segunda-feira, junho 27, 2022

Gripen para o Brasil

Austrália vai adquirir 12 helicópteros MH-60R e 29 AH-64E

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

O governo australiano anunciou planos para adquirir mais 12 helicópteros navais MH-60R e 29 helicópteros de ataque AH-64E.

O contrato do MH-60R incluirá uma 13ª aeronave para substituir uma que foi perdida em 2021. Todas serão baseadas na HMAS Albatross e custarão mais de A$2,5 bilhões.

A Boeing diz que saúda a decisão da Austrália, pois o AH-64E Apache fornece à Austrália uma capacidade de baixo risco, totalmente integrada e comprovada em batalha.

Acrescentou que o AH-64E será entregue a partir de 2025 com capacidade operacional inicial no final de 2026. Os Apache custarão mais de A$5,5 bilhões.

MH-60R
MH-60R

- Advertisement -

103 Comments

Subscribe
Notify of
guest
103 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Atirador 33

Esse é um vetor que impõe respeito, mais estou com um pé atrás com helicópteros e carros de combate, esse conflito na Ucrânia deve demandar muitos estudos de autodefesa dos meios, pois são equipamentos caros e que podem ser destruído por portáteis com custo menor a U$ 100 mil.

Esse povo ucraniano são moedores de blindados.

Silvano

“””””Esse povo ucraniano são moedores de blindados.””””

Você tem toda razão. É por isso que a Ucrânia está ganhando a guerra de lavada.

Heinz Guderian

O que o colega falou é verdade, não tem um dia que eu entre no telegram, e não veja um tanque russo queimando por conta de um Stugna-P ou um Nlaw.

Silvano

A Argentina se gaba de ter afundado vários navios de guerra dos ingleses na guerra das Malvinas. Mas a bandeira que está tremulando nas ilhas Falklands é a do império britânico.

Materiais militares foram fabricados para serem usados em guerras, e eventualmente serem destruídos.

A Armada Argentina ficou no porto, a Marinha Real Britânica foi para o mar lutar.

E você aí com esse seu nick de marca de extrato de tomate deveria saber que os B-17 eram abatidos como moscas sobre a Alemanha, mas quem ganhou a guerra afinal?

Heinz Guderian

Comparar a Guerra das Malvinas com essa é de uma estupidez gritante. Obvio que materiais vão ser destruídos, e são repostos, a questão é: E a tripulação? Tu ressuscita ela ? Os Ucranianos lutam por sua terra, pelo seu país, os russos lutam por uma causa imperialista, de tomada de território, apenas. Está ai a diferença. Mas o imperialismo russo é do bem né? Esse pode, correto? A Rússia já conquistou seus objetivos? TOmou a Capital? TOmou todo Donbass? Derrubou o governo de Zelensky e colocou um fantoche Russo lá? Cortou todo acesso a Ucrânia ao mar? A resposta é:… Read more »

Silvano

Sou Putin F.C. meu time é Putin e mais 10. Fui claro? Qualquer um que lute contra OTAN, EUA, União Europeia e globalistas terá meu apoio incondicional. Você é realmente um desses chapeludos. Putin nunca quis tomar Kiev, tão pouco está interessado em derrubar ou causar algum mal a Zelenski. Putin quer a faixa da fronteira, e isso ele já tem. Se ele acordar invocado, parte para a Moldávia. Sabia que mais de 70% da produção de girassol do mundo está em poder dos russos?. Na Europa e em vários países do mundo o óleo usado é o de girassol,… Read more »

Hertz

Poucas coisas mais estúpidas do que esses comentários foram lidas na história da humanidade. Os frequentadores desse fórum estão mais ignorantes por sua causa. Que tenham piedade da sua alma.

Last edited 1 mês atrás by Hertz
Andre

Está ai uma putinzete que assume ser putinzete, parabéns.

Vive em um mundo de fantasias conscientemente. Espalha absurdos sabendo que são absurdos.

Se nunca quis conquistar Kiev qual a função da quilométrica coluna de blindados que se dirigia para lá e foi transformada em sucata?

Alecs

Foram visitar a mãezinha que mora lá na Ucrânia na esperança de melhorar de vida entrando para União Europeia. Esse cara é o Tonho kkkkkkkkk se não for é a alma gêmea dele. O Tonho da Lua pode ficar com ciúmes a princípio, mas depois vão se apaixonar e passar a lua de mel em Moscou!

