terça-feira, abril 13, 2021

Gripen para o Brasil

Alcântara: Quilombolas terão que negociar

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Os quilombolas de Alcântara, no Maranhão, vão ter de negociar. Num encontro entre Lula, Nelson Jobim, da Defesa, e Edson Santos, da Igualdade Racial, dia 27, será discutido algum tipo de acerto que permita à Agência Espacial Brasileira usar parte do território deles, pelo menos até 2010.

É que o Brasil tem compromissos já assumidos, com a Ucrânia, de lançamento de um foguete espacial.

FONTE: Coluna da jornalista Sonia Racy no jornal O Estado de São Paulo

- Advertisement -
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Brasilino

Brincadeira, é uma área estratégica e de interêsse vital da nação brasileira; os direitos dos quilombolas e/ou qualquer grupo étnico terminam onde começam os da nação brasileira. A área necessária para as operações da base de lançamentos é passível de ser apropriada pela União, cabendo aos quilombolas aceitarem outras terras, em outros locais, com as devidas compensações que porventura tiverem direito.
Sds.

julio

Brasilino, concordo com vc, é brincadeira..só num país como o nosso acham que quilombola e indio tem mais direito do que a nação em um todo. Eles não querem as terras, a cultura, estão sendo usados para reter as riquezas e impedir o avanço tecnologico do Brasil..é só ver as ongs que estao por tras. Concordo em dar compensaçoes (outras terras) aos que realmente tem direito..mas, tambem que direito?..só porque ocupavam passam a ter direito..tudo bem..tem uma Lei que regulamenta..é o que dizem para pleitearem seus “direitos” e o país? estão pouco ligando. O engraçado que a maiorias das terras… Read more »

luciano

do jeito q ta eles vao abrir as pernas. o governo vai ceder, vcs podem ter certeza…..

Matheus Felipe

Negociação se faz com outros países, o território é nacional, tem que mete é bala nesses vagabundos querendo ganha dinheiro fácil.

Felipe Cps

Tinha é que mandar a cachorrada e bala de borracha nessa cambada de ONGueiros vagabundos… Isso ae num tem nada de quilombola coisa nenhuma, isso é coisa de ongueiro vagabundo esquerdopata…

Leigo - BR7

Cara que palhaçada … A união deveria tomar as terras e oferecer outras. Se não gostarem … F*.

Goiano

Isso é uma palhaçada completa! É só no Brasil que um absurdo desse acontece. Negociar?! Vai negociar o raio que os parta! Uma coisa dessa não deveria nem sequer ser cogitada a hipotese de discussão. Dê prazo para sair da área igual fizeram com os arrozeiros da Raposa do Sol e se não sair tira na marra.
Outra solução seria utilizar a área das “ocas” desses caras para testar o motor dos foguetes. Quem sabe não temos mais um “acidente” e tudo se resolve.

Goiano

Vamos treinar os quilombolas para ajudar no programa. Podemos utiliza-los como “técnicos de ingnição”.

Põe um fosforo na mão de cada um e manda acender o combustivel solido do foguete direto no bocal de exaustao.

Goiano

Offtopic Jobim duvida de aprovação de PEC proposta por JucáFolhapress, de Brasília 14/05/2009 Indique | Imprimir | Digg | del.icio.us Tamanho da Fonte: a- A+ O ministro Nelson Jobim (Defesa) respondeu ontem aos ataques do líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), que ameaçou apresentar proposta de emenda constitucional (PEC) para obrigar que o ministro da Defesa seja efetivamente militar – uma vez que Jobim é civil. Na opinião de Jobim, Jucá não terá apoio dos parlamentares para aprovar a proposta. “O senador tem o direito de apresentar as PECs que bem entender, a questão não é apresentar PEC,… Read more »

Brasilino

Caríssimo Júlio, As compensações (outras terras), deveriam seguir certos critérios, podendo até serem terras razoavelmente férteis, mas destituídas de jazidas de valiosos recursos minerais, não nas fronteiras e em tamanho compatível com as necessidades básicas do grupo. Outros benefícios, não seriam diferentes do que é normalmente proporcionado ao povo brasileiro – precário serviço de água tratada, esgôto, educação, saúde, etc… Nada a ver com os desserviços prestados à nação pelo STF e o caótico julgamento na delimitação de terras na Raposa Serra do Sol. E essas ONGs,…ah…essas ONGs…bem lembradas por você, especialmente as estrangeiras, ocupam o vácuo deixado pelos supostos… Read more »

Francisco AMX

Isso aqui Oh Oh….

