Home Aviação de Ataque Presente de Natal da Força Aérea Russa

Presente de Natal da Força Aérea Russa

6370
102

Foram divulgadas imagens e vídeos do primeiro caça furtivo russo Su-57 de produção, com o número de série 01, que fez seu voo inaugural em 25 de dezembro.

Após uma série de atrasos e contratempos, a Rússia parece ter acelerado o desenvolvimento do Su-57.

Embora cerca de 10 protótipos tenham sido fabricados, o plano é fabricar mais quatro jatos Su-57 em série até 2021 e avançar para cerca de 10-12 jatos por ano a partir de 2022, de acordo com vários informes.

O ministro da Defesa russo, Sergei Shoigu, disse ao conselho do departamento militar que até o final de 2024, 22 caças Su-57 serão enviados para as forças aeroespaciais.

O contrato, assinado em 2019, prevê a entrega de 76 Su-57s até 2028.

Subscribe
Notify of
guest
102 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Matheus
Matheus
30 dias atrás

O bicho é lindo demais!

DOUGLAS TARGINO
DOUGLAS TARGINO
Reply to  Matheus
30 dias atrás

Com certeza. Todos aviões russos parecem ser bem mais potentes e caras de mau com seu design. Embora isso não signifique nada, mas equipamento russo sempre parece ser mais potente kkkk

Jadson Cabral
Jadson Cabral
Reply to  DOUGLAS TARGINO
30 dias atrás

E olha que equipamento russo não tem muita fama de ser bonito e sim robusto. Mas esse bichão é bonito, viu?!

Agressor's
Agressor's
Reply to  Matheus
29 dias atrás

Diferente de um certo abacaxi ai, que além de não funcionar direito lembra uma varejeira!

Marcos Cooper
Marcos Cooper
Reply to  Agressor's
29 dias atrás

E aí? Funciona?

Entusiasta Militar
Entusiasta Militar
Reply to  Matheus
28 dias atrás

É Sr bicho pra você camarada, mostre respeito ao melhor caça da atualidade que com certeza vai desbancar ou ja desbancou o Raptor …

Bastava uma dúzia deles no Brasil e não precisaríamos nem comprar de um 2º ou 3º lotes de Gripens

Tenho pena das chinetes daqui do blog que morrem de inveja dos equipamentos russos e tem se contentarem com copias baratas xing ling kkkkk

Last edited 28 dias atrás by Entusiasta Militar
Pablo
Pablo
Reply to  Entusiasta Militar
27 dias atrás

com base no que tu diz que o SU-57 é o melhor caça da atualidade? e melhor no que exatamente????

Last edited 27 dias atrás by Pablo
Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
30 dias atrás

Eles fizeram um “limpa” naquelas frestas e rebites, tá liso a fuzelagem!

gordo
gordo
Reply to  Vinicius Momesso
30 dias atrás

Foi o que notei também. Isso se explica muito pela filosofia Russa /Soviética de ira resolvendo as coisas em seu devido tempo, primeiro colocaram o bicho pra voar e aos poucos resolvem os problemas e aprimoram. Essa metodologia foi aprendida e aprimorada na segunda guerra, trocavam o pneu com o carro andando. Provavelmente graças ao aprendizado da segunda guerra eles não optaram por uma aeronave tão furtiva e consequentemente cara de se produzir e de se manter. O serviço mais salgado de ataque vai ficar a cargo de drones furtivos e misseis de cruzeiros.

Evgeniy (RF).
Evgeniy (RF).
Reply to  gordo
30 dias atrás

Absolutamente não.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Evgeniy (RF).
30 dias atrás

Você já acessou o site MilitaryRussia.ru?
Se sim, as informações são confiáveis?

Evgeniy (RF).
Evgeniy (RF).
Reply to  Vinicius Momesso
30 dias atrás

Eu compareci. E conversou com o dono. Uma pessoa famosa aqui.
Informações bastante adequadas para a maior parte. Mas retirado de fontes abertas. E muitas vezes essa é a opinião pessoal do dono do site, às vezes nem sempre verdadeira.

