segunda-feira, agosto 2, 2021

Gripen para o Brasil

Ministério da Defesa e Sukhoi planejam desenvolver um Su-57 biposto para exportação

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

O modelo pode criar demanda adicional, disse o vice-primeiro-ministro Yuri Borisov

KOMSOMOLSK-ON-AMUR, 16 de junho/TASS/. O Ministério da Defesa Russo e o Sukhoi Design Bureau estão planejando desenvolver uma versão de dois lugares do caça Su-57 de quinta geração na versão de exportação. O vice-primeiro-ministro Yuri Borisov disse a repórteres sobre isso na quarta-feira, durante uma viagem de trabalho ao Território Primorsky.

“Há interesse por essa máquina e, na minha opinião, vai crescer a cada ano, à medida que nossos militares recebam mais e mais aviões desse modelo. Os clientes estrangeiros primeiro observam como se comporta este ou aquele tipo de arma das Forças Armadas do fabricante. O Ministério da Defesa e o Sukhoi Design Bureau estão preparando um cockpit de dois pilotos, que vai expandir a demanda de exportação para este modelo e pode criar uma demanda adicional”, disse ele.

Conforme relatado no início de junho pelo diretor geral da Rosoboronexport, Alexander Mikheev, cinco Estados do Sudeste Asiático estão demonstrando interesse no Su-57.

O Su-57 é um caça multifuncional russo de quinta geração, projetado para destruir todos os tipos de alvos aéreos, terrestres e de superfície. Possui velocidade de cruzeiro supersônica, armamento interno, revestimento para absorção de ondas de radar, bem como o mais recente complexo de equipamentos de bordo. No final de 2024, as Forças Aeroespaciais Russas receberão 22 unidades Su-57 e, em 2028, seu número nas Forças Armadas Russas aumentará para 76 unidades.

Desenho de uma versão biplace do Su-57 quando ainda era designado PAK FA

FONTE: TASS

- Advertisement -

64 Comments

Subscribe
Notify of
guest
64 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Tutu

Acho que tem duas hipóteses, a primeira é, estão criando uma necessidade, vamos dizer que um cliente tem dinheiro para comprar 10 Su-57, se ele for mais conservador pode até reclamar de não ter uma versão para conversão, mas como ele só tem dinheiro para 10, ele compra só isso mesmo. Agora, se existe uma versão biposto esse tipo de cliente ao meu ver faz uma força para comprar uns 12, os 10 monopostos que ele julga necessários para defesa, e 2 bipostos que ele “precisa” para treinamento e conversão. A segunda ao meu ver pode ser o controle de… Read more »

Fernando C. Vidoto

nah, guerra eletrônica com avião stealth não faz sentido, já que emitiria muita energia perdendo a capacidade stealth da aeronave.

Adriano RA

Ainda existe muita coisa que um tripulante a mais pode fazer, mesmo se pensando na ajuda de IA. Um par de olhos a mais… sem falar na conversão operacional, que pode ser imprescindível para alguns clientes com menos opções em suas forças.

Adriano Madureira

Controlar drones por exemplo…

comment image

Marcelo

um tripulante a mais e’ util para controlar/gerenciar os UCAVs e loyal wingmens como o Okhtnik que ja’ foi anunciado como parceiro do Su-57

Last edited 1 mês atrás by Marcelo
Sidney

Faz mesmo sentido usar uma aeronave de 5ª geração como treinador ou de conversão?

Antoniokings

A cadência de produção está estritamente nos ‘conformes’ do que foi planejado pelos russos.
Devemos lembrar que, pouco tempo atrás, foi anunciado pelos russos a prioridade na produção de caças pesados, como Su-35.
Isto fez, inclusive, com que o projeto amadurecesse sem os percalços que sofreu (e sofre) o malfado F-35.

Andre

Não está como planejado não, o planejamento apresentado anteriormente indicava que seriam impressionantes 4 unidades em 2021. O atual indica que serão entregues apenas metade das unidades planejadas.

Brummbär

“As Forças Aeroespaciais Russas receberão quatro caças em série Su-57 de quinta geração este ano, não dois, como relatado anteriormente. Sobre isso, disse o vice-primeiro-ministro Yuri Borisov.”
https://topwar.ru/184153-borisov-nazval-kolichestvo-su-57-planiruemyh-k-peredache-minoborony-do-konca-jetogo-goda.html

Andre

Não sei se vc teve tempo de ler toda a matéria, mas no parágrafo seguinte o próprio site põe em dúvida essa declaração:

“Ao mesmo tempo, não há especificações, o Vice-Primeiro-Ministro limitou-se a declarar o facto sem quaisquer explicações.”

