domingo, dezembro 5, 2021

Gripen para o Brasil

Finlândia: voa o Hornet biposto convertido a partir de um monoposto

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

F-18 D Hornet - foto Força Aérea Finlandesa via Patria

No último dia 3 de dezembro, fez o seu primeiro voo de 51 minutos um F-18 Hornet biposto, versão D, reparado e modificado a partir de uma célula de C (monoposto) que em 2001 havia sido seriamente danificada na parte anterior da fuselagem. A “nova” parte anterior da fuselagem veio do Canadá, mas era de uma versão biposta anterior, a B. Os reparos, modificações e adaptações para chegar a um modelo D (versão biposta operada pela Força Aérea Finlandesa) foram realizados pelo grupo finlandês Patria.

F-18 D Hornet - foto Força Aérea Finlandesa 2 via Patria

FONTE / FOTOS: Patria

Veja mais sobre esse trabalho de modificação, e sobre a operação do Hornet na Força Aérea Finlandesa, clicando no link abaixo:

- Advertisement -

8 Comments

Subscribe
Notify of
guest
8 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Bosco

Curuis!
Deve ser pro piloto levar a sogra pra passear de jato no ‘banquinho’ de trás.

Felipe Cps

Ah Bosco, vc é mau, rsrsrsrs…

Escuta só, o negócio é o seguinte: ficou um FrankenHornet, mas o importante é funcionar. Serviu ao propósito? Cumpriu a missão? Então tá bão uai… 🙂

Abs.

Francisco AMX

Mas tem treinadores melhor que esse por aí! rsrsrsrs

Alexandre Galante

Se a FAB soubesse fazer isso com alguns F-5E, teríamos mais F-5F.

Justin Case

Galante,
Isso iria ser feito com 9 F-5E da Suíça, em 2002/2003.
Estava tudo certo. Seriam fuselagens frontais novas, fabricadas pela Northrop e montadas na RUAG, já prontas para receberem o pacote F-5FM.
Até o contrato estava pronto, mas veio a mudança de governo, do Comando da FAB e … fomos para o deserto.
Pena.

Justin

(Justin Case supports Rafale)

Justin Case

Ah, continuando,
Com mais alguns F-5EM, seriam utilizados para equipar o 1º/4º Gav, em Natal. Um esquadrão LIFT, provavelmente a partir de 2005, com a desativação do AT-26.

Justin

(Justin Case supports Rafale)

Tailhooker

Nunão,

Esse avião acabou de cair hoje. Ambos os pilotos se ejetaram.

Abraço

Últimas Notícias

Os jatos mais avançados da Força Aérea dos EUA podem estar vulneráveis ​​devido às suas próprias armas

A Força Aérea dos Estados Unidos tem algumas das aeronaves mais sofisticadas do mundo e está desenvolvendo jatos mais...
- Advertisement -
- Advertisement -