segunda-feira, novembro 29, 2021

Gripen para o Brasil

Array

Super Hornet nervoso

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Um F/A-18F Super Hornet gerando condensação sobre as asas, num “fly-by” durante a passagem de comando do Strike Fighter Squadron (VFA) 32 da US Navy, no dia 3 de julho.

- Advertisement -

123 Comments

Subscribe
Notify of
guest
123 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
João Augusto

Ele tá esfarinhando! HAHAHAHAHAHAHAHAHA
Mas é lindo mesmo… Lindo.

Alex

Coisa linda mesmo…

Luke

Ah, se fosse francês…

Tio

ISSO SIM Q É AVIÃO! AVIÃO TESTADO E APROVADO EM BATALHA! SEM FRESCURA COMO ESSES RAFALE. SO LOUCO PRA APOIAR ESSA PORCARIA DE RAFALE

Mauricio R.

OFF TOPIC!!!

Ou quase…

Alguém já leu a noticia sobre a revista suiça Cockpit, publicada no Defesanet???

Alexandre Galante

Sim Maurício, Já foi reproduzida aqui num comentário.

Caipira

Olha aí o avião para o a FAB…

osorio

Essa imagem é muito linda eu até chorei quando vi,kkkkkkkkkkkkk
Brincadeiras a parte esse é o meu preferido pra o FX-2,pena que o Lobimm e o Mullala,preferem a JACA francesa.

E a campanha continua “FORA RAFAIL”

Jakson Almeida

Essa é a melhor plataforma de ataque na atualidade!
Fora a jaca francesa.

Danilo

Por que não adquirir super hornet ?

Esta aeronave por acaso tem alguma limitação que por ventura possa prejudicar a FAB em uma possivel vitoria da Boeing no FX-2 ?

Bruno Fernando

36 desses e ninguém iria reclamar tenho certeza!

Rogério
Mauricio Veiga

Danilo

As limitações são políticas!!!

O F18 seria ideal para a FAB, o problema está no congresso Americano, que por sua vez tem autoridade para quebrar qualquer contrato quando bem desejar.

Abraço

william

Não é tão belo quanto o rafale…..rsss
Brincadeiras a parte….Parabens o poder aéreo pela imagens….
Tanto as do hornet quanto as do spitfire e typhoon na outra matéria…
Exelente!

Robson Br

Do FX-2 sem dúvidas nenhuma é o mais completo.

Dispensa semântica.rsrsrsr
Já passou pela fase de DEMO, pela de Protótipo e esta plenamente operacional e amplamente testado em combate.

Possui o melhor radar e sistemas e o melhor armamento integrado.
Além é claro do melhor motor.

Pena que os EEUU oferecem apenas um pacote fechado com o armamento.

Na minha opinião, ainda tem muita chance.
E o mais importante: não necessita investir em políticos, sindicalistas e mais…para vender.
Pelo contrário: Eles é que escolhem os clientes.

Robson Br

Mauricio Veiga disse:
8 de julho de 2010 às 22:42

“”o problema está no congresso Americano, que por sua vez tem autoridade para quebrar qualquer contrato quando bem desejar.””

Falou tudo.
Isto serve também para os equipamentos estrangeiros que utilizam partes importantes americanas.
Vide Super Tucano que sua 1ª venda internacional quase foi por água abaixo por restrições americanas (vide GPS).
O proprio legacy para a índia também sofreu atrasos até ser autorizado pelos EEUU.

Quanto ao outro, nem vou mais perder tempo em comentar….

Tio

Mauricio de Viega
Saiba que o Congresso americano já aprovou o contrato com a Republica Federativa do Brasil se caso a Boeing vença a licitação (o que acho muito difícil devido ao nosso presidente Mula) ele vem pra cá sem nenhum problema.
abraço

Robson Br

Tio disse:
8 de julho de 2010 às 23:55

Eles aprovaram a venda do equipamento e oarmanto solicitado, mas ainda podem voltar a tras.
Vide o Chile que quase ficou sem o armamento.

Quanto ao que o brasil solicitou, principalmente a abertura dos códigos fonte, ainda não foi liberada e nem vai ser. pois se a FAB quiser incorporar novos armamentos, eles que irão fazer a integração.