Mirade1969
Mirade1969
Reply to  Vinicius Momesso
29 dias atrás

Eram protótipos agora este é o de série com as modificações testadas nos dez protótipos.

Johnny
Johnny
30 dias atrás

Isso mesmo. Façam bastante alvos para os gripens suecos, caçadores de sukoi.

Johnny
Johnny
Reply to  Johnny
30 dias atrás

Aposto que o mesmo cara que nagativou os elogios ao sukoi do Maheus, Douglas e Vinicius, negativou minha crítica. Esse aí num erra nunca, tá sempre dos dois lados. kkkkkkkk

pangloss
pangloss
Reply to  Johnny
30 dias atrás

Esse negativador tem que manter a coerência.

Teropode
Reply to  pangloss
29 dias atrás

Robôs não possuem sensibilidades .

Peter nine nine
Peter nine nine
Reply to  Johnny
30 dias atrás

LOL

Pablo Maroka
Pablo Maroka
Reply to  Johnny
29 dias atrás

Nos documentários que vi da Saab em forma de animação, eles são alvos fáceis para os Gripens.

Marcos Cooper
Marcos Cooper
Reply to  Johnny
29 dias atrás

Sei não, hein. Arrisca ter mais Gripen E operacionais do que esse Su-57.

Agressor's
Agressor's
Reply to  Marcos Cooper
29 dias atrás

A Rússia é uma nação Carlos Cooper. O braziu é somente um país, um lugar onde diferentes povos se reuniram. O povo da Rússia se leva a sério, lá se dão ao valor e ao respeito. Impérios como o de Napoleão e o do Terceiro Reich descobriram isso da pior forma. Eles acharam o mesmo que vc mas sucumbiram caídos aos pés da capital de conquista-lá, enquanto que em nossa republiqueta apenas um mala de propina é o que basta prá toma-lá, sem a necessidade de ter que dar um único tiro. Nós somos a terra da farra do boi.… Read more »

Last edited 29 dias atrás by Agressor's
Fabrício
Fabrício
Reply to  Agressor's
27 dias atrás

A pessoa começa a falar de nação sem e menor ideia do que se trata. A Rússia é um Estado multinacional, isto é, com muitas nações, entre tártaros, tchetchenos e tantos outros grupos, das quais a maior é russa (80% da população), assim o “país” Rússia é constituído por muitas nações e não pode ser, de um ponto de vista factual, “uma” nação. O Brasil sim, apesar das diversas origens étnicas do povo Brasileiro, pode-se grosso modo dizer que é uma nação: fala-se a mesma língua em todos os lugares do país o que é um dos elementos definidores da… Read more »

Last edited 27 dias atrás by Fabrício
Antoniokings
Antoniokings
30 dias atrás

E o caça mais leve da Rússia é o Mig-29, que é bem grande.
Rússia é isso.
Força! Poder!

Adriano RA
Adriano RA
Reply to  Antoniokings
29 dias atrás

Os russos preferem os caças com grande alcance. Faz todo o sentido. De um dia para outro, podem ter que lidar com inimigos sobre o Alaska, sobre a Polônia, sobre o Japão, sobre a Turquia…. O Mig-29 até fazia sentido no contexto da guerra fria, para equipar regimentos no leste europeu e países aliados. Já não faz mais…

Veiga 104
Veiga 104
Reply to  Adriano RA
29 dias atrás

Perfeito. Disse muito em poucas palavras.

Paulo Drusnam
Paulo Drusnam
Reply to  Antoniokings
27 dias atrás

Coitado do Kings, deve estar tomando vodka vinda do Paraguai

Rui Chapéu
Rui Chapéu
30 dias atrás

É impressão minha ou colocaram um DAS nele parecido com o sistema do F-35?

Na segunda foto, logo após o canopy tem uma antena, embaixo dela tem um treco parecendo um espelho….

E na quinta foto aparece do outro lado tb, atrás do canopy, em cima daquele calombo…. o mesmo treco parecendo um espelho…

Alguém sabe qual é esse sistema?

