sexta-feira, outubro 22, 2021

Gripen para o Brasil

Nova entrevista de Bob Gower, da Boeing, na Alide

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Bob Gower, o executivo da Boeing responsável pelo programa do F/A-18E/F Super Hornet, deu nova entrevista à Alide, onde esclarece novos pontos sobre a proposta da Boeing ao FX-2 da FAB.
Clique aqui para ler.

NOTA DO BLOG: Para conhecer tudo sobre o Super Hornet, acesse no link abaixo uma apresentação super detalhada da Boeing, em PDF:
http://www.aereo.jor.br/downloads/pas_2007fa-18_final-r1

- Advertisement -

36 Comments

Subscribe
Notify of
guest
36 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Baschera

É, pelo jeito fica “tudo como dantes no país de abrantes”.
Isto se a crise econômica não melar tudo !
Sds.

LEANDRO FURLAN

Não queria dizer isso, mas tenho a leve sensação de que o caça que irá dotar a FAB por 40 anos será o Super Hornet. E tudo isso por uma pressão que 70% dos países do globo já conhecem: a chantagem econômica norte-americana. (70% é o número total de países no mundo que tem nos EUA seu principal parceiro comercial) O Brasil é um deles… F-X = F/A-18 Super Hornet!? Ficarei frustrado caso isso ocorra, pois olhando para aeronaves como o Gripen NG e o Rafale, com as asas ainda quentes por recém terem saído do forno, vamos ter mais… Read more »

Raphael

Na verdade, o Super Hornet eh uma aeronave melhor do que os Rafale (isto sem contar updates futuros).

Eu realmente acho que a melhor escolha para a FAB sera mesmo os F-18.

Hornet

Independente de qual vetor seja o melhor, se o Rafale, o Grpipen ou o Super Hornet (na minha opinião, acho que os três têm pontos fortes e pontos fracos), acho que um ponto merece ser destacado na fala do executivo da Boeing: “ALIDE: O programa FX, no Brasil, tem sido apresentado como o caminho para o envolvimento da indústria aeroespacial brasileira em programas de tecnologias de 5ª geração, algumas destas ainda em desenvolvimento. Qual é a visão da Boeing sobre as futuras oportunidades de cooperação industrial com o Brasil? Nós criaremos um programa que, de forma colaborativa, avançará as capacidade… Read more »

Nunão

O F18E/F ainda vai ser utilizado muitos anos na US Navy. Os F35 vão, primeiro, substituir a grande quantidade de F 18C/D em operação, e é bastante avião. Aliás, antes disso, vários F18C/D programados para dar lugar aos F35 vão ser substituídos por F18E/F, porque o F35 vai demorar mais do que o previsto.

Ou seja, até chegar a hora de F35 tomar o lugar de todos os Super Hornet, se é que os planos são exatamente esses (e eu acho que não), vai demorar, e muito.

Raphael

Mauro, voce tem muitas perguntas, e algumas afirmacoes e algumas de suas afirmacoes estao erradas. Vou tentar resolver todas suas duvidas. “Raphael, vc poderia me explicar baseado em que vc afima que o Super Hornet é melhor que o Rafale?” Na base do meu conhecimento das diferentes unidades. Que inclui a operacao das aeronaves no Afeganistao e Iraque. “Está baseando sua análise no Super Hornet hoje em fabricação para a marinha americana e o rafale hoje em uso na França?” Sim. “Ou sua afirmação seria sobre o Rafale f-3 também?” Nao. “E sobre o Gripen NG, sua afirmação é a… Read more »

Hornet

Xiiii, parece que o mundo está conspirando contra o FX-2… Primeiro veio essa crise mundial da economia, e agora acabei de ler: “Greve prolongada ameaça cortar asas da Boeing” segundo o autor da matéria: “A perspectiva de uma greve prolongada já começa a preocupar os analistas. Esta semana Richard Safran, da Goldman Sachs, reduziu sua previsão de receitas para a Boeing em quase 14%, para US$ 5,05 por ação, sugerindo que a greve poderá continuar até dezembro, enquanto Joseph Nadol do JPMorgan disse esperar que a paralisação dure pelo menos mais duas semanas e cortou sua previsão de lucros em… Read more »

Jorge

Com a crise que vem por aí, eu vou soltar foguetes se o nefasto 2 (Lula) autorizar a modernização dos demais F-5 e A-1.

Era a desculpa que ele e a súcia que o acompanha, estavam esperando.