Theo Gatos

O avião é lindo e a foto dispensa comentários… Demais…

Mas espero que passe longe daqui… Bem longe… Independente da capacidade do vetor… Comeríamos migalhas de hotdog nas mãos do Tio Sam rindo de nossas caras…

Desculpem a comparação esdruxula, mas não dá pra entrar nesse negócio com os americanos, viraram as costas pra nós nos últimos 50 anos e agora vêm de bonzinhos e salvadores da pátria como quem não quer nada…

Yankees Go Home..

Sds.

Mauricio Veiga

TIO

Entre aprovar agora para vender e desaprovar mais tarde para boicotar por interesses GEOPOLÍTICOS ( EX: EMBRAER ), basta uma ¨CANETADA¨.

Abraço

Vader

Quanta mer…

Alexandre Galante

Theo Gatos, que pensamento é esse, quantos aviões e equipamentos da FAB e da MB são de origem americana? Quais foram embargados nos últimos 50 anos?

Luan

desde a segunda guerra mundial quem mais vende armamento para o Brasil….disparado é a França!

hã?… é os EUA? pults! que mico.eu deveria estudar mais.

[]’s

Cor Tau

一═┳︻ Oia o arrasto da pedrada 🙂

Cor Tau

Sou muito mais uns F-16 ultima versão com uns Su-34 …………

Alexandre Galante

Cor Tau, mano véio! Que legal… 🙂

Cor Tau

“Alexandre Galante disse:
9 de julho de 2010 às 1:16 ”

E ai Galante tudo bem………..Linda a foto entrou pra minha coleção…..

Cor Tau

“Alexandre Galante disse:
9 de julho de 2010 às 1:16

Cor Tau, mano véio! Que legal… 🙂 ”

Véio não…..Oia minha foto…….Como sou novinho……..

Theo Gatos

Oi Galante, não quis dizer embargados ou que não nos venderam nada, se foi isso que passei gostaria de me redimir.. Quis dizer apenas que durante 50 anos o Brasil não foi prioridade como parceiro militar americano, não tendo atenção deles ou “propostas irrecusáveis” como a Hilary definiu essa do SH em uma entrevistas, tivemos compras negadas de materiais bélicos que nos interessavam sim, mas não interessavam aos americanos o Brasil ter… Desculpa a emoção do comentário.. Não digo que não operamos armas americanas ou só francesas, não estou apoiando a França ou outro país neste sentido, não foi a… Read more »

Theo Gatos

Aliás gente eu não quis ofender ninguem com o meu comentário… Se o fiz peço antecipadamente desculpas…
Apenas acho que me expressei de maneira inadequada quanto ao que queria argumentar ok!
Sds.

Cor Tau

Cor Tau disse:
9 de julho de 2010 às 1:13

Sou muito mais uns F-16 ultima versão com uns Su-34 …………

Esqueci…..Claro……….Junto com programa “Neuron” ou Pak-Fa………

Ola a todos…….

Cor Tau

“Cor Tau disse:
9 de julho de 2010 às 1:13

Sou muito mais uns F-16 ultima versão com uns Su-34 …………”

Esqueci…..Claro……….Junto com programa “Neuron” ou Pak-Fa………

Ola a todos…….

Robson Br

Theo Gatos disse: 9 de julho de 2010 às 1:37 Bom dia!!! Mas a realidade é esta mesmo. Nos últimos 50 anos os americanos sempre nos negaram material de 1ª linha. “””Foi publicado aqui mesmo no poder aéreo.””” – solicitamos material aos americanos, mas os ingleses que nos socorreram e nos fizeram entrar na era do jato; – depois solicitamos de novo (F-4), mas desta vez foi a vez dos franceses que nos fizeram entrar na era supersônica; – depois que não tinha jeito, nos forneceram o F-5, que indiferente as suas qualidades, era um caça muito inferior ao desejado… Read more »

Biel

se não fosse a transferência de tecnologia e os embargos norte americanos , sem duvidas este seria meu favorito no FX2.

A-Bomb

Vamos acabar ficando de f5 mesmo.
E pior usados.
E muito pior cercado por vizinhos hostis.
E ainda muito pior estamos ficando defasados perto dos nossos “amigos” bolivarianos.
Tomara que Deus seja mesmo brasileiro.