CLAUDIO REIS

Alguém pede uma caixa de RIVOTRIL ?

Alexandre Cardoso

Está mais para um navio ou 2 de RIVOTRIL do que somente uma caixa.

Flanker

Que tu é putin, não precisa falar. Portanto, tu defende um ditador, oligarca e que não é nada diferente dos dirigentes dos países que tu odeia. Aliás, ele é pior do que muitos deles.

Alecs

Tonhoooo! É você? Se não for toma cuidado pois o Tonho é ciumento. Ele não vai gostar nada de saber que você quer roubar o posto de Putinete nº 1 dele. No mais, se você não é o Tonho e ele não ficar bravinho contigo, podem até se casar. Você tem bustos do Putinho em casa também?

Alecs

“Sabia que mais de 70% da produção de girassol do mundo está em poder dos russos?” Bora vender óleo de soja para a Europa e f#der com a China! Cara cuidado o Tonho é ciumento! kkkkkkkkkkkkkkkkkk

Joelson Almeida

Você vive em que mundo, o paralelo e fantástico mundo de bobistov.

Ricardo

Concordo

glasquis7

A Argentina se gaba de ter afundado vários navios de guerra dos ingleses …”

Argentinos se gabam de tudo, mesmo de aquilo que não fazem.

Leandro Costa

Ué? Mas se os Fw-190 e Bf-109 e até os Bf-110 e Ju-88 eram moedores de B-17’s e B-24’s até maio de 1944, eles não deixaram de ser moedores mesmo tendo perdido a guerra. Da mesma forma, mesmo se perderem a Guerra (e espero que não), os Ucranianos continuam sendo moedores de blindados, Você mesmo refutou o que disse.

Flanker

Silvano, não entendi todo teu discurso. O colega Atirador 33 apenas disse que os ucranianos estão destruindo muitos e muitos blindados, e outros veículos russos. Ele não disse que a Ucrânia está vencendo a guerra.

André Macedo

Isso acontece em qualquer cenário de guerrilha.

Atirador 33

Na guerra só quem ganha algo são meia dúzia de parasitas que vivem do ganhos e lucros dela, para a maioria é só perda, sofrimento, traumas e morte, o que a Ucrânia faz é tentar negar e dificultar para os invasores.
Os russos graças a Deus só nao destruiram 100% do país pq seria muito ruim para a imagem deles, e pesaria demais as mortes de civis.

Leandro Costa

Verdade, os Russos foram delicados. Mas acho que seria muito bom para a imagem Russa se eles não tivessem invadido. Taí uma idéia interessante. Paz e tal.

Flanker

Uma coisa não invalida a outra.

Felipe Morais

Atirador, concordo que o emprego de arma anticarro e Manpad/Média altura, além de drones, tem que ser estudado, a partir do estudo de caso da Ucrânia. Mas, embora estejamos observando um elevado número de perdas de material russo, o quanto teriam conseguido ter algum avanço sem eles? Para defender o território, parece claro que MBT e Helicópteros se tornam grandes alvos, embora ainda tenham utilidade. Mas, para ter algum avanço no terreno, creio que ainda sejam imprescindíveis. De toda forma, o que mais deve preponderar nesses estudos é o custo benefício. O que vale mais? Gastar milhões de dólares por… Read more »

pgusmao

Não há dúvida, essa guerra da Ucrânia está demonstrando que tanques, helicópteros e aviões estão com os dias contados, a infantaria renasceu com os mísseis antitanque e terra-ar, bem como os drones,os quais se mostraram super eficientes e muito mais baratos que aviões de combate.

Henrique

Na guerra sempre vai haver o atrito, não existe armamento invulnerável, por isso o negócio é ter boas quantidades para absorver esse atrito. Não adianta comprar uma dúzia, os australianos estão mostrando isto, eles já compraram mais um lote de Seahawk, eles já tinham comprado anos atrás este modelo, mais continuam comprando mais e vão aproveitar esse lote para repor uma aeronave que foi perdida em acidente.

Rodrigo - brasileiro

Baita máquina, um sonho.
Complementa com uns drones que fica melhor ainda.

Maurício.

