Home Abate Caça turco abateu Su-25 armênio, diz Ministério da Defesa da Armênia

Caça turco abateu Su-25 armênio, diz Ministério da Defesa da Armênia

3517
22
F-16 da Turquia

YEREVAN, 29 de setembro / RIA Novosti – Um F-16 turco abateu um Su-25 da Força Aérea Armênia, escreveu o secretário de imprensa do Ministério da Defesa da Armênia, Shushan Stepanyan, no Facebook.

De acordo com o representante do departamento, o F-16 decolou do aeródromo Ganja do Azerbaijão e cobriu os ataques a assentamentos e unidades do Exército Armênio perto de Vardenis, Mets Masrik, Sotk, que também foram atingidos pelos Su-25 do Azerbaijão e por drones Bayraktar turcos.

Stepanyan esclareceu que o F-16 turco penetrou 60 quilômetros na república.

A Turquia, por sua vez, negou as declarações de Yerevan sobre o ataque a um avião militar, informou a Bloomberg. Por exemplo, de acordo com Fahrettin Altun, chefe do departamento de comunicações da administração presidencial turca, as declarações sobre isso são “completamente erradas”.

O chefe do serviço de imprensa do Ministério da Defesa do Azerbaijão, Vagif Dargahli, chamou as declarações de Yerevan de uma mentira e uma fantasia da “máquina de propaganda militar armênia”.

A Turquia é membro do bloco da OTAN, a Armênia é membro do CSTO.

O embaixador da Armênia em Moscou, Vardan Toghonyan, disse à RIA Novosti que Yerevan ainda não se candidatou à Organização do Tratado de Segurança Coletiva sobre a situação em Nagorno-Karabakh, mas ressaltou que após o ataque turco a um avião militar, esta questão está sendo discutida.

Agravamento em Nagorno-Karabakh

Os confrontos em Nagorno-Karabakh aumentaram no final da semana passada. Baku e Yerevan se acusam mutuamente do início das hostilidades. A lei marcial e a mobilização geral foram introduzidas na Armênia. Homens entre 18 e 55 anos foram proibidos de deixar o país. Foi anunciado um toque de recolher no Azerbaijão e uma mobilização parcial foi realizada.

O conflito começou em 1988, quando a Região Autônoma de Nagorno-Karabakh anunciou sua retirada do Azerbaijão soviético. Depois de um confronto armado em 1992-1994, Baku perdeu o controle da região, bem como de sete regiões adjacentes. Desde 1992, estão em curso negociações para uma resolução pacífica do conflito no âmbito do Grupo OSCE de Minsk, chefiado por três co-presidentes – Rússia, Estados Unidos e França.

FONTE: Ria Novosti

Subscribe
Notify of
guest
22 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
João Vitor
João Vitor
2 meses atrás

Erdogan “Senhor do Mundo” vai tomar uma no estômago daqui a pouco.

Teropode
Reply to  João Vitor
2 meses atrás

Vai nada , vc se esqueceu que a bambilandia tá preocupada com invasão de imigrantes e a Rússia possuí histórico de deixar aliados se fud*** ?

Fabio Araujo
Fabio Araujo
2 meses atrás

As ações estavam limitadas as áreas em disputa que é dentro o Azerbaijão, se o caça turco entrou na Armênia isso pode levar o conflito para outro patamar!

Diogo de Araujo
2 meses atrás

Se tem uma coisa que os Su-xx são melhores que qualquer outro caça do planeta, é a de servirem como alvo. Todo mundo já abateu um caça desses falta só nós explodirmos um que tiver dando sopa lá na amazônia, de preferência com um meteor pra ver se funciona msm.

Last edited 2 meses atrás by Diogo de Araujo
DOUGLAS TARGINO
DOUGLAS TARGINO
Reply to  Diogo de Araujo
2 meses atrás

Problema é que todo mundo que derruba um avião desse, usa um outro totalmente superior! É mesma coisa de pegar um homem forte e bater em um magrinho que não consegue se defender.

