segunda-feira, outubro 3, 2022

Gripen para o Brasil

Chegam ao Brasil mais dois caças Gripen para a FAB

Destaques

Alexandre Galante
Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Está chegando ao Porto de Navegantes, em Santa Catarina, o navio mercante Minervagracht trazendo mais dois caças Saab F-39E Gripen para a Força Aérea Brasileira. A informação é de Luiz Fernando Nardes – @shipspotting_Itajaí no Instagram.

O navio multipropósito Minervagracht é do mesmo armador holandês do navio que transportou os dois primeiros caças Gripen E em abril deste ano.

Após o desembarque no Brasil, as aeronaves deverão seguir para o Centro de Ensaios em Voo do Gripen, em Gavião Peixoto (SP), onde estão os demais caças Gripen da FAB.

Os caças F-39E Gripen deverão iniciar as primeiras operações na Base Aérea de Anápolis em novembro/dezembro de 2022.

Navio multipropósito Minervagracht, armador Spliethoff’s Bevrachtingskantoor BV, Amsterdam

ATUALIZAÇÃO: O navio mercante Minervagracht deve atracar no dia 25/9.

- Advertisement -

114 Comments

Subscribe
Notify of
guest

114 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Funcionário da Petrobras

Finalmente a foto com IRST.
Imaginei que estivessem vindo sem grandes anúncios.
Espero que venham mais 2 até dezembro.

Last edited 9 dias atrás by Funcionário da Petrobras
Leandro Costa

Eu lamento estragar sua empolgação, mas essa foto foi tirada na Suécia bem antes de as aeronaves serem enviadas ao Brasil, mas a foto local com o IRST será feita.

Wellington Góes

🤭

Grifon Eagle

Eu acho q o Brasil deveria fabricar seus próprios armamentos, mísseis ar-ar e ar-terra para os caças F-39 Gripen, a fim de não ficarmos dependentes da Europa para aquisição de estoques de mísseis, assim como bombas teleguiadas.

Bille

Buenas.
Pra valer a pena esse investimento o Brasil teria que comprar uma quantidade significativa de armamento.
Com a pindaíba costumeira do setor de defesa, com cortes orçamentários e redução de encomendas, sai muito mais barato comprar fora.
Não vale o risco de investimento.
Aliado a isso, o setor precisa ser muito desburocratizado para ser perene.

Douglas Rodrigues

O IRST é um equipamento mto caro para já vir montado nos Gripen – e sua montagem é simples se formos ver, logo esperar que venham montados nos Gripen, seria o mesmo que esperar que viessem armados com alguns mísseis já!

Wellington Góes

Argumento até faz sentido, mas o que se sabe é que o tal IRST plug and play dos dois primeiros, conforme argumentos na época, nunca mais foram vistos instalados e daí surgiram uma série de outros “argumentos”, tipo: “não será necessário em todas as aeronaves”, “quando for preciso é só instalar”, “não é downgrade” (a bem da verdade esse era sobre as antenas RWR e EW, mas dá no mesmo e eu não perderia a chance de sacanear, rsrsrs). Ou seja, o fato mesmo é que não vieram com o IRST, até hoje não foram vistos com e ninguém sabe… Read more »

Maurício.

Wellington, concordo! Já vai fazer 7 meses desde que os dois primeiros que serão operacionais chegaram, e até agora nada.

Marcelo

A própria FAB disse na época que o avião viria com downgrad pq o cenário na América do sul nao teria necessidade !!!!
Agora é esperar pra ver se vai ser pé de boi mesmo !!!!

Maurício.

Não precisa esperar, os dois que chegaram possuem um sistema de guerra eletrônica inferior aos Gripen E da Suécia, a desculpa é que a FAB não tem ameaças aéreas como Su-35 e Su-57. Isso não faz o menor sentido, mas foi a desculpa que deram, o IRST e radar, aparentemente serão os mesmos, sem downgrade nos da FAB.

Fabio Araujo

Foi essa a principal diferença, mas se precisar é só fazer o upgrade caso surja a necessidade, se não me engano ele usa o do Gripen C/D que é muito bom, mas o do Gripen E sueco é uma evolução deste!

