Home Aviação de Ataque VÍDEO: Colaboração Real 3 – Episódio 7 – Os armamentos do Gripen

VÍDEO: Colaboração Real 3 – Episódio 7 – Os armamentos do Gripen

4031
97
Caça Saab JAS 39E Gripen voa com mísseis Meteor
Caça Saab JAS 39E Gripen com mísseis Meteor

Altamente versátil , o Gripen pode transportar diferentes armamentos para missões ar-solo, ar-mar e ar-ar conjuntamente.

O caça brasileiro é capaz de utilizar uma grande variedade de armamentos, dependendo da missão.

As cargas externas do Gripen E. Clique na imagem para ampliar
As armas e cargas externas do caça Saab Gripen E. Clique na imagem para ampliar
Subscribe
Notify of
guest
97 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Roberto
Roberto
2 meses atrás

Esse novo caça vai colocar o Brasil e a FAB em outro patamar, já imagino como serão os exercícios com outras grandes forças aéreas. É um grande salto para o Brasil .

Joelson
Joelson
Reply to  Roberto
2 meses atrás

Salto 15!
Top…

Karl Bonfim
Karl Bonfim
Reply to  Roberto
2 meses atrás

Tá chegando!!!

Alex prado
2 meses atrás

Demorou mas está chegando. Aos poucos vamos estruturando a nossa defesa aérea que mesmo com os veteranos e já cansados F-5M serviram e ainda servem na defesa do país mesmo não sendo o ideal. A FAB continua seguindo a sua função que é proteger o céu do Brasil.

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Alex prado
2 meses atrás

Na verdade estamos modernizando. A estruturação veio com o arranjo da estrutura como, bases aéreas, cobertura radar, aviões de alerta antecipado, apoio logistico e sistemas de comunição e controle.

Last edited 2 meses atrás by Cristiano de Aquino Campos
Joelisson
Joelisson
2 meses atrás

Vendo o chart de armas do gripen, imaginei que seria interessante para a FAB usar um mix high-low de mísseis bvr para o gripen. Uma combinação de meteor e Derby ( ou aim-120c).

GFC_RJ
GFC_RJ
Reply to  Joelisson
2 meses atrás

Eu também acho.
É excelente possuir o Meteor, mas ele é extremamente caro e não precisar ser utilizado em todas as situações, somente nas altas intensidades.
Um míssil BVR mais em conta cumpriria a missão em cenários de menores intensidades.

ADRIANO MADUREIRA
ADRIANO MADUREIRA
Reply to  GFC_RJ
2 meses atrás

mesmo assim,não comprá-lo seria burrice…

GFC_RJ
GFC_RJ
Reply to  ADRIANO MADUREIRA
2 meses atrás

Sim, mas eu não falei que não deveria adquiri-lo. Meteor é dissuasão pura. Apenas concordei com o rapaz que a aquisição combinada de armas que ele sugeriu, neste caso, faz muito sentido.

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  GFC_RJ
2 meses atrás

Verdade. Poderiamos fechar uma parceria com a Africa do Sul para fabricar junto com o A-darter o marlim que e similar ao Derbi Israelense. E mais simples e barato.
Más acho que eles vão preferir comprar poucos misseis de longo alcance e só ter misseis de curto alcance em maior quantidade.

Kemen
Kemen
Reply to  GFC_RJ
2 meses atrás

Também acho que se deve verificar qual é o melhor missil, ou seja, mais efetivo no que se propõe. Olhar apenas preço é complicado, o barato pode sair caro, quanto custa um JAS-39 ? Uma coisa que gostaria de comentar aqui, para os fãs do Rafale, eu também gosto desse caça, mas tal como ele é montado hoje. Na época do FX-2 o Rafale oferecido não podia entrelaçar os modos AA e AS. Também não podia fazer busca e fixar alvos terrestres com grande mobilidade. Tudo isso foi melhorado no Rafale atual, parabéns a FAB na minha opinião fez a… Read more »

Last edited 2 meses atrás by Kemen
GuiBeck
GuiBeck
Reply to  Joelisson
2 meses atrás

Exatamente. Vai ficar em Meteor / Derby para o bvr, e iris_t na arena visual. Tá excelente.

