JF-17 e armas chinesas no Farnborough Air Show

    342
    34

    O caça leve Chengdu Aerospace Company (CAC) JF-17 Thunder / FC-1 fez sua primeira aparição no Farnborough Air Show, armado até os dentes com armas e sensores chineses.

    Nas fotos, aparecem o míssil ar-ar BVR SD-10A (“Sino-AMRAAM”), o míssil antinavio C-802A, a bomba planadora LS-6 guiada por GPS/INS e um pod designador eletroótico WMD-7.

    O JF-17 atraiu a atenção de vários países, pois é uma alternativa mais custo-efetiva, comparado a caças ocidentais similares.

    Os paquistaneses informaram que o míssil anti-radiação brasileiro Mectron MAR-1 também está sendo integrado à aeronave.

    34
    Deixe um comentário

    avatar
    34 Comment threads
    0 Thread replies
    0 Followers
     
    Most reacted comment
    Hottest comment thread
    29 Comment authors
    alexGabriel T.EdmarbrazilwolfpackSabre Recent comment authors
      Subscribe  
    newest oldest most voted
    Notify of
    kwhvelasco
    Visitante
    kwhvelasco

    fregeis podê vê tudo balatinhuu…tudu flesquinhu, novo que nem saiu dá caxa!!! vem com esse, esse, esse, e mais esse acessório, tudo glátiz, glátiz, vem nu pacóti!!!
    Galantia???? GALANTÍA SOY YO!!!!!!

    Será que esse negócio daí vai fechar algum negócio lá????? Genérico de R-77, genérico de AMRAAM, genérico de Litening, generico de tomahawk, genérico de que mais??? Genérico de avião!

    Alexandre Galante
    Visitante
    Member

    Pois é kwhvelasco, é genérico, mas funciona, como o remédio.

    Aqui no patropi quando é que faremos um genérico de AMRAAM e um genérico do Litening?

    Paulo
    Visitante
    Paulo

    Eles pelo menos estão investindo, tentando. A diferença de lá e cá, é que lá não existe corrupção. Quando alguém é pego, a bala na nuca (a conta da bala vai para a família) resolve o problema.
    Aqui é só dizer que não sabia de nada que está tudo certo.

    Invincible
    Visitante
    Invincible

    O Paulo …

    Desculpa, mas o Partido Comunista é extremamente corrupto…

    A diferença é que la a coisa é feita na moita… Aqui ninguém está nem aí.

    La se eles pegam corrupto eles eliminam…

    Aqui vira capa de revista e depois de um tempo vira prefeito, deputado e até Senador (né Collor).

    URUTAU
    Visitante
    URUTAU

    Somente um comentário off-topic

    HAJA BALA PARA NOSSOS POLITICOS

    Vamos portanto dar inicio a nova campanha moralizadora nacional

    ADOTE UM POLITICO DOE UMA BALA PARA O BEM DO BRASIL

    Perdoem o off-topic mas foi impossivel resistir a deixa do amigo do blog
    rsrsrsrsrssrssrsrsrsrsrsrsrsrsrs

    LBacelar
    Visitante
    LBacelar

    A inveja é f*da…

    Os caras já são auto-suficientes na produção de caças de 4ª e em breve de 4,5ª G. Já estão testando um protótipo de radar AESA e em breve botarão um protótipo de 5ª geração no ar…

    E o pior que sempre aparece alguém aqui p/ reclamar que é genérico!!!

    Só rindo dessas pessoas…

    Fabio Mayer
    Visitante
    Fabio Mayer

    Se se gastasse uma bala para cada corrupto brasileiro, as FFAA não teriam munição para treinar por umas 5 décadas… Bem, não penso que o material chines seja assim tão ruim, o problema é que ele é cópia, e toda cópia de alguma coisa perde eficiência compensada por custos menores. Temos um país continental e uma má vontade colossal para gastos em defesa. Porque não deixamos de lado esse SONHO de equipar a FAB com 120 vetores de 1a. linha (Rafales, Gripens, F-18), não colocamos os pés no chão e: a) Adquirimos 36 a 48 de primeira linha; b) Adquirimos… Read more »

    Rodrigo
    Visitante
    Rodrigo

    LBacelar disse:
    3 de agosto de 2010 às 14:47

    Falou tudo.