Robson Br

A-Bomb disse: 9 de julho de 2010 às 8:04 A FAB fez um lista tríplice que a meu ver foi muito infeliz. – colocou somente a França como uma opção não ameircana; – colocou um caça pronto (F-18), que indiferente as suas qualidades, só exportou para a austrália e são levar no brasil e na índia, termina na última encomenda da USN. Aliás é um caça pesadão, mais preparado para operações navais e corre riscos de embargos; – colocou outro caça, que indiferente a semântica como disse o NUNÂO, nunca passou de um “”DEMO”” e nem seu país de origem… Read more »

Fernando "Nunão" De Martini

“Robson Br em 09/07/2010 às 8:29 …colocou outro caça, que indiferente a semântica como disse o NUNÂO, nunca passou de um “”DEMO”” e…” Robson, vendo esse seu comentário, creio que você está se referindo ao comentário que repeti lá na matéria sobre a turbina inglesa e o Gripen. Em caso afirmativo, fico feliz que tenha lido. Já sobre o trecho de seu comentário que destaquei acima, meu único reparo é que, indiferente ao que entende por semântica nesse caso, você ainda precisa se decidir se o Gripen nunca passou de um demo, como está escrevendo agora, ou se ele nem… Read more »

Vader

Caros patéticos antiamericanos de plantão: quando americano não quer vender (direito dele) ele avisa logo de cara, como no caso do F-4 Phantom. Mas depois que vende ele jamais deixa um comprador bom pagador na mão. Taí os F-16 da Venezuela, repito, notem bem, VENEZUELA, aquela mesma do Tio Hugo Chavez, que estão recebendo as peças e assistência técnica normalzinho da silva. A história dos amraams chilenos é a maior lenda e a maior trolagem. Ocorreu um atraso da Raytheon e a catervuxa já chama de “embargo” e de “ameaça de embargo”. Ora, tenham dó, que medo que os EUA… Read more »

Robson Br

Vader disse: 9 de julho de 2010 às 8:36 Quando os F16 foram vendidos para a Venezuela, o país era uma esfera americana maior que a colômbia é hoje. Foi uma cotraposição a Cuba e seu novo satélite na época la na américa central. Aliás, a venezuela foi o único pais que não teve regime de exceção na AS durante os anos 60/70/80. Hoje os F-16 venezuelanos representam talvez menos ameaça que nossos F-5M. Ninguem sabe na realidade o nível operacional destes caças. Quanto ao que escreveu: “”E se tivéssemos realmente acesso ao código-fonte e a capacidade de integrar armamentos… Read more »

Guilherme Poggio

Robson Br escreveu:

“”E se tivéssemos realmente acesso ao código-fonte e a capacidade de integrar armamentos nele…””

Matou a pau…Falou TUDO. Taí também o risco do Gripen NG.

É isso aí….amigão….

Descule, mas não entendi. Que risco é esse?

Robson Br

Vader disse:
9 de julho de 2010 às 8:36

“”Caros patéticos antiamericanos de plantão: quando americano não quer vender (direito dele) ele avisa logo de cara, como no caso do F-4 Phantom.””

Vende sim e fornece peças de reposição. Mas veja bem:

O Brasil teve que comprar míssil de israel para equipar os F-5, pois deixa para lá.
Vê se eles fornecem armamento para estes f-16 da venezuela. Inclusive interferiram no processo de modernização que seria realizado por israel…..

Felipe

Alexandre Galante disse:
9 de julho de 2010 às 0:59

Theo Gatos, que pensamento é esse, quantos aviões e equipamentos da FAB e da MB são de origem americana? Quais foram embargados nos últimos 50 anos?

Como assim não embargaram nada?
será que voçês esqueceram do video que o próprio blog publicou?

http://www.aereo.jor.br/2009/10/07/embargos-tecnologicos-dos-eua-ao-brasil/

Felipe

Vader disse:
9 de julho de 2010 às 8:36

… quando americano não quer vender (direito dele) ele avisa logo de cara, como no caso do F-4 Phantom.

Não avisa não esse video publicado aqui prova o contrario:
http://www.aereo.jor.br/2009/10/07/embargos-tecnologicos-dos-eua-ao-brasil/

Ao invés de não vender, eles vendem componentes sabotados que não servem para nada.

Quero deixar claro que não odeio os americanos, pelo contrarios eu gost muito dos EUA, mas não acho que são a melhor parceria militar para o Brasil.

SÓ OS EDITORES PODEM USAR NEGRITO. OS DEMAIS PODEM USAR ITÁLICO, COMO DESTAQUE.