Marcelo Bardo
Marcelo Bardo
Reply to  Joelisson
2 meses atrás

Seria interessante se a indústria nacional conseguisse desenvolver um BVR. De repente em parceria com outro país. Assim, teríamos uma opção nacional em situação de necessidade (caso em alguma situação futura a compra externa fosse vetada).

Marcelo
Marcelo
Reply to  Marcelo Bardo
2 meses atrás

fomos convidados pela Africa do Sul a participar do desenvolvimento do Marlin da Denel, mas como a Mectron quebrou e a Denel esta mal, a chance eh pequena de acontecer alguma coisa.

Wellington Góes
Wellington Góes
Reply to  Marcelo
2 meses atrás

A Mectron quebrou?! Ou foi levada a quebrar pela FAB?! Outra, a Denel “indo mal das pernas”, hoje, não tem nada a ver quando o projeto foi proposto…
O aeroclube brasileiro não é parceiro confiável quando o assunto é desenvolvimento autóctone de armamentos inteligentes… Se hoje ainda temos indústria de armamentos nacionais, é por causa do EB e da MB, porque pelo Aeroclube….
No mais, essa web série é só pra enrolar desinformado…. Rsrsrs

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
Reply to  Wellington Góes
2 meses atrás

A Mectron havia sido comprada pela Odebrecht. O nome Odebrecht te sugere alguma coisa, ou precisa desenhar?

Jadson Cabral
Jadson Cabral
Reply to  Joelisson
2 meses atrás

Tendo em vista que um míssil BVR só seria usado em casos extremos e contra alvos de alto valor, eu não vejo problema no Meteor ser caro. Aliás, quando precisarmos usar o míssil BVR é melhor que ele seja o melhor do mercado. Portanto, esse argumento não faz o mínimo sentido.

Beto Santos
Beto Santos
2 meses atrás

Show de bola, não vejo a hora de termos o primeiro esquadrão pronto pra batalha mas se fosse eu o comandante geral da FAB eu manteria os F5 e montaria um esquadrão agressor pra fazer treinamento de nossos pilotos seria um grande diferencial de nossa força e nos tornaria muito letais mesmo com poucas aeronaves nossa taxa de abates seria bem alta.

Luiz Antonio
Luiz Antonio
Reply to  Beto Santos
2 meses atrás

Para viabilizar um esquadrão de agressores com F-5 vai ser difícil, pois as células existentes, salvo, rarissimas excessões já não se prestariam a esse tipo de aplicação devido à limitações estruturais. Os combates dissimilares terão que ser em simuladores mesmo.

Vitor
Vitor
2 meses atrás

Falta quase 1 mês pro primeiro vôo aqui. Certamente será um salto para a FAB. Torço muito por um segundo lote.

Ted
Ted
Reply to  Vitor
2 meses atrás

O desembarque no porto de navegantes deve ser pelo dia 15 de setembro

Pedro
Pedro
2 meses atrás

No video as armas sao top, mas ao chegar aqui vai usar é bomba dos anos 50 , foguete, AIM-9B e pod com metralhadora .50!

Joca
Joca
Reply to  Pedro
2 meses atrás

Mano vamos se apegar no patriotismo e não na hipocrisia

Pedro
Pedro
Reply to  Joca
2 meses atrás

Cara, cobre patriotismo aos militares de alta patente que entre $ para comprar misseis preferem comprar vinhos e carnes finas para seus almoços. Tenho 40 anos e nao sou uma criança bobinha como vc e 90% dos usuarios aqui que se iludem quanto aos nossos militares. Basta ver que enquanto nossos meios sao totalmente obsoletos e sucateados, as pensoes e beneficios dados ao oficialato superior segue a frente ate do primeiro mundo!

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
Reply to  Pedro
2 meses atrás

Amigo, antes de falar besteira, pesquise os armamentos atuais da FAB. E outra, se você está com raiva dos militares ou não aceita o atual status, tudo bem, você tem direito, até porque é contribuinte, mas esse não é o fórum para isso. Vamos nos ater à notícia e deixar os rancores para outro canal, tipo Folha, G1, Veja, 247, etc.