    Eu não sou um grande admirador do produto chinês, mas gostaria eu que o Brasil tivesse o volume de investimento que a China tem.

    Giordani RS
    Visitante
    Giordani RS

    E pensar que quase tivemos JF-7 por aqui…quem sabe, hoje a embraer podería estar produzindo J-10 e JF-17 em solo tupiniquim…
    Concordo que produto made in china é dose, mas quarenta e poucos F-5M contra quinhentos J-10…não sobra um “fabiano” pra contar a história…

    skywalker
    Visitante
    skywalker

    A questão, no meu entender, é de filosofia… Enquanto os chineses querem efetivamente ser superpotência e interferir nos destinos do mundo, nós achamos que somos potência (fato desmentido pelos indicadores sociais de educação, renda e riqueza), achamos que somos soberanos, achamos que temos políticos decentes e que somos uma democracia DE FATO… Quando pararmos de achar e sonhar e colocarmos a mão na massa, o mundo saberá quem é realmente o brasileiro… Por ora, somos samba, carnaval, alegria tolinha e mulheres bonitas para gringo admirar… Eles pelo menos copiam, nós nem isso fazemos…

    celso
    Visitante
    celso

    so se for muito louco ou tiver muito bebo pra entrar numa coisa dessas…….alias muita coragem mesmo e afim de dar cabo da propria vida hhehehehehehheeheh
    Se tudo que e bonito voa bem….essa coisa ta fora mesmooooooooooooo a unica vantagem e ter uns 500 desses pra dar canseira no adversario, eles podem ter o luxo de fazer tanta porcaria e perder tantos pilotos qtos queiram, afinal sao so 1 bi de chineses ( ou mais ) hehheheheheeheh . Um F5EM ainda faz frente a muita jaca voadora………….principalmente a esta dai de cima

    SDS

    robert
    Visitante
    robert

    Esse avião vai ser o novo Mig-21, vai ser o mais vendido do que todos os outros que estão ai.

    Barato, eficiente, bom e com toda tecnologia de um país só, livre de embargos (até pq se tiver eles dão um jeito de falar que nacionalizaram :D)

    Eu adoro esse avião!

    Edcreek
    Visitante
    Edcreek

    Olá,

    Esse sim seria um Low para Rafale ou Super Hornet.

    Depois de uns testes para provar a efetividade dos armamentos(menos o Mar-1 que é local) seria possivel comprar pelo menos 100 unidades de cara já que ele tem o preço do Supertucano.
    Com a integração do Link BR/A-Darter se tornaria um fator valioso em complemento a um caça mais confiavel. E compensariamos as provaveis indisponibilidades com o grande numero de unidades.

    1º Momento: 36-FX2 e 72-Xing-ling
    2º Momento(total de unidades): 72-FX2 e 100-120 Xing-ling

    O numero de unidades seria uma disuassão e tanto.

    Abraços,

    Alex
    Visitante
    Alex

    Defender a pirataria descarada da china é ruim em… os caras estão destruindo o pais com poluição, vivem explorando a mão de obra tenho uma dica pra quem acha que a china esta certa e a coisa lá é ótima, se mudem pra lá, não troco o Brasil por nenhum outro lugar no mundo muito menos a china…
    falar mal do pais onde se vive é gupir no prato que come é por isso que não somos potencia quem fa la mal de si mesmo????

    argentino??? huahuahua

    Chega!!!

