sexta-feira, maio 7, 2021

Gripen para o Brasil

TAREC 2009 em Fortaleza

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

r-99b-11

A Base Aérea de Fortaleza (BAFZ) recebe, esta semana, 120 militares que participam do Terceiro Torneio da Aviação de Reconhecimento, o TAREC 2009. Os três Esquadrões de Reconhecimento da Força Aérea Brasileira: O 1° Esquadrão do 6° Grupo de Aviação (1°/6°GAv Esquadrão Carcará), o 2° Esquadrão do 6° Grupo de Aviação (2°/6°GAv Esquadrão Guardião) e o 1° Esquadrão do 10° Grupo de Aviação (1°/10°GAv Esquadrão Poker) disputam o troféu. Cada uma das Unidades trouxe trinta militares para a competição, que tem como objetivo principal aprimorar a capacidade operacional das Unidades de Reconhecimento.

As tripulações estão disputando as provas operacionais e esportivas que compõe o Torneio da Aviação de Reconhecimento (TAREC 2009). Na competição Operacional serão avaliadas todas as fases da missão como: planejamento, navegação, precisão no cumprimento da Hora sobre o Objetivo (HSO), e o Relatório de Missão de Reconhecimento (REMIR).

III Força Aérea (Fae III) é a organização que coordena a TAREC e faz a supervisão para garantir que todos os objetivos do torneio sejam atingidos. “O Torneio é uma oportunidade de aprimoramento conjunto das Unidades Aéreas da Aviação de Reconhecimento”, afirma o Comandante da Fae III, Brigadeiro do Ar Antônio Carlos Egito do Amaral, responsável pelas Aviações de Caça e de Reconhecimento de toda a Força Aérea Brasileira.

Além das provas aéreas os militares disputam ainda na parte operacional, uma corrida de orientação, uma prova de Tiro com Arma Portátil e uma prova de percepção de visual de Objetivos, que consiste na identificação de equipamentos militares de diversos tiipos e origens, apenas pela visualização rápida (em 5 segundos) de uma fotografias. O cronograma esportiva do TAREC contém provas de Cabo de Guerra, Vôlei e Natação

Durante a TAREC, a Base Aérea de Fortaleza presta total apoio operacional aos esquadrões participantes, assim como a infra-estrutura necessária para a competição e o suporte aos militares que compõe a organização e arbitragem do Torneio. “É uma honra para a Base Aérea sediar esse tipo de torneio”, afirma o comandante da BAFZ Coronel Manoel Araújo da Silva Júnior.

A última competição foi realizada em Florianópolis, Santa Catarina. Este rodízio na escolha das sedes do TAREC faz com que as tripulações conheçam as características de operação das diferentes regiões do País.

Fonte: CECOMSAER

- Advertisement -
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Klesson

Desde a semana passada os AMX tem voado por Fortaleza. Chamam a atenção além de sua velocidade, uma considerável fumaça negra expelida do motor. Desde a saída do Esquadrão Pacau, que foi transferido para Natal, e da última edição da CRUZEX, não tinhamos jatos voando por aqui. Estou aguardando o R99 que ainda não ví por aqui.

[…] 1° Esquadrão do 6° Grupo de Aviação, Esquadrão Carcará, venceu, nesta sexta feira, 28, o 3° Torneio da Aviação de Reconhecimento (TAREC), a competição bienal entre os esquadrões de Reconhecimento da […]

Bruno Rocha

Bem. Parece que mais uma vez o Brasil se vira nos 30 para se coordenar sozinho

Klesson

Desde a semana passada os AMX tem voado por Fortaleza. Chamam a atenção além de sua velocidade, uma considerável fumaça negra expelida do motor. Desde a saída do Esquadrão Pacau, que foi transferido para Natal, e da última edição da CRUZEX, não tinhamos jatos voando por aqui. Estou aguardando o R99 que ainda não ví por aqui.

[…] 1° Esquadrão do 6° Grupo de Aviação, Esquadrão Carcará, venceu, nesta sexta feira, 28, o 3° Torneio da Aviação de Reconhecimento (TAREC), a competição bienal entre os esquadrões de Reconhecimento da […]

Bruno Rocha

Bem. Parece que mais uma vez o Brasil se vira nos 30 para se coordenar sozinho

Reportagens especiais

Avançam os trabalhos nos quatro últimos F-5E ‘ex-Jordânia’ que estão no PAMA-SP

Preparação das últimas células pelo PAMA-SP, que precede o envio para modernização na Embraer, mostrou um avanço significativo nos...
- Advertisement -
- Advertisement -