segunda-feira, agosto 2, 2021

Gripen para o Brasil

Fábrica de aeroestruturas da Saab no Brasil recebe certificações AS9100 e ISO 14001

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

A fábrica de aeroestruturas da Saab no Brasil acaba de receber a certificação da AS9100, importante série de normas para a indústria aeronáutica. A planta da empresa, que fica em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, também recebeu a certificação ISO 14001, o que reforça o seu compromisso clientes externos e colaboradores.

Baseada na ISO 9100, a AS9100 corresponde ao sistema de gestão de qualidade de empresas da indústria aeroespacial, com requisitos específicos exigidos pela aviação civil, militar e operações espaciais. Já a ISO 14001 diz respeito ao sistema de gestão ambiental. Essas certificações têm como objetivo garantir que uma planta fabril atenda os requisitos de segurança, confiabilidade e conformidade.

“Mesmo com os desafios de implantar o GMS e uma cultura de qualidade em nossos colaboradores com os processos rodando, conseguimos fazer com que a equipe assimilasse as boas práticas para além da auditoria. Assim temos a certeza de que tudo está dentro do planejado e no mais alto nível de qualidade”, celebrou Larissa Lessa, gerente da Qualidade da fábrica de aeroestruturas da Saab no Brasil.

O processo de qualificação teve início em setembro de 2020 e as auditorias aconteceram entre abril e maio deste ano. Além de ser agora um fornecedor aprovado pela Saab, essa certificação também abre as portas para novas oportunidades de negócio.

DIVULGAÇÃO: Saab / Publicis Consultants

- Advertisement -

19 Comments

Subscribe
Notify of
guest
19 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Joli Le Chat

Segundo parágrafo: não seria baseada na ISO 9001, no lugar de ISO 9100?

Teropode

Na verdade ela é como se fosse a 9001 , mas especializada na qualidade de produtos aeroespaciais , engenharia de alta precisão .

Joli Le Chat

Exato.
Mas veja o texto da matéria:

“Baseada na ISO 9100, a AS9100 corresponde ao sistema de gestão de qualidade de empresas da indústria aeroespacial, com requisitos específicos exigidos pela aviação civil, militar e operações espaciais.”

Alfom

A AS9100 é uma norma de sistema de gestão da qualidade baseada na ISO 9001 com foco na qualidade aeroespacial. Seja para distribuidores, organizações de manutenção ou fabricantes, a certificação AS9100 serve de base para a segurança, confiabilidade e conformidade regulatória de seus produtos.

Foxtrot

Estão tentando justificar o enfeite do “pavão”.
Não tinha a mínima necessidade desta fábrica de aero estruturas da SAAB no Brasil, pois a Embraer já tinha as instalações e maquinário disponível.
A urgência do “desnecessário” mais uma vez colocou o Brasil numa furada.

João Adaime

Caro Foxtrot
Possivelmente esta fábrica faz parte das compensações financeiras (offset) que a SAAB tem de fazer ao Brasil pela aquisição do Gripen.
Eles teriam aproveitado para unir o útil ao agradável.
Como não tenho certeza, escrevo no condicional.
Abraço

PS: capacitar a Embraer para este mesmo serviço também seria offset.

Zorann

Quem pagou a fábrica fomos nós. Tudo isto veio incluso no preço. E assim que acabar a demanda, ela fecha, tão rápido quanto abriu.

O retorno (duvidoso) veio em impostos, geração de alguns empregos e capacitação desta mão de obra. Quanto mais pagamos por isso?

camargoer

Caro Zorann. N]ao necessariamente. Quem fabrica peças para um F39 poderá fabricar para um Phenon, para um KC390, para um trem de alta velocidade, seja lá o que for… dependerá da demanda.

Foxtrot

Caro Camargo, desculpa amigo, mas acho que viajou agora.
Da forma como estão fazendo hoje, o máximo que poderá acontecer é essa fábrica virar cervejaria EED (Empresa Estratégica de Defesa).
Depois não entendem como a Coréia do Sul por exemplo, ultrapassou o Brasil e deixou o mesmo no Chinelo.
Serão mais 500 séculos de escravidão para o Brasil, só que desta vez quem são os senhores de escravos são Suécia, Israel, Itália e Alemanha (por enquanto).