    Daniel Rosa
    Visitante
    Daniel Rosa

    MAR-1 sendo integrado ao Thunder? Essa eu gostaria de ver… um lote inicial de 100 unidades foi vetado por pressão da India! O Brasil considerou o movimento anual de 4,5 bi entre nossa nação e a India mais atraente do que os meros 400 mi entre o Brasil e o Paquistão. Porém um lote de MAA-1A efetivamente foi entregue, e existe uma grande possibilidade deles adquirirem o MAA-1B… é esperar para ver.

    Edu Nicácio
    Visitante

    Eu não acharia nada mal o Brasil ter uns 200 JF-17 NOVOS ao invés de cinco dezenas de F-5M pra lá de usados…

    Pode ser cópia, não ter o mesmo desempenho, etc, etc, etc, mas voa, lança míssil e joga bombas…

    Madvad
    Visitante
    Madvad

    Engraçado…todo país que evolui e se tornou potência em equipamento bélico, começou copiando produtos alheios. Olhem Israel….

    O BR não fabrica, male male o ST, a China esta evoluindo, fabricando caças supersônicos a décadas, e a galera mete o pau….

    não dá pra entender.

    Sou mil vezes³ esse JF-17 que os F-5M.

    Seal
    Visitante
    Seal

    Esse JF-17 Chinês parece que é um caça e tanto.Todo mundo zoa com os Ching-Ling,mas os caras não dormem no ponto.Cada vez mais vemos notícias de armas e sensores sofisticados que eles fabricam.

    Enquanto nossos políticos querem ser potência só na lábia!!

    Nick
    Visitante
    Nick

    Sinceramente esse JF-17 não me agrada, nem como caça tático, nem como componente Low… É low demais na minha visão. Por outro lado o J-10B seria interessante. Ficaria a questão da logística, da confiabilidade. Se ficasse equacionado essas questões porque não? Uma idéia interessante seria fabricar sob lincença o J-10B e produzirmos uma versão sem licença aqui…. Como seria que os chineses iriam reagir com seu própro remédio?? 😀

    Caipira
    Visitante
    Caipira

    Lembrei de uma frase que um comentarista daqui (não me lembro quem) escreveu outro dia:

    “A quantidade também tem sua qualidade”.

    Joker
    Visitante
    Joker

    Caipira:

    Se eu não me engano foi num dos topicos do F35 vs F22…

    Andre
    Visitante
    Andre

    Logo logo a Bolívia estará comprando.

    Ricardo_Recife
    Visitante
    Ricardo_Recife

    JF-17. Se você abrir o capô vai ver lá tecnologia dos anos 60, nada mais.

    Heyarth
    Visitante
    Heyarth

    Rapaz, pro pessoal que está falando mal desse caça, eu quero ver o Brasil fabricar “1” então… Nem um motor aeronautico conseguimos fazer ainda, quanto mais um caça desses… rsrs

    Gabriel T.
    Visitante
    Gabriel T.

    Não se pode esperar muito de um caça barato. Ele foi projetado justamente para ser barato. Sua aviônica não se compara a caças como F-16 Block 50, SH, F-18C, RAFALE, EF-2000, gripen e tantos outros, idem para o armamento. Para a China pode ser um ótimo negócio se tiverem uma horda desses aviões. Mas para países continentais como o Brasil que tem um punhado de F-5 é completamente inviável. Imagine esses caças chineses baratos daqui a 20 anos em um governo que investe pouco e o pouco investido é mal gerido pela FAB?

    Sabre
    Visitante
    Sabre

    Engraçado nunca ouvi niguém falar mal de Israel por ter feito uma cópia sem autorização(Kfir) do Mirage, fora “N”, produtos, lembrar que o MAA-Piranha é imitação, MAR-1 é imitação, estamos imitando o Exorcet ! Nessa area se copia muito!

    Nick
    Visitante
    Nick

    Caro Andre,

    Seria uma escolha perfeita para a Bolivia, Paraguai, Equador, que tem apenas a opção de comprar caças usados. Pior que nós estamos fazendo o mesmo, mas quem sabe por milagre o Fx-2 mude isso.