Hilton

Alexandre já sabia!!! Deixou todos nós na expectativa! Rsrsrs

Marcelo M

Não estão operacionais, mas já dá pra dizer que com os 5 a FAB já garantiria superioridade aérea em qualquer local da América do Sul?

Allan Lemos

Excluindo o Chile, sim.

Anthony

Os Gripens são superiores…

Allan Lemos

Você leu o comentário dele? Ele perguntou se apenas com apenas 5 Gripens a FAB teria supremacia aérea na América do Sul, a resposta é não porque a superioridade qualitativa do Gripen frente aos F-16s chilenos não seria o bastante para anular a superioridade quantitativa deles.

Então vamos aprender a interpretar textos e deixar de ufanismo barato.

horatio zhirinovsky

os 5 armados com meteor aniquilariam toda a fach antes mesmo de serem plotados no radar…

Jadson S. Cabral

Mesmo supondo que os 5 estivessem armados com 4 mísseis cada um, que todos os disparos fossem certeiros e desconsiderando todas as outras variáveis, ainda não acabaria com toda a fach. Olha o delírio

Luís Henrique

Cada Gripen E pode ser armado com 7 Meteor, 4 é a capacidade do Gripen C.
E o caça pode pousar, ser rearmado e decolar novamente para uma nova missão, então não precisam destruir todos os caças “inimigos” em uma única missão.

Marcelo

Kkk

FB_IMG_16640604218007813.jpg
Marcos Borges

Quanta diferença kkk

Bosco

Mas com 7 Meteor ele não levaria tanques de combustível. A configuração ar-ar mais provável é com 5 Meteor, 2 Iris-T e 2 tanques.

Allan Lemos

O pessoal aqui está cego de ufanismo. O Gripen é superior ao F-16 chileno, mas falar que apenas 5 conseguiria dar cabo de toda a força aérea deles é de uma ignorância tão grande quanto esse ufanismo infantil.

horatio zhirinovsky

torcedor, vai pro chile

Luís Henrique

Mas 5 Gripen E operacionais e com Meteor + tudo o que a FAB já tem como os E-99M e cerca de 50 F-5M com certeza já da para se considerar superior à frota da força aérea chilena.

Marcelo M

Exato. Essa era a ideia da pergunta.

Patriota

E você acha que o Chile tem mísseis que disparam a 300 kms de distância?
Nós temos.

Bosco

Patriota, Combate BVR entre caças não ocorre a 300 km . Mísseis ar-ar capacitados a atingir alvos a 300 km (ou 400 km) só o fazem contra grandes aeronaves (AWACS, tanques, etc.) Um caça , mesmo tendo um poderoso radar AESA ou PESA não consegue detectar outra caça de distância tão grande, salvo alguns. E mesmo que o faça a distância de engajamento tão grande há uma perda significativa de energia cinética , etc. que dificulta muito o sucesso contra aeronaves de alto desempenho. Num futuro próximo, quando já estiver em uso radar AESA para caças com tecnologia de GaN… Read more »

Bosco

Atualmente a distância de combate BVR típica é de até 50 km. Um caça de 5ªG chega a 100 km contra um de 4ºG.
Mísseis ar-ar se beneficiam com um míssil de maior alcance nominal por conta de melhorar a sua PK, ampliando a NEZ que vem no bojo de um melhor desempenho.

Rinaldo Nery

É mais além de 50km.

Bosco

Valeu Coronel!
Mas não chega nem perto de 300 km rsss
Foi isso que queria deixar claro e dei uma exagerada.
*Principalmente quando tem apoio de uma aeronave AEW&C aí os engajamentos podem ocorrer a distâncias maiores.

Luis

Ele apenas perguntou ! Não afirmou nada!

Marcelo M

Com apenas 5 Gripen E, além do que a FAB já tem operacional. Os 48 F5E e demais aeronaves. Não suporia que 5 aeronaves seriam suficientes para enfrentar toda uma força aérea.