Eu sou mais modesto, esse aqui já estaria de bom tamanho e também é um helicóptero muito bom.

ah1z-1024x712.jpg
Rodrigo

Meu preferido também, seguido do a129 mangusta.

Eduardo Angelo Pasin

Como é bom ter dinheiro, entretanto tô achando meio caro esse 42 helicopteros, em gastar uma quantia extravagante os australianos já nos provaram que são profissionais.

Last edited 1 mês atrás by Eduardo Angelo Pasin
Carlos Crispim

No Brasil custariam 3X mais porque o pacote tem que vir com transferência de tecnologia total, construção de fábrica em território nacional e criação de escolas técnicas…daqui a 50 anos, quando tudo estiver pronto, a Embraer será escolhida para modernizar metade da frota, vai entregar 1/4 e então vão dizer que os modernizados já estão obsoletos e que não são mais necessários.

Thiago A.

No Brasil teríamos um pessoal raivoso falando abobrinha sem ter um mínimo de noção sobre os fatos . Falar por falar todo mundo fala…mas seria bom você discorrer sobre como foram e quantos custaram as aquisições dos Collins, dos Hobarts, dos Arafuras …Quais problemas apresentaram? Quais queixas? Responsabilidades ? Quanto e quais materiais bélicos os aussies compraram e poucos anos depois voltaram atrás correndo para Tio Sam ? Incapacidade de definir e requisitos e custos ? Objetivos poucos claros ? Talvez agora aprenderam, pois começo a ver um pouco mais de lógica nas aquisições e desejos. Depois de inúmeros fracassos,… Read more »

glasquis7

Como é bom ter dinheiro…”

Como é bom ter dinheiro e saber gastá-lo também né?

Material Arquivo

Acho que o orçamento militar brasileiro é maior que o da Austrália. Estou com preguiça de ir atrás dos dados. Não sei de na Austrália tem militar aposentado com 48 anos e recebendo 31 mil reais (oficial bombeiro militar em SC – governador).

Rinaldo Nery

Orçamento militar refere-se às FFAA. Bombeiro militar pertence ao estado. Não entendi a relação….

Thiago A.

São imensamente mais ricos, gasta muito mais per capita.

Screenshot_20220511-112309~2.png
Luis

o quanto de imposto roubado dos trabalhadores e empreendedores deveríamos entregar para os mafiosos em sua opinião? gastamos praticamente o mesmo q a austrália, e mais do que o canadá, israel, turquia e espanha, para ficar em alguns exemplos. dinheiro roubado não falta, falta um mínimo de profissionalismo na gestão, menos corrupção e os militares pelo menos fingir q querem defender alguma coisa além das contas bancárias e benefícios às custas de engambelar o zé povinho.

Eduardo Angelo Pasin

Ele precisam melhorar a sua organização com dinheiro se continuarem dessa forma vão é falir

Rafael Oliveira

A Austrália tem Forças Armadas enxutas, com muito menos militares que o Brasil, por exemplo. Por isso podem comprar equipamentos novos e de 1ª linha.

Muito mais fácil o Brasil “falir” do que a Austrália.

Luís Henrique

Não é só isso. A Austrália tem um orçamento miltar 2,5 X maior que o nosso. E no orçamento deles não sai o pagamento de todos os militares aposentados, como aqui.
E caso a Austrália fosse um país vizinho do Brasil, mesmo com todos os equipamentos modernos que possui, acabariam perdendo uma guerra contra nós, pois quantidade também conta. Eles possuem 59 mil militares e 20 mil de reserva. O Brasil possui 360 mil militares e 1,8 mi de reserva. Eles podem ter MBTs mais modernos, helicópteros mais modernos, caças mais modernos, mas acabariam derrotados.

Rafael Oliveira

Qual a sua fonte dos orçamentos militares?
Nos dados de 2018 do Sipri mostram valores similares.
Qual sua fonte que eles não pagam os militares aposentados? O que não deve ter é pensão vitalícia para filha solteira.
Depende do que é perder uma guerra. A Austrália poderia acabar com nossa infraestrutura tranquilamente. E só seria difícil ocupar o Brasil se realmente o Brasil resolver lutar (aí realmente faltariam militares para a Austrália e seria algo parecido com a Guerra do Vietnã, com o “vencedor” sofrendo muito mais perdas que o perdedor-invasor).