    []’s

    Daniel Rosa
    Visitante
    Daniel Rosa

    Sabre disse: 4 de agosto de 2010 às 10:43 Engraçado nunca ouvi niguém falar mal de Israel por ter feito uma cópia sem autorização(Kfir) do Mirage, fora “N”, produtos, lembrar que o MAA-Piranha é imitação, MAR-1 é imitação, estamos imitando o Exorcet ! Nessa area se copia muito! Senhor Sabre: Me permita discordar do senhor quanto aos produtos nacionais. O MAA-1 não é uma cópia. Por vezes parametros parecidos levam a soluções igualmente parecidas. O fato de ele ser parecido com o Sidewinder não significa que seja uma cópia. A cabeça diretora do Piranha foi concluida após grande esforço da… Read more »

    brazilwolfpack
    Visitante
    brazilwolfpack

    A inveja e fogo,mesmo. A China ha decadas vem produzindo,evoluindo e melhorando seus cacas,criando do nada desta maneira uma forca aerea ao nivel de potencia mundial. Enquanto isso,nos que produzimos os ST com motore INGLESES e comprando sucatas de F-5 dos anos 60,ficamos criticando. Eu pergunto: Que pais do mundo iniciou a producao de vetores modernos para sua aviacao militar sem pesiquisar e copiar projetos estranjeiros existentes? Parabems para a China,uma potencia mundial. Enquanto nossos pilotos voam sucatas de F-5 e Xavante,que deveriam ter sido aposentados 20 anos atras,ficamos dizendo que os JF-17 sao “perigosos de voar”. Quando vai sair… Read more »

    Edmar
    Visitante
    Edmar

    Caros amigos brazilwolfpack, Daniel Rosa, Nick, Caipira, Galante, Póggio e demais amigos do Blog.:

    Dizem que o primeiro voo do protótico do “Chengdu JF-17” foi muito bem sucedido e até comparado com o desempenho dos caças ocidentais (já que os chineses tem experiência em montar e desamontar caças russos).
    Sem dúvida países que tem menor orçamento em suas forças aéreas vão adquirir este pequeno caçador já que o preço é bem acessivel.

    Edmar
    Visitante
    Edmar

    Continuando…

    Países como Paquistão, Bolívia, Honduras, Paraguai, Equador e outros poderão operar este avião por causa de seu baixo preço e baixo custo.

    Gabriel T.
    Visitante
    Gabriel T.

    Edmar, nos anos 90 falaram a mesma coisa com o F-7 e não deu em nada.

    Daniel Rosa
    Visitante
    Daniel Rosa

    Edmar disse: 4 de agosto de 2010 às 15:19 Caros amigos brazilwolfpack, Daniel Rosa, Nick, Caipira, Galante, Póggio e demais amigos do Blog.: Dizem que o primeiro voo do protótico do “Chengdu JF-17″ foi muito bem sucedido e até comparado com o desempenho dos caças ocidentais (já que os chineses tem experiência em montar e desamontar caças russos). Sem dúvida países que tem menor orçamento em suas forças aéreas vão adquirir este pequeno caçador já que o preço é bem acessivel. Edmar Bom dia. O Thunder é um jato “basico”! Não leva muita eletrônica avançada, mas não podemos esquecer que… Read more »

    alex
    Visitante
    alex

    eu adoraria ao inves de ficarmos sonhando com FX2 e rafales da vida fosse mos mais reais e optassemos por coisas mais plausiveis,se os chineses garantirem a manutencao dos avioes nao vejo porque naum considera los,e me parece que os chineses sao melhores em oferecer manutencao que os russos,nao duvido nada que tenha um desempenho proximo de um F16,procurem alguma foto dele visto por cima e comparem com um F16,so as entradas de ar que estao em posicao diferente,mesma configuracao de asas,parece mesmo ate uma copia.o preco eh citado na wiki por 15 milhoes de dolares a unidade,teriamos 50 para… Read more »