quarta-feira, maio 12, 2021

Gripen para o Brasil

F-22 ainda não se comunica com outros caças

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

A USAF anunciou um novo atraso no programa que vai permitir ao caça stealth F-22 Raptor se comunicar com outros caças, no campo de batalha.
A concorrência para a primeira fase do programa “Objective Gateway” foi agendada para começar em meados de agosto, mas o primeiro passo no processo de aquisição – liberar o pedido de propostas – foi interrompido, de acordo com a USAF, em 11 de Agosto.
O programa “Objective Gateway” visa a implantação de uma carga útil que pode fazer a ponte de comunicações de voz e dados entre o F-22 e de outros caças, que usam rádios incompatíveis. O sistema também servirá para conectar aviões que não usam o Link 16 no campo de batalha em rede.

- Advertisement -

42 Comments

Subscribe
Notify of
guest
42 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Erich Hartmann

Se mudo já possui reconhecida letalidade, imagina quando aprender a falar… “Hasta la vista, baby…”

Cinquini

Como é que a USAF me faz uma aeronave “totalmente” operacional que não se comunica com as outras aeronaves do iventário? Depois reclaman da FAB, aqui falta MONEY, e na USAF falta o quê?

C.Queiroz

Como que são as coisas aqui no Brasil e as opniões que quem aqui habita, se esta falha de projeto ou atraso ocorrese aqui em terras tupiniquins com a mesma aeronave(hipotéticamente) estariam metendo o pau, escraxando todos os envolvidos, de politicos a oficiais da força, mas como é lá nos EUA ficam brincando(sem querer desmerecer as brincadeiras dos amigos, foi engraçado) enquanto o que está acontecendo é algo muito sério pois inviabiliza a sua principal função que é superioridade e proteção de pacotes de ataque, pois o mesmo neste caso terá que usar comunicação e troca de informações em métodos… Read more »

Erich Hartmann

Caro Cinquini, o problema lá não é “falta”, é “excesso”… Quem tem muito, mas muito mesmo, por vezes esquece até de “detalhes”… Sejamos honestos, alguém acha que numa situação crítica que exija pronta resposta de seus Raptors, e estes não estejam “prontos para e em condições de”, os EUA não providenciarão imediatamente, com seu inesgotável potencial tecnológico, a correção do problema a tempo. ‘Inda que os F22 não levantem vôo, os céus sobre os interesses americanos, onde quer que sejam, que reclamem a presença de seus pássaros, nada será feito ? Quando algo semelhante ocorre abaixo do paralelo 23…, e… Read more »

Paulo Costa

Eles comunicam entre si,desde que foram considerados operacionais,
agora irão comunicar com outros caças do inventario da Usaf,e USN,
e link 16 parece Otan,e vão parar por ai.Com radares de terra e awacs ja devem conversar ha bastante tempo..O topico diz,o F-22 com outros caças…

Walderson

Concordo com o C. Queiroz,
se fosse aqui, já tinha falado um monte de coisas. Inclusive o Galante já teria feito os ajustes necessários. kkkkkkkk
Um abraço.

RL

Pra mim esse “Bicho” já fala desde quando nasceu. O maior, o mais letal, o mais poderoso caça de 300 milhões de dolares não tem o Datalink que caças de 50/60 milhoes tem?.

Eles estão escondendo o jogo e dando um baile em todo mundo isso sim. Vão ficar nessa historinha por vários anos.
Se bem que, pra que falar sendo que nem precisa né?

Abraços.

Cinquini

RL, precisa falar sim, ou vc nao se lembra da vez que o piloto ficou preso dentro do F-22, quando o seu canopi nao conseguia abrir? Imgine só como ele iria se comunicar com o pessoal de terra, quem sabe por Libras 😛

Brincadeiras, brincadeiras, mas, falando sério, eu acho um absurdo um avião com essa tecnologia não ter “saído de fábrica” com a comunicação com outras aeronaves, vamos nos lembrar que por muitos anos ainda veremos F-16 e F-15 voando ao lado do F-22.

thiago

ESSA COCA E FANTA

Vassily Zaitsev

Concordo com o RL. Duvido que ele se comunique apenas com outros F-22. Não tem lógica para isso acontecer; Se bobear, ele se comunica até com os ETs.

Hornet

Ele não fala? Não tem problema. Quem dera a FAB não tivesse um “mudinho” como esse…hehehe

Hornet

correção: Quem dera a FAB tivesse um mudinho como esse…
abraços a todos.

em tempo: parabéns pelo Blog. A turma do “aviãozin” agradece.