Pedro
Pedro
Reply to  Marcelo Andrade
2 meses atrás

Bom, qual “besteira” faleii? Diz ai. Os armamentos atuais da FAb sao esses que postei. Essa alegria e exaltaçao quanto a armamento ja passei por isso la nos anos 90 com o Amx, onde se falava em missil anti radiaçao, ar mar, ar terra e bomba guiada e o que vimos? Bomba burra, foguete e .50. O fato de um forum de assuntos militares da mais enfase ainda de aqui mesmo os critica-los. Nossos militares sao fraquissimos, ganham altos salarios e beneficios. Se aqui é forum de babar no saco deles, blz, coloquem isso bem claro que nunca mais volto… Read more »

Wilson Look
Wilson Look
Reply to  Pedro
2 meses atrás

Pedro, a FAB não usa atualmente misseis aim-9, atualmente o principal míssil WVR é o Python 4 seguido dos python 3 e MAA-1A Piranha, outro detalhe AMX usa canhões de 30mm DEFA, quem usa .50 é o Super Tucano.

Os armamentos que você postou estariam corretos se estivéssemos nos anos 70, hoje muita coisa mudou, a FAB tem míssil Derby BVR, tem bombas guiadas, tem míssil anti navio, no caso os Harpoons dos P-3. A MB sim opera misseis aim-9, no caso o aim-9H.

Vilela
Vilela
Reply to  Wilson Look
2 meses atrás

em que quantidades? … ter 30 mísseis operacionais… ou 100? dá uma olhada nas compras… poucos… parece brincadeira isso

Wilson Look
Wilson Look
Reply to  Vilela
2 meses atrás

A questão colocada, era o tipo de armas presentes na FAB, não a quantidade.
Eu não tenho os números de quantos misseis a FAB tenha de cada tipo, mas tem um ponto que deve ser levado em conta, que é o prazo de validade, não adianta a FAB comprar milhares ou centenas se no fim 80% deles terem que ir para o lixo sem nunca terem sido usados.

Antes de jogar as pedras deveríamos saber de quantos misseis a FAB realmente precisa em tempos de paz, caso contrário é ficar atirando no escuro.

JCuritiba
JCuritiba
Reply to  Wilson Look
2 meses atrás

E qual a real situação dos P-3 mesmo?
Quantos F-5 A-1 e A-29 em linha de voo?
Quantos kits Lizard ou Derbys o aeroclube tem mesmo?
Os Pythons 3 e 4 em que condição estão?

Desculpa, mas armamento mesmo para valer, só munição 30 mm de canhão DEFA 554, 20 mm de Pontiac M39A2, .50 e bombas burras.

Wilson
Wilson
Reply to  JCuritiba
2 meses atrás

Porque você mesmo não vai lá pra Brasília, falar isso para os brigadeiros?

JCuritiba
JCuritiba
Reply to  Wilson
2 meses atrás

Porque como todo clubinho, os integrantes do nosso aeroclube não são muito chegados a transparência.

João Rodrigues Dos Santos
João Rodrigues Dos Santos
Reply to  JCuritiba
2 meses atrás

Entra na justiça, para obter a transparência que tanto deseja mas ainda não conseguiu!!!!
Está esperando o que para agir?? Vamos, vamos!
Ah aproveita, e vai lá no advogado do PCC que se diz ministro do STF um tal de Cojak, e reclama pra ele!!
Ou, reclama para o outro da banca de advogados dos corruptos, um tal de boca de sapo…
Eles também não gostam dos militares!!
Tanto não gostam que, um dia sim e outro também, os chamam de fascistas,nazistas…Genocidas..
Vai que eles acham legal o seu pedido de judicialização e te atendem!!?

Last edited 2 meses atrás by João Rodrigues Dos Santos
JCuritiba
JCuritiba
Reply to  João Rodrigues Dos Santos
2 meses atrás

Por que tanto ódio no coração?
Desculpe, não entendi o que a gestão dos meios do nosso aeroclube e seus armamentos tem a ver com o juiz A, B ou C do Supremo, ou com quem gosta ou odeia o atual presidente.

Se esse espaço de comentários é apenas para elogiar a FAB, EB ou Marinha os editores deveriam deixar claro. Como não deixaram, suponho que posso me manifestar sobre uma situação que entra ano, sai ano continua questionável.

O ufanismo não leva a nada e a FAB continua um aeroclube, com raras ações que contradizem isso.