A6Mzero

E vamos mandar 380 mil militares e 1,8 milhão de reservistas avançar a pé a armados com canivete e estilingue? afinal não temos como equipar todo esse contingente.

Não adianta números se não tiver equipamento.

Luis

adianta se for para gastar toda a munição da austrália em nossos recrutas e material, só não adianta se for para fazer algum sentido na vida real.

Eduardo Angelo Pasin

Não estou falando do valor do contrato mais sim do preço de que cada aeronave está saindo

Henrique

A Austrália é um país avançado de primeiro mundo, nem de longe eles tem os problemas econômicos e sociais do Brasil, eles podem gastar, lá não tem favela com 500.000 pessoas e gente comendo resto de comida do lixo.

Heinz Guderian

E nem poder paralelo nas favelas, verdadeiros narcoterroristas.

Rafael Oliveira

Sim, a Austrália é rica e o Brasil ê pobre.
Mas o ponto chave é que os orçamentos militares dos dois países são similares.
Lá eles mantém tropas enxutas e bem equipadas.
Aqui mantemos tropas gigantescas e mal equipadas.
Questão de planejamento.

Agnelo

Não, Rafael, não é planejamento. Já provoquei no Naval quem poderia invadir a Austrália, que tem condições de realizar uma operação anfíbia pra invadir uma ilha, onde parte do mar não dá entrada pra uma frota e outra parte imensa não tem praias onde algo possa ser desembarcado. Outras, após desembarcado, não há estradas q levem há algum lugar importante. Outras, levam, mas as distâncias são gigantescas. Tudo isso defendido por um Corpo de Exército. Sabe quem? EUA, com os Fuz do Atlântico e do Pacífico, incluindo quem não está em prontidão. Mais uma frota enorme com 2 ou 3… Read more »

Rafael Oliveira

Agnelo, vou começar da parte mais fácil. Primeiro, quem recebe tem direito adquirido. Segundo, para quem ingressou antes de 2001 e optou por contribuir com 1,5% o direito de deixar pensão para as filhas permanece (e hoje é discutível se precisam ser solteiras e mesmo se precisam ser filhas, em razão dos trans). Então por muitas décadas ainda pagaremos pensão para filhas – alguns bilhões por anos a fio. Não duvido quem em 2100 ainda tenha gente recebendo essa pensão. Segundo, na remota hipótese de alguém atacar a Austrália ou o Brasil, o atacante seria a China e, nesse contexto,… Read more »

Marcos10

Deviam fazer um curso com as FFAA do Brasil para saber como se faz!!

Eduardo Angelo Pasin

Acredito que a maioria não entendeu o meu comentário kkkk

Rafael Oliveira

Cada Apache custando cerca de US$ 130 milhões (a reportagem não diz o que está incluso).

Eduardo Angelo Pasin

Barato né kkkkkkk

Henrique

Helicóptero de ataque está quase tão caro quanto caça.

Bardini

Só se tu fizer a velha conta burra, de dividir o valor do contrato pelo número de aeronaves…
.
Tem um sem fim de coisas aí dentro. Logística, que chama:
https://www.dsca.mil/sites/default/files/mas/Australia_21-42.pdf

Last edited 1 mês atrás by Bardini
Rafael Oliveira

Sim. Não fui muito claro no meu “parêntesis “.
Mesmo vindo com alguns sobressalentes, armamentos e etc., é o preço a ser pago para quem quer tê-lá, já que não dá para comprar “só” a aeronave.
Ou seja, continua sendo uma aeronave muito cara.

Bardini

É ainda mais caro, para quem gastou alguns bilhões com Tiger.

Jacinto

A experiencia dos australianos com o NH90 também não foi boa.

Heinz Guderian

Inveja!
Enquanto no Brasil, estamos desativando os sabres e ficando só com esquilos, com metralhadoras leves e foguetes não guiados.
Todo dia é um tapa na cara do brasileiro.

