segunda-feira, outubro 25, 2021

Gripen para o Brasil

Boeing apresenta demonstrador do Phantom Ray

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Phantom Ray Demo - foto Boeing

Sistema aéreo não tripulado é um desenvolvimento do X-45C

Nesta segunda-feira, 10 de maio, a Boeing apresentou o sistema aéreo não tripulado (unmanned airborne system – UAS) Phantom Ray. Trata-se de uma plataforma de testes para tecnologias avançadas. Segundo a empresa, os testes MSF10-0097 Seriesde táxi deverão começar em meados do ano, e o primeiro voo está agendado para dezembro, aproximadamente dois anos após o início do projeto. Após o primeiro voo, deverão ocorrer mais nove ao longo de seis meses.

O Phantom Ray está sendo desenvolvido para missões que podem incluir inteligência, vigilância, reconhecimento, supressão de defesas aéreas inimigas, ataque eletrônico, ataque e reabastecimento aéreo autônomo.

Desenvolvido a partir do programa X-45C, o Phantom Ray é um dos diversos programas da divisão Phantom Works da Boeing Defense, Space & Security. Fornecedores-chave do programa incluem a General Electric-Aviation (propulsão e distribuição de MSF10-0097 Seriesenergia), Honeywell (sistema de freios), Woodward-HRT (sistema de atuadores do controle de voo), Crane Hydro-Aire (controles de freios) e Heroux-Devtek (trem de pouso).

Com 50 pés de envergadura e 36 feet de comprimento (aproximadamente 15,24 x 10,97 metros), a aeronave não tripulada tem um porte equivalente ao de um caça.

CLIQUE AQUI para ver o vídeo da cerimônia de apresentação do Phantom Ray.

FONTE / FOTOS: Boeing

VEJA TAMBÉM:

- Advertisement -

46 Comments

Subscribe
Notify of
guest
46 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Vader

Fantástico. Simplesmente fantástico.

Ahhhhh, esse Império… Que decadência que esses caras estão… que vergonha… 🙂

czarccc

Lembra o Neuron, mas parece ser bem maior. Parece que o futuro é por aímesmo.

Wilhelm Ax

Cancelem o F-35.

Francisco AMX

Bonito, mas não gosto de UCAVs…, me deixa muito deprimido com minha idade! rsrsrsrs
Este tipo de equipamento “esfria” demais o operador… fica fácil matar… tão fácil que estamos vendo verdadeiras chacinas no Afeganistão e Iraque… penso que um piloto, no calor da ação, teria muito mais discernimento e tomaria decisões mais acertadas, ou menos erradas….
Acho muito sinistro um “operador” de videogame, estando a 10.000km de distância, no conforto do seu lar, decidir, humanamente, com mais eficiência que um soldado que está vendo o sofrimento alheio…
penso eu!

Sds!

Audaz

Cancelem tudo!!!

É por isto que digo que nuncaaaa teremos vetores nem mesmo próximo do que existe de mais recente no mundo.

A contar pelo tempo que levamos para adquirir miseros 36 aviões para substituir células ja defasadas, que se tornou uma eterna novela, imagina tentar atualizar a nossa frota.

Alex Nogueira

Os EUA já estão em outro estágio de evolução; desnecessário dizer o quanto é surpreendente.

*Engraçado como os aviões estão se tornando cada vez mais como “discos voadores”, que viamos em esboços e filmes de ficção cientifica antigamente.

Novesfora

Vader: o amigo do Lula, o maluco do Irã já sabe como derrubar a nova máquina da Boeing, e derrotar o império!!!!

Nick

Como sempre os americanos na frente….

Vale lembrar que essas aeronaves são remotamente controladas, mas também teram algum nível de AI, para tomar decisões em caso de pane / jamming com a estação de controle. E será uma aeronave voltada para ataque a solo e interdição. Não compete diretamente com o F-35 ou o sucessor do F-18 E ou F-22A.

