sexta-feira, maio 7, 2021

Gripen para o Brasil

Irã implantará sistemas de defesa aérea na Síria

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Khordad 3

TEERÃ — O acordo militar e de segurança assinado no dia 8 de julho entre Teerã e Damasco permite ao Irã implantar pelo menos dois tipos de seus sistemas de mísseis de defesa aérea na Síria, de acordo com uma reportagem publicada pelo jornal Raialyoum.

Citando “fontes informadas do Irã e da Síria”, o jornal afirmou que o acordo tem duas partes políticas e militares. Ele disse que a coisa mais importante na parte militar é que o Irã forneça à Síria seus avançados sistemas de defesa aérea, como os sistemas de mísseis Bavar-373 e Khordad-3, o que significa que os dois países decidiram mudar as regras do combate no espaço aéreo da Síria e responder aos repetidos ataques israelenses em solo sírio.

O Bavar-373 é um sistema superfície-ar de longo alcance fabricado no Irã, que foi formalmente apresentado em 22 de agosto de 2019. O sistema é fabricado pelo Ministério da Defesa do Irã. O Khordad-3 é um sistema de defesa aérea autóctone, com alcance operacional entre 50 e 75 quilômetros. O Irã usou o sistema Khordad-3 na derrubada do drone Global Hawk dos EUA em 20 de junho de 2019.

O Irã e a Síria assinaram o acordo militar e de segurança que visa aumentar a cooperação e coordenação militar e técnica para combater os crescentes desafios e ameaças. O acordo foi assinado pelo Chefe do Estado Maior das Forças Armadas do Irã, Mohammad Bagheri, e pelo Ministro da Defesa da Síria, Ali Abdullah Ayyoub.

“A guerra continuada contra o terrorismo Takfiri, que está sendo apoiado por certas potências regionais e internacionais, é um dos objetivos deste acordo”, disseram as duas partes em comunicado conjunto.

O jornal al-Akhbar, com sede em Beirute, também disse que o acordo “inclui que Teerã desenvolva e fortaleça os sistemas de defesa aérea da Síria”. O jornal libanês também disse que o general Bagheri “discutiu em Damasco a importância da retirada de forças estrangeiras ilegais [da Síria] e de combater os ataques israelenses”.

O Raialyoum também disse que a agenda política da pressão americana-israelense contínua é forçar o Irã a deixar a Síria, uma medida que visa estabelecer as bases para o desmantelamento da aliança estratégica entre os dois países.

De acordo com as fontes do Raialyoum, o acordo militar Irã-Síria transmitiu uma forte mensagem aos EUA e Israel e sublinhou a força dessa aliança.

Bavar-373
Bavar-373

Bavar-373
Bavar-373

FONTE: Tehran Times

- Advertisement -

108 Comments

Subscribe
Notify of
guest
108 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Marcelo

A pergunta é. Deixando seus sistemas ao lado do quintal operacional de Israel não aumentaria as chances de Irsrael descobrir as fragilidades do sistema e, no futuro, poder usar esse conhecimento contra o Irã e no seu próprio território?

Fabio Araujo

Tem isso também, mas as perdas constantes dos ataques israelenses devem estar começando a pesar.

Sagaz

Enumere as perdas “constantes de Israel”

Fabio Araujo

Perdas iranianas dos ataques de Israel, quase todo ataque israelense tem causado perdas ao Irã na Síria.

XFF

Você já imaginou o contrário também?

leandro

semana passada foi realizado ataques dentro do território do Irã por israel e eles sequer detectaram alguma coisa para ter tempo de reagir…

na minha opinião capacidade de ataque profundo israel sempre teve… o que muda é que terão que usar meios mais sofisticados para fazer idem quando atacam o irã.

Antoniokings

Fonte: Arial 10.

Marco Carvalho

kkkkk boa

Heli

acho que se Israel um dia atacar o Irã, como fez com o Iraque em 1981, será com misseis de cruzeiro e F35

Antoniokings

é o cusro natural do que está acontecendo na região,
É importante salientar o desenvolvimeto que o Irã está conseguindo,
Foi anunciando que a China investirá cerca de US$ 500 bilhões em projetos economicos e militares no País.
Com esse n[ivel de investimentos,o País terá um enorme upgrade.

Ricardo Bigliazzi
Antoniokings

Isso, Será o início para a transformação do Irã na maior poteência regional rivalizando com a Turquia.
É uma excelente notícia.

Antoniokings

E o mais importante é que a China está começando a aumentar sua influencia na região atropelando qualquer medida de isolamento do regime iraniano.
Parece que novos tempos se aproximam (conforme previsto).

PACRF

Concordo. A China “não tá nem aí” com as sanções norte-americanas contra o Irã.