Foxtrot

Exatamente caro Zorann. Por isso bato tão forte contra essa balela de T.O.T. Nossos militares estão igual uma socialight baranga, que vai a Miame comprar bugigangas que são fabricadas localmente só porque é chique. Absurdo. Tudo que estão alardeando ai, fábrica de aero estruturas, compósitos e um monte de outros T.O.T,s nos já dominavamos aqui. E enquanto isso fecham a única fábrica de semicondutores (que é hiper estratégica para qualquer país que deseja se tornar nação). Onde está a estratégia nisso? Onde está a independência nestes programas militares nacionais? Só estão trocando o “escravo de dono”. Acho que os militares… Read more »

Aéreo

Transferir tecnologia de “mim para mim mesmo”….

Glasquis 7

Eu já tinha mencionado isso há algum tempo mas…
Com as Tamandaré vai ser igual.

Foxtrot

Já está sendo, e eu também já venho alertando há anos, e sendo malhado há anos.
O mesmo serve para Guaraní, novo 8×8, satélite SAR que compraram na calada da noite etc.
Brasileiro é o único povo que soma 2+3=4 e insiste na soma na esperança de um dia dar o resultado certo, porém ficam mudando a fórmula com os mesmos números.

Maurício.

Aéreo, se fosse a helibras o pessoal estaria criticando… Aliás, esse seu comentário é exatamente o que o pessoal usa para malhar a helibras, mas por algum estranho motivo, no caso da Saab, ninguém fala nada, a hipocrisia reina absoluta.

Aéreo

Existe um certo “encantamento” com a Suécia, uma parte deste encantamento se explica pela suposta neutralidade sueca. Existe uma visão é equivocada ao meu ver. A outra explicação é que há umas duas décadas o dinheiro de publicidade da SAAB irriga uma série de veículos de mídia no Brasil. A soma disto é este certo endeusamento de produtos suecos.  Eu particularmente não os acho ruins, a crítica não é no produto em si, mas nas condições, que ao meu ver são as mesmas de outros fornecedores internacionais. Os suecos são os neutros de conveniência, se o negócio pegar, eles fecham… Read more »

Foxtrot

Plano especial para brasileiro expertoooooo e malandro rsrs.

Moraes

Qual a politica industrial do Brasil? Pois é, sem um planejamento de longo prazo tudo se perde. Nós atiramos para todo lado e não acertamos nada. Numa sociedade que não se manifesta e busca o crescimento de todos os cidadãos, só existe conversa, seja na universidade, no boteco, aqui ou no congresso.

Renato

Pelos comentários de colegas sobre a transferência de tecnologia é balela, é isso é aquilo. Brasil começa não termina. Não vejo ninguém dizer que o problema não são dos países que firmam este tipo de contrato com o Brasil. Porquê se o Brasil de fato fizesse a sua parte, ninguém estaria chorando pelos cantos. O problema não está lá fora, está aqui dentro. SE O PAĮS INVESTISSE DE VERDADE EM TECNOLOGIA, NÃO SERÍAMOS TÃO ATRASADOS EM DEPENDER DE TRANSFERÊNCIA TECNOLÓGICA DE TERCEIROS. Aqui em vez de investir, a gente só escuta: Não tem grana para: SAÚDE, EDUCAÇÃO E SEGURANÇA. TUDO… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Renato
Snake

E quem disse que a embraer é brasileira? Em que mundo os senhores vivem? A embraer uma empresa de capital aberto que tem fábrica no Brasil, e ponto,qual seria a diferença entre fazer em uma fábrica da saab ou da embraer, nenhuma é brasileira, pode gerar empregos aqui e girar o dinheiro aqui, isso é fácil compra tudo de prateleira, navios chineses dando empregos pra chineses, caças norte americanos dando empregos pra norte americanos, mais que chororo pelo amor de Deus ponham em suas cabeças embraer NÃO é brasileira, gera empregos aqui

Últimas Notícias

Aeronave P-3AM Orion completa 10 anos de incorporação à FAB

A data marcou a modernização da Aviação de Patrulha, pois o modelo possibilitou a detecção, localização, identificação e, até...
- Advertisement -
- Advertisement -