Depois que criticamos os caras, somos anti-patriotas, estes governantes tem várias caras! em qual confiar^? nenhuma! tudo é interesse pessoal!

joãozinho

Em primeiro lugar estas terras são da União, por que não se pode mandar estes quilombolas para outro lugar?

Zero Uno

Pequenos Grupos não devem interferir no progresso da Nação.

Do contra

Esse pessoal vêm sofrento a muitos anos, não acho que um foguete que nem sabemos se vai dar certo ou não pode tira-los de suas casas! Além do mais têm o problema da contaminação pelo combustível deste tal foguete!

FERNANDO

Discordo do que foi escrito por algumas pessoas aqui, tem pessoas que não se colocam na pele das outras pessoas, o progresso para estas pessoas é tudo! É evidente que o Brasil necessita de um programa espacial, mas não podemos simplesmente pisar em cima destas pessoas, estas pessoas devem perceber a importância que este programa tem para o Brasil, o certo seria relocar estas pessoas para uma outra area, garantindo, escola, merenda escolar, professores,casa própria, para que eles possam subsistir, entre outras coisas. Não adianta simplesmente retira-los dali, simplesmente expulsa-los para as nossas favelas, para daqui a 20 anos o… Read more »

MARSP

A situação que está ocorrendo aí é bem clara, esses quilombos estão sendo manipulados por agentes estrangeiros com o intuito de atrasar o programa espacial brasileiro ou seja por motivos comerciais ou militares, o fato é que várias nações que se dizem aliados tem interesse que o Brasil não tenha um programa espacial. Eu somente espero que honrem a memória dos técnicos que foram assassinados. E a melhor maneira de honrar a memória dessas pessoas, é fazer um programa espacial forte e atuante, e deixar bem claro que a morte dessas pessoas não foi em vão. Abraços

Everson

São as mazelas do progresso, nos EUA de antigamente exterminaram populações indígenas em nome do progresso…não concordo que o mesmo deveria ser feito aqui, mas que é palhaçada nossa política a respeito dessa questão é palhaçada, ai o pessoal fica indignado e acaba escrevendo essas opiniões radicais, mas eu num crítico os radicais não, diante de uma palhaça dessas como não perder a cabeça?

FORA A DEMAGOGIA!!!!FORA QUILOMBOLAS!!!!

Deem terra produtivas em outro lugar e pronto, não faltam terra assim no nosso rico Brasil!Os que se recusarem a sair que sejam retirados á força…

Goiano

FERNANDO em 14 mai, 2009 às 12:41 “Discordo do que foi escrito por algumas pessoas aqui, tem pessoas que não se colocam na pele das outras pessoas, o progresso para estas pessoas é tudo! É evidente que o Brasil necessita de um programa espacial, mas não podemos simplesmente pisar em cima destas pessoas, estas pessoas devem perceber a importância que este programa tem para o Brasil, o certo seria relocar estas pessoas para uma outra area, garantindo, escola, merenda escolar, professores,casa própria, para que eles possam subsistir, entre outras coisas. Não adianta simplesmente retira-los dali, simplesmente expulsa-los para as nossas… Read more »

Goiano

Segue novamente minha sugestao

Goiano em 14 mai, 2009 às 9:08

Vamos treinar os quilombolas para ajudar no programa. Podemos utiliza-los como “técnicos de ingnição”.

Põe um fosforo na mão de cada um e manda acender o combustivel solido do foguete direto no bocal de exaustao.

