen é o preferido da EMBRAER nem foi a EMBRAER. Alguém intuiu isso aí. A posição oficial da empresa é de neutralidade.

Wolfpack

Se ninguém disse isso ai pela Embraer, o Ministro Jobim desmentiu o não oficial e praticamente oficializou o comentário da Embraer. Quer dizer antes era off record, agora é mais que oficial que a Embraer prefere o SAAB Gripen. Quer dizer mais uma vez o Executivo troca as mão pelos pés e anda feito um Chimpanzé não domesticado, com desculpas a família dos Chimpanzés. Com essa turma ai nós não conseguimos empatar nem com Honduras, quem dirá com Bolívia, Equator, Paraguai e Venezuela que fazer o que querem com o Governo Brasileiro. Eta vergonha… Depois vem alguém criticar De Gaulle… Read more »

bandeira

RJ, não foi intuição, foi o vice-presidente executivo da Embraer, e a declaração foi publica, está em vários jornais e em 1/2 blogs, é só pesquisar.
Tenho para mim, que com todo esse rolo criado pelo governo, o FX-2, subiu no muro.Tomara esteja errado, mass tudo isso vai dar em nada.

RenanZ

Que feio hein

alvespereira

Boa Noite, Se o post confere com o original; “Não cabe à Embraer ter opinião a respeito desse assunto. Cabe ao governo brasileiro. E a Embraer não é parte do governo brasileiro”, afirmou Nelson Jobim.” Se a embraer não faz parte do governo para que a mesma ser beneficiada com a Transferência de Tecnologia, isto é pra ser para o CTA/ITA ou outra estatal, já havia passado esta inforção em outro post se a embraer não aproveitou para desenvolvimento militar a tecnologia absorvida no projeto AMX, tendo em suas falas deixado claro aos quatro ventos que foi um benefício para… Read more »

fernando

o jobim esta certo, a embraer so olhar o lado dela, pois nao enteressa o pais, ela so quer e ter lucros…

Lula

Embraer diz em comunicado que não participa da seleção do novo caça da FAB Projeto F-X2 Escrito por Defesa Brasil Ter, 29 de Setembro de 2009 18:00 Empresa reafirma apoio ao Comando da Aeronáutica e ao Ministério da Defesa. Da Redação A Embraer afirmou em comunicado divulgado no final da tarde que não participa do processo seletivo do Projeto F-X2 da FAB e que reitera “seu incondicional apoio” e “estreito alinhamento com o Comando da Aeronáutica e o Ministério da Defesa”. A empresa disse também que, “diferente do publicado, não tem preferência por nenhuma das propostas encaminhadas”. A Embraer foi… Read more »

Ambrozio

Ela não quer entrar é em rolo dos rafales com o nome dela, ela está certa.

Tales

É isso aí Jobim! Mande eles calarem a boca! A decisão final incumbe ao PODER POLÍTICO e sempre se soube disso (pelo menos para quem acompanha o FX desde o início, no final do Governo Collor, quando surgiu esta designação, mesmo antes de ser lançado oficialmente o programa de reaparelhamento da FAB – o Fênix!) Mas parece que nenhum SÁBIO percebeu que a compra dos Rafales não representa apenas uma “compra de prateleira”, mas, sim, como o governo tem reiteradamente dito, (mais uma etapa d)a PARCERIA ESTRATÉGICA com a França. Afinal, já está certo que virão os submarinos Scorpene, as… Read more »

Mausher

Mas gente como a EMBRAER vai “pensar no Brasil” sendo ela uma empresa privada (tendo contas a pagar) no sistema econômico capitalista e as FFAA não podendo comprar nada? Já se esqueceram o que aconteceu com o “OSÓRIO”? Já viram o que se passa ou se lçembram da ENGESA, AVIBRAS, IMBEL dentre outras? Ou a “END” é pra valer ou nós vamos assistir mais uma vez o mesmo filme. Exceção à EMBRAER que não produz somente para a Defesa e pode seguir portanto batendo as suas asas. Porque senão já estaria a muito tempo por baixo de sete palmos de… Read more »

Reportagens especiais

Primeiras fotos da apresentação do protótipo do KC-390

Os editores do Poder Aéreo estão nas instalações da Embraer em Gavião Peixoto, no interior de São Paulo, participando da...
- Advertisement -
- Advertisement -