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Rui Chapéu
30 dias atrás

Com certeza tem muita coisa do F35 no Su57. Talves se eles pensassem tudo do zero, ainda seria um protótipo. Se a China encomendar alguns, pode ter certeza que o J20 não é tudo isso o que eles falam.

Matheus S
Matheus S
Reply to  Rui Chapéu
30 dias atrás

Se você diz sobre os visores na coluna dorsal e na fuselagem dianteira sob o caça, se trata do 101KS-O, um sistema DIRCM.

jbqjunior
jbqjunior
Reply to  Matheus S
29 dias atrás

Interessante. Eu não conhecia esse sistema de contramedidas de infravermelho. Ele utiliza Laser pra cegar os sensores infravermelhos de mísseis? Algum outro caça utiliza sistema semelhante?

Matheus S
Matheus S
Reply to  jbqjunior
29 dias atrás

Ele utiliza Laser pra cegar os sensores infravermelhos de mísseis?”

Sim.

“Algum outro caça utiliza sistema semelhante?”

Não. O Su-57 é o primeiro a utilizar. Antes era empregado apenas em helicópteros e aeronaves de transporte militar e civil(aviões presidenciais).

Bosco
Bosco
Reply to  Matheus S
29 dias atrás

Na versão Block IV o F-35 deverá receber m DIRCM denominado Threat Nullification Defensive Resource 

Matheus S
Matheus S
Reply to  Bosco
29 dias atrás

O F-35 receberá o sistema DIRCM ThNDR provavelmente apenas na versão Block V e isso deve ser lá para 2028-2030.

O DoD está monitorando a tecnologia para uma possível integração futura, embora ainda não haja nenhum requisito formal de ThNDR para o F-35. Jeff Palombo, um funcionário de alto cargo da Northrop Grumman disse que o ThNDR também pode ser colocado em outros caças como o F-15.

DSC
DSC
Reply to  Rui Chapéu
29 dias atrás

Rui,
como já o Matheus muito bem disse, nessas duas janelas esféricas estão as duas torretas de DIRCM do Su-57.comment image
O nome/designação é 101KS-O e são parte da suite eletro-óptica 101KS “Atoll” da aeronave.
comment image

https://pbs.twimg.com/media/EDwiYl3U0AAVNvT?format=jpg&name=large

http://www.su57.mariwoj.pl/big/su57-T50-11-description.jpg

Não há nenhum sensor/sistema no Su-57 que seja totalmente equivalente e comparável ao AN/AAQ-37 EODAS do F-35. 

Last edited 29 dias atrás by DSC
Matheus S
Matheus S
Reply to  DSC
29 dias atrás

Muito obrigado pelo complemento.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
30 dias atrás

O poder aereo não vai divulgar nada sobre o vôo de estréia do MC-21 com os novos motores PD-14 feitos 100% na Rússia? Lá é visto com um avanço e tanto.

Last edited 30 dias atrás by Vinicius Momesso
Funcionario da Comlurb
Funcionario da Comlurb
30 dias atrás

Segue abaixo um texto bem interessante sobre a motorizacao do SU-57 : ” O motor desenvolvido especificamente para o Su-57, conhecido como Izdeliye 30 (literalmente Produto 30), mas, como o motor ainda não está pronto para produção e testado apenas em um protótipo anterior, a aeronave ainda está usando o Saturn AL-41F-1 , derivado do motor do Su-35 Flanker E. O Produto 30, que deve fornecer 18.000 kgf de empuxo em vez dos 15.000 kgf do motor atual, é suposto ser mais eficiente do que os projetos anteriores e capaz de dar ao caça uma velocidade máxima superior a Mach… Read more »

Last edited 30 dias atrás by Funcionario da Comlurb
Pedro Bó
Pedro Bó
30 dias atrás

Parece saído direto de Macross/Robotech.

