quinta-feira, setembro 23, 2021

Gripen para o Brasil

Veterano Centenário conta histórias de guerra em livro comemorativo

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

O relato do Cabo Heitor Tider, veterano de 100 anos de idade, irá compor o livro de 80 anos do V COMAR

O Cabo Heitor Tider, veterano de 100 anos de idade, relembrou sua trajetória na Força Aérea Brasileira (FAB) e suas principais memórias da Guerra. O relato irá compor o livro de 80 anos do Comando Aéreo Sul (V COMAR), localizado em Canoas (RS).

Com lucidez e bom humor, o militar condecorado pela FAB com a Medalha “Mérito Operacional Brigadeiro Nero Moura”, contou várias histórias de seu período na Guerra, de como se tornou auxiliar de Mecânico do 1º Grupo de Aviação de Caça (1° GAvCa) e de como foi parar no front de batalha, em Pisa, na Itália.

De acordo com o veterano, ele ingressou nas fileiras da Força Aérea aos 21 anos, em Porto Alegre, quando respondeu a um anúncio de jornal solicitando jovens para lutar na Guerra. “Eu me alistei escondido da minha mãe, pois se não teria muita choradeira, eu queria mesmo era ir para Guerra defender meu País”, relatou.

O Cabo reformado descreve-se como um autodidata com fome de conhecimento. “Eu era um cara metido mesmo, observava atentamente o trabalho do sargento na escola, me oferecia para fazer as coisas para ele, era um oferecido, eu lia todos os manuais nas horas vagas e à noite”, relembrou.

Por fim, o militar deixou uma mensagem de incentivo a todos. “O segredo para tudo na vida é muito simples: garra e determinação. Se quer fazer qualquer coisa, não pode no primeiro obstáculo recuar, tem que seguir em frente com garra e determinação”, disse.

FONTE: Força Aérea Brasileira

- Advertisement -

9 Comments

Subscribe
Notify of
guest
9 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Flanker

Belo depoimento e uma bela lembrança de incluir suas memórias no livro. Ele é um dos últimos brasileiros que foram para a 2GM que ainda estão vivos! Aplaudo à todos eles com respeito!

JuggerBR

As gerações seguintes aos combatentes da WWII nunca foram gratos o suficiente à bravura e desprendimento. Infelizmente nunca mais fizemos cidadãos à altura destes heróis.

Nonato

A mídia não favorece.
Incentiva outros valores.

Marcelo Baptista O comunista

Agradeça a Getúlio Vargas, ele praticamente escondeu eles da população quando retornaram.
Tem um ótimo filme “Estrada 47” sobre a participação brasileira.
Ótimos livros sobre o assunto, o João Barone do Paralamas, estimula e dissemina bastante o assunto.
Durante anos, antes de sequestrarem o 7 de Setembro, os veteranos sempre participaram.
Na Cultura, já teve documentário sobre o assunto.
É só ter um pouco de boa-vontade, pois é um assunto muito especifico.

Quem tentou apaga-los da historia foi Vargas, quando ditador.

Last edited 15 dias atrás by Marcelo Baptista O comunista
Denis

Putz! Um cara valoroso desses aposentou-se como cabo? Que falta de reconhecimento!

Last edited 17 dias atrás by Denis
Burgos

Bom dia !!!
Pelo que eu li e entendi ele foi reformado, deve tá ganhando os proventos (pagamento) de um 2º Sargento da FAB !!!👍

Rodrigo Maçolla

 “Eu me alistei escondido da minha mãe, pois se não teria muita choradeira, eu queria mesmo era ir para Guerra defender meu País”, relatou.

Precisa dizer mais alguma coisa ?? só esta frase mostra o nobre caráter desse senhor

Deixo aqui os Meus sinceros agradecimentos

José C. Messias

Coragem & Honra!
Meu reconhecimento a este insigne brasileiro!

Nelson Daher Junior

Como o livro pode ser adquirido?

Últimas Notícias

Eve, da Embraer, e Bristow firmam parceria para desenvolver operações de UAM com pedido de até 100 eVTOLs

Melbourne, Flórida, 23 de setembro de 2021 – A Eve Urban Air Mobility, uma empresa da Embraer, e a...
- Advertisement -
- Advertisement -