FERNANDO

Bem, eu tava pensando no turismo!
Eles poderiam lucrar com o turismo, o programa espacial brasileiro é meio reservado, fica escondido dos olhares da maioria da população.
Quem não pagaria para ver o Brasil colocar o seu primeiro cosmonauta no espaço com o um foguete proprio.
Não é uma coisa que acontece todo dia!!!

Marcos T.

Tinha que dizer pra esses cara assim: “ou cês param de incomodar ou cês vão passar a se chamar Quilom”.

KKKKKKKKKKKKKK

André castro

Muitos estão falando sobre ao manipulação dessas pessoas ,eu acho que seja isso mesmo ,so olhar os ultimos meses quantas cidades daquela região em que as pessoas colocaram fogo em delegacias ,prefeitura ,forums ,tem lugar em que teve que realizar outra eleição porque os moradores colocaram fogo e destruirão as urnas ,os moradores não tivem todos ao mesmo tempo a ideia de destruir tudo isso em varias cidades diferentes alguem começou isso ,tambem é consequencia do abandono dos governantes nas ultimas decadas ,em uma região onde os indices de qualidade da educação é um dos mais baixos do pais ,isso… Read more »

brazilwolfpack

E muito facil resolver esse problema dos “quilombolas”. Se querem ser africanos e continuar com essa palhacada,vamos colocar todos eles em navios e mandarlos la para o paraiso deles,a sua terra ancestral maravilhosa…a Africa. Ja que falam Portugues,mandem todo mundo la pra Angola,ou pro maravilhoso Mocambique.

Nelson Lima

brazilwolfpack,
O seu patriotismo termina nesse seu pseudônimo ridículo que não sabe se é brasileiro ou americano.Você e outros que se dizem democratas e gozam das benesses do sistema democrático querem negar a nacionalidade a brasileiros iguais a vocês. Ou vocês se acham brasileiros melhores do que os outros? E por quais motivos serim? Seria porque vocês são os “sabidões” das armas.Antes de mandar alguém tomar navio tome você uma espaçonave mach 5 e vá pra Marte!

Angelo Nicolaci

Meus amigos, dá raiva saber detas histórias de grupos que reivindica os tais direitos de terra como indios quilombolas e desculpem o termo o cacete a quatro, a unidade nacional e o desenvolvimento de nossa nação deve ser motivo de orgulho para toda nossa nação, aqui não tem que ter essa de abrir espaço para estes grupos separatistas etnicos, que é como eu classifico estes antipatriotas que tentam atender as vontades do tio sam e outras nações que são loucas para haver algum disturbio ou briga do governo com uma suposta minoria indefesa para invadir nossa terra, nosso Grande Pai… Read more »

Bonifácio

Caros, Em primeiro lugar quero deixar claro que sou contra qualquer política racialista. Perante a lei devem existir somente brasileiros e nenhum tipo de discriminação jurídica deve ser aceite. Fazer o contrário é negar a nossa história e tormar o Brasil numa espécie de África do Sul. Assim, devem ser os indivíduos e não as “etnias” os proprietários legais das terras que ocupam, e como tal deverão ser indenizados em caso de uso das suas terras por parte do Estado. Mas o Brasil parece querer imitar os anglo-saxões naquilo que de pior fizeram na sua história; a política de segregação,… Read more »

Carlos Augusto

Engraçado para se construir um viaduto ou uma rua em SP, BH, ou RJ, se chama uma força policial um trator e pronto, assistimos uma verdadeira covardia, crianças chorando, pai e mãe em desespero sem ter para onde ir. Mas com os Quilombolas (PT-Patrocinando) nada acontece, e os dias vão passando e o país sendo submetido aos desejos de pessoas inescrupulosas.
Vai entender isso.