Habibis
Habibis
30 dias atrás

Típico produto russo. Bonito na foto mas na hora do pega pra capar não aguenta nada. Desde a segunda guerra levando uma sova dos oponentes ocidentais

Last edited 30 dias atrás by Habibis
Matheus Augusto
Matheus Augusto
Reply to  Habibis
30 dias atrás

Falou o grande especialista.

Habibis
Habibis
Reply to  Matheus Augusto
29 dias atrás

A história prova isso. Nos confrontos os Russos levam a pior. Estude mais um pouco.

Jorge
Jorge
Reply to  Habibis
29 dias atrás

“a história (com “h”) prova isso (…)”. Verdade! A galera não lê e menos ainda estuda… pra começar, não sabem que a Luftwaffe e a Wehrmacht venceram todas as batalhas contra os russos dominando suas forças, invadiram a Rússia entrando dentro de Moscou e ganharam a 2ª guerra mundial!!!

cerberosph
cerberosph
Reply to  Habibis
29 dias atrás

Tá sabendo em… Que o diga os alemães e os japoneses

PauloR
PauloR
Reply to  Habibis
29 dias atrás

Vc não sabe nem onde fica a Rússia e quer dar palpite sobre o avião ser bom ou não?

Habibis
Habibis
Reply to  PauloR
29 dias atrás

Segunda guerra mundial a Luftwaffe com alguns BF109 dizimou a aviação russa com seus Pobres Yak, destruindo 15% da sua aviação só em Stalingrado.

Guerra da Koreia o F86 tem o Kill Rate menor que os migs.

Guerra do Vietnam fizeram ensopado de migs 19 e 21.

Guerra dos 6 dias os Mirage III humilharam os países árabes com seus aviões russos.

Guerra do Golfo Sadan passou vergonha com os mig 23 e 29.

Enfim a historia é longa… continue negando a história russianboy

Last edited 29 dias atrás by Habibis
Pablo Maroka
Pablo Maroka
Reply to  Habibis
29 dias atrás

O comunismo é triste, todos nos sabemos.

MFB
MFB
Reply to  Habibis
29 dias atrás

A aviação russa sempre foi de segunda linha. Por isso se especializaram tanto nos sams

Mirade1969
Mirade1969
Reply to  Habibis
29 dias atrás

Mais um tretista que não sabe de nada. coitado dele.

Fabio Araujo
Fabio Araujo
30 dias atrás

Esses já estão equipados com a nova grade na entrada de ar? Foram projetadas para reduzir o sinal de radar das lâminas do compressor do motor!

Captura de tela de 2020-12-26 13-45-31.png
Joao Moita Jr
Joao Moita Jr
29 dias atrás

Não foi esse o projeto ao qual a Rússia tinha convidado o Brasil?

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Joao Moita Jr
29 dias atrás

Sim, mas só se a FAB adquirisse o Su-35. Como o Gripen ganhou, ficou para una proxima.

Teropode
Reply to  Vinicius Momesso
29 dias atrás

12 destes para defesa aérea em Goiás seria interessante .

Clésio Luiz
Clésio Luiz
Reply to  Joao Moita Jr
29 dias atrás

Convidaram alguns. O único que aceitou foi a Índia que se arrependeu e abandonou o projeto.

Teropode
Reply to  Clésio Luiz
29 dias atrás

Acredito que a Índia tinha era pressa , pulou fora para adquirir com urgência os Rafales , certamente o derivado deste Su57 ficaria pronto por volta de 2025 ou mais , eles não poderiam esperar , a saída deles acabou favorecendo o projeto pois os russos se concentraram nele sem risco de ingerência . Mas acredito que em 6 anos a Índia fará um acordo para retornar ao desenvolvimento do derivado de cabine dupla , sairá mais barato .

Matheus S
Matheus S
Reply to  Teropode
29 dias atrás

Também acredito nisso.

Os indianos provavelmente se arrependerão de terem abandonado o projeto. Vale destacar que o Su-57 de hoje não é o mesmo que os indianos recusaram. Assim que o Su-57 atingir a maturidade pois irá melhorar constantemente a cada novo lote, o primeiro grande pedido de um cliente externo provavelmente virá dos indianos.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Matheus S
29 dias atrás

Li em Blog russo que estaria sendo montado um Su57 para avaliação pela Força Aérea da Índia. Até onde isso é verdade, não sei.