[]’s

marquetti

O operador desse equipamento tem uma visão tatica muito maior, já que ele pode operar um “UAC” a partir de um Awacs ou J Stars.
Mas como o Francisco AMX disse, o piloto remoto não vai se importar com tachas de erro maior que o aceitavel. Afinal vitimas inocentes são apenas numeros e imagens aereas.

stefano

É amigo Alex, realmente os novos projetos se parecem muito com “discos voadores” olhando o bixo de lado, acredito que os EUA escondem muita coisa do mundo, enfim apenas uma reflexão.

rogerio

No brasil um desses so em 2100

Rodrigo

Enquanto uns estão prontos, o tal Neuron não sai do isopor e madeira.

Francisco AMX

Rodrigo, este “avião” está mais pronto do que o NG… caso vc não percebeu… e é este que vc defende com unhas e dentes. Agora como o Neuron é gerenciado pela França, daí ele pode ser “esculachado” por ainda não existir… vai entender um negócio deste! “pode pq eu quero” é f….

Sds!

Rodrigo

Onde você me viu defender o NG ?

Edu Nicácio

Que beleza de avião! Será que teria vez na FAB?

Pularemos de 4,5ª geração para 6ª geração sem passar pelas aeronaves de 5ª? Acredito que, como mencionado, eles não são substitutos das aeronaves de 5ª geração, e sim complementares.

O Brasil estará cometendo um grande erro se deixar passar a oportunidade que os russos nos deram.

240 Su-35BM até 2020, 120 Su-50 até 2025, e uma centena de UCAVs de 6ª geração a partir desta data. Só assim para sermos respeitados.

SkyHog!

parece o GO 229

Francisco AMX

Não defende Rodrigo? então desculpa… acho que tem 2 avatares iguais, com a carinha do cowboy…seria isso?…

Barca

Nunão realmente os dois projetos são fantasticos,mas não tem como fugir do FX-2,pois o rafale na sua versão F4,terá suporte no controle do Neuron,entre outros desenvimentos,seria interessante fazer uma matéria sobre isso.

Galileu

Nossa ta sobrando dinheiro ahhaha, manda os Reaper e Global pra nos, já não vão precisar mesmo lol.

Bruno Rocha

Francisco AMX disse: 11 de maio de 2010 às 12:08 É, amigo, e quem achava os “bonitões” dos pilotos da USAF os “Bad Boys”, vão ver os “Fat Boys” dos nerds pilotando caças avançados. É a vingança dos nerds. Eu ficaria feliz, mas fico triste. É tão maravilhoso a emoção de pilotar um caça no calor da batalha que acho realmente uma tristeza ver quem irá assumir o comando. Obs: Nada contra os nerds. Mas o “charme” de ter uma pessoa lá dentro é muito melhor. P.S. Não me confundam rsrsrsrsrs estou falando do piloto não da cara dele. Não… Read more »

Bruno Rocha

Vader

rsrsrs

O negócio é o seguinte, quando se fala em “queda do império americano”, tem “nego” que pensa que os EUA estão falindo, ficando pobres… srsrsrsrrs não os culpo, são ignorantes mesmo. srsrsrr

Agora… por favor pare, suas piadas estão fazendo mau pra minha asma.

Que a Força esteja contigo.

Luiz Eduardo

HUAHAUHAUHAUA

Bah, Rodrigo… não é mole os torcedores fanaticos do Rafale F.C.: uma piada e vc já vira defensor de avião de papel, entreguista, lambe-botas dos yankes, etc, etc… Atiram primeiro, perguntam depois…

Isso é que eles tiveram um ataque de raiva e ficaram todos azedinhos quando alguem aqui citou a fala de um parente que é da FAB, e este disse que os americanos estavam bem a frente dos franceses em avanço tecnologico aeronautico! Taí a prova: contra fatos não há argumentos! Neuron é uma “colcha de retalhos”, que não saiu do autocad (e nem vai sair tão cedo).

Vader

Bruno Rocha disse:
11 de maio de 2010 às 18:10

Hehehe, Bruno, percebe como a “tchurmitcha” antiamericana simplesmente desaparece em posts como esse? Eles SOMEM! Pra onde vão? Será que catam o bonezinho do MST e a camisetinha suada com a foto do baitola argentino (eufemismo, rs) barbudo e vão chorar na caminha? Que é lugar quente? 🙂

Hehehe, só sei dizer que é muito engraçado, rsrsrs…

Abs.

Mauricio R.

“Afinal vitimas inocentes são apenas numeros e imagens aereas.”