Last edited 2 meses atrás by JCuritiba
Wilson Look
Wilson Look
Reply to  JCuritiba
2 meses atrás

Existem informações que não podem ser divulgadas, isso é o básico de segurança da informação(um tipo de informação assim seria a senha de uma conta bancária por exemplo). Você acha correto que todos saibam exatamente a quantidade de misseis de cada modelo que a FAB tem em estoque? O que um futuro inimigo faria com tal informação? Pense nisso e outra coisa, o problema não está na sua opinião, está na forma como você apresentou ela, toda opinião terá oposição, a questão é que tipo de oposição será. Não tenha duvida de que a FAB tem sim misseis em estoque,… Read more »

JCuritiba
JCuritiba
Reply to  Wilson Look
2 meses atrás

Prezado Wilson, boa noite.
A questão não é a divulgação dos estoques que na verdade não interessam a ninguém fora da força. O problema é a gestão dessa história toda.

A quantidade de erros supera e muito a de acertos. Decisões estabanadas e questionáveis se multiplicam em todas as ações e isso preocupa demais. A FAB tem um orçamento que acaba sendo torrado em questões marginais e o que interessa fica negligenciado.

A ideia do militar bom gestor precisa ser revista.

Wilson
Wilson
Reply to  JCuritiba
2 meses atrás

No Brasil, o maior problema das FAs é a quantidade de obrigações que as mesmas tem que cumprir por lei, isso obriga que o orçamento fique pulverizado e não seja possível alocar a quantidade necessária de recursos em todas as áreas prioritárias.

Se queremos FAs melhores, no meu ponto de vista, deveríamos começar analisando todas essas obrigações, é esse elemento que falta para que se tenha uma redução real no efetivo por exemplo.

Vilela
Vilela
Reply to  Pedro
2 meses atrás

falou pouco mas falou quase tudo… principalmente na frase final… ou então alguém cita os super armamentos tão modernos (que tenham em quantidade razoável para dissuação) ou quem sabe são tão secretos que nem a própria Força saiba né?

Julio Buzoli
Julio Buzoli
Reply to  Pedro
2 meses atrás

Vira latas detectado!

Pedro
Pedro
Reply to  Julio Buzoli
2 meses atrás

Ah sim, quem dizia isso era quem mesmo……..aquele que roubou R$ 1 Trilhao?
E outra, tenho um vira lata em minha casa e é o melhor cao que pode existir. Sabe pq? Pq é fiel! Orgulho de ser vira lata e nao poodle como vc!

Wilson Look
Wilson Look
Reply to  Pedro
2 meses atrás

Eu prefiro ser um Pastor Alemão ou um Akita japonês.

Todo dono vai dizer que o seu cão é o melhor que pode existir e quem ama cães mesmo a raça é o que menos importa, o mais importante é o amor que você dá.

Dong Feng
Dong Feng
Reply to  Pedro
2 meses atrás

Eu ri

Tomcat
Tomcat
Reply to  Pedro
2 meses atrás

Pedro, concordo com vc. Parafraseando o sumido Juarez: poder usar esses armamentos não significa que a Fab irá ter! Alguém já viu caça da Fab PLENAMENTE armado e equipado? Pois é, tenho mais de 40 e nunca vi!

Tomcat4,2
Tomcat4,2
Reply to  Tomcat
2 meses atrás

E pra que vai ficar desfilando entupido de misseis em todos os pontos, P-R-A Q-U-Ê???
Pra detonar a vida útil dos equipamentos pra turma tirar fotos???

Pedro
Pedro
Reply to  Tomcat4,2
2 meses atrás

Estranho que os jatos de Israel, EUA, RUssia, RAF, India e tal vivem equipados com misseis nas missoes de patrulha e interceptaçao. Talvez eles sejam tao burros que deveriam vir aprender com a FAB como usar meios aereos.

Wilson Look
Wilson Look
Reply to  Pedro
2 meses atrás

Nesse tipo de missão os caças da FAB também vão equipados com misseis, a questão é que a maioria das imagens que temos não são dos aviões em missão, mas em apresentações.

JCuritiba
JCuritiba
Reply to  Tomcat4,2
2 meses atrás

A questão não é desfilar com eles e sim não possuir nada ou quantidade que beiram o ridículo.