Pedro Rocha

Olá senhores! Eu já fui um grande fá do F-22, porém já estou mudando de time em favor do Sukhoi Su 35. O desenvolvimento do F-22 foi repleto de problemas, notadamente em relação aos motores e sensores. A Lockheed não conta mais com o grande mago John Kelly (pai do P-38, F-104, SR-71, etc.) já falecido, para fazer milagres. Uma das grandes capacidades do F-22 seria manter a velocidade supersônica sem uso de pós-combustor (o famoso supercruise), porém já ouvi, oficiosamente, que o consumo especifico está ligeiramente menor que o consumo com pós-combustor. Os senhores já reparam que os F-22… Read more »

Douglas

Pedro, sobre corrupção os franceses tambem adoram, lembre-se do caso dos Pumas da Marinha no fim da decada de 70, envolveu uns “agrados” a autoridades brasileiras.

Bosco

Eu acredito na superioridade do F22. O único ítem que acho dispensável e que ao meu ver só serve para encarecer é o vetoramento de empuxo. Este sistema foi pensado para prover supermanobrabilidade e capacidade ESTOL para poder operar das pistas esburacadas atacadas pelos soviéticos no caso de uma hipotética invasão do Pacto de Varsóvia. Como o corpo humano não suporta mais que 9 Gs e com o advento de mísseis com TVC supermanobráveis a sobrevivência de um caça deixou de ser a capacidade de se posicionar bem no “dog fight”. O vetoramento do empuxo só seria eficiente no caso… Read more »

Pedro Rocha

Olá senhores. Deve ser publicado um tópico sobre as palavras do ministro Jobim sobre a tendência para o Rafaele. Se realmente escolhermos o caça francês estaremos sempre em segundo em relação ao Peru (Mig 29 modernizado) e Venezuela (Su 30 e talvez Su 35). Mas vou esperá o tópico específico sobre as palavras do ministro, para defender meu ponto de vista.

Walderson

Pedro Rocha,
não sei se ele tem tantos defeitos assim, mas esse negócio de esconder demais, em se tratando dos americanos, me levam a crer que não é essa bola toda não. Um abraço.

Walderson

em tempo,
perfeito seu raciocínio Bosco.
Um abraço

RL

Tb penso como o Walderson.

Perfeito o raciocinio do Bosco.

Logo mais o míssel vai começar a perder espaço com a chegada dos UCAV´s.

Abraços.

Wesley

esse f-22 e uma das maiores mentiras da humanidade depois da biblia xD
para permanecer stealth (com rcs baixo) ele nao pode emitor ondas de radio, se vc ligar o radio ou o radar dele todos os bilhoes de dolares gastos para manter o avião invisivel aos radares dos outros vão por agua a baixo, ja na russia es~tao usando uma tecnologia alternativa ao radar, por issu nos seus da Russia os f-22 e outros “stealth” nao sao invisiveis pois eles detectam as aeronaves atraves de IRSC e nao por radar (;

Wesley

corrigindo IRSC na verdade e IRST (Infra-red search and track)

Erich Hartmann

Se mudo já possui reconhecida letalidade, imagina quando aprender a falar… “Hasta la vista, baby…”

Cinquini

Como é que a USAF me faz uma aeronave “totalmente” operacional que não se comunica com as outras aeronaves do iventário? Depois reclaman da FAB, aqui falta MONEY, e na USAF falta o quê?

C.Queiroz

Como que são as coisas aqui no Brasil e as opniões que quem aqui habita, se esta falha de projeto ou atraso ocorrese aqui em terras tupiniquins com a mesma aeronave(hipotéticamente) estariam metendo o pau, escraxando todos os envolvidos, de politicos a oficiais da força, mas como é lá nos EUA ficam brincando(sem querer desmerecer as brincadeiras dos amigos, foi engraçado) enquanto o que está acontecendo é algo muito sério pois inviabiliza a sua principal função que é superioridade e proteção de pacotes de ataque, pois o mesmo neste caso terá que usar comunicação e troca de informações em métodos… Read more »

Erich Hartmann

Caro Cinquini, o problema lá não é “falta”, é “excesso”… Quem tem muito, mas muito mesmo, por vezes esquece até de “detalhes”… Sejamos honestos, alguém acha que numa situação crítica que exija pronta resposta de seus Raptors, e estes não estejam “prontos para e em condições de”, os EUA não providenciarão imediatamente, com seu inesgotável potencial tecnológico, a correção do problema a tempo. ‘Inda que os F22 não levantem vôo, os céus sobre os interesses americanos, onde quer que sejam, que reclamem a presença de seus pássaros, nada será feito ? Quando algo semelhante ocorre abaixo do paralelo 23…, e… Read more »

Paulo Costa

Eles comunicam entre si,desde que foram considerados operacionais,
agora irão comunicar com outros caças do inventario da Usaf,e USN,
e link 16 parece Otan,e vão parar por ai.Com radares de terra e awacs ja devem conversar ha bastante tempo..O topico diz,o F-22 com outros caças…

Walderson

Concordo com o C. Queiroz,
se fosse aqui, já tinha falado um monte de coisas. Inclusive o Galante já teria feito os ajustes necessários. kkkkkkkk
Um abraço.