Os UCAVs são os maiores usuários de armas guiadas, seja laser ou GPS/Inercial.
O que por sí só já limita bastante a ocorrência de danos colaterais.
Boa parte das missões dos UCAVs é voada c/ o míssil Hellfire, arma mto precisa e que conta c/ ogiva de dimensões limitadas.

Mauricio R.

“Rodrigo, este “avião” está mais pronto do que o NG… caso vc não percebeu…”

Não será esse aí que vai voar do convoo do CVN, mas o modelo da Northrop, o X-47B UCAV-N.

Ricardo_Recife

O Phantom Ray é um demonstrador de tecnologia que está a anos luz de qualquer outra coisa que é feita nos outros países. Para aqueles que acham que os americanos estão atrás do russos e franceses isto é um retorno a realidade com um sentimento de tapa na cara. Enquanto os outros projetos de VANT´s, especialmente os europeus, estão quase parados por falta de grana, os da Boeing vão muito bem obrigado.

Ricardo_Recife

Uma coisa que esqueci, o motor do Phanton Ray é o F404-GE-102D. Não preciso comentar mais nada!

Bruno W.

“Rodrigo, este “avião” está mais pronto do que o NG… caso vc não percebeu… e é este que vc defende com unhas e dentes. Agora como o Neuron é gerenciado pela França, daí ele pode ser “esculachado” por ainda não existir… vai entender um negócio deste! “pode pq eu quero” é f…. ”

kkkkkkkkkkk…. A parte do choro dos gripeiros: Eu quero! Eu Quero! Búa… Búa.. é impagável!!
Candidato a comentário do ano..

Francisco AMX

Caro Maurício, acho que todos concordam com a precisão das armas, não é disso que falamos, falamos da “impessoalidade de matar”… da decisão, da distância, do envolvimento frio e sem responsabilidade latente da morte do semelhante, da desumanização do imperfeito ser humano…

Sds!

Francisco AMX

Obrigado pelo post Ronaldo, nunca tinha lido…

dranuits

País sério é isso ele não aproveita oportunidades eles as cria. Nosso país para determinados projetos age como país de 3 categoria e em outros quer dar uma de 1 mundo. Me desculpem o cetissismo,mas se não fosse a visão de uma determinada esfera do oficialato brasileiro, estaríamos pior, bato na tecla de um ministro que foi juiz querer discutir com oficiais que fizeram IME, ITA e Escola Naval em constante atualização com outras forças, deixar uma cambada de político oportunista legislar sobre o assunto. Qualquer um dos srs acima dariam uma aula para esses pungistas de ocasião. Enquanto a… Read more »

Rodolfo

Um fato interessante no vídeo de apresentação foi o pessoal da Boeing dizer que o projeto todo está sendo bancado por eles, sem nenhum dinheiro do governo e dos contribuintes americanos. Além disso eles usam o termo “nossos clientes” e não fazem menção como clientes a USAF ou a Marinha americana em nenhum momento (será talvez pelo fato do X45 ter perdido o contrato para o X47 da Northrop?). O narrador do vídeo menciona ainda que a Boeing almeja ser a líder global do mercado de aeronaves não tripuladas. Imagino que mesmo sem custeio federal o governo americano poderia barrar… Read more »

Bruno Rocha

Vader disse: 11 de maio de 2010 às 20:36 _________ Quanto ao que você disse, não creio que seja exatamente anti-americanismo, pois seria uma “fobia”. Creio que na maioria dos que tem entre 15 a 35 anos é falta de conhecimento. Eu francamente acho os caças Sukhois (27/35) russos lindos, mas beleza não ganha guerra. Os franceses estavam errados mesmo, beleza não ganha combate. Obs: Caso tenha duvidas, também acho o F-15 bonitão. Hehehe ________ . Mas agora vou falar de mim. Não estou nem ai para F-X2, pois já virou “circo” e os palhaços somos nós, que pagaremos a… Read more »

Bruno Rocha

Com todo o respeito aos colegas, mas o Neuron vai apodrecer e cair, pois existe uma hierarquia econômica e histórica mau desfarçada na Europa que emperra certos tipos de parcerias em áreas sensíveis e de interesses das principais nações. Não digo que o Neuron vai morrer, mas não será como querem. Alias, me digam se a Otan seria algo sem os EUA? Eu digo, hierarquia absoluta. Sem os EUA, a Otan ia ficar “chupando o dedo” pois eles não tem o “porrete” que tem os Estados Unidos em mandar em outro país. Os mais chegados na Rússia que me perdoem,… Read more »

Nelson Lima

É só treinar um esquadrão de urubus kamikases no lixão de Caxias que esses UCAVs caem um por um!