A verdade dói mas precisa ser dita: Temos um aeroclube com passado glorioso na Itália, que recebeu um sopro de tecnologia nos anos 70, teve um surto de grandeza com o AMX e depois aquela decepção toda, teve uns acertos, muitos erros, muita decisão pensando em aposentadoria de brigadeiros e hoje depois de mais de 2 décadas de “escolha” temos o salvador Gripen e um super esquadrão de transporte de políticos

Carlos
Carlos
Reply to  Tomcat
2 meses atrás

Pedro e Tomcat Comédias

Pedro
Pedro
Reply to  Tomcat
2 meses atrás

Lembra do AMX no inicio dos anos 90? Nao consigo pensar que teremos o mesmo com o Gripen.

marcogandolfi
marcogandolfi
2 meses atrás

faltou armamento organico

Filipe Prestes
Filipe Prestes
2 meses atrás

Por falar em mísseis para o Gripen, que fim levou aquela novela de mal gosto sobre os A-Darter?

Filipe Prestes
Filipe Prestes
Reply to  Dong Feng
2 meses atrás

Que decepção

Lu Feliphe
Reply to  Filipe Prestes
2 meses atrás

Para o A Darter falta industrialização, o Iris T tá aí pra isso.

Wellington Góes
Wellington Góes
Reply to  Lu Feliphe
2 meses atrás

Não, não, para o A-Darter, no Brasil, falta um força aérea séria… O Iris-T está aí, para engordar o bolso de algum oficial da reserva envolvida com a venda ao Aeroclube.

ADRIANO MADUREIRA
ADRIANO MADUREIRA
2 meses atrás

Essa combinação será perfeita !

E-99 + Gripen-E + MBDA Meteor e Iris-T + KC-390…
comment image
comment image
comment image
comment image
comment image

Last edited 2 meses atrás by ADRIANO MADUREIRA
Tomcat4,2
Tomcat4,2
Reply to  ADRIANO MADUREIRA
2 meses atrás

Correção E-99 M ,mais moderno e mais capaz!!! 😉

filipe
filipe
2 meses atrás

A FAB tem armamentos no estado da Arte , esse Meteor é o melhor missil BVR do planeta, e ainda não existe algo semelhante , talves o PL-15/PL-21 Chinês ou o  AIM-260 Joint Advanced Tactical Missile Americano com 200km, o Meteor têm 150 Km de alcance, aqui no Hemisfério Sul não existe nada semelhante. Esse míssil incrementa as capacidades dos Gripens, vamos aguardar o Missil de Cruzeiro MICLA-BR (versão ar-solo do AV-MTC de 300 Km) , ou seja a FAB vai poder abater um Sukhoi-30 Venezuelano sem entrar no espaço aereo bolivariano, basta disparar um Meteor ou um Micla-Br ainda… Read more »

Flanker
Flanker
Reply to  filipe
2 meses atrás

Usar o Micla-BR para destruir um Su-30 só se for para destruí-lo ainda no solo……e tem que ter uma bela de uma sorte para que o avião esteja dentro do CEP do míssil.

Flanker
Flanker
Reply to  filipe
2 meses atrás

A FAB ainda não tem esses mísseis……o Meteor precisa ser entregue e o Micla precisa terminar seu desenvolvimento e ser encomendado , produzido e entregue.

Lu Feliphe
Reply to  filipe
2 meses atrás

De fato, é uma grande evolução em termos de capacidade.

JCuritiba
JCuritiba
Reply to  filipe
2 meses atrás

Vc realmente acredita nisso?

Cleber
Cleber
2 meses atrás

A FAB ja decidiu sobre o missil anti navio ?

Jadson Cabral
Jadson Cabral
Reply to  Cleber
2 meses atrás

Deve tá brigando com a MB. Joga a responsabilidade pra lá, recebe a responsabilidade de cá… eu não me impressionaria se a MB implicasse com a FAB operando mísseis anti-navio e tbm não me impressionaria se a FAB dissesse que isso é de responsabilidade da MB e não dela, igual aquela história lá da aviação de patrulha

JSilva
JSilva
Reply to  Jadson Cabral
2 meses atrás

Se isso acontecer, na minha opinião, será um grande erro. Você ter bases aéreas como Santa Cruz, Natal e a própria Canoas com nenhum esquadrão operando e treinando missões anti-navio, além de subutilizar o Gripen que já possui a capacidade ar-mar.

Inclusive não ter essa capacidade no A-1M, que estarão todos centralizados em Santa Cruz, já é um grande desperdício.