Nascimento

O problema não é nem a FAB desativar os Sabres, mas o EB se negar a pegá-los… O mesmo EB que vive na gambiarra de Esquilo como helicóptero de ataque. Mas sabe o que é mais triste? Mesmo que na remota possibilidade, o ÚNICO vetor de asas rotativas capaz de destruir um T-72B1V da Venezuela era o AH-2 Sabre e seus mísseis, seja o Ataka ou o Sthurm, pois, até onde sei, o Leopard 1A5 apenas utiliza munição APDS. Seremos um dos poucos países do mundo que não deram conta de negociar a logística de Mi-35M com os russos e… Read more »

Flanker

O Leopard 1A5BR utiliza munição APFSDS. Essa munição não deixa um blindado moderno fora de combate?
Quanto aos helis de ataque, o H-60 municiado, conhecido como Battlehawk, tem grande capacidade e tem uma logística muito, mas muito, melhor do que qualquer heli russo.

1D85996E-2E2E-4FAF-9747-038BCEF1A8FF.jpeg
Nascimento

APFSDS não perfura o T-72 a menos que seja a muita curta distância, logo é uma baita desvantagem, nosso CC é muito inferior ao T-72. AH-60 é gambiarra. Ele NÃO foi desenvolvido pra isso. ”Grande capacidade” Gostaria de ler aonde esta essa ”grande capacidade”. O que o Battlehawk faz um heli como o Puma faz também adaptado com hardpoints. É uma gambiarra tão ridícula que literalmente não valeria o preço por unidade. Pra ter isso é melhor comprar os ítens e adaptar no Puma. O Hind é muito mais blindado e capaz do que o Battlehawk, tem até a vantagem… Read more »

Flanker

Meu caro, eu conheço bem o UH-60 e suas derivações. Ele foi desenvolvido inicialmente como um helicóptero de transporte e emprego geral. Daí, surgiram versões de C-SAR, ASW, ASuW, etc. as pequenas “asas” laterais estão presentes desde o início do projeto e são para portar tanques e armas. Portanto, não há gambiarra neste ponto. Você falou em Puma. Qual Puma? Tá falando dos H225M? Se for isso, nem sonha…. Tu é meio irritadinho ou é mal educado, mesmo? “Prove isso”….hehehe…cara, eu não preciso provar, basta ver a disponibilidade dos H-60 da FAB e EB e dis SH-16 da MB. Helicópteros… Read more »

Nascimento

O BlackHawk nunca foi desenhado como um helicóptero de ataque… Isso é fato. O NH90 também foi desenhado pra ”emprego geral” mas também não foi desenhado como helicóptero de ataque. O único helicóptero desenhado desde o início pra função transporte e ataque é o Hind. O BattleHawk é muito inferior ao Hind em função de ataque. Não leva a quantidade de armamento que ele leva e não tem um canhão de grande calibre, além de ser mais caro. Que irritação? Tu fala com propriedade das coisas, achei que houvesse provas, oras. Se eu falo que os americanos iriam embargar esse… Read more »

Flanker

Já te disse, não vou mais discutir contigo. Fica com tua verdade. Aha, só uma correção: o EB possui 4 HM-2, não 3. Um ficou inoperante um tempo, mas foi colocado novamente em operação.

Jadson S. Cabral

Se e EB já via problemas nesses helicópteros antes, imagina agora depois dessa guerra e com a Rússia cercada, sem poder vender nem comprar quase nada…
eu não entendo vocês não. Juro. Parece que é problema cognitivo. Nem com a realidade estapeando suas caras vocês a enxergam

Nascimento

EB já via problemas nesses helicópteros antes”

Diga qual o problema ele via, pois não tem nota nenhuma falando nisso… Pra uma força que quer pegar AH-1W guiado com TOW do deserto o Hind de graça serve…

Entendi, então os Iglas continuam funcionando graças a ajuda divina… Então todos os compradores de equipamentos militares russos ficaram agora sem capacidade de manter seus meios…

Flanker

Tu quer que o EB emita uma nota dizendo que o apoio logístico da rússia é uma porcaria?

