Home Noticiário Internacional Governo do Canadá solicita à Saab dados sobre o Gripen

Governo do Canadá solicita à Saab dados sobre o Gripen

248
5

Gripen em Axalp tamanho grande - foto Saab

A Saab é uma das cinco empresas que foram consultadas pelo governo Canadense para fornecer, dentro de seis semanas, um esboço das capacidades técnicas de seus aviões de combate. O Canadá planeja substituir sua antiga frota de jatos F-18 antes de 2020. O país originalmente queria comprar o jato F-35, mas agora está à procura de aviões mais acessíveis, diz uma reportagem na Bloomberg.

De acordo com a notícia, o ministro das Obras Públicas Rona Ambrose disse em dezembro que o Canadá iria considerar a compra de outros aviões de caça no lugar do F-35, depois que um relatório elaborado pela KPMG LLP mostrou que os 65 aviões custariam C$45 bilhões (US$ 43,8 bilhões) por um período de 42 anos.

O esforço é parte de um “rigoroso exame das opções de aeronaves de caça disponíveis no mercado e como eles poderiam realizar as missões definidas na Estratégia de Primeira Defesa do Canadá,” disse o governo.

FONTE: Gripen Blog (tradução e edição do Poder Aéreo a partir de original em inglês)

Subscribe
Notify of
guest
5 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
A. J. Camargo
A. J. Camargo
7 anos atrás

É só impressão minha ou o Gripen esta recuperando folego?

Marcos
Marcos
7 anos atrás

O Gripen é hoje o que o Mirage foi ontem: uma excelente aeronave de custo barato.

Almeida
Almeida
7 anos atrás

Mirage de custo barato? Sim, o Mirage III e família eram “acessíveis” politicamente falando, mas sempre foram caros de operar!

Nick
Nick
7 anos atrás

Gripen pode ser comparado ao F-16: Custo-efetivo, ou seja é um produto focado em custo, mas com bom desempenho.

Poderia ser comparado ao F-5E, enquanto que o F-4E seria o top. 🙂

[]’s

Marcos
Marcos
7 anos atrás

Mirage III de custo barato, se comparado ao F-4.