Patriota

Até mesmo os F-16 do Chile são inferiores ao Gripen

Wellington Góes

Gente, por favor, menos… Rsrs

Samuca cobre

Mais 2 … até que enfim, pensei que com a guerra da Ucrânia a Rússia criando problemas com a Suécia ia atrasar mais as entregas para o Brasil!!!

Samuca cobre

Os caras que me mandaram 👎nunca pensaram que se a guerra da Ucrânia tomar proporções maiores que a Suécia vai realmente honrar com as entregas para o Brasil???

Eduardo iz

O Gripen levou pau do F35 em várias concorrências que a Saab participou, então faltam encomendas… Seria péssimo atrasar as entregas do único país, além da Suécia que comprou E/F né? Abraços

Flavio S

Dizer que levou pau do F35, não seria correto pela diferença de gerações entre ambas. É a mesma coisa que você comparar stock car com F1.

Andre

Se houvessem diversos compradores em dúvidas entre comprar um f1 ou um stock car e todos optassem por comprar o f1, então, comercialmente, o stock car levou um pau do f1.

Ele comparou as vendas de cada um prq em diversos processos de compra eles foram concorrentes.

William Duarte

Depende muito de quanto voce pode gastar para comprar e manter. O Brasil precisa é de uns 108 F-39 prontos para voar e não 50 ou 60 F-35 com sérias restrições de vôo por causa do custo de operar. Esta é a nossa realidade Neste caso o Stock Car é o suficiente, pois ele nos levará até a reta final, pois podemos encher o tangue dele e ir embora sem ficar no caminho parado “com a mão na roda”

Andre

Apesar de concordar completamente com você ao fato do “stock car” ser suficiente às nossas necessidades, acredito que você não leu o comentário do Eduardo iz, que deu início a essa questão de comparar F39 e F35.

MHC

A interpretação de texto é importante, “…levou pau em várias concorrências…” Não se refere a diferença tecnológica de equipamento.

Samuca cobre

Então eles poderiam priorizar a Suécia… né?

Last edited 9 dias atrás by Samuca cobre
AMSS

“atrasar mais”?!?! Atrasar onde? O cronograma tá sendo seguido a risca.

Gabriel

Agora fica aquela expectativa.

Qual será a crítica do Reclamador Avançado (oh vida, oh céus, oh azar) do Blog, para a situação?

(q ansiedade…harara sim…harara crítica…rsrs)

Henrique

IRST ali no primeiro comentário kkkkk

RENAN

Por qual motivo tendo 120 bilhão no orçamento do ministério da defesa temos apenas uma merreca de 40 gripens encomendados.
Poderia sim uma vez que a FAB já está com alguns modelos e testando suas características técnicas, adquirir um lote de 80 caça pois 120 bilhão é muito dinheiro.
– militar
+ Equipamentos
+ Terceirização
– cabide de emprego.

Rinaldo Nery

120 bilhões? Onde?

William Duarte

Calma coronel ele não especificou a moeda. Provavelmente está em cotação referente ao bolivar venezuelano ou peso argentino.

Frederick

Quem dera fosse só 12 bilhões desse orçamento mágico aí. Já seria bom. Mas nem isso é, confrade.

Recalibra esse valor e verá que muita, muita coisa faz sentido.

Camargoer.

Olá Renan. Em 2021, os gastos do MinDef foram de R$ 103 bilhões. A FAB gastou R$ 26 bilhões (25%), a MB R$ 27 bilhões (26%) e o EB R$ 46 bilhões (44%). O Senado aprovou um crédito equivalente a US$ 4,5 bilhões para o programa FX2, sendo 95% dele em coroas suécas e o restante (cerca de US$ 200 milhões) em dólares para a aquisição de armas. Além destes recursos, a FAB está usando recursos de seu orçamento para a reforma e ampliação das instalações da base aérea de Anápolis. Estes recursos ser referiam aos 36 caças do contrato… Read more »

Vítor

Bem vindo 03 e 04 !

Vítor

E os outros 2 que seriam entregues ainda esse ano?

Allan Lemos

O ano ainda não acabou.