Rodrigo

Francisco eu nunca defendi NG…

Este projeto para ser aceitável deveria ser revisto, do jeito que está é o mesmo lixo da proposta francesa.

Fabiano

Essa matéria reflete a vantagem do rafale sobre todos os outros candidatos do fx-2 que pularemos de uma caça de 4ºg +,para um de
6º no caso o projeto do Neuron europeu.E aí gripeiros qual é o melhor
uma caça que não existe,ou uma jaca que da a possibilidade de pularmos direto da 4º para a 6º geração.

Leonardo

É cada vez que há um lançamento do pessoal do Tio Sam, ocorre um frenesi da galera pró-américa, pessoal menos!!!! Muito legal o projeto deste UCAV, embora esteticamente seja semelhante ao Neuron dos franceses e o SKAT dos russos e este possui dimensões ainda maiores que X-45. Em um futuro bem próximo estes tipos de vetores serão indispensáveis como são hoje os UAV’s, mas penso que estão confundido com o EDI do filme Stealth que usa AI total, no caso deste vetor é parcial e por melhor que seja ainda existe uma distância bem grande da realidade exposta neste filme.… Read more »

Vader

Bruno Rocha disse: 12 de maio de 2010 às 4:06 Hehehe, Bruno, coloquemos assim então: eu tenho mais de 30, rsrsrs… E sim, tenho ensino superior e trabalho intensamente com o Direito. Abs. Leonardo disse: 12 de maio de 2010 às 8:22 Leonardo, vc já parou para pensar que talvez as pessoas critiquem russos, chineses, etc. porque estes estejam sempre correndo atrás dos americanos? E que desde a década de 50 que os russos (por exemplo) não lançam ao ar nada que os americanos já não tenham em maior número e de melhor qualidade? Outra coisa: é o X-45C que… Read more »

Nino

Fico curioso em saber como é o envio e recebimento de sinal para controle dessas aeronaves, pois deve ser bastantante seguro e estável, afinal o inimigo pode interferir neste sinal para derrubá-lo.

Leonardo

Vader, Discordo de ti desta superioridade tão grande do equipamento americano!!! Mas cada um pensa da forma que acha melhor a história está aí para trazer a tona a verdade dos fatos, basta saber por quais fontes são feitas as consultas, mas não vou entrar nesta questão. Eu não disse quem copia quem, a questão é que ficam baseados em informações e fontes ocidentais que só pelo fato de ser americano é superior a tudo, é óbvio que pelo fato da economia americana ser maior que as demais a tendência é que seja mais copiada, há algum mal nisso? Os… Read more »

Rodrigo

O Neuron não é apenas francês, mesmo os franceses sendo líderes do projeto.

Da mesma maneira que o SCALP e Meteor não foram inclusos na proposta do Rafale por necessitarem da permissão dos outros parceiros.

Resumindo….
Para usar um Rafale taticamente moderno, vamos precisar pedir para mais de um país, para quem critica o quebra-cabeça da SAAB é um problema a ser resolvido também!

Leandro RQ

Parace aquelas “naves robôs” do extermiandor do Futuro ou Guerra Nas estrelas.
Os caras estã muito além do nosso tempo e da nossa realidade…

Fsinzato

A questão é quando algum gênio nerd vai decidir que a própria I.A. tome decisões ou diretrizes próprias, ou que algum erro de programação deixe o VANT doido ou esperto demais.

Corram para as montanhas…risos.

Abs.

Últimas Notícias

IMAGENS: Cerimônia do Dia do Aviador e da Força Aérea Brasileira

Por André Magalhães Aconteceu na manhã do dia 22 de outubro, na ALA 1, em Brasília (DF), a cerimônia alusiva...
- Advertisement -
- Advertisement -