Ricardo Bigliazzi

Deixando os Russos para trás… acho que Moscou não ficará nada feliz em ver o seu “pedaço do bolo” cada vez menor. Sempre devemos lembrar que “Negócio da China”… só existe para chines levar vantagem.

Obs.: Acho que essa matéria do Sputnik foi um cutucão nas ostes Russas do poder, mais ou menos querendo dizer, “estamos perdendo um cliente seus otários”.

Antoniokings

Se vc não percebeu,os russos estão muito felizes com a proximação dos chineses no Oriente Médio.
O tom da reportagem dá ideia do papel que a China está começando a desempenhar na região.
E é um participante peso-pesado capaz de mudar tudo por lá em pouquíssimo tempo.

Eliel Santos

Só lembrando que a China está investindo pesado em Israel também. Somente a aliança EUA-Israel impede o aumento da presença da China em Israel. Mas caso os democratas vençam Trump esse ano, ano que vem a China estará em peso em israel. Eles estão de olha na tecnologia isralense.

Antoniokings

Que assim seja.

Salim

Aqui também. Transmissão de energia compraram muito, vamos ver 5g, na Inglaterra ta pegando fogo.

Ricardo Bigliazzi

Os Persas não são Árabes. Acho que em sua analise geopolítica Você esta esquecendo da Arabia Saudita, Iraque, Egito nessa equação, e pelo que tenho visto um Irã forte é tudo que precisamos para ver um Herdogan ainda mais tresloucado já que os dois países de maneira velada (sic) se utilizam de grupos terroristas antagônicos. Somos (Brasil) um Pais muito jovem e de vez em quando não entendemos o quão profundas são as cicatrizes que essas civilizações milenares carregam em suas costas. China e EUA agradecem, o mercado de armas vai continuar aquecido nos próximos 25 anos…. hahahah.

Antoniokings

É visível o distanciamento político que o Egito vem apresentando com relação aos EUA.
O mesmo começa a ocorrer com o Iraque que ainda está ocupado militarmente.
Pelo menos na área militar, a compra de armas russas por Egito e Iraque vem se intensificando.
Comenta-se que os egípicios vão substituir todos os seus MBTs por blindados russos, além do retorno da compra de caças de alto desempenho de fabricação também russa.

Oráculo

Tonho da lua cria notícias ilusórias e acha que alguém acredita.

Árabes compram armas de quem oferecer o melhor custo-benefício. Sempre foi assim.

Hoje em dia os exércitos árabes possuem armamento novo de origem americana/russa/francesa/inglesa/alemã. Até a Taurus vende armas pra eles.

E quase todos os países árabes possuem encomendas de mais armamentos em todos esses países citados.

Mas segundo o “especialista” eles vão jogar fora tudo o que possuem pra trocar tudo por equipamento russo e chinês.

No fim das contas é melhor ler isso do que ser cego.

Last edited 9 meses atrás by Oráculo
MFB

Voce só delira, enrola e não diz nada que não seja copiado e colado,sempre a mesma ladainha. A questão é simples: O cajado israelense está cutucando forte demais as forças terroristas do Irã que tentam se instalar na Síria. Falaram tanto mas Israel continua desfilando nos céus da Síria .

Batista Costa

Pra mim terrorista é um país sair do seu continente pra atacar outros países com pretexto fajuto de que são terroristas, a verdade é, se os EUA não fossem gananciosos predadores de recursos de outros países, não haveria tantas tensões no mundo, a ganância dos americanos vai acabar gerando uma brutal guerra nuclear com consequências catastróficas para a humanidade e quem apoia estes doentes são tão doentes quanto.

Ricardo Bigliazzi

Só não o fazemos porque não temos o mesmo poder deles. Veja o que a China começa a querer fazer. Tudo por GRANA… o mundo é movido por GRANA. Se Eu não a ganho GRANA… eu a conquisto.

Marcelo Duarte

Conquisto, eufemismo para rouba, correto Ricardo.

Paulo Siqueira

Pelo visto vc ignora a arrogância da China com a sua vizinhança!Este país sim está promovendo tensões globais sérias com Coreia do Sul,Filipinas,Japão,Vietnam,Índia,e também outros países que indiretamente se sentem ameaçados como Austrália,Indonésia,Malásia,Cingapura a ponto de colocar todos esses países no mesmo lado do tabuleiro!

wagner vidziunas

Porque o Irã é força terrorista??? O território foi invadido por Israel na palestina? Não entendo, se defender é ser terrorista???

Ricardo Bigliazzi

O Irã não é terrorista, ele se usa desse tipo de serviço para fazer os seus maus feitos.

Essa matéria velha do Le Monde explica como o Irã e Turquia se utilizam dos grupos armados para executar os seus movimentos.