Ted
Ted
Reply to  Cleber
2 meses atrás

No inventário da fab tem no estoque o harpon

FighterBR
FighterBR
Reply to  Cleber
2 meses atrás

É o RBS-15F

Cleber
Cleber
Reply to  FighterBR
2 meses atrás

Sera ?

FighterBR
FighterBR
Reply to  Cleber
2 meses atrás

Sim. Um jornalista de Defesa já confirmou que é o RBS-15F.

Pedro
Pedro
Reply to  Cleber
2 meses atrás

Bomba de 1000 lbs muito provavelmente ou foguete de 5″.

Fabio Araujo
Fabio Araujo
2 meses atrás

A FAB planeja adquirir todos esses armamentos ou vão adquirir só uma parte deles?

Fabio Araujo
Fabio Araujo
2 meses atrás

Piloto da FAB voa o primeiro F-39 Gripen E
Voo sobre o mar Báltico, na Suécia, durou, aproximadamente, 50 minutos e faz parte da verificação das qualidades de voo e de pilotagem da aeronave

https://www.fab.mil.br/noticias/mostra/36199/GRIPEN%20-%20Piloto%20da%20FAB%20voa%20o%20primeiro%20F-39%20Gripen%20E

Fabio Araujo
Fabio Araujo
Reply to  Fabio Araujo
2 meses atrás

Piloto da FAB no Gripen!

photo_2020-08-20_20-54-46.jpg
Bueno
Bueno
Reply to  Fabio Araujo
2 meses atrás

Ele afirma que a Célula 4100 é um protótipo, isto vai dar o que falar! ! Kkk
Eu pensava que era o cabeça de série e os protótipos os F 39-8 39- 9 e 39-10.

LEONARDO CORREIA BASTOS
LEONARDO CORREIA BASTOS
2 meses atrás

Acho que o país necessitaria de no minimo uns 72 vetores… 36 é muito pouco!

Cleber
Cleber
Reply to  LEONARDO CORREIA BASTOS
2 meses atrás

Serao 108 no total .

filipe
filipe
Reply to  Cleber
2 meses atrás

Pode ser 156 (108 da FAB + 48 da MB) , se contar com o Gripen NAVAL, a MB pode ter 48 unidades.

Peter nine-nine
Peter nine-nine
Reply to  filipe
2 meses atrás

Filipe…. Qual a justificação que a MB vai arranjar para ter 48 Gripens? Principalmente quando a sua força de superfície se encontra tão anémica ª_ª-

Peter nine-nine
Peter nine-nine
Reply to  Peter nine-nine
2 meses atrás

Qual a diferença também em tê-los na FAB ou na MB? Digo, mais essas 48.

Wilson Look
Wilson Look
Reply to  Peter nine-nine
2 meses atrás

Por mais que a situação atual não seja boa, a MB terá que operar porta aviões no futuro, isso é necessário para fornecer apoio aéreo em alto mar para a esquadra.
A aviação baseada em terra não permite esse tipo de apoio, mesmo que pareça o suficiente para proteger a costa e até uma certa distância dentro do oceano, ela não permite a efetiva proteção das rotas comerciais em alto mar.

filipe
filipe
Reply to  Wilson Look
2 meses atrás

O PAEMB prevê 2 NAEs até 2047, cada NAE com 24 Aeronaves, ainda faltam 27 anos, temos muito tempo.

ADRIANO MADUREIRA
ADRIANO MADUREIRA
Reply to  Peter nine-nine
2 meses atrás

Concordo ! Não tem o por quê de 48 Gripen-M para a MB,pois não temos Porta-aviões,e nem quando tínhamos ele levava tal capacidade,que quando era dos franceses eles levavam 15 Super Étendard e 4 Étendard IVP.

Mas sou a favor da MB ter uma aviação naval em terra,Gripen-E com capacidade para lançar misseis antinavio.

comment image

comment image

JCuritiba
JCuritiba
Reply to  Cleber
2 meses atrás

Quem disse? De onde vc afirma essa compra de mais 72 vai ocorrer de verdade?
Esse segundo lote é igual ao memorando de participação no PAK FA (que deu origem ao Su-57) ou a assinatura do contrato do Rafale.
Vc já ouviu falar em programa FX e FX-2 sabe quantos anos levaram para comprar esses 36 monomotores?
Melhor sentar…

filipe
filipe
Reply to  JCuritiba
2 meses atrás

Faz mas sentido participar no TEMPEST com a SAAB e a BAE e quem sabe esse segundo lote não seja mais necessário

JCuritiba
JCuritiba
2 meses atrás

Que interessante a gama de armamentos já homologada ao Gripen.

