quinta-feira, maio 6, 2021

Gripen para o Brasil

Embraer vende dois E-190 para empresa alemã

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

familia-E-jets_foto-embraer

A Embraer e a Aircraft Asset Management GmbH AAM & Co. KG, da Alemanha, assinaram contrato para venda de dois jatos EMBRAER 190. O valor total do negócio, referido a preço de lista, é de US$ 79 milhões, e já está incluso na carteira de pedidos firmes a entregar da Embraer do terceiro trimestre de 2009 como “cliente não-divulgado”. O primeiro avião foi entregue para o operador, a Augsburg Airways, em setembro, e o segundo deve se juntar à frota da companhia aérea em 2010.

“Trata-se de ótima notícia para a Embraer. Estamos muito satisfeitos em ampliar nosso relacionamento com a AAM e a Augsburg Airways”, disse Mauro Kern, Vice-Presidente Executivo da Embraer para o Mercado de Aviação Comercial. “Ter nossos E-Jets escolhidos como espinha dorsal da frota na rede da Lufthansa Regional é um privilégio indiscutível.

Também entendemos este contrato como mais uma declaração de confiança em nossa família de E-Jets, dado que cada parceiro da Lufthansa fez sua própria seleção com respeito a qual aeronave adquirir.”

A Augsburg Airways é uma tradicional operadora de turboélices. A companhia aérea recebeu o primeiro jato EMBRAER 195 em junho de 2009, construindo uma relação de muito sucesso com a Lufthansa, que assinou um contrato para 30 E-Jets em junho de 2007. Atualmente, a Augsburg opera cinco EMBRAER 195 para a Lufthansa, configurados com 116 assentos, e um para a AAM, com 110 lugares. Todos os jatos estão configurados em duas classes de serviço, separadas por um divisor móvel, e sem o assento do meio.

“Com os dois novos jatos EMBRAER 190 estaremos aptos a reforçar nossa rede e continuar com nosso crescimento. O avião complementará eficientemente nossa mais ambientalmente amigável frota formada pelas mais avançadas aeronaves turboélices e jatos. Isso nos ajudará fortemente a lidar com novos destinos, até mesmo nos mais restritivos aeroportos”, disse Bernadette Rampl, Diretora-Executiva da Augsburg Airways. “Além disso, os passageiros da Augsburg Airways apreciam o conforto e o baixo nível de ruído da cabine dos aviões.”

FONTE: Embraer

- Advertisement -

1 Comment

Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Manoel

embora a Embraer ainda possua um bom numero de aeronaves em pedidos firmes,as novas encomendas cairam bastante- com a entrada dos novos jatos concorrentes,f mais do que nunca a Embraer precisa usar sua criatividade, visão comercial,pra enfrentar esse período de turbulência.

Reportagens especiais

Visita ao National Naval Aviation Museum – última parte

Na última parte da reportagem da nossa visita ao National Naval Aviation Museum, publicamos as fotos do pavilhão que abriga...
- Advertisement -
- Advertisement -