Matheus S
Matheus S
Reply to  Vinicius Momesso
29 dias atrás

Acredito que isso não seja verdade. A Índia mostrou algum interesse no caça Su-57 da Rússia, embora, como a aeronave ainda não entrou em serviço, Nova Delhi provavelmente aguardará e avaliará seu desempenho antes de fazer qualquer compromisso. Certamente os indianos estão considerando a exploração de um lote inicial assim que o Su-57 estiver “pronto para uso” para avaliar suas capacidades, antes de firmar um contrato de produção conjunta. O caça que fez o voo inaugural no dia 25 de Dezembro, foi entregue no final de Novembro e esse primeiro lote de caças Su-57 será usado para testar armas hipersônicas… Read more »

Teropode
Reply to  Vinicius Momesso
28 dias atrás

Certamente há tratativas em secreto , a parceria entre os dois é histórica .

Teropode
Reply to  Matheus S
28 dias atrás

Não é um caso de se arrepender , eles precisavam de uma plataforma excepcional para fazer frente aos chineses , então partiram para oque já estava pronto, veja que entre assinatura e entrega dos Rafales foi apenas 3 anos , foi pressa e não por questionar as qualidades do SU57 . Isso causou ódio nos patéticos de plantão .

100nick-Elâ
100nick-Elâ
Reply to  Clésio Luiz
29 dias atrás

Por pressões políticas. A subserviência da India existe, não tanto quanto a do Brasil, mas existe graças a eficiente propaganda realizada desde os tempos do Império Britânico.

sj1
sj1
29 dias atrás

Avião bonito, mas que pintura mais feia eim …

Teropode
29 dias atrás

No momento é o mais belo caça Russo , superou o SU34 , esta camuflagem ficou show .

MGNVS
MGNVS
29 dias atrás

Analisando as fotos ja se percebe uma grande mudança no acabamento da aeronave, com um design bem mais limpo em sua fuselagem. O SU-57 pode ate nao ser um stealth puro sangue igual o F-22, mas dificilmente outro caça que nao seja americano ira supera-lo. Vejamos como evoluem os caças chineses.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  MGNVS
29 dias atrás

Saberemos se os Chineses fizerem algumas encomendas, o que denunciaria algum defeito no J-20.

Last edited 29 dias atrás by Vinicius Momesso
MGNVS
MGNVS
Reply to  Vinicius Momesso
29 dias atrás

Sim… eis o problema da China… falta de informacoes concretas sobre o desenvolvimento dos caças stealth deles… MAS… se forem confirmadas as noticias sobre o furto de dados do F-35 por hackers chineses entao os avioes deles devem estar quase no mesmo nivel dos caças americanos… diferente da Russia que esta desenvolvendo o SU-57 aos poucos e a partir do zero.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  MGNVS
29 dias atrás

Talvez o grande Drawback do J20 seriam os motores(não adianta apenas estar com o projeto completo em mãos). Provavelmente o Su57 já estará com motorização adequada primeiro que o J20.

Léo Neves
Léo Neves
29 dias atrás

Gostaria de saber até onde os 6 radares dele são úteis,se é um investimento que vale a pena e quais vantagens trazem para um caça stealth.
Esse modelo de produção está bem mais bem acabado que os protótipos só falta os motores agora.

Joanderson
Joanderson
29 dias atrás

Fico imaginando oq os russos não seriam se tivessem um pib do tamanho do Alemão.
Os caras fazem milagres com o orçamento que possuem.

Andre
Andre
29 dias atrás

E falam do desenvolvimento do f35, chamavam de jaca o Rafale, que 180 f22 é pouco….entra ano e sai ano e quiçá vão fazer 4 ano que vem. Até lá a China já vai ter duas centenas de j20, o Japão e a Coreia, quase uma centena de f35 cada. Vamos ter 36 gripen antes da Rússia ter 36 su57.