Rodrigo M
Rodrigo M
Reply to  DOUGLAS TARGINO
2 meses atrás

SU-xx < Gripen NG

Fabio Araujo
Fabio Araujo
Reply to  Diogo de Araujo
2 meses atrás

Vamos com calma o SU-25 é um avião subsônico de ataque ao solo, não é um caça e é uma presa fácil para um F-16, não duvido que um
F-16 possa abater um caça SU-XX mas seria uma briga boa com ambos os caças tendo condição de vencer!

Felipe
Felipe
Reply to  Diogo de Araujo
2 meses atrás

Su-25 não é caça de combate aéreo. Não sabia?

Alexandre Cardoso
Alexandre Cardoso
Reply to  Felipe
1 mês atrás

Eu tb não sabia ou não lembrava de que o SU-25 não é caça de combate aéreo mas pelo jeito não é só eu o desinformado ou esquecido. Daí é fácil, o SU-25 ser abatido. O bom seria ver como o F16 se sairia contra um caça tb de combate aéreo.

Hank Voight
Hank Voight
2 meses atrás

Mais uma burrada para a conta do Sultão de Ancara, mas não dá para esperar nada diferente de um autocrata corrupto que deu um autogolpe de estado para ter a justificativa perfeita para perseguir e encarcerar juízes, jornalistas e militares legalistas

Jonny BR
Jonny BR
2 meses atrás

E mais uma vez Putin vai “peidar” pra dentro, acredito que ele prefira testar a reação da OTAN no norte da Europa do que mexer com o Sultão de Ankara.

Wagner
Wagner
2 meses atrás

Jamais saberemos se é fato a assertiva ou não. Como dizia o sábio: a primeira vítima da guerra é a verdade.

Teropode
Reply to  Wagner
2 meses atrás

Eu dúvido até deste conflito , isso é armação de iluminates .

BrunoW
2 meses atrás

Tanto o Presidente do Azerbaijão quanto Autoridades Turcas negaram algumas horas atrás que caças F-16 estão atuando na área..
Existe a possibilidade de ser o MiG-29 do Azerbaijão ou até mesmo fogo amigo.

Alexandre Cardoso
Alexandre Cardoso
Reply to  BrunoW
1 mês atrás

kkk, autoridades turcas até são capazes de negar que o Azerbaijão esteja usando drones de fabricação turca … Wagner: “… Como dizia o sábio: a primeira vítima da guerra é a verdade. “

Last edited 1 mês atrás by Alexandre Cardoso
Apostolo
Apostolo
2 meses atrás

Os armênios formam uma nação que está nessas região por mais de 4 milênios, mais tarde vieram os povos turcos juntamente ao islã e trouxeram de vez a escuridão à Armênia. É natural que num advento de guerra a Turquia apoie o Azerbaijão.

Blind Mans Bluff
Blind Mans Bluff
2 meses atrás

O problema eh que a Turquia ainda eh membro da OTAN, isso significa que tecnicamente, a OTAN atacou a Armenia.

Peter Nine-nine
Peter Nine-nine
Reply to  Blind Mans Bluff
2 meses atrás

Os membros da OTAN estão obrigados a responder em defesa dos restantes parceiros, não em acompanhar estes em devaneios. O que a Turquia faz, principalmente quando injustificado, é com a Turquia.

Se a Turquia for alvo de uma resposta, e essa resposta for justificada e/ou legal, a OTAN por si só não é obrigada a associar-se, no máximo ficando a decisão a cada um dos membros individualmente.

O ponto é, as acções dos membros da OTAN não são necessariamente acções da OTAN, a menos que sob orientação da mesma.

Marcos R
Marcos R
Reply to  Blind Mans Bluff
1 mês atrás

Não necessariamente, membros são responsáveis individualmente por atos de agressão que eles tomem, atacar a Turquia sem preocupação seria atacar a OTAN, não ocorre o mesmo se a Turquia for o agressor.

Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
2 meses atrás

Espero que o(s) tripulante(s) tenha(m) se salvado.

Zézinho
Zézinho
1 mês atrás

Contra os Gregos os otomanos recolheram mas contra Armênia meteram fogo. A diferença de quem está bem armado e quem não está.

mendonça
mendonça
1 mês atrás

alguem pode me dizer que míssil é esse do F-16 , o maior de cor branca .