Mas como sempre e para o bem do Brasil e dos Brasileiros, espero estar errado.

Storm

Sinceramente eu já estou torcendo pro F-18; É o avião mais maduro no momento o único voando com todas as suas capacidades comprovadas. A USA NAVY ainda vai usa-lo por muito tempo (mesmo com a introdução do F-35) um exemplo é a versão de guerra eletrônica EA-18G Growler que esta entrando em serviço agora e não tem nem previsão de ser substituída só este fato já garante a vida do Hornet E ainda que não tenhamos total transferência de tecnologia, pensem só na possibilidade de o Brasil operar um radar do tipo do AESA multi-modo APG-79 podendo vir absorver esta… Read more »

Roberto

Concordo com o Storm, ea cho que vai dar sim o F18, o que, a meu ver, só por estar já operando o deixa um patamar acima dos demais. Vejam bem, tanto o Rafale quanto o Gripen são excelentes, mas o SH já esta plenamente operacional. Só não sei se viria com o radar AESA, acho que os americanos impediriam isso… além de ser o mais barato.
Acho, até, que deveríamos comprar alguns usados para complementar a frota já e depois substituiríamos pelos novos.

Walderson

Caro Hornet, concordo contigo. BRAVO!!!!!!!! Penso que deve ser feita a melhor escolha para o Brasil, quanto ao conjunto. Storm, penso que não é bem assim. Provado em combate, só o Gripen NG não o foi. Até o Rafale foi para o Afeganistão. E dizem que se saiu bem por lá. Concordo que, dos três, o Super Hornet é o mais testado, o mais operado, mas isso não o torna o melhor dos três. Qto ao governo estadunidense impedir ou não, a história mostra que o governo impede a venda de qualquer material. Por que não nos foi oferecido o… Read more »

Manfred Von Richthofen

Mauro, o preço unitário do Rafale o torna proibitivo para o Brasil, como o F-15, além do alto custo de manutenção e pelo pequeno número de unidades produzidas, que vai encarecer mais ainda o preços das peças de reposição em futuro próximo.
US$ 100 milhões por avião é muito para quem está comprando caças F-5 usados e opera o Mirage 2000, também de 2a. mão.

Hornet

Caro Manfred, concordo em partes com seu argumento, mas precisamos pensar o seguinte: o Brasil está comprando e comprou Mirages 2000 e F-5 usados para suprir um certo gap, criado com os eternos adiamentos do FX. Acho que não faria sentido comprarmos algo muito melhor no momento, uma vez que esses (especialmente os Mirages 2000) são apenas caças “tampão”. Poderíamos, no lugar dos 12 Mirages 2000, ter adquirido em leasing uns 12 F-16, ou us 12 Flankers usados oferecidos pela Russia ou outra coisa, mas, creio, isso criaria problemas na infra-estrutura e doutrina de manutenção da FAB…o que na minha… Read more »

Walderson

Amigo Mauro,

BRAVO!!!!!!!!!BRAVO!!!!!!!!!BRAVO!!!!!!!!

Walderson

Boa Hornet,

eu não poderia ter escrito melhor. Um abraço, amigo.

CJ

Hornet, estou pela primeira vez no blog,e ao ler os seus comentários tive a minha primeira aula… BRAVO!! COMENTARIOS MUITO SENSATOS!

Marine

Aqui dizem que o SH foi desenvolvido para suprir uma lacuna que haveria entre a substituiacao dos F-14 e A-6 e a entrada dos F-35. entao nao verdade o SH substitui o TomCat e o Intruder enquanto ambos os F-35 e SH irao substituir os F-18 originais.

Tanto e que o USMC nao possui SH porque nao possuiam F-14 para serem substituidos e sim tem interesse no F-35 p/ substituicao dos seus Harrier e F-18 originais.

O SH esta programado para comecar a ser substituido a partir de 2024 com a entrada de uma aeronave de sexta geracao.

Sds.

Raimundo

Como o “Barão Vermelho” citou acima: US$ 100 milhões por um Rafale ? É melhor comprar logo F-15, que, segundo a última notícia veiculada aqui no Blog Aéreo, está sendo vendido à Coréia do Sul por exatamente US$ 100 milhões por unidade! Quanto à nova entrevista do representante da Boeing à ALIDE é decepcionante a falta de desenvoltura do entrevistador, que, no mínimo, mostrou-se bisonho: “… imaginar uma combinação viável de caças do tipo Hi-Lo entre o F/A-18E/F e o Gripen …” ?!?!? Para o Brasil (na situação atual) ? Uma das maiores economias do mundo, uma potência mundial em… Read more »

Baschera

É, pelo jeito fica “tudo como dantes no país de abrantes”.
Isto se a crise econômica não melar tudo !
Sds.