De vez em quando alguns desses Grupos viram verdadeiros monstros e o criador acaba sendo atacado pela criatura.

https://diplomatique.org.br/ira-e-turquia-aliados-ou-concorrentes/

O cenário já mudou um pouquinho do que está escrito na materia (Herdogan tá muito mais agitado hoje em dia), mas dá para ver como ambos os países manuseiam os seus fantoches.

Salim

Ira e ótimo, você deve estar brincando. Se fosse ajudar reconstruir Síria, melhorar condição vida palestino comprando produtos deles. O que eles estão fazendo e prolongar morticínio destes povos colocando eles contra seus inimigos que covardemente náo tem coragem desafiar. Pior e alguem achar isto bom para estes paises que sofrem na desgraça de sua população.

XFF

E você acha que isso vai durar para sempre? Você acha que eles não tem estratégia contra Israel ao longo prazo?

Ricardo Bigliazzi

A Estratégia é clara e pode ser definida como a simples “Aniquilação do Estado de Israel”, por isso que Israel possui algumas dezenas de “cocos nucleares” como forma de retaliação caso o jogo esteja perdido.

Antoniokings

A única importancia de Israel é ser um preposto dos EUA.
E só.
E para isso, é armado e financiado pelos americanos que sempre ajuda nas horas difícieis.
Fica claro que esta estratégia está se esgotando, tendo em vista as poucas potencialidades do Estado israelenseem face dos desafios economicos que se aproximam.
Será para os EUA, ao final, colocar dinheiro bom em negócio ruim.
Não há opcão,
Israel não tem quase nada a apresentar.

Carlos Campos

Israel vai muito bem obrigado, diferente do Irã, se seus vizinhos fossem mais amistosos o país seria auinda mais rico, as descorbetas de gás e petróleo por ali vai aumentar as receitas de Israel, o país é um importante polo de tecnologia a nível mundial.

XFF

Você tá viajando, não existe possibilidade de Israel usar arma nuclear no Oriente Médio sem se autodestruir. Arma nuclear é apenas para intimidação. Os países quem não possuem armas nuclear no Oriente Médio, possuem armas biológica e bacteriológica.

Fabrício

É mesmo, quem vai retaliar Israel?

Last edited 9 meses atrás by Fabrício
Carlos Campos

XFF sim, todo mundo sabe disso, por isso é dissuasória

Salim

Eles são tao bravos e dignos que colocaram Sírios, palestinos e estão tentando arrastar líbano pra morrer no lugar deles.

Antoniokings

Aguarde os próximos capítulos que serão muito interessantes.

Fabrício

Parece que basta você dar um espirro para obter a desaprovação geral por constatar o óbvio: a balança de poder geopolítica está a mudar por conta da ação orquestrada russo-chinesa.

Antoniokings

Desaprovação geral não importa, contanto que a mensagem correta seja repassada e lida.
Sendo aceita ou não.

Ricardo Bigliazzi

“Os céus da Síria são de todos nós”.

Essa será mais um momento da historia que registrará a ineficiência Russa em ajudar os seus “aliados” (lembrando que os Russos nunca se aliaram a ninguém).

Fernando

Muito ineficiente. Assad estava prestes a cair a Rússia se enfiou na Síria na cara da OTAN e hoje Assad controla 90% do país e tem chance zero de ser derrubado.

Sagaz

Sujeito vive e aproveita da liberdade e cultura ocidentais, mas idolatra autocracias… Difícil de entender .

Tairone Santos

É fácil falar de um país quando não se mora. Quanto tempo duraria vivo um ocidental que vive com extrema liberdade de ir vir e de pensamentos em um lugar como irã?

Theo Gatos

Esquerdopatia… Eh doença meu caro… deveria está até listrada no CID…
.
Sds

rui mendes

O que é, que a esquerda ou direita, têm a ver com ditaduras e a falta de liberdade???

Carlos Alberto Soares
Fabio Araujo

Se quiserem parar de ter perdas vão ter que fazer isso, já ficou claro que as defesas russas não vão fazer nada para proteger os iranianos e as defesas sírias não estão conseguindo fazer isso, então ou eles saem de lá ou levam as suas defesas, mas será que isso vai impedir os ataques de Israel? Tenho minhas dúvidas, vai dificultar, mas não vai impedir

Vinicius Momesso

Provavelmente vão ganhar um tempo para respirar, vista que Israel precisa estudar esses sistemas antes de qualquer ação.
O grande problema é que o único meio de essea sistemas chegarem a Damasco é via aérea, e o aeroporto Internacional já não se mostra um lugar seguro para aeronaves cargueiras vindas do Irã. O meio mais seguro seria a Rússia ceder seu aeródromo em Latakia.