Nascimento

Prove. Simples. Como o 2º maior exportador de armamento tem pós-venda ruim? O Cel Schwerz falou que não havia problemas nisso, só houve problemas relativos ao pneus que foram resolvidos pela IAS…

Aliás ainda bem que os Etíopes e Iraquianos possuem um orçamento de Defesa bem mais alto que o nosso, dando para manter os caríssimos Mi-35 deles em operação graças ao péssimo pós-venda russo…

Flanker

Eu ja te perguntei e vou repetir : quem é esse coronel? Onde ele serve ou serviu! Ele foi gerente do projeto Sabre? Serviu no Poti?
Em todo caso, o Mi-35 da FAB está com seus dias contados. Apesar das qualidades da aeronave, que é muito boa, foi uma aeronave problemática NA FAB!! Ponto! O resto é opinião de cada um e torcida…nada mais…

Nascimento

”Quem é esse coronel?” Foi aviador da FAB, e gerente dos programas de aquisição da FAB durante quase uma década, pesquise sobre e leia. ”Serviu no Poti?” E tu, serviu? Ele perguntou pros oficiais superiores do Esquadrão Poti se haviam problemas logísticos após a instalação da IAS e a resposta foi: NÃO. O senhor ouviu alguém da FAB falar algo ruim do Hind pra dizer? E poderia ao menos dizer qual foi o militar pra eu ler a respeito? ”foi uma aeronave problemática NA FAB!! Ponto!” Então o gerente de projeto e aviador da FAB esta errado, os relatórios do… Read more »

Flanker

Cara, tu tens um problema grave de convivência e de aceitar a opinião dos outros…é agressivo, deseducado e grosso. Primeiro, vai aprender à conversar, depois tenta colocar tuas opiniões sem dar chilique. Não vou perder meu tempo discutindo isso contigo. Como eu já disse antes, eu tenho minha opinião e tu tens a tua. Eu fico com a minha e tu, com a tua. E, te acalma…stress mata….kkkkkkkkkkkkkk Ah…só um adendo: pelo que vi no tweeter do citado coronel da reserva, ele é Bolso desde criancinha….Olavista…agronegócio….etc. Bem, nós vivemos numa democracia, logo todos podem escolher o que bem entenderem. Justamente… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Flanker
Nascimento

”Aceite minha opinião”.

Eu aceito, mas sua opinião esta errada, simples assim. Se eu falar algo de errado e o senhor me corrigir, repetir que é minha opinião não me dará razão.

Nossa o Cel é Bolsonaro, logo tudo o que ele diz esta completamente refutado, caramba que refutação digna de Einstein.

Flanker

Onde eu disse “aceite minha opinião “?? Onde eu escrevi isso? Me mostre no meu comentário onde eu escrevi isso! Eu disse que cada um tem sua opinião e que cada um fique com a sua! Não distorce o que eu escrevi! Se tu concorda com minha opinião, ou não, não importa. Tu não acredita que os Mi-35 tinham graves problemas na FAB e eu acredito que sim. Ponto! Sem problemas, cada um com seu entendimento.
Quanto ao teu último parágrafo, eu não disse isso. Aprende a interpretar…mas, digo mais uma vez, não vou mais discutir contigo este assunto.

Adriano Madureira

O problema das forças armadas do Brasil é descomissionar meios e não repô-los…

Agnelo

Não, não está.
Os Sabres não tem condições de escoltar nossos He Manobra, sem se colocarem numa altitude onde serão facilmente abatidos.

Mas os outros tem….
É… a Rússia tem e tá perdendo um monte…. Arrisca perder os puro sangue e mal os emprega.

Nascimento

”Os Sabres não tem condições de escoltar nossos He Manobra, sem se colocarem numa altitude onde serão facilmente abatidos.” Então pq a FAB e diversos outros militares do próprio esquadrão Poti, consideravam-no capaz de fazer escolta dos helicópteros? Pois foi pra isso que o programa AH-X foi criado, por uma exigência da própria força. Se ele ”não tem capacidade de se colocar numa altitude baixa” que tu prove isso. Que eu saiba são os cheirosos Caracal da Helibras que voam sob restrição de manobra da Airbus devido a problemas. ”É… a Rússia tem e tá perdendo um monte….” Verdade. E… Read more »

Silvano

Esse tipo de comentário é bem típico por aqui, estava até demorando, sempre traçam um paralelo absurdo com o Brasil, normalmente para detonar. O Brasil fabrica aviões, e as empresas australianas compram aviões fabricados por brasileiros, é provável que eles nos elogiem ao invés de criticarem a si mesmos. Entrei num jornal francês de esportes certa vez, a seleção brasileira de volei tinha acabado de vencer os franceses em uma final, ao invés de criticarem a si mesmos, exaltavam o Brasil, como um país que tem uma seleção fortíssima nesse esporte, mesmo perdendo de três a zero, sentiam que pelo… Read more »

Nascimento

Não pode mais falar a verdade? Oh, boi! Vocês que fazem parte dessa massa Que passa nos projetos do futuro É duro tanto ter que caminhar E dar muito mais do que receber E ter que demonstrar sua coragem À margem do que possa parecer E ver que toda essa engrenagem Já sente a ferrugem lhe comer Eh, oh, oh, vida de gado Povo marcado, eh! Povo feliz! Eh, oh, oh, vida de gado Povo marcado, eh! Povo feliz! Lá fora faz um tempo confortável A vigilância cuida do normal Os automóveis ouvem a notícia Os homens a publicam no… Read more »

Jefferson Ferreira

Claro até porque a australia tem um gasto bem maior que o brasileiro em defesa… opa….

Thiago A.

Sim, gasta muito mais, muito mesmo . É um país com um PIB nominal similar ao brasileiro e apenas 25 milhões de habitantes, menor que a população da região Sul do Brasil. É uma disparidade abissal de recursos financeiros.

Screenshot_20220511-112309~2.png
Leonardo M.

Não entendo como Austrália compra tanto equipamento americano e não desenvolve sua própria indústria.

Jefferson Ferreira

Porque não precisa… não faz sentindo se não for produzir em escalar ou exportar… Do que adiantar comprar com TOT pra fazer 36 unidades e não ter continuidade…

Flanker

Exatamente! Usemos o exemplo do Brasil: ToT é para quem vai pagar por ela, pegar a mesma, investir mais ainda e desenvolver outros produtos, em quantidade que torne viável uma linha de montagem e, principalmente, produtos que tenham competitividade no mercado. Pagar os tubos para construir apenas aquilo que as FFAA brasileiras vão adquirir, como 50 helis (que até agora não teve uma encomenda extra), fragatas Niterói, submarinos Tupi, ambas classes que não tiveram sequência, etc.

Carlos Campos

pq não precisa, tem a Mamãe, tem os Irmãos EUA e Canadá, já são ricos e podem comprar direto deles.

Heli

Uma coisa ficou claro nessa mudança da Austrália, os Eurocopter-Airbus Tiger são caríssimos de manter. Talvez, também por isso, a mudança para os Apache.

Alois

Compra de porte, esses MH-60R são talvez o melhor vetor embarcado neste momento, luta anti submarina e de superfície, são mais caros que alguns caças devido a tecnologia embarcada, a MB deveria deixar de sonhar com PA e ter mais um ou 2 porta helicópteros, seriam muito mais úteis um esquadrão desses helicópteros e um de drones de observação e ataque.

Leo

Austrália compra tudo de fora e produz pouco. Numa guerra de cerco naval sem produzir armas e demais itens industrializados, comida e sem seus pais, irmãos e primos eles sucumbem rápido. Numa de atrito no solo então com contingente pequeno sozinha dura muito pouco. A comparação com o Brasil e os desafios de cada país são bem diferentes. Nós temos a 3a fábrica de aviões do mundo, eles não, teremos submarino nuclear antes deles. E somos auto suficientes nos alimentos. E temos muito mais gente que eles pra um conflito, e nossa densidade demográfica é melhor também. O que eles… Read more »

Flanker

Teremos submarino nuclear antes deles? Aposta um dedo mindinho nisso?

Luis

austrália e nova zelândia tem aliança militar com os estados unidos desde os anos 50, chama-se anzus, apenas para início de conversa. segundo e ainda mais absurdo é um “cerco naval à austrália”, com 25000 km de litoral e a milhares de km, de qualquer pais q possa ameaçar, não gosto de ad hominem mas alguns forçam até o limite da paciência humana

Carlos Campos

A Austrália não seria facilmente cercada pq tem USNAVY no pacifico, então dá para eles lidarem com isso, além de que a Relação Direta com a Monarquia Britânica, já que a Australia é Reino, poderia pedir a ajuda da véia que se quisesse mandaria atacar o invasar até com armas nucleares, as FA do UK também juram lealdade ao Monarca, não ao PM.

Jadson S. Cabral

Um ataque direto a Austrália seria, teoricamente, um ataque a território da rainha. Logo, se for mesmo do interesse britânico, eles entrariam facilmente na treta, com os EUA jogando combustível de aviação na fogueira

Antonio Leao

Acho que a Austrália possui as melhores forças armadas do hemisfério Sul, pois os armamentos são novos e atualizados. Enquanto o Brasil gasta bilhões para desenvolver um submarino nuclear, a Austrália vai receber a transferência desta tecnologia de maneira gratuita. Seria interessante um comparativo entre Brasil e Austrália, incluindo o gasto militar por PIB.

Luis

somos especialistas em desenvolver submarinos nucleares, desde os anos 80 estamos desenvolvendo o mesmo submarino, gastamos bilhões com submarinos para a frança e conseguimos ter a capacidade de não incluimos no pacote a tecnologia do reator, e com isso vão se arrastando os anos, somando-se mais e mais bilhões pelo ralo, aumentando a defasagem tecnológica, para, se um dia acontecer o milagre dele navegar, passar por provas e um dia entrar para a marinha, termos 1 único submarino nuclear, q vai passar mais da metade da sua vida operacional em numa doca em manutenção. ninguém desenvolve mais submarino nuclear do… Read more »

Jadson S. Cabral

De maneira gratuita??? Receber essa tecnologia??? Não vai acontecer uma coisa nem outra. O que eu entendi desse acordo é que por uma bagatela a Austrália vai comprar submarinos britânicos/americanos equipados com reatores americanos, reatores esses que eles não saberão como fazer (e nem precisam) e dependerão 100% dos EUA para manutenção.
No fim das contas, considerando que eles comprarão várias unidades e não estão gastando rios com desenvolvimento, pode até sair mais barato que o programa brasileiro, mas nós não temos escolha. Ou você acha que o Tio Sam e a Vovó rainha iam nos fazer a mesma proposta?

Last edited 1 mês atrás by Jadson S. Cabral
Thiago A.

Acredito que a sua seja colocação irônica pois é a única leitura possível para essas afirmações sem pé nem cabeça . “Gratuito” kkkkkkk, gostei … Bem baratinho, tudo baratinho lá na Austrália, aliás tudo de graça e nem desperdício de tempo e recursos kkkkk Ilario

Alecs

Meus leves e lindos comentários estão ficando retidos. Please editores!

Ricardo

Na guerra moderna, lançadores portáteis terra-ar e drones estão sendo mais úteis, em relação à defesa. Se os helicópteros forem para ataque, podem ser muito úteis !!!

Last edited 1 mês atrás by Ricardo
Mensageiro

O que um helicóptero militar faz que um drone não faz a um custo bem inferior e com chance bem menores de ser abatido e maiores de cumprir a missão?
Se a intenção é destruir alvos drones são melhor e evita perda de vidas.
Vejo helicóptero útil atualmente só em resgate de tropas. E eles nem deveriam ser armados com mísseis e sim com infinitos despistadores de mísseis, pq quando acaba já era.

Hank Voight

Depois do rabo de foguete que foram os Tigers e também os NH-90 os aussies precisam de helicópteros de verdade

Jorge Knoll

Finlândia pretende aderir à OTAN.
Força aérea da Finlândia tem mais caçs que o Brasil, 96 Gripen, 62 F-18.
.https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2022/05/finlandia-pede-para-entrar-na-otan-e-russia-ameaca-com-retaliacao.shtml

Fernando "Nunão" De Martini

Jorge,

A Finlândia não tem Gripen.

Chegou a operar o Draken, muito tempo atrás.

Seus caças são só os F/A-18 Hornet, e a concorrência para substituí-los, na qual o Gripen concorreu, deu como vencedor o F-35, no início deste ano.

Flanker

Jorge, olhe bem a tabela de onde tu tirou estes números (está no link que tu postou). O lado esquerdo da tabela é dos números de equipamentos da Suécia e o lado direito é da Finlândia, logo os 96 Gripen são da Suécia.

Last edited 1 mês atrás by Flanker

Últimas Notícias

Rússia lança barragem de mísseis na Ucrânia

As forças russas lançaram um ataque de mísseis de cruzeiro em larga escala em locais em toda a Ucrânia...
- Advertisement -
- Advertisement -