LEANDRO FURLAN

Não queria dizer isso, mas tenho a leve sensação de que o caça que irá dotar a FAB por 40 anos será o Super Hornet. E tudo isso por uma pressão que 70% dos países do globo já conhecem: a chantagem econômica norte-americana. (70% é o número total de países no mundo que tem nos EUA seu principal parceiro comercial) O Brasil é um deles… F-X = F/A-18 Super Hornet!? Ficarei frustrado caso isso ocorra, pois olhando para aeronaves como o Gripen NG e o Rafale, com as asas ainda quentes por recém terem saído do forno, vamos ter mais… Read more »

Raphael

Na verdade, o Super Hornet eh uma aeronave melhor do que os Rafale (isto sem contar updates futuros).

Eu realmente acho que a melhor escolha para a FAB sera mesmo os F-18.

Hornet

Independente de qual vetor seja o melhor, se o Rafale, o Grpipen ou o Super Hornet (na minha opinião, acho que os três têm pontos fortes e pontos fracos), acho que um ponto merece ser destacado na fala do executivo da Boeing: “ALIDE: O programa FX, no Brasil, tem sido apresentado como o caminho para o envolvimento da indústria aeroespacial brasileira em programas de tecnologias de 5ª geração, algumas destas ainda em desenvolvimento. Qual é a visão da Boeing sobre as futuras oportunidades de cooperação industrial com o Brasil? Nós criaremos um programa que, de forma colaborativa, avançará as capacidade… Read more »

Nunão

O F18E/F ainda vai ser utilizado muitos anos na US Navy. Os F35 vão, primeiro, substituir a grande quantidade de F 18C/D em operação, e é bastante avião. Aliás, antes disso, vários F18C/D programados para dar lugar aos F35 vão ser substituídos por F18E/F, porque o F35 vai demorar mais do que o previsto.

Ou seja, até chegar a hora de F35 tomar o lugar de todos os Super Hornet, se é que os planos são exatamente esses (e eu acho que não), vai demorar, e muito.

Raphael

Mauro, voce tem muitas perguntas, e algumas afirmacoes e algumas de suas afirmacoes estao erradas. Vou tentar resolver todas suas duvidas. “Raphael, vc poderia me explicar baseado em que vc afima que o Super Hornet é melhor que o Rafale?” Na base do meu conhecimento das diferentes unidades. Que inclui a operacao das aeronaves no Afeganistao e Iraque. “Está baseando sua análise no Super Hornet hoje em fabricação para a marinha americana e o rafale hoje em uso na França?” Sim. “Ou sua afirmação seria sobre o Rafale f-3 também?” Nao. “E sobre o Gripen NG, sua afirmação é a… Read more »

Hornet

Xiiii, parece que o mundo está conspirando contra o FX-2… Primeiro veio essa crise mundial da economia, e agora acabei de ler: “Greve prolongada ameaça cortar asas da Boeing” segundo o autor da matéria: “A perspectiva de uma greve prolongada já começa a preocupar os analistas. Esta semana Richard Safran, da Goldman Sachs, reduziu sua previsão de receitas para a Boeing em quase 14%, para US$ 5,05 por ação, sugerindo que a greve poderá continuar até dezembro, enquanto Joseph Nadol do JPMorgan disse esperar que a paralisação dure pelo menos mais duas semanas e cortou sua previsão de lucros em… Read more »

Jorge

Com a crise que vem por aí, eu vou soltar foguetes se o nefasto 2 (Lula) autorizar a modernização dos demais F-5 e A-1.

Era a desculpa que ele e a súcia que o acompanha, estavam esperando.

Mas como sempre e para o bem do Brasil e dos Brasileiros, espero estar errado.

