terça-feira, janeiro 18, 2022

Gripen para o Brasil

Eve, da Embraer, e Nautilus Aviation firmam parceria para desenvolver operações de Mobilidade Aérea Urbana na Austrália

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

Melbourne, Flórida, 4 de dezembro de 2021 – A Eve Urban Air Mobility Solutions (Eve), uma empresa da Embraer, e a Nautilus Aviation, divisão do Grupo Morris e maior operadora de helicópteros do norte da Austrália, anunciaram hoje uma parceria com foco em acelerar o desenvolvimento do ecossistema de Mobilidade Aérea Urbana (UAM, na sigla em inglês) na Austrália. Por meio da parceria, a aeronave elétrica de pouso e decolagem vertical (eVTOL) da Eve irá operar em algumas das atrações turísticas mais icônicas de Queensland, incluindo a Grande Barreira de Corais.

Como parte da parceria, a Nautilus encomendou 10 aeronaves eVTOL da Eve, com previsão de realizar os primeiros voos sobre a Grande Barreira de Corais em 2026. O fundador e CEO do Grupo Morris, Chris Morris disse que a nova parceria com a Eve acelera o progresso para ter 100% dos voos panorâmicos sobre a Grande Barreira de Corais feitos com aeronaves elétricas com emissões zero, em linha com o compromisso do Grupo Morris de alcançar em todos os seus negócios emissões líquidas zero até 2030.

“Esta parceria é um desenvolvimento empolgante para a Nautilus Aviation e o Grupo Morris. Acreditamos que o sucesso econômico e a sustentabilidade ambiental andam lado a lado e visamos fortalecer e enriquecer os ambientes em que trabalhamos. A tecnologia eVTOL da Eve se integrará perfeitamente às nossas operações para oferecer uma variedade de experiências de turismo com emissão zero”, disse Morris.

O CEO da Nautilus Aviation, Aaron Finn, disse que a empresa já tem uma Certificação de Ecoturismo Avançado há 8 anos, no entanto, tem sido difícil evitar o maior impacto das emissões de gases de efeito estufa da queima de combustível dos helicópteros da empresa. “Poderemos oferecer voos silenciosos e sem emissões pela Grande Barreira de Corais, proporcionando uma experiência ecológica incomparável aos nossos clientes”, disse Finn.

O presidente e CEO da Eve Urban Air Mobility, Andre Stein, disse que a iniciativa foi um marco importante para a empresa: “Nossa parceria com a Nautilus Aviation e o Grupo Morris fará com que as aeronaves da Eve atendam às atrações turísticas icônicas da Austrália com viagens sustentáveis, de baixo ruído e emissão zero. Compartilhamos a mesma visão em direção a um futuro neutro em carbono para a mobilidade aérea e este é um ótimo caso de utilização para as soluções que a Eve está trazendo ao mercado, incluindo nosso eVTOL 100% elétrico e soluções abrangentes de suporte ao cliente e gerenciamento de tráfego aéreo.”

Beneficiando-se de uma mentalidade de startup e respaldada pela história de mais de 50 anos da Embraer na fabricação de aeronaves e expertise em certificação, a Eve tem uma proposta de valor única ao se posicionar como uma parceira de ecossistema, oferecendo um conjunto de produtos e serviços com os mais altos níveis em padrões de segurança. O design do eVTOL da da Eve, centrado no usuário, combina inovação revolucionária com um design simples e intuitivo. Além do programa de aeronaves, a Eve está aproveitando a expertise da Embraer e da Atech, uma subsidiária do Grupo Embraer, no fornecimento de software de gerenciamento de tráfego aéreo reconhecido mundialmente, para criar as soluções que ajudarão a aumentar com segurança a indústria de UAM no futuro.

Sobre a Nautilus Aviation e o Grupo Morris

Fundado por Chris Morris, o criador da Computershare, uma empresa global listada na ASX Top-50, o Grupo Morris é uma rede de empresas que se esforça para gerar um impacto positivo e permitir o acesso ao melhor das pessoas, lugares e qualidade de experiência. A tecnologia e a inovação impulsionaram nossa jornada no início e continuam a estimular tudo o que fazemos.

