quinta-feira, abril 15, 2021

Gripen para o Brasil

Array

Incentivos para a aviação regional

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Medida favoreceria Embraer

O ministro da Defesa, Nelson Jobim, detalhou, na sexta-feira, medidas para incentivar a aviação regional e favorecer compras de aviões da Embraer, que passa por dificuldades financeiras por causa da crise mundial.

Foram definidos três instrumentos para favorecer a aviação regional, que utiliza aviões de até 90 lugares, ligando cidades no interior ou capitais próximas. Segundo o ministro, deverá ser instituída uma regra de entrada, para apoiar as empresas que desenvolverem mercados e que impeça novas empresas de explorarem as rotas já desenvolvidas.

Também será estudada uma redução tributária sobre combustíveis e para aviões vendidos pela Embraer, que atualmente perdem competitividade por causa da carga tributária. Além disso, Jobim acenou com a possibilidade de retorno de uma medida chamada suplementação tarifária, cobrada das outras companhias para apoiar linhas sem retorno econômico, mas necessárias para o País.

O ministro citou o caso da rota que liga as cidades amazonenses de Tabatinga e Manaus, cuja passagem é mais cara do que uma viagem entre Manaus e Londres, na Inglaterra.

Jobim informou ainda que a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) vai definir, até julho, o modelo de licitação para a concessão dos aeroportos Antônio Carlos Jobim/Galeão, no Rio, Viracopos, em Campinas (SP), e um novo aeroporto projetado para São Paulo.

“A Anac está elaborando a formatação do edital para as licitações, com o auxílio de um técnico do BNDES [Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social]. A doutora Solange [Vieira, presidente da Anac] me informa que até junho ou julho terá a formatação final, informou Jobim. Ele disse que espera dar início ao processo de concessão assim que a Anac defina a formatação.

Na sexta-feira, a Anac publicou, no Diário Oficial da União, a resolução que revoga a legislação que restringia a capacidade de operação do Aeroporto Santos Dumont. A nova portaria garante às empresas aéreas liberdade de escolher suas rotas, sujeitas apenas à interferência do órgão regulador.

FONTE: DCI

- Advertisement -

12 Comments

Subscribe
Notify of
guest
12 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Jacubão

É o velho ditado. “Esperam o ladrão roubar a casa para depois colocar a fechadura”, lamentável a lerdeza do nosso gverno.

Almeida

Eu realmente fico muito, mas MUITO chateado de ter que pegar um Airbus ou Boeing pra ir pra SP, BSB e POA. Na minha cabeça não faz o MENOR sentido. Ainda bem que agora temos a Azul!

Zero Uno

Beleza…

Só espero que aumente a concorrência entre as empresas de aviação. Esses preços de PTA estão de matar…

Zero Uno

Jacubão

DOS NOSSOS GOVERNOS.

Jacubão

Vixi. Pisei feio na bola.
Foi mal galera.

Baschera

É incrível como só acordam depois do tombo.
Áté as galinhas sabiam que um avião importado é muito mais barato do que um aviao nacional, simplesmente porque não tem a cavalar carga de impostos internos.
Bom, antes tarde do que nunca.
Á proposito, o governo vai adiantar R$ 60 milhões para que a Embraer inicie o programa do C-390.
O contrato de venda só entrará na pauta mais adiante. Poderiam ser encomendados entre 22 e 30 aeronaves, envolvendo até Us$ 1,3 Bilhão.

Sds.

Jacubão

É o velho ditado. “Esperam o ladrão roubar a casa para depois colocar a fechadura”, lamentável a lerdeza do nosso gverno.

Almeida

Eu realmente fico muito, mas MUITO chateado de ter que pegar um Airbus ou Boeing pra ir pra SP, BSB e POA. Na minha cabeça não faz o MENOR sentido. Ainda bem que agora temos a Azul!

Zero Uno

Beleza…

Só espero que aumente a concorrência entre as empresas de aviação. Esses preços de PTA estão de matar…

Zero Uno

Jacubão

DOS NOSSOS GOVERNOS.

Jacubão

Vixi. Pisei feio na bola.
Foi mal galera.

Baschera

É incrível como só acordam depois do tombo.
Áté as galinhas sabiam que um avião importado é muito mais barato do que um aviao nacional, simplesmente porque não tem a cavalar carga de impostos internos.
Bom, antes tarde do que nunca.
Á proposito, o governo vai adiantar R$ 60 milhões para que a Embraer inicie o programa do C-390.
O contrato de venda só entrará na pauta mais adiante. Poderiam ser encomendados entre 22 e 30 aeronaves, envolvendo até Us$ 1,3 Bilhão.

Sds.

Combates Aéreos

Caças Typhoon, Hurricane e Spitfire voarão nas comemorações dos 75 anos da Batalha da Inglaterra

Passagens das aeronaves, incluindo Typhoon com camuflagem que remete aos caças de 1940, estão programadas para 10 de julho...
- Advertisement -
- Advertisement -