Imagino a saudades que deve dar da urss….

Last edited 29 dias atrás by Andre
Clésio Luiz
Clésio Luiz
Reply to  Andre
29 dias atrás

No caso do F-22, os 187 são poucos mesmo. Fossem apenas para defesa do país, estaria de bom tamanho, mas a USAF espalhou eles ao redor do globo em pontos de interesse, então o cobertor ficou curto. Dos 187, alguns deram pt. Alguns estão em rotação para manutenção e alguns são reservados à treinamento. Então menos de 120 estão na linha de frente, espalhados mundo afora. Isso significa uns 18 (tamanho de um esquadrão) no Japão, uns 18 no Oriente Médio, uns 18 na Europa, e por aí vai. Isso levou a USAF a gastar uma boa grana modernizando 200… Read more »

Last edited 29 dias atrás by Clésio Luiz
Andre
Andre
Reply to  Clésio Luiz
29 dias atrás

Se 187 f22 são insuficientes, o que dizer de 76 su57 sabe-se lá quando?

Eu sempre vi o f35 ser propagado como substitutos dia f-teen, nunca vi como substituto do f22, mas como um avião complementar a ele. Você poderia compartilhar onde viu isso?

Clésio Luiz
Clésio Luiz
Reply to  Andre
28 dias atrás

Eu diria que a Rússia irá adquirir mais do que esse 76. Mas eles estão quebrados agora. Ano passado estava rolando uma conversa de calote governamental dessa dívida. Quem iria se **der seriam os bancos russos.

Já sobre o F-35, comessou com a Lockheed e logo após. os fanboys, querendo dar ao avião missões e capacidades para as quais ele não foi concebido.

A muitos anos atrás tinha por aí propagandas da Lockheed enaltecendo as virtudes do F-35 na arena ar-ar, Não sei agora te apontar para algumas delas nesse sentido, já que fazem muitos anos que li a respeito.

Andre
Andre
Reply to  Clésio Luiz
28 dias atrás

Independente do motivo, ~180 f22 dão conta e são suficientes. Não existem aviões em quantidade para fazer frente a ele.

Sobre o F35, confesso que nunca vi, nem da Lockheed nem do mais fervoros fanboy, qualquer menção sobre substituir o f22. Compartilha uma com a gente?

Mesmo que a Loockheed tenha feito propaganda sobre suas capacidades ar-ar, isso não quer dizer qe ele poderia substituir o f22, assim como o f16 não substituiu o f15, mesmo ele sendo muito capaz na arena ar-ar.

Last edited 28 dias atrás by Andre
Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Andre
29 dias atrás

O caça equivalente ao Gripen E, a Rússia já tem em grande quantidade. Compare quando a SAAB tiver pronto com seu 5g.

Last edited 29 dias atrás by Vinicius Momesso
Andre
Andre
Reply to  Vinicius Momesso
29 dias atrás

Desculpe-me Vinícius, não fui muito claro. Estou comparando o ritmo de entrega (ou não entrega) do su57 à Rússia e do gripen ao Brasil. Se você frequenta o fórum há algum tempo deverá ter visto muitas críticas ao ritmo previsto de entrega do gripen ao Brasil, e a notícia mostra um ritmo ainda mais lento das possíveis entregas do su57. Qualquer avião de 5 geração deve ser muito superior a qualquer avião de geração anterior. Espero que agora tenha ficado bem claro. Apenas por curiosidade, a qual avião você se refere e qual é a grande quantidade? Imagino que o… Read more »

Joanderson
Joanderson
Reply to  Andre
29 dias atrás

N precisa de su 35 para combater o Gripen os su 30 e MiG 29 já fazem isso.

Andre
Andre
Reply to  Joanderson
28 dias atrás

o Mig 29 e seu impressionante histórico 1:3, tendo sido o único avião de caça abatido pelo su27 não tem muita chance contra o F39, o su30 deve ser um adversário mais difícil, mas o f39 não deve ter tantas dificuldades. Recomendo você ver a simulação feita aqui no blog.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Andre
28 dias atrás

A Rússia opera três Multirole fighters: Mig-29, Su-30 e Su-35, que somados são mais do que o Japão opera.