Storm

Sinceramente eu já estou torcendo pro F-18; É o avião mais maduro no momento o único voando com todas as suas capacidades comprovadas. A USA NAVY ainda vai usa-lo por muito tempo (mesmo com a introdução do F-35) um exemplo é a versão de guerra eletrônica EA-18G Growler que esta entrando em serviço agora e não tem nem previsão de ser substituída só este fato já garante a vida do Hornet E ainda que não tenhamos total transferência de tecnologia, pensem só na possibilidade de o Brasil operar um radar do tipo do AESA multi-modo APG-79 podendo vir absorver esta… Read more »

Roberto

Concordo com o Storm, ea cho que vai dar sim o F18, o que, a meu ver, só por estar já operando o deixa um patamar acima dos demais. Vejam bem, tanto o Rafale quanto o Gripen são excelentes, mas o SH já esta plenamente operacional. Só não sei se viria com o radar AESA, acho que os americanos impediriam isso… além de ser o mais barato.
Acho, até, que deveríamos comprar alguns usados para complementar a frota já e depois substituiríamos pelos novos.

Walderson

Caro Hornet, concordo contigo. BRAVO!!!!!!!! Penso que deve ser feita a melhor escolha para o Brasil, quanto ao conjunto. Storm, penso que não é bem assim. Provado em combate, só o Gripen NG não o foi. Até o Rafale foi para o Afeganistão. E dizem que se saiu bem por lá. Concordo que, dos três, o Super Hornet é o mais testado, o mais operado, mas isso não o torna o melhor dos três. Qto ao governo estadunidense impedir ou não, a história mostra que o governo impede a venda de qualquer material. Por que não nos foi oferecido o… Read more »

Manfred Von Richthofen

Mauro, o preço unitário do Rafale o torna proibitivo para o Brasil, como o F-15, além do alto custo de manutenção e pelo pequeno número de unidades produzidas, que vai encarecer mais ainda o preços das peças de reposição em futuro próximo.
US$ 100 milhões por avião é muito para quem está comprando caças F-5 usados e opera o Mirage 2000, também de 2a. mão.

Hornet

Caro Manfred, concordo em partes com seu argumento, mas precisamos pensar o seguinte: o Brasil está comprando e comprou Mirages 2000 e F-5 usados para suprir um certo gap, criado com os eternos adiamentos do FX. Acho que não faria sentido comprarmos algo muito melhor no momento, uma vez que esses (especialmente os Mirages 2000) são apenas caças “tampão”. Poderíamos, no lugar dos 12 Mirages 2000, ter adquirido em leasing uns 12 F-16, ou us 12 Flankers usados oferecidos pela Russia ou outra coisa, mas, creio, isso criaria problemas na infra-estrutura e doutrina de manutenção da FAB…o que na minha… Read more »

Walderson

Amigo Mauro,

BRAVO!!!!!!!!!BRAVO!!!!!!!!!BRAVO!!!!!!!!

Walderson

Boa Hornet,

eu não poderia ter escrito melhor. Um abraço, amigo.

CJ

Hornet, estou pela primeira vez no blog,e ao ler os seus comentários tive a minha primeira aula… BRAVO!! COMENTARIOS MUITO SENSATOS!

Marine

Aqui dizem que o SH foi desenvolvido para suprir uma lacuna que haveria entre a substituiacao dos F-14 e A-6 e a entrada dos F-35. entao nao verdade o SH substitui o TomCat e o Intruder enquanto ambos os F-35 e SH irao substituir os F-18 originais.

Tanto e que o USMC nao possui SH porque nao possuiam F-14 para serem substituidos e sim tem interesse no F-35 p/ substituicao dos seus Harrier e F-18 originais.

O SH esta programado para comecar a ser substituido a partir de 2024 com a entrada de uma aeronave de sexta geracao.

Sds.

Raimundo

Como o “Barão Vermelho” citou acima: US$ 100 milhões por um Rafale ? É melhor comprar logo F-15, que, segundo a última notícia veiculada aqui no Blog Aéreo, está sendo vendido à Coréia do Sul por exatamente US$ 100 milhões por unidade! Quanto à nova entrevista do representante da Boeing à ALIDE é decepcionante a falta de desenvoltura do entrevistador, que, no mínimo, mostrou-se bisonho: “… imaginar uma combinação viável de caças do tipo Hi-Lo entre o F/A-18E/F e o Gripen …” ?!?!? Para o Brasil (na situação atual) ? Uma das maiores economias do mundo, uma potência mundial em… Read more »

Últimas Notícias

Assista ao primeiro episódio da websérie Colaboração Real 4

Estreou hoje o primeiro episódio da quarta temporada da websérie Colaboração Real no canal do YouTube da Saab do...
- Advertisement -
- Advertisement -