segunda-feira, dezembro 6, 2021

Gripen para o Brasil

Indonésia vai comprar mais seis jatos de treinamento T-50i da Coreia do Sul

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

A Korea Aerospace Industries (KAI) anunciou no dia 20/7 que assinou um contrato de fornecimento adicional para o jato treinador tático T-50i com o Ministério da Defesa Nacional da Indonésia (Força Aérea).

Com este contrato, a KAI exportará seis treinadores táticos T-50i e um pacote de suporte de acompanhamento para a operação de aeronaves pela Indonésia.

O tamanho do contrato é de 274,488 bilhões de won, e o período do contrato vai de 16 de dezembro deste ano a 30 de outubro de 2024.

O contrato terá início quando a KAI receber o pagamento adiantado do governo indonésio, e a data de término do contrato é de 34 meses a partir do início do contrato.

O T-50i é uma aeronave de exportação da Indonésia baseada no T-50, o primeiro treinador supersônico avançado autóctone desenvolvido para a Força Aérea Coreana. Ele pode executar tanto missões de treinamento quanto de ataque leve.

Anteriormente, a KAI exportou 16 unidades T-50i para a Indonésia em 25 de maio de 2011.

FONTE: Yonhap News

- Advertisement -

12 Comments

Subscribe
Notify of
guest
12 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Teropode

A Indonésia pretende adquirir mais caças de alto desempenho , portanto precisam formar um bom número de caçadores , já no caso Filipino eu acredito que se montarem uma FA com mais T/F/A50 é mais vantajoso doque operar um número pequeno de caças tipo F16 .

Filipe

Os indonésios poderiam aproveitar desenvolver a sua Industria Militar com a ajuda da Coreia do Sul.

Leandro Costa

Uma Brastemp também é, mas assim como o Gripen, uma geladeira também não tem nada a ver com a matéria.

Maurício.

Eu gosto desse avião, na minha opinião ele seria um bom substituto para o AMX, daria uma boa dupla com o Gripen, já que provavelmente não teremos Gripen em boas quantidades, sem contar que é mais barato de manter e operar, na minha opinião a FAB deveria ter uma aeronave assim, mais simples e econômica, mas isso é apenas um desejo meu.

carvalho2008

Pode ser um substituto, mas seria inferior….

Muitos LIFTS atuais conseguem se aproximar do desempenho de caças de primeira linha antigos e até conseguir rivalizar em alguns parametros com eles…

Um F5M ao longo do desenvolvimento dos LIFTS poderia ser enquadrado com desempenho similar, mas ainda assim se atualizado, possui desempenho TOP dentre estes….

O A1-M AMX idem….ninguem tem o alcance que ele possui….em conjunto com sua carga de armas….até hoje, um A1-M tambem seria top da categoria de LIFTS….

lebrando que isto é um exemplo dentro da dimensão de combate e não em treinamento…

Filipe

O substituto do AMX se chama M-346 Master da Leonardo , pelo menos 30 unidades para a FAB. 70 JAS-39 E/F Gripen NG + 30 M-346 Master + 93 EMB-314 Super Tucano + 2 A330-200 MRTT + 5 EMB 145 E-99M + 3 EMB 145 R-99 + 16 KC-390 Millennium + 12 C-295 Amazonas , A FAB vai se tornar na melhor Força Aerea da America do Sul, nesse momento a FAB é a melhor Força Aerea da América Latina.

Leandro Costa

Filipe, eu gostaria que confirmasse a informação sobre o M-346.

E também gostaria de dizer que se a FAB já é a melhor Força Aérea da América Latina, então consequentemente ela já é a melhor Força Aérea da América do Sul, já que a América do Sul está inserida na América Latina.

O que não diz grande coisa, afinal de contas os outros países Sul-Americanos não são exatamente conhecidos por suas Forças Aéreas fortes e tal…

Gilson

Eu penso que: FAB, poderá ou queira extender as vidas dos F 5M, já que é uma aeronave modernizada e super sônica, ficaria servindo como treinador avançado, para os pilotos que iriam para os Gripen. Qual seria melhor? dos super tucanos para os Gripen ou dos F 5M, para os Gripen?.

Nilson

Já foi falado aqui que o F5M é bem mais difícil de pilotar do que o Gripen, ou seja, não faria sentido usá-lo como treinador.

Joao Moita Jr

O futuro do F-5 é como alvo rebocado, oi talvez até mesmo de controle remoto.

Leandro Costa

Fala isso para a USN cuja última aquisição de F-5’s foi ano passado.

https://www.navy.mil/Resources/Fact-Files/Display-FactFiles/Article/2166067/f-5nf-adversary-aircraft/

Andromeda1016

O contrato só terá validade se a Indonésia pagar o sinal até o fim deste ano, ou seja, sem dinheiro a KAI não vai levar este contrato a sério e poderá extinguir se quiser, enquanto isso a Indonésia vai ter de atrás de empréstimo estrangeiro para poder pagar o sinal. Está difícil levar a sério este país. Anunciam intenção de compras mirabolantes mas cada dia perdem mais credibilidade.

Últimas Notícias

FOTOS: Caças F-5E e Gripen C da Royal Thai Air Force (RTAF)

Caças F-5E e Gripen C da Royal Thai Air Force (RTAF) na cerimônia de abertura da competição de operações...
- Advertisement -
- Advertisement -