DOUGLAS TARGINO

No mesmo mês Israel vai destruir todos…

horatio nelson

concerteza serão alvos dos adir´s em breve.

Carlos Gallani

A partir da implantação destes sistemas pode contar que o tempo de vida será exatamente o mesmo para que o trabalho de inteligência elabore o plano para os “Adir”.

Andre

Sinal de que o ataques aéreos israelenses continuam deitando e rolando na Síria, seja com o f35 seja com o f16.

Ricardo Bigliazzi

Qual arma Iraniana derrubou o B-737?

JuggerBR

Se os sistemas russos, com décadas de experiência, tem sua eficiência questionada, esse sistema iraniano tem uma bela chance de serem alvos de treinamento pra misseis anti radiação israelenses…

Vinicius Momesso

O mesmo pode-se dizer das defesas israelenses. Ainda não tem eficiência compravada contra nada além de “mísseis caseiros”. Se os Israelenses confiassem 100% em seus SAMs, não precisariam efetuar ataquea preventivos. O que Israel faz com as defesas da Síria, o mesmo podem fazer com as suas.

Vinicius Momesso

Tem alguma inverdade no que eu disse?

Andre

dizer até pode dizer mesmo, e poder, quem sabe, é possível que pode mesmo. Mas fazer…só Israel tem feito na Síria.

O Irã só ataca Israel através dos coitados dos palestinos.

Vinicius Momesso

Quem está comparando as Defesas não sou eu. É obvio que Israel é mais, muito mais capacitado militarmente que a Síria.

ALLAN

Uma coisa tem q se considerar é que a Russia nao esta muito interessada na acensão do Irã na Síria, enquanto as forças russas na síria nao forem alvo de ataques aéreos por parte de Israel, fica claro q pra eles nao fazem diferencia em deixar o espaço aéreo Sírio fechado para ataques israelenses, capacidade para fazer isso eles tem, só que nao tem vantagem em fazer isso.

Salim

Tem acordo Israel /Rússia, se fossem capaz de anular presença israelense teriam feito. Rússia só quer garantir seus portos no mediterrâneo em troca estão segurando governo sírio, porem náo tem capacidade de manter conflito com Israel e se tomar surra muito grande teria que escalar ai conflito muda de patamar.

Fernando

Se a Rússia vier para cima de Israel não vai sobrar muita coisa daquele país minúsculo. Uma chuva de misses de Cruzeiro e intermediários com Iskander varia um estrago em Israel de proporções épicas. Caso é que Russia é um dos poucos países do mundo com boas relações com os judeus, árabes e persas.

Paulo S F

Mais alvos para Israel…

Wellington Góes

Será interessante para vermos como se sairá contra estes sistemas. Se atacar em enxame, com certeza obterá algum êxito, mas não será nenhum passeio como foi até pouco tempo atrás.

Funcionário dos Correios

Mais alvos para Israel eliminar.

Caloro

Eu duvido que esse sistema esteja operacional. Enquanto não tiver um vídeo de uma fonte confiável, com o lançamento do dito cujo, vai ser mais uma daquelas noticias “Irã apresenta seu caça stealth”.

Gabriel BR

Para mim que estudo um pouco sobre Oriente Médio não me surpreende nem um pouco o fato do Irã deter essa tecnologia e varias outras.

MFB

Pegar o equipamento de terceiros e renomear? Grande mérito.

Fabio Araujo

Os chineses começaram assim e agora eles já fazem os seus equipamentos do zero. Os israelenses também fizeram alguns armamentos assim. É mais fácil aprender a fazer com a reengenharia principalmente se você esta sofrendo embargo ou tem dificuldade de comprar.

IBIZ

Se os sistemas de defesa anti-aérea russos que estão entre os melhores do mundo não detêm os ataques israelenses, acho muito difícil que os iranianos consigam fazer alguma diferença. Primeiro que a tecnologia iraniana, de modo geral, não passa de copia da russa/chinesa ou uma “tunada” de tecnologia ocidental capturada ou adquirida antes do golpe de 1979. Segundo que os israelenses tem o F-35 e muitos recursos para fazer chover bombas na Síria.

Yuri Dogkove

Querido! O único objetivo da Rússia na Síria é manter o Assad no poder, e isso ela continua fazendo com êxito! Pode chover mil bombas que o Assad continuará tranquilo e calmo lá no seu palácio comendo caviar e bebendo vinho caro.

Vinicius Momesso

Por isso que tanto Israel quanto Rússia não “pisam no calo” um dou outro. A retaliação seria pesada.

A Rússia não tem escolha contra o Ira, pois possui repúblicas majoriatarimente islâmicas com a Chechênia e