Matheus

São 4 vindos da Suécia e o resto vai ser feito na Embraer.

Marcos Silva

“4 vindos da Suécia e o resto vai ser feito na Embraer…….
Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk……
Inocente!

Matheus

Me corriga então.

Marcos Silva

Tem um monte de matérias aqui mesmo no PA. Procura aí antes de es rever seus delirios…..

Marcos Silva

Além do que,nem os 8 F-39F que deveriam ser produzidos aqui serão mais.

Victor Filipe

+2 em… olha, já já da pra fazer uma brincadeira legal participando de um Red Flag da vida.

Jefferson Henrique

A doutrina operacional, ou melhor, aplicar o Gripen como plataforma de armas avançadas, ainda não é um domínio da FAB. O FOC ainda está longe. Falta muito simulador, manual, estudo e missões de treinamento pra pensar em CRUZEX, o que dirá uma Red Flag.

Matheus Lucas

Só 2 não era pra ser 4 para completar 6 unidades operacionais entregues esse ano .

Last edited 9 dias atrás by Matheus Lucas
Funcionário da Petrobras

O ano ainda não acabou.[2]

horatio zhirinovsky

o ano acaba em dezembro

RENAN

Acho meio difícil colocar 100% de sua encomenda no mesmo transporte.
Manda 2 depois mais 2 vai q…

BK117

Os de setembro vieram, será que vêm os de dezembro também?
Vou colocar um filtro no Marinetraffic pra todos os navios “Gracht” kkkkkkkk

Agora, e essa parada aqui?
La Fuerza Aérea Brasileña interesada en aeronaves de patrulla P-8 Poseidon y entrenadores T-7 Red Hawk (zona-militar.com)

Last edited 9 dias atrás by BK117
Wilson

O P-8 pode até ser para daqui a 15 ou 20 anos substituindo os ORION (rainha do hangar da patrulha marítima) já o caso do T-7 é mais especulação pois a FAB já disse varias vezes que não quer um treinador avançado a jato e não crio que tal tecnologia seria permitida ao Brasil (lembrando que o F-35 nunca nos foi sequer oferecido).

Overandout

Que tipo de tecnologia sensível há no T-7 que o Brasil ainda não possui acesso e seria motivo de sanção?

Leandro Costa

Até onde eu sei, o F-35 nos foi oferecido sim, e foi prontamente recusado devido aos custos de operação.

Camargoer.

Olá Leandro. No início do FX2, o MInistro da Defesa e do Comandante da FAB aos EUA visitaram todas as empresas que tinham apresentado proposta. A França ofereceu o Rafale, a Suécia o F39NG, os EUA ofereceram o F16 e o F18, os russos ofereceram o Su35 (ou Su30, não lembro mais). Todas estas proposas deveriam considerar as condiçoes do Edita, entre elas o acesso irrestrito ao códio fonte. Durante a visita, o governo dos EUA ofereceu o F35 ao Brasil para venda direta, fora do FX2, o que significava restrições ao código fonte. Não sei dizer se a proposta… Read more »

Mateus

P-3 Orion rainha do hangar? Tecnologia avançada em um simples treinador a jato? F-35 nunca foi oferecido ao Brasil?

Quais as fontes disso? As vozes na tua cabeça?

Mateus

Tem muitas fontes ai no canil

Demetrius

Então é cachorrada…

Henrique

P-3 Orion rainha do hangar? 

O Orion não, mas o F35 é certeza que seria rainha de hangar
.
.
.
só pra acrescentar… se no tio sam é 30k pau a hora de voo (em doletas) imagina isso na realidade da FAB… que com certeza não vai ser US$ 30k hora dele aqui kkkkkk

Allan Lemos

Correto, mas isso porque as forças armadas investem mal e gastam desnecessariamente com benesses e folha de pagamento. O Brasil tem um dos maiores orçamentos militares do mundo e há países com menos dinheiro adquirindo o F-35. Nós também poderíamos fazê-lo SE tivéssemos uma melhor gestão.