[…] cancelado ontem pela Casa Civil, meia hora antes de seu início, o encontro entre a ministra Dilma Rousseff e vários ministérios para definir os próximos passos d…O presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve participar da discussão – em um dia ainda não […]

[…] cancelado ontem pela Casa Civil, meia hora antes de seu início, o encontro entre a ministra Dilma Rousseff e vários ministérios para definir os próximos passos d…O presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve participar da discussão – em um dia ainda não […]

Brasilino

Brincadeira, é uma área estratégica e de interêsse vital da nação brasileira; os direitos dos quilombolas e/ou qualquer grupo étnico terminam onde começam os da nação brasileira. A área necessária para as operações da base de lançamentos é passível de ser apropriada pela União, cabendo aos quilombolas aceitarem outras terras, em outros locais, com as devidas compensações que porventura tiverem direito.
Sds.

julio

Brasilino, concordo com vc, é brincadeira..só num país como o nosso acham que quilombola e indio tem mais direito do que a nação em um todo. Eles não querem as terras, a cultura, estão sendo usados para reter as riquezas e impedir o avanço tecnologico do Brasil..é só ver as ongs que estao por tras. Concordo em dar compensaçoes (outras terras) aos que realmente tem direito..mas, tambem que direito?..só porque ocupavam passam a ter direito..tudo bem..tem uma Lei que regulamenta..é o que dizem para pleitearem seus “direitos” e o país? estão pouco ligando. O engraçado que a maiorias das terras… Read more »

luciano

do jeito q ta eles vao abrir as pernas. o governo vai ceder, vcs podem ter certeza…..

Matheus Felipe

Negociação se faz com outros países, o território é nacional, tem que mete é bala nesses vagabundos querendo ganha dinheiro fácil.

Felipe Cps

Tinha é que mandar a cachorrada e bala de borracha nessa cambada de ONGueiros vagabundos… Isso ae num tem nada de quilombola coisa nenhuma, isso é coisa de ongueiro vagabundo esquerdopata…

Leigo - BR7

Cara que palhaçada … A união deveria tomar as terras e oferecer outras. Se não gostarem … F*.

Goiano

Isso é uma palhaçada completa! É só no Brasil que um absurdo desse acontece. Negociar?! Vai negociar o raio que os parta! Uma coisa dessa não deveria nem sequer ser cogitada a hipotese de discussão. Dê prazo para sair da área igual fizeram com os arrozeiros da Raposa do Sol e se não sair tira na marra.
Outra solução seria utilizar a área das “ocas” desses caras para testar o motor dos foguetes. Quem sabe não temos mais um “acidente” e tudo se resolve.

Goiano

Vamos treinar os quilombolas para ajudar no programa. Podemos utiliza-los como “técnicos de ingnição”.

Põe um fosforo na mão de cada um e manda acender o combustivel solido do foguete direto no bocal de exaustao.

Goiano

Offtopic Jobim duvida de aprovação de PEC proposta por JucáFolhapress, de Brasília 14/05/2009 Indique | Imprimir | Digg | del.icio.us Tamanho da Fonte: a- A+ O ministro Nelson Jobim (Defesa) respondeu ontem aos ataques do líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), que ameaçou apresentar proposta de emenda constitucional (PEC) para obrigar que o ministro da Defesa seja efetivamente militar – uma vez que Jobim é civil. Na opinião de Jobim, Jucá não terá apoio dos parlamentares para aprovar a proposta. “O senador tem o direito de apresentar as PECs que bem entender, a questão não é apresentar PEC,… Read more »

Brasilino

Caríssimo Júlio, As compensações (outras terras), deveriam seguir certos critérios, podendo até serem terras razoavelmente férteis, mas destituídas de jazidas de valiosos recursos minerais, não nas fronteiras e em tamanho compatível com as necessidades básicas do grupo. Outros benefícios, não seriam diferentes do que é normalmente proporcionado ao povo brasileiro – precário serviço de água tratada, esgôto, educação, saúde, etc… Nada a ver com os desserviços prestados à nação pelo STF e o caótico julgamento na delimitação de terras na Raposa Serra do Sol. E essas ONGs,…ah…essas ONGs…bem lembradas por você, especialmente as estrangeiras, ocupam o vácuo deixado pelos supostos… Read more »

Francisco AMX

Isso aqui Oh Oh….

Depois que criticamos os caras, somos anti-patriotas, estes governantes tem várias caras! em qual confiar^? nenhuma! tudo é interesse pessoal!

joãozinho

Em primeiro lugar estas terras são da União, por que não se pode mandar estes quilombolas para outro lugar?

