terça-feira, junho 22, 2021

Gripen para o Brasil

Voa o primeiro F-16V da Grécia

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Como parte da primeira fase do programa de atualização do F-16 para a versão Viper da Força Aérea Grega, realizado pela Hellenic Aviation Industry e Lockheed Martin, o primeiro voo de teste da aeronave atualizada ocorreu no domingo, 17 de janeiro de 2021.

Durante o voo de teste, os sistemas atualizados da aeronave foram verificados com sucesso absoluto, dando o ímpeto para o bom andamento dos trabalhos do restante das aeronaves a serem da Força Aérea a serem atualizadas. As obras de requalificação decorreram dentro do calendário previsto, sem qualquer desvio.

As aeronaves serão a versão mais avançada da Europa, fortalecendo significativamente a força de dissuasão da Força Aérea Grega.

Nas difíceis condições decorrentes do longo período da pandemia de COVID-19, a atividade produtiva manteve-se ativa, comprometida com o objetivo de cumprir os cronogramas alcançados com absoluta consistência.

Em 2018, a Força Aérea dos EUA concedeu à Lockheed Martin um contrato no valor de US$ 996,775 milhões para a modernização de 84 caças F-16C/D Block 52+ da Força Aérea Grega para o padrão Viper F-16V Block 72, sob o programa dos EUA de vendas militares estrangeiras (FMS), até 2027.

 

Arte digital do F-16V Block 70

- Advertisement -

25 Comments

Subscribe
Notify of
guest
25 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Fabio Araujo

F16V e Rafale os gregos estão se reforçando, será que os turcos vão partir para a compra de SU-35?

Theo Gatos

Tem que ver ainda a posição do Biden sobre os turcos, acho que muita coisa pode mudar…
.
Sds

rui mendes

E f35.

Kemen

As melhores oportunidades a FAB pegou.

Fernando Turatti

Sim, tipo o efetivo gigante e as aposentadorias.

João Fernando

F5?

Antunes 1980

A primeira imagem não é a versão Bock 72 correto?

DSC

É sim.

https://theaviationist.com/2021/01/20/first-greek-f-16v-performs-maiden-flight-after-block-72-upgrade/
“…

The aircraft is the former F-16C Block 52+ with HAF serial 005 (USAF serial 06-0005) which was acquired through the Peace Xenia IV Foreign Military Sales program in 2005 and delivered in 2009 to the 335 Mira Tigris (“Tigers”) at Araxos Air Base. The aircraft was chosen to become the prototype for the Block 72 upgrade, which was performed locally by the Hellenic Aerospace Industries (HAI) at Tanagra Air Base, with the support of Lockheed Martin, beginning in January 2020.

…”

https://www.janes.com/defence-news/news-detail/first-flight-for-greek-f-16v

Last edited 5 meses atrás by DSC
Nerudarruda

block 72+ sem tanques conformais? (primeira imagem)

DSC

Sim.
Assim como os Block 50/52+ e os Block 60, os Block 70/72 podem voar com ou sem CFTs…

Saldanha da Gama

Fabricação aqui, se não engano… Abraços

Frederick

Na década de oitenta o congresso dos Estados Unidos não queria vender F-16 para o Brasil.
Na década de noventa ofereceram o F-16C/D com um BAFO tão ruim que foi eliminado junto com o Typhoon e Su-35 na primeiríssima fase do F-X. BAFO aqui de Best and Final Offer”.
No meio da década de 2010, enfim, foi seriamente considerando para ser… caça tampão.

Não consigo recordar quando que a FAB teve uma oportunidade com o F-16 que pode ser considerada perdida.

Funcionário da Petrobras

Faço das suas palavras as minhas, se falar no alto custo que teríamos ao operar a plataforma.

JEFFERSON FERREIRA

Se um dos maiores orçamentos em defesa do mundo acha caro operar um dos caças mais baratos do mundo, está na hora de repensa em ter uma força aérea… melhor encerrar de vez porque de FORÇA aérea não temos nada…

João Fernando

F16 ruim? Parece aqueles caras virgens com 40 anos reclamando de mulher. Não dá

Frederick

Oferta de negócio ruim. Foi o que escrevi e você não entendeu.

Fernando Turatti

Agora, além de não lerem o que escrevemos, vão além e leem o que não escrevemos.

Victor

A resposta é NUNCA

Frederick

Não escrevi que é um vetor ruim. Escrevi que em nenhum momento serviu aos propósitos do Estado brasileiro e nem esteve disponível para venda quando eventualmente servia, pois não atendia aos interesses do Estado estadunidense. Ambos sabemos disso. Poderia escrever um a um ou em bloco a razão desses 25 países utilizarem o vetor. Até mesmo porque liberaram para a Venezuela em 83 mas não para nós. Nenhuma delas tem razões similares, nem parecidas, às que o Brasil poderia ter. A não ser que, do mais completo nada, apareçam bilhões e bilhões de dólares no orçamento da Defesa destinados a… Read more »

Frederick

(Risos) Roberto, você é revigorante.

De volta ao tema, creio que não custa sonhar.

f-16 fab.jpg
Theo Gatos

Eles ainda devem usar algumas peças retiradas do 52+ advanced que estão sendo elevados ao 72+, para fazer um pequeno upgrade nas outras células 50+ para 52+ advanced dentro do mesmo programa..
.
Sds

m. wolf

os EUA sempre negaram a FAB o seu melhor. a FAB quis e foi negado F-86, F-4 e F-16. aproveitou corretamente o F-5 que se provou hj a escolha certa.

nonato

1 bilhão para elevar à ultima versão?
84 caças?
Não valeria a pena o Brasil comprar uns usados baratos e atualizar?
Sei que todo mundo vai dizer que é melhor se concentrar no gripen…
Falo mais a título de oportunidade e custo x benefício…
Geralmente F 16 usado é barato

Theo Gatos

O F16 barato é de versões que talvez apenas US$ 1 Bi não eleve ao padrão 72+…. Acho que abaixo de determinada versão nem é viável economicamente o upgrade… Os gregos eram Block 52+ Advanced e eles fazem a atualização na planta que a Lockheed tem com a HAI na Grécia, derrubando o custo da mão de obra quando comparada com as plantas americanas (e eles têm expertise pois a HAI é a fabricante estatal responsável por vários processos de manutenção e montagem da HAF)
.
Sds

nonato

Obrigado pela resposta.
Realmente nem sempre há almoço grátis.
1 bilhão para 84 caças.
Dá uns 12 milhões por caça.
Realmente talvez os F 16 baratos sejam aqueles do deserto, ou muito velhos ou de versões iniciais.
Falei mais a título de debate.
Às vezes surgem boas oportunidades como foi o caso do Atlântico…

Reportagens especiais

Poder Aéreo no Cavanaugh Flight Museum

Visitamos recentemente o Cavanaugh Flight Museum (CFM) no norte de Dallas, no Texas, para conhecer um pouco mais da história da...
- Advertisement -
- Advertisement -