Henrique

melhor gestão de gastos ainda não é o suficiente pra manter o F35. . Tem país exemplo de gestão na OTAN que ja sentiu o baque do custo de operar eles (tipo Noruega). Sem contar a própria usaf reclamando que está muito caro a operação deles. A gestão ajuda, mas ela sozinha não resolve o problema. Esse problema só se resolve melhorando as relações comerciais e a administração do país (e só dai a gestão nas FA) . —- . “O Brasil tem um dos maiores orçamentos militares do mundo” não exagera… é 27bi dólares… e o que está na… Read more »

military-spending-by-country.jpg
Patriota

A questão é que os Estados Unidos jamais nos permitiriam compartilhar tecnologia com eles.
Já a SAAB nos permitiu com o Gripen

Sensato

As vezes me pego pensando no que será que essas pessoas consomem pra estragar o raciocínio tanto assim.

tsung

boa pergunta

Allan Lemos

O F-35 foi sim oferecido e você sem dúvida está confundindo um mero treinador a jato com um F-22.

MHC

Não existe dezembro, previsão era entregar 4 esse ano. Sendo assim….

Fernando Bersotti

Boa notícia.

fico imaginado toda a burocracia aduaneira pra esses caças serem entregues…

Wilson

Sim, até imagino um fiscal aduaneiro botando banca em cima de um amigável e tranquilo coronal da FAB.

BK117

Por isso que os Gripen estão demorando tanto, estão retidos em Curitiba! kkkkkkkkk

Imagina se for taxado…

Last edited 9 dias atrás by BK117
Saldanha da Gama

Boa noite, ia postar o mesmo kkkkkkkkkkkkkkkkkkk
abraços

V12 aero

Kkkkkkkkkk…

Ivan herrera

Tá começando a tomar forma um esquadrão que seje de 12 caças , parabéns a FAB.

Rodrigo-brasileiro

Pra quem acompanhou desde o início do fx1 e fx2, ansiedade a milhão.
Falta só a dona fab começar a dar mais apoio a fabricação interna de armamentos e tirar o atraso em relação aos drones.

Satyricon

Que alento!
Imagino que estes 2 sejam os últimos dos 4 entregues à FAB na Suécia, ao fim do ano passado. Mesmo assim, o último cronograma divulgado prévia a entrega de 6 unidades durante o ano de 2022, o que, obviamente, não será cumprido.
Deveriam divulgar um cronograma atualizado.

Bruno

Não. Os Fox serão construídos e entregues como esses também.

Filipe Prestes

Espero sinceramente que os cortes de compra e financiamento do Millenium sejam de fato direcionados para mais Gripen – e que o segundo lote não seja de apenas 26 unidades – sejam adicionais ou para honrar os já acordados. Do contrário, a FAB terá muito á explicar.

Máximo

Voltei do futuro de 2027!
Estamos aguardando chegar mais 2 caças em 27.
Em outubro de 2026 chegaram de navio mais 2, e até agora temos um esquadrão de 12 aeronaves!
A boa notícia para vocês é que 2 destes caças escoltaram o avião da seleção quando trouxeram o Hexa em 2026, foi carnaval no resto do ano.
Antes que me esqueça, em 2025 o Poder Aéreo virou Poder Aeroespacial, com a boa qualidade de sempre nos conteúdos desde o final dos anos 90, que sempre acompanharmos.

Last edited 9 dias atrás by Máximo
Fabio Araujo

OTAN exige que a Suécia possa reabastecer seu Gripen em voo, uma oportunidade para o KC-390. A aeronave brasileira é a opção mais inteligente, rápida e eficiente para atender aos requisitos da Aliança Atlântica
https://www.infodefensa.com/texto-diario/mostrar/3900131/exigencias-otan-suecia-sea-aceptada-alianza-incluyen-tener-aviones-reabastecimiento-cazas-gripen-fligvapnet

Segundo a Infodensa uma das vantagens do KC-390 é que quando a Suécia for começar a receber o KC-390, caso o comprem, a FAB e a Embraer já terão feito os testes a certificação para o KC-390 abastecer os Gripens da FAB!

