quarta-feira, junho 23, 2021

Gripen para o Brasil

FAA aprova mudanças da Boeing no 787 Dreamliner

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

787 Dreamliner - foto Boeing

vinheta-clipping-aereoA Administração Federal de Aviação (FAA, na sigla em inglês) aprovou uma série de consertos na bateria do 787 Dreamliner, o que abre caminho para o cancelamento da proibição do uso comercial de todos 787 Dreamliner, que já dura três meses.

A FAA informou que o próximo passo é emitir instruções a operadores, “o que permitirá que o 787 volte a operar com as modificações do sistema de bateria”. A proibição entrou em vigor em janeiro, após baterias de íon-lítio de duas aeronaves novas terem queimado em pouco mais de uma semana.

A Boeing afirmou que a aprovação da FAA permitirá a retomada das entregas do 787 aos novos clientes. A companhia continuou montando os aviões e mantendo-os guardados em estoque até o fim da proibição. A Boeing, no entanto, não divulgou quando as entregas vão começar. As informações são da Dow Jones.

FONTE: Estadão, via Yahoo notícias

IMAGEM: Boeing

COLABOROU: Edcarlos Prudente

NOTA DO EDITOR: clique nestes links para ver as notas da Boeing em português e em inglês.

VEJA TAMBÉM:

- Advertisement -
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Reportagens especiais

Saab Press Trip 2019 – parte 2

Entrega do primeiro Gripen E brasileiro Por Guilherme Poggio Linköping é uma cidade pequena para os padrões brasileiros (possui cerca de...
- Advertisement -
- Advertisement -