RL

Pra mim esse “Bicho” já fala desde quando nasceu. O maior, o mais letal, o mais poderoso caça de 300 milhões de dolares não tem o Datalink que caças de 50/60 milhoes tem?.

Eles estão escondendo o jogo e dando um baile em todo mundo isso sim. Vão ficar nessa historinha por vários anos.
Se bem que, pra que falar sendo que nem precisa né?

Abraços.

Cinquini

RL, precisa falar sim, ou vc nao se lembra da vez que o piloto ficou preso dentro do F-22, quando o seu canopi nao conseguia abrir? Imgine só como ele iria se comunicar com o pessoal de terra, quem sabe por Libras 😛

Brincadeiras, brincadeiras, mas, falando sério, eu acho um absurdo um avião com essa tecnologia não ter “saído de fábrica” com a comunicação com outras aeronaves, vamos nos lembrar que por muitos anos ainda veremos F-16 e F-15 voando ao lado do F-22.

Hornet

Ele não fala? Não tem problema. Quem dera a FAB não tivesse um “mudinho” como esse…hehehe

thiago

ESSA COCA E FANTA

Vassily Zaitsev

Concordo com o RL. Duvido que ele se comunique apenas com outros F-22. Não tem lógica para isso acontecer; Se bobear, ele se comunica até com os ETs.

Hornet

correção: Quem dera a FAB tivesse um mudinho como esse…
abraços a todos.

em tempo: parabéns pelo Blog. A turma do “aviãozin” agradece.

Pedro Rocha

Olá senhores! Eu já fui um grande fá do F-22, porém já estou mudando de time em favor do Sukhoi Su 35. O desenvolvimento do F-22 foi repleto de problemas, notadamente em relação aos motores e sensores. A Lockheed não conta mais com o grande mago John Kelly (pai do P-38, F-104, SR-71, etc.) já falecido, para fazer milagres. Uma das grandes capacidades do F-22 seria manter a velocidade supersônica sem uso de pós-combustor (o famoso supercruise), porém já ouvi, oficiosamente, que o consumo especifico está ligeiramente menor que o consumo com pós-combustor. Os senhores já reparam que os F-22… Read more »

Douglas

Pedro, sobre corrupção os franceses tambem adoram, lembre-se do caso dos Pumas da Marinha no fim da decada de 70, envolveu uns “agrados” a autoridades brasileiras.

Bosco

Eu acredito na superioridade do F22. O único ítem que acho dispensável e que ao meu ver só serve para encarecer é o vetoramento de empuxo. Este sistema foi pensado para prover supermanobrabilidade e capacidade ESTOL para poder operar das pistas esburacadas atacadas pelos soviéticos no caso de uma hipotética invasão do Pacto de Varsóvia. Como o corpo humano não suporta mais que 9 Gs e com o advento de mísseis com TVC supermanobráveis a sobrevivência de um caça deixou de ser a capacidade de se posicionar bem no “dog fight”. O vetoramento do empuxo só seria eficiente no caso… Read more »

Pedro Rocha

Olá senhores. Deve ser publicado um tópico sobre as palavras do ministro Jobim sobre a tendência para o Rafaele. Se realmente escolhermos o caça francês estaremos sempre em segundo em relação ao Peru (Mig 29 modernizado) e Venezuela (Su 30 e talvez Su 35). Mas vou esperá o tópico específico sobre as palavras do ministro, para defender meu ponto de vista.

Walderson

Pedro Rocha,
não sei se ele tem tantos defeitos assim, mas esse negócio de esconder demais, em se tratando dos americanos, me levam a crer que não é essa bola toda não. Um abraço.

Walderson

em tempo,
perfeito seu raciocínio Bosco.
Um abraço

RL

Tb penso como o Walderson.

Perfeito o raciocinio do Bosco.

Logo mais o míssel vai começar a perder espaço com a chegada dos UCAV´s.

Abraços.

Wesley

esse f-22 e uma das maiores mentiras da humanidade depois da biblia xD
para permanecer stealth (com rcs baixo) ele nao pode emitor ondas de radio, se vc ligar o radio ou o radar dele todos os bilhoes de dolares gastos para manter o avião invisivel aos radares dos outros vão por agua a baixo, ja na russia es~tao usando uma tecnologia alternativa ao radar, por issu nos seus da Russia os f-22 e outros “stealth” nao sao invisiveis pois eles detectam as aeronaves atraves de IRSC e nao por radar (;

Wesley

corrigindo IRSC na verdade e IRST (Infra-red search and track)

Reportagens especiais

PAMA-SP 2014: Poder Aéreo no Domingo Aéreo – parte 1

Caça F-5EM da FAB realizou diversas passagens baixas sobre o Campo de Marte, em São Paulo. Um jato de...
- Advertisement -
- Advertisement -