A-Bomb

Ainda acho os F/A-18F Super Hornet excelentes caças. Eles seriam um pesadelo para nossos “irmão Bolivarianos Comunas”. Esse negocio de antiamericanismo e uma bobagem. Se quiserem atacar o Brasil não vai ser 36 Rafales que ira impedir. Os Rafinhas nem do chão vão sair. Para os colegas que acham que Brasil pode enfrentar Tio Sam de frente pesquisem na net. Olhem apenas a quantidade de f22 que eles possuem. Somente f22 fora o resto. Somente nas esferas dos sonhos os Rafales podem abater f22. Pensando bem acho que nem em sonho. E mais uma coisa: Se Tio Samuca falar “grosso”… Read more »

grifo

Se Tio Samuca falar “grosso” mister Sorko diz amem.
Lembrem França e OTAN.

A França também embarga a venda de equipamentos militares para a Venezuela. Alguém viu o Sarkozy tentando vender Rafale por lá?

Fabio Mayer

Arrisca os F-16 venezuelanos terem mais disponibilidade que os SU-27… Se o Brasil tivesse adquirido os MLU belgas, como fez o Chile, estaria com um “gap” bem menor de defesa aérea e, diga-se de passagem, com menos problemas para adquirir peças e reposições. Não que eu não reconheça nos M2000 ótimos aviões de combate. São espetaculares, mas mais caros de operar que os F-16, a verdade é esta. Para o Brasil, só valeria a pena adquirir aviões russos ou franceses dentro de uma expectativa de produção conjunta, que nos desse a oportunidade de produzir as peças necessárias para a manutenção…… Read more »

Caipira

E daqui a 30 anos quando ainda estaríamos operando os FX teríamos um bom estoque de aeronaves da Navy estocadas em algum deserto para canibalizar, já do Rafale… rsrsrsrs.

Cor Tau

O pobre é odiado até pelo seu vizinho……Mas os amigos dos ricos são muitos………………

Mauricio Veiga

VADER

O unico motivo pelo qual o USA continua vendendo peças para os Venezuelanos é o petroleo!!! Não esqueça que 10% da frota de automoveis Americanos é movida por petroleo Venezuelano, isso é GEOPOLITICA meu caro e não assistencia técnica, no mmais, os F16 Venezuelanos estão tão obssoletos e sem armementos que servem apenas para vôos panorâmicos!!!

Abraço.

Nick

Como “tampão”, eu até entenderia o F-18E vencedor do FX-2, e a partir dai realizar um FX-3 em bases mais atualizadas, e sem preferências políticas. Tem que prevalecer o aspecto técnico e operacional. Se o caça vencedor for Russo, ou Americano, que seja. O mundo hoje é bem diferente de 30 anos atrás. O que temos de fazer é o óbvio. Investir em P&D. Investir pesado mesmo, e de maneira constante ao longo de 20, 30 anos. Os resultados virão tranquilamente.

[]’s

Flavio

Vander , eu gosto de ler quase todas as revistas militares , e li em muitas delas como Força Aérea , Asas , Paz e Guerra que é mais antiga , o Estado Unidos só entregou estas peças porque a Venezuela iria dar F 16 de presente para a China . Se não estariam no chão até hoje . Não deixou o Brasil vender o AMX e super tucano , mas hoje a Venezuela tem o SU 35 . E todos armamentos americano para o Brasil são de segunda mão . Mui amigo do Brasil .

Guilherme Poggio

Flavio escreveu:

o Estado Unidos só entregou estas peças porque a Venezuela iria dar F 16 de presente para a China .

Flavio, não esqueça que o Paquistão possui diversos acordos militares com a China e também possui F-16. Se a China algum dia recebeu algum F-16 (especulação), estes vieram do seu vizinho.

A-Bomb

Cor Tau disse:
9 de julho de 2010 às 9:56

O pobre é odiado até pelo seu vizinho……Mas os amigos dos ricos são muitos………………

São eles que nos odeiam.
De uma olhada em sites de jornais como ABC Collor para vc ver como são vistos os Brasileiros pelos nossos vizinhos.
Para os Bolivianos somos vistos como os “novo Satã”.

“Quem alimenta cobras pode amanhecer picado.”
Não se esqueça disto.

Últimas Notícias

O Gripen E vai igualar e, em muitos casos, ser melhor do que os atuais caças de quinta geração, afirma o Chefe da Força...

A Saab apresentou os seis primeiros Gripen E produzidos em série e que em breve ficarão prontos para a...
- Advertisement -
- Advertisement -