Paulo

A cadência é baixa por que esse caça é um grande ferro velho isso sim, levando em conta que o dinheiro tá curto para os russos. Em breve devem desistir desse projeto e ficar com suas 10 unidades.

Adriano Madureira

Ferro velho?! falou o especialista… Ferro velho é oque temos aqui amigo, uma força aérea geriátrica, já no caso dos russos, mesmo que modestamente, eles estão se modernizando. De acordo o analista Leonid Nersisyan, entre 2009 e 2020 as forças armadas da Rússia receberam cerca de 460 aeronaves de combate de asa fixa totalmente novas, 110 aviões de treinamento a jato Yak-130 e 360 ​​helicópteros de ataque. Além disso, estima-se que 320 aeronaves de combate mais antigas foram fortemente modernizadas, incluindo cerca de 150 interceptores MiG-31 e um número significativo de jatos de ataque Su-24 e Su-25 e caças Su-27 e Su-33. A VKS aposentou mais de mil… Read more »

Valdez Oliveira de Araujo

Haha “força aérea geriátrica” adorei o termo…..nosso exército eh geriátrico

FabioB

Meu amigo, ou a Rússia informa que “está planejando” ou fica ainda mais ofuscada pela China, como efetiva 2ª potencia militar mundial.

Evgeniy (RF).

Esta imagem. Este é um desenho feito por Alexander Pachkov, mais conhecido como Paralay. Este é um desenho amador.

JuggerBR

Mais um grande avião que vai ficar restrito à prancheta do projetista… Mundo polarizado entre China e EUA, Rússia ficou de lado, influência e importância derretendo…

Antoniokings

É?
Então o que Biden foi falar hoje com Putin?
Discutir receita de bolo?
E por que Putin pouco ligou para o que Biden tinha a falar?
A Rússia está na dela enquanto os EUA se ‘descabelam’.
Na verdade, os EUA não estão atravessando uma boa fase.

JuggerBR

Qual a relevância hoje em dia dessa conversa com o Putin?

willhorv

Queria eu que tivéssemos esta máquina nos GDAs em Brasília. Já pensaram…108 a 144 Gripens mobiliando os GAVs pelo BR e os GDAs dando todo o apoio em qualquer cenário. Uns 24 dava pro gasto. Kkkkk

Leandro Costa

Ainda esperando para ver esse caça em sua forma final…sabe-se lá quando isso vai acontecer.

Leonardo Bastos

Parece que o mais importante agora é o novo motor…

Leandro Costa

É… aí quem sabe fazem um IRST novo também para o RCS diminuir mais um pouco.

Luís Henrique

Explico. Eu acredito que isto se deve à 3 motivos principais: 1) estão melhorando o caça, testando o novo motor, e preferem iniciar a produção em massa quando tudo estiver pronto. Em vez ee adquirir vários Su-57 com motores de 1o estagio e depois pagarem um caro upgrade. 2) não se sentem ameaçados para acelerar o processo. Eles devem entender que os Su-35 e Su-30 SM que estão sendo entregues, dão conta do recado, juntamente com todos os sistemas antiaéreos que eles possuem. Portanto, eles podem esperar mais alguns anos até que o Su-57 fique bem maduro, para iniciar uma… Read more »

Adriano RA

Quem tem SS-18 Satan em suas forças TEM que estar é tranquilo. Não é possível… rsrsrsrs.

Francisco Vieira

-Cobertor curto!
-Tem que rebolar mesmo!

Leandro Costa

48, o projeto não está terminado. Quando terminarem a passarem nos testes, aí a produção aumenta a cadência. Pela matéria estou assumindo que ele pode tomar sua forma final até 2024 e os testes continuarão até depois disso. Se em 2028 estiver tudo certo, aí deve ter a fabricação em cadência maior. Acredito que pode ser antes e teremos esses números revisados, mas pelo jeito eles mesmos não esperam que isso aconteça. Como alguém já comentou, essa divulgação desses lotes de 22 e mais ou menos 50 aeronaves e a versão de dois assentos deve ter sido feita para poderem… Read more »

Bardini

Mais maquete…

Maurício.

