domingo, maio 16, 2021

Gripen para o Brasil

Array

F/A-18E: um caça com fogo no rabo

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Super Hornet lançamento - foto US Navy

Na imagem captada no início deste ano, um F/A-18E Super Hornet do VFA 137 proporciona ao fotógrafo da USN um instante precioso de “fogo pelas tubeiras”, no momento de seu lançamento do convoo do USS Abraham Lincoln.

- Advertisement -

10 Comments

Subscribe
Notify of
guest
10 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Clésio Luiz

Olha, eu posso estar enganado, mas isso aí não é uma decolagem não. Primeiro que a catapulta não aparece junto ao trem de pouso dianteiro, sendo que ela só se separa dele no finzinho da rampa de lançamento, o que não parece ser o caso. Segundo, ele está sem o tanque de combustível da asa esquerda, o que me parece não ser uma configuração recomendada para uma decolagem em porta aviões. Terceiro, as chamas seriam resultado de problemas de vazamento, o que explica a falta do tanque da asa esquerda.

Francisco AMX

Acho que não está enganado não Clésio, o “todo poderoso e infalível” SH pode dar problema tb! mas acredito que seja um “acidente” operacional ou os 2 juntos! isso é queima “irregular” de combustível! ele está carregando 2 tanques, um ventral e outro na asa direita… cadê o da asa esquerda? “despencou”? é o que parece!

abraço!

Dalton

Clesio e Francisco…

minha primeira impressão é que ele estaria usando “afterburner”, o que não é normal, mas talvez para efeito de show é possivel.

O tanque ventral mal dá para ser visto, mas não acho que o F18E esteja sem o tanque na outra asa, e sim que o cabide mais proximo da fuselagem nao pode ser visto deste angulo.

No mais, ele parece estar sendo catapultado do convés em angulo.

sds

Clésio Luiz

Dalton, repare que o tanque da asa direita fica posicionado numa linha quase abaixo da fuselagem, além de que metade do tanque fica à frente da asa. Logo o tanque da asa esquerda deveria estar visível sim.

Eu lembro que eu já vi um vídeo do F-18c pousando sem um dos tanques subalares. Mas naquele vídeo era claramente um teste para determinar as características de pouso com cargas assimétricas.

Clésio Luiz

E outro detalhe: veja a sombra na fumaça do lado esquerdo da aeronave (onde deveria estar o tanque), e compare com a sombra do tanque do lado direto sobre o tanque subalar. E Dalton, repare que na foto ele não está atado a catapulta, logo não poderia estar decolando de nenhuma parte do convoo, a não ter que tenha errado o cabo e esteja fazendo uma arremetida. Todo as aeronaves quando pousam tem o motor elevado a potência máxima, para o caso de não enganchar o cabo. No caso do F/A-18, a saída para alijamento de combustível fica no topo… Read more »

Clésio Luiz

Pra mim ele continua não decolando 🙂

Dalton

Clesio…

encontrei uma foto de um F18 que decolou com um problema
chamado de “compressor stall”, muito semelhante a foto,
então pode ser que tenha acontecido este problema ao inves
dele estar usando o afterburner.

De qualquer maneira o F18 de modex nr 405 do USS Nimitz
está decolando mesmo com todo aquele “fogo no rabo”

Coloque no google “F18 compressor stall”, isto é, se tiver tempo pois se colocar o link ficará aguardando liberaçao.

abraços

casag

Clésio,

Que eu saiba a pós combustão só é acionada depois que a turbina foi acelerada até seu máximo empuxo seco. Portanto a chama sai “soprada” a grande pressão e se apresenta como a de um maçarico em formato de pincel, cônica.

Aquelas chamas atrás do caça é de combustível que se espalhou no ar externo, ou coisa parecida. Além disto o que é aquele vapor na barriga do caça se a catapulta não está engatada?

Porque o piloto alijaria combustivel enquanto está no “chão”?

Será que está decolando sem catapulta? A foto é estranha mesmo.

Clésio Luiz

Conforme o post do Dalton, eu fui no Google e realmente tem fotos de Hornets com esses problemas de turbina. Quanto aos tanques, estranhamente a USN manda pro ar alguns Hornets sem um dos tanques subalares, provavelmente para treinamento dos pilotos. A última dúvida é com relação a catapulta, que na foto não está acoplada ao trem de pouso dianteiro. Por assistir vídeos de decolagens em porta aviões, eu seu que o cabresto (aquela haste apontada para baixo na frente da triquilha) sobe após a decolagem e permanece recolhida até nova decolagem catapultada. Pelas fotos que o Dalton recomendou dá… Read more »

Reportagens especiais

Além do Gripen – parte 2: conversa com piloto de provas da Saab e atualizações sobre o programa

Em 9 de maio, o Poder Aéreo cobriu a apresentação das instalações da Saab Aeronáutica Montagens – SAM –  ...
- Advertisement -
- Advertisement -