Last edited 9 dias atrás by Fabio Araujo
Paulo Juliano

Não vejo a hora de ver um esquadrão completo e operacional

Peterson Borges Rodrigues

Bom dia Alexandre. Sabe me dizer se os nossos Gripen estão equipados com sonda de reabastecimento em vôo?
Parabéns pelo ótimo trabalho.

Marcos Silva

Não,não estão. No meio do caminho pra atacar forças inimigas,eles descem num posto Ipiranga pra completar o tanque e,perguntar,lá no posto Ipiranga,como chegar na posição inimiga.
O F/X-2 completando 50 anos e ainda perguntam isso tipo de coisa….

Last edited 9 dias atrás by Marcos Silva
Camargoer.

Caro Marcos. Alguns colegas frequentam a trilogia há décadas. Outros passaram a frequentar recentemente. Umas das coisas mais importantes que os antigos gostam de preservar é o respeito e a educação. A regra de ouro é simples: “toda pergunta feita de modo educado merece uma resposta igualmente educada”.

Camargoer.

Olá Peterson. A sonda é retrátil, fica do lado esquerdo do piloto e serve para REVO usando cesta.

revo.jpeg
Ricardo cristiano brenneisen

Com a dominação de caças furtivos 5 geração Rússia estados unidos e a cópia falsa dos chineses. O Brasil vem com esses pequenos de 4g .

Andre

Rússia? Com apenas 4 unidades de linha produzidas e com o motor prometido para 2026?

Também nesta área a China já está muito a frente dos russos.

RENAN

Sei que é humilhação ser tão pequeno militarmente em um país tão grande e rico. Porém por mais que nações externas tenham caça 5° geração. Antes destes eles possuem centenas de caças de 4° geração. Se você analisar apenas o Brasil e verá que estamos aposentando caças de 1970 e adicionando caças de 4° geração ( mais ou menos de 2005). A um degrau tecnológico muito alto do 4° para o 5°. Porém em comparação a vizinhos se o Brasil tiver 80 destes já será o suficiente para manter a paz na região. Agora para ameaças intercontinental nada substitui ICBM… Read more »

Fabio Araujo

Gostei de saber que ainda este ano vão estar operacional em Anápolis!

Grifon Eagle

Ao todo são 07 caças F-39 Gripen (por enquanto)

Funcionário da Petrobras

7 – 2

RENAN

X+y+z=v
X+y=3
V-x=4
V=?

BK117

OFF: Outros sites tinham noticiado que o 2901 teria ido à Espanha iniciar a conversão. Pelo jeito não…
Qual teria sido o propósito da visita? Uma verificação da aeronave?

Captura de tela 2022-09-24 120516.png
Fabrízio

Transporte de alunos da ESG, curso de Gestão.

BK117

Muito obrigado, caro amigo!

Niemand

Aleluia. Devagar estão vindo.

Nunes-Neto

Muito bom, agora a FAB poderia transportar 4 por vez, de 2 em 2, vai ser muito sofrida essas entregas,, a FAB optou por mais 4 unidades, eu teria exigido a entrega dessas compra adicional para entrega imediata: Compro mais 4 ,mas quero a entrega p esse ano, nem que seja de 2 unidades a mais….realmente corre o risco da guerra avançar e a SAAB priorizar a entrega p Suécia….outra amarrava a compra de mais 26 unidades ao recebimento daquelas 14 unidades que estão em leasing e foram oferecidas “de gratis” para outros países, pelo menos formaria mais 1 esquadrão… Read more »

Salomon

Srs Coordenadores do site:
Alguma previsão de matéria sobre o deslocamento do VANT até Campo Grande, feito importantíssimo?
Obrigado e desculpem o off topic.

ivan

Boa noite.
Os equipamentos anunciados não estão instalados nos Gripens que chegaram??

Últimas Notícias

Maioria dos C-130H da USAF está ‘groundeada’ por problemas nas hélices

A Força Aérea dos Estados Unidos (USAF) "groundeou" (proibiu o voo) a maioria de seus aviões C-130H Hercules (e...
Parceiro

LAAD 2023

- Advertisement -
- Advertisement -