Bardini, mas o nosso Brasil não fica muito para trás no quesito maquete, temos maquete do Gripen, maquete do porta aviões São Paulo lotado de Gripen naval, e temos uma das maquetes mais velha do mundo, a maquete do nosso submarino nuclear, que aliás, acho que vai ficar só na maquete mesmo, já que fazia 10 anos que os A-4 não davam um único tiro de canhão com munição real em exercícios.

Marcos Cooper

Entenda criança:o brasil não é responsável pelo Programa Gripen NG. É a Suécia.
nós apenas participamos agora na fase final. Por isso o Gripen E se tornou real. Se dependesse do brasil somente…já viu no que iria dar.

Brummbär

Mais maquete… que cedo ou tarde acaba por vir a se tornar realidade. Mas essa última parte você ignora pra poder fazer o seu trabalho de hater né?

Bardini

Eu sinceramente não estou nem aí pra Rússia. A questão é que é muita propaganda para maquiar a decadência… Infelizmente.

Adriano Madureira

Decadência Bardini?! Eles vem renovando a frota e adquirindo aeronaves novas e aposentando as aeronaves da época soviética, mesmo que em números modestos… entre 2009 e 2020 as forças armadas da Rússia receberam cerca de 460 aeronaves de combate de asa fixa totalmente novas, 110 aviões de treinamento a jato Yak-130 e 360 ​​helicópteros de ataque. Além disso, estima-se que 320 aeronaves de combate mais antigas foram fortemente modernizadas, incluindo cerca de 150 interceptores MiG-31 e um número significativo de jatos de ataque Su-24 e Su-25 e caças Su-27 e Su-33. O VKS aposentou mais de mil aeronaves desatualizadas da era soviética, resultando em uma redução líquida de… Read more »

Marcos Cooper

Desculpa aí. mas é decadência sim.

Brummbär

Toda vez que a Rússia anuncia o desenvolvimento de um novo equipamento você aparece com essa papo de maquete, isso não o perfil de alguém que não está ” nem aí”…
Você fala em decadência mas a realidade diz o contrário, e isso fica evidente quando comparamos a Rússia de hoje com a dos anos 90. Rússia está em ascensão, e “maquete russa” é só um jeito de você tentar maquiar este fato.

Bardini

Só maquete…

Denis

Pois é. Eles mesmos não compram sequer o monoposto.Vai entender.

Teropode

Interessante , a versão indiana deste caça teria unidades bipostas e tudo leva a crer que a Índia saiu fora porque tinha pressa e resolveu adquirir o Rafale com urgência para conter a China , no entanto acredito que a Índia possa ser um cliente deste caça pois era o planejamento deles operar versão biposta em função de guera eletrônica e vetoração de drones , eles são clientes a muito tempo e manter a Rússia como um parceiro estratégico é importante , serão os substitutos naturais dos SU30 mais antigos , mas será uma aquisição de prateleira , a Índia… Read more »

Nostra

India left it not because it was in a hurry

India left it because of disagreements over it

There is a remote possibility India might buy few off the shelf if it develops into IAF expectations

Teropode

Sim , desentendimentos relacionados ao não compartilhamento de algumas tecnologias , ao ritmo lento dos trabalhos e pela percepção de que o caça não seria um 5g genuíno , mas a urgência pra conter a China pesou na decisão 🤣🤣🤣🤣🤣, que bom pois agora a IAF tem o mais belo caça em suas fileiras…

Antunes 1980

Lista de lançamentos incríveis da Rússia que demoram décadas para sair das pranchetas, e quando saem são em quantidades insuficientes.

SU-57
MBT ARMATA
MIG-35

Se realmente fossem tudo que a propaganda diz, estariam substituindo os equipamentos atuais.

A China trabalha em silêncio e vai cada vez mais se tornando a segunda maior potência militar e econômica do planeta.

Last edited 1 mês atrás by Antunes 1980
Marcos Cooper

Faltou o Su-35,que se arrasta desde 1996…

Pedro Sousa

Já há 98 Su-35 operando na RuAF com previsão de chegar a 128, além das unidades para a PLAAF e do Egito

Marcos Cooper

depois de quanto tempo mesmo????….Pois é.

Francisco Vieira

A China tem trilhões de verdinhas!

Cristiano Silva

Alguém realmente acredita que países que não tiveram coragem de agir contra o Irã, ou a Coreia do Norte, vai atacar a Rússia ou a China, e vendo a insatisfação do comando americano com os f35 e f22,sabendo que um novo projeto leva pelo menos uns 15 anos pra se torna operacional, tanto que aviões que se falavam que tinha se tornado obsoleto voltaram a ser a menina dos olhos (f15 por exemplo).Os russos sabem do tamanho bolso deles,sempre foram pragmático, sabem que o que tem já intimidam,é ao contrário de investir bilhões em caças invisível estão investindo em maneiras… Read more »

Andre

Só falta achar alguém interessado que não seja apenas um frequentador de fóruns.