Andre
Andre
Reply to  Vinicius Momesso
28 dias atrás

O mig29 fez feio em todos os combates que participou, inclusive entre Etiopia e a Eritreia.

Mesmo assim, o Japão tem também grandes quantidades de versões de f15 e f16. Sem apoio da China ou sem seus ICBMs, a Russia seria incapaz de qualquer ameaça ao Japão.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Andre
28 dias atrás

Então quer dizer que a Rússia é militarmente inferior ao Japão? Jaspion, Giban e Goku são formidáveis adversários a qualquer país.

Andre
Andre
Reply to  Vinicius Momesso
28 dias atrás

Está difícil a leitura e compreensão de texto hein? Vou tentar ser mais claro: excluindo os ICBMs, a Rússia não é capaz de ter superioridade aérea nem sobre o Japão. Ela não tem superioridade numérica nem qualitativa sobre a força aérea japonesa.

Ao invés de se fazer de engraçado, você poderia contestar com fatos, ou como diz o Bosco: contra argumentos não há fatos?

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Andre
28 dias atrás

Mas uma guerra não se ganha apenas pelo ar. Que experiência tem a força aérea japonesa pós Segunda Guerra? Nenhuma!
Se a experiência de um piloto não valer nada, não sei o que mais vale.

Andre
Andre
Reply to  Vinicius Momesso
27 dias atrás

Realmente uma guerra não se ganha pelo ar mas uma guerra total entre Rússia e Japão não irá acontecer. Se você soltar as pedras e não deixar sua paixão pela urss atrapalhar sua leitura, verá que em nenhum momento falei que o Japão ganharia uma guerra da Rússia. Os ICBMs impedem uma guerra total.

Ainda bem que os antigos su27 ainda estão fazendo número, se contarmos apenas os verdadeiramente capazes su30 e su35, o número cai para 235, menos que os japoneses.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Andre
27 dias atrás

Engraçado que o F15C está no inventário japonês a mais de 40 anos, ou seja, você não pode dizer que o Su-27 é velho. Tanto o F2(F16) quanto o Su30, foram introduzidos no mesmo ano(1996). Então seu argumento sobre força aérea velha cai por terra!

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Andre
27 dias atrás

A JASDF com seus F2/F15/F35, cerca de 238 aeronaves. Só de SU-27/30/35, a VKS tem a disposição cerca de 438. Pelo menos a superioridade quantitativa “foi para as cucuias”, pois a qualitativa enquanto não houver um confronto, é Super Trunfo.

Last edited 27 dias atrás by Vinicius Momesso
paulo
paulo
29 dias atrás

Off Topic: Não sei se é bom, mas o KAI FA-50 já está mostrando a que veio.
” FA-50PH Fighting Eagle Light Combat Aircraft Bombing ISIS”

https://m.youtube.com/watch?v=Ri8J8N2IzIw&feature=youtu.be

Sérgio Luís
Sérgio Luís
29 dias atrás

Completo ein!?!

sj1
sj1
29 dias atrás

Que pintura mais feia com esses pixels.

Antunes 1980
Antunes 1980
29 dias atrás

A versão inicial do SU-57 era patético, com frestas gigantes, parecendo um fiat uno 1986.
Além dos rebites iguais aos aviões da Segunda Guerra Mundial.
Talvez eles tenham notado que este péssimo acabamento gerou muitas dúvidas no ocidente.
Agora é ver se este vetor virá com o nível de acabamento atual.