Zero Uno

Pequenos Grupos não devem interferir no progresso da Nação.

Do contra

Esse pessoal vêm sofrento a muitos anos, não acho que um foguete que nem sabemos se vai dar certo ou não pode tira-los de suas casas! Além do mais têm o problema da contaminação pelo combustível deste tal foguete!

FERNANDO

Discordo do que foi escrito por algumas pessoas aqui, tem pessoas que não se colocam na pele das outras pessoas, o progresso para estas pessoas é tudo! É evidente que o Brasil necessita de um programa espacial, mas não podemos simplesmente pisar em cima destas pessoas, estas pessoas devem perceber a importância que este programa tem para o Brasil, o certo seria relocar estas pessoas para uma outra area, garantindo, escola, merenda escolar, professores,casa própria, para que eles possam subsistir, entre outras coisas. Não adianta simplesmente retira-los dali, simplesmente expulsa-los para as nossas favelas, para daqui a 20 anos o… Read more »

MARSP

A situação que está ocorrendo aí é bem clara, esses quilombos estão sendo manipulados por agentes estrangeiros com o intuito de atrasar o programa espacial brasileiro ou seja por motivos comerciais ou militares, o fato é que várias nações que se dizem aliados tem interesse que o Brasil não tenha um programa espacial. Eu somente espero que honrem a memória dos técnicos que foram assassinados. E a melhor maneira de honrar a memória dessas pessoas, é fazer um programa espacial forte e atuante, e deixar bem claro que a morte dessas pessoas não foi em vão. Abraços

Everson

São as mazelas do progresso, nos EUA de antigamente exterminaram populações indígenas em nome do progresso…não concordo que o mesmo deveria ser feito aqui, mas que é palhaçada nossa política a respeito dessa questão é palhaçada, ai o pessoal fica indignado e acaba escrevendo essas opiniões radicais, mas eu num crítico os radicais não, diante de uma palhaça dessas como não perder a cabeça?

FORA A DEMAGOGIA!!!!FORA QUILOMBOLAS!!!!

Deem terra produtivas em outro lugar e pronto, não faltam terra assim no nosso rico Brasil!Os que se recusarem a sair que sejam retirados á força…

Goiano

FERNANDO em 14 mai, 2009 às 12:41 “Discordo do que foi escrito por algumas pessoas aqui, tem pessoas que não se colocam na pele das outras pessoas, o progresso para estas pessoas é tudo! É evidente que o Brasil necessita de um programa espacial, mas não podemos simplesmente pisar em cima destas pessoas, estas pessoas devem perceber a importância que este programa tem para o Brasil, o certo seria relocar estas pessoas para uma outra area, garantindo, escola, merenda escolar, professores,casa própria, para que eles possam subsistir, entre outras coisas. Não adianta simplesmente retira-los dali, simplesmente expulsa-los para as nossas… Read more »

Goiano

Segue novamente minha sugestao

Goiano em 14 mai, 2009 às 9:08

Vamos treinar os quilombolas para ajudar no programa. Podemos utiliza-los como “técnicos de ingnição”.

Põe um fosforo na mão de cada um e manda acender o combustivel solido do foguete direto no bocal de exaustao.

FERNANDO

Bem, eu tava pensando no turismo!
Eles poderiam lucrar com o turismo, o programa espacial brasileiro é meio reservado, fica escondido dos olhares da maioria da população.
Quem não pagaria para ver o Brasil colocar o seu primeiro cosmonauta no espaço com o um foguete proprio.
Não é uma coisa que acontece todo dia!!!

Marcos T.

Tinha que dizer pra esses cara assim: “ou cês param de incomodar ou cês vão passar a se chamar Quilom”.

KKKKKKKKKKKKKK

Combates Aéreos

Franceses comemoram 100 anos da primeira vitória em combate aéreo

Comemorações realizadas na Base Aérea 113 de Saint-Dizier, que incluíram exibição em voo de caça Rafale, ocorrem no mesmo...
- Advertisement -
- Advertisement -