Considerando que é a FAB, espero que o canhão Mauser BK-27 da Rheinmetall seja confiável, pois é o único armamento que veremos em 95% das imagens desse avião por aqui.

Antes de criticar pense com o mínimo de realidade: O que vc acha que vai mudar em termos de armamento para a FAB? Agora teremos armamentos? Ahhh tá, esperem sentados!

Pedro
Pedro
Reply to  JCuritiba
2 meses atrás

Cara, o publico aqui é de jogador de super trunfo ou acha que a FAB é uma Força Aerea igual a israelence, amaricana, russa, inglesa e tal. Sonham e nao sabem a realidade.

Wellington Góes
Wellington Góes
Reply to  JCuritiba
2 meses atrás

Por ai….

Vilela
Vilela
2 meses atrás

Simplesmente não consigo conformar que um caça monomotor médio seja o a ponta da lança da FAB… para quem sonhava com caça 5G das parcerias que foram oferecidas pela Rússia (somos BRICS ou não?), Turquia (isso mesmo Turquia nos convidou…) e Coréia do Sul… até o F35 msm que tbem foi sondado. poderia ser o Tempest com RU… ou com o Japão… Gripen para ponta de lança por 20 ou 30 anos… Quem sabe ainda vem o 5 ou 6 G com a Suécia. Só assim para justificar. Brasil não merece tão pouco caso com a defesa e com as… Read more »

filipe
filipe
Reply to  Vilela
2 meses atrás

Viela, o GRIPEN atende as necessidades da FAB, cabe no nosso bolso… Os F35 se calhar atendem as necessidades da USAF , da US NAVY, do USMC , da RAF, de ISRAEL , da TURQUIA, mas não resolvem os problemas da nossa FAB, de lembrar Vilela que temos problemas crônicos de orçamento, basta a FAB comprar 36 F-35 , que vai faltar verba até para papél higenico.

Wellington Góes
Wellington Góes
Reply to  filipe
2 meses atrás

O Gripen atende às necessidades e interesses de alguns oficiais FABianos, principalmente os que ainda querem ver uma força aérea lotada de gente sem ter o que fazer… Ele, caça, foi escolhido por custar menos, mas não porque venha atender as necessidades operacionais da FAB, ou de quê o Brasil necessita e possa pagar… O resto é papo de ufanista sem noção…

ADRIANO MADUREIRA
ADRIANO MADUREIRA
Reply to  Wellington Góes
2 meses atrás

 “foi escolhido por custar menos, mas não porque venha atender as necessidades operacionais da FAB, ou de quê o Brasil necessita e possa pagar”…

Então para você,o caça não é uma maquina suficiente capaz de defender o espaço aéreo Brasileiro contra vizinhos mal intencionados?

JCuritiba
JCuritiba
Reply to  Wellington Góes
2 meses atrás

Bem isso… mas ler a verdade por aqui sempre acaba machucando os olhos ufanistas.
Já tem gente aqui crente que até a marinha vai comprar um Gripen naval (????????) para usar em seu Novo Porta Aviões (????????)
Gripen Naval só se a marinha comprar aquela maquetinha da LAAD.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
Reply to  Wellington Góes
2 meses atrás

O marreta do cacete, você NUNCA viu o relatório final da COPAC. Pára de bostejar! JÁ DEU!

JCuritiba
JCuritiba
Reply to  Rinaldo Nery
2 meses atrás

Fabiano surtando kkkkkkkk

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
Reply to  Wellington Góes
2 meses atrás

¨O Gripen atende às necessidades e interesses de alguns oficiais FABianos¨. Só essa firmação já cabe um processo na justiça. Alguém ganhou dinheiro?

Wellington Góes
Wellington Góes
2 meses atrás

E a “colaboração real” em armamentos é em quê mesmo?! No vídeo não aparece nada sobre…..

Daniel Botura
Daniel Botura
2 meses atrás

Mas parece que eu tinha visto que ja teríamos comprado o Meteor, isso é verdade……………………….