Last edited 29 dias atrás by Antunes 1980
Antunes 1980
Antunes 1980
Reply to  Antunes 1980
29 dias atrás

Outro ponto relevante, é a falta de imagens dos compartimentos de misseis devidamente abertos.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Antunes 1980
28 dias atrás

Realmente aquelas arestas e rebites eram motivo de piadas e com razão. Imagens gravadas de um óculos de realidade aumentada de un dos funcionários da fábrica onde são montados os Su57 revelam o uso da tecnologia da Microsoft chamda Hololens, no qual melhoraria e muito o acabamento e velocidade de montagem das peças. No respeito as baias, se não me engano eles estão trabalhando em novo compartimento, provavelmente para acomodar uma gama de mísseis/bombas.

Joanderson
Joanderson
Reply to  Vinicius Momesso
28 dias atrás

Essa tecnologia da Microsoft os russos já tem ou ainda vai adquirir ?

Clésio Luiz
Clésio Luiz
Reply to  Antunes 1980
28 dias atrás

E desde quando rebite aparecendo é coisa de aeronave da Segunda Guerra?

comment image

Bosco
Bosco
Reply to  Clésio Luiz
27 dias atrás

Isso não são rebites. São painéis removíveis fixados com parafusos. Em operações de combate são cobertos por uma pasta de secagem rápida sobre uma fita vedadora.
Esses painéis não são removidos com frequência.

sj1
sj1
28 dias atrás

pintura mais feia 

thomaz.cwb
thomaz.cwb
28 dias atrás

Gostaria de participar do debate. A filosofia, o pensamento militar russo difere um pouco do ocidental, prezam robustez e praticidade ao invés da qualidade. Apesar de serem equipamentos tecnologicamente mais atrasados, são mais fáceis de construir e mais baratos. Pelo valor de um blindado ocidental, eles produzem 10 russos, em caso de uma guerra, enquanto os EUA produzem um F-35, eles irão produzir 10 Mig-35 ou 5 Su-57. Essa é a idéia, ter um parque fabril em que em uma eventual necessidade possam produzir em quantidade, pelo menos é o que foi visto ao longo da história. Em termos de… Read more »

Last edited 28 dias atrás by thomaz.cwb
Nilton L Junior
Nilton L Junior
28 dias atrás

Parabéns as forças armadas da RF, quem tem cacife mostra quem não tem blefa com “pórva”

Last edited 28 dias atrás by Nilton L Junior
Luiz Floriano Alves
Reply to  Nilton L Junior
28 dias atrás

A Russia investiu e avançou muito. Nada a ver com os projetos toscos da era Soviética. Melhores motores e melhor aniônica. . Os cientistas russos são muito competentes.

Junior
Junior
Reply to  Luiz Floriano Alves
28 dias atrás

Tem muita coisa soviética que a Rússia só esta colocando em operação agora, não o fizeram antes ou por falta de dinheiro na época ou porque a tecnologia não era madura o suficiente. Deixando as ideologias de lado, os cientistas, engenheiros e todo esse pessoal técnico, tanto americano, como soviéticos eram f@das, verdadeiros crânios, outro dia estava vagando pela net e vendo projetos antigos, tanto soviéticos, como americanos e tem cada coisa sensacional e que vendo vc sabe que um dia vai sair do papel quando aquela tecnologia necessária para tal for minimamente madura

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Junior
27 dias atrás

Sem dúvida.

TJLopes
TJLopes
27 dias atrás

Lembro-me bem de uns iludidos orfãos da URSS que teimavam que esse caça entraria em operação em 2012, pois bem, quem ri por último ri melhor.

Leonardo Rodrigues
Leonardo Rodrigues
Reply to  TJLopes
24 dias atrás

Ou ri atrasado. A Rússia tem um planejamento que quer por dinheiro/ou falta dele, quer por estratégia, nunca deixou de equipar suas forças, salvo o período de transição da antiga URSS para a Rússia moderna. Além disso, é a indústria bélica que vem mantendo o PIB junto com hidrocarbonetos e a indústria química. Vale lembrar que quase 70% do PIB russo advém de serviços. É esse modelo econômico que segura o bloqueio econômico americano. A Rússia, diferentemente dos EUA tem prioridades diferentes, enquanto os yanques precisam dar conta de várias escaramuças no mundo a Rússia age pontualmente em interesses específicos… Read more »