Maurício.

Andre, quando eu comecei a frequentar o aéreo, uns 13 anos atrás, falavam mais ou menos isso do Rafale, hoje em dia, esse pessoal nem se manifesta mais nas notícias de vendas do Rafale, e quando se manifestaram, é chorando na cama, onde é mais quentinho.
Talvez o Su-57 nem venha a vingar, mas isso, só o tempo dirá.

Andre

Pois é, talvez venha a vingar, talvez não. Para vingar só falta achar interessado. O rafale, em 20 anos de operação foi vendido para 4 clientes internacionais. Não sei se da para dizer que foi um estrondoso sucesso, mas não da mais para chamar de fracasso. O rafale levou, entre o primeiro voou e entrada em operação, 15 anos. O su57 já têm 11 e ainda não entrou. Acho que a comparação foi muito válida. Por curiosidade, o eurofighter tem 5 clientes, externo aos 4 fabricantes, e levou 9 anos entre o primeiro vôo e a entrada em operação. O… Read more »

Paulo

No fim a Rússia vai comprar um total de 10 unidades e vai conseguir vender no máximo 5, tamanho fracasso que é.

Fábio de Souza

A Sukhoi sempre desenvolve ótimos caças , com certeza essa Noticia , vai agitar o mercado de armas já que os Russos , pretende exportar . Estou ansioso pra ver esse caça voando .

Pedro Sousa

É a mesma situação do Gripen F. A Suécia não vai usar biposto. Só a fab topou comprar as únicas 8 unidades do modelo biposto

MFB

Esse desenvolvimento está mais lento que obra de igreja.

Adriano Madureira

Bem,no desenho é bonito,eu já acho uma aeronave grande,biplace ficará maior ainda…

E certamente poderá ganhar outra utilidade como um operador de drones…

comment image

comment image

Adriano Madureira

Acredito que os russos terão no máximo estourando,2-3 esquadrões de SU-57 e olhe lá…

Fora que elas não são aeronaves primordiais, é como nos eua : Eles enviam suas aeronaves stealths para atacar as defesas antiaérea de um país e depois de não haver mais ameaças contra suas aeronaves e dos aliados, saem de cena para dar lugar as aeronaves 4G,são elas que fazem o resto do serviço.

Denis

Olá, Adriano. Sei que eles vão comprar, sim, porque já foi desenvolvido e não querem admitir um fiasco; mas o que quero dizer é que eles aparentam não por mais tanta fé nesse avião. Abraço.

Last edited 1 mês atrás by Denis
Jodreski

Olha… pelo meu ponto de vista há N motivos para os Russos querer vender o caça, vamos lembrar que o orçamento de defesa Russo é de uns 60 bilhões de dólares, o caça russo demanda muitos refinamentos, mas como sabemos pesquisa e desenvolvimento é caríssimo, e eu creio que o Su-57 só não é melhor pq falta muita grana aos russos. Comercializar ele seria uma maneira até de gerar capital para ser investido no próprio avião.

HUGO COSTA SOARES

E até agora isso não parece mais stelath que um gripen desarmado….

Salomon

Que grande oportunidade para o Brasil!

Salomon

Eu não completei a frase. Grande oportunidade para ficar quieto..

Salomon

Abs.

Heli

O avião já não é stealth, biposto entao…..

freitas

O N.G.A.D nem bem foi lançado e já ta fazendo estrago he he he

Last edited 1 mês atrás by freitas
Marcos Cooper

Brinca com isso não. Já vem os russófilos mimizentos encher o saco….kkkkkk

jonas123

O grande problema dos Russos é a dificuldade em obtenção de peças de reposição. Frequentemente canibalizam outros aviões ou MBTs para manter outros a funcionar. Esse é o principal problema de Países que adquirem armas da Rússia (não que a Europa seja melhor, muito dos Eurofighters estão no chão por falta de peças). Além desses problemas, falta de dinheiro para treinar, combustível etc reduzem a sua eficácia.

Últimas Notícias

Aeronave P-3AM Orion completa 10 anos de incorporação à FAB

A data marcou a modernização da Aviação de Patrulha, pois o modelo possibilitou a detecção, localização, identificação e, até...
- Advertisement -
- Advertisement -