O Grupo Morris inclui a Nautilus Aviation, a maior operadora de helicópteros do norte da Austrália com mais de 25 anos de experiência em voos e uma rede de bases que abrange Cairns, Port Douglas, Townsville, Darwin e Torres Strait (Horn Island).

Sobre a Eve Urban Air Mobility Solutions

A Eve é uma nova empresa independente dedicada a acelerar o ecossistema da Mobilidade Aérea Urbana (UAM, na sigla em inglês). Beneficiando-se de uma mentalidade de startup, respaldada pela história de mais de 50 anos de expertise aeroespacial da Embraer, seu foco singular adota uma abordagem ampla para a indústria de UAM, oferecendo um ecossistema holístico. Sua aeronave elétrica avançada (EVA), aliada a uma rede global abrangente de serviços e suporte, e uma solução única de gerenciamento de tráfego aéreo fazem da empresa uma concorrente forte na indústria. A Eve é a primeira empresa a se formar na EmbraerX. Para obter mais informações, visite www.eveairmobility.com.

Sobre a Embraer

Empresa aeroespacial global com sede no Brasil, a Embraer atua nos segmentos de Aviação Comercial, Aviação Executiva, Defesa & Segurança e Aviação Agrícola. A Companhia projeta, desenvolve, fabrica e comercializa aeronaves e sistemas, além de fornecer Serviços & Suporte a clientes no pós-venda.

Desde sua fundação, em 1969, a Embraer já entregou mais de 8 mil aeronaves. Em média, a cada 10 segundos uma aeronave fabricada pela Embraer decola de algum lugar do mundo, transportando anualmente mais de 145 milhões de passageiros.

A Embraer é líder na fabricação de jatos comerciais de até 150 assentos e a principal exportadora de bens de alto valor agregado do Brasil. A empresa mantém unidades industriais, escritórios, centros de serviço e de distribuição de peças, entre outras atividades, nas Américas, África, Ásia e Europa.

DIVULGAÇÃO: Embraer

- Advertisement -

10 Comments

Subscribe
Notify of
guest
10 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Marcos10

Pelo jeito, esse negócio de elétrico, tá indo em frente.
Problema ainda são as baterias: impacto ambiental altíssimo, tanto na produção como descarte; custo e peso elevado; necessidade de refrigeração; baixa autonomia e demora na recarga.

Luís

Sem falar que o aumento da demanda para o carregamento também terá um impacto ambiental tendo em vista que muitos países ainda geram energia elétrica queimando óleo carvão e gás natural. Haverá geração de energia limpa e infraestrutura adequada pra suprir todo este aumento de demanda que parece que está por vir, nos grandes centros urbanos mundiais? O tempo dirá.

fewoz

Muito bom. Agora uma dúvida: Por que criaram uma nova empresa, ao invés de usar o já famoso nome Embraer? Não teria maior publicidade?

Marcos10

EVE: Eletric VTOL by Embraer

FernandoEMB

Porque se trabalha com muito mais agilidade e independência numa start-up. E com menor custo.

Marcos10

Complementaria com o seguinte: isso permite que eventuais investidores possam entrar direto no negócio da EVE sem ter de comprar ações da Embraer, bem mais vulnerável.

Adriano Madureira

Futuramente e certamente ainda veremos uma versão militar dessa aeronave…

Marcos10

Antes de uma eventual compra de uma versão militarizada para a FAB, MB ou Exército, certamente o GTE receberá um lote inicial de 99 unidades para transporte de autoridades, com óbvia justificativa de ajudar no esforço Global pela redução de emissões de carbono.

Adriano Madureira

Boa !

Grifon Eagle

Que top!!

Últimas Notícias

Chile quer comprar aeronaves britânicas E-3D Sentry ‘AWACS’ aposentadas

Uma fonte disse ao UK Defense Journal que o Chile está procurando comprar “mais de uma” aeronave E-3D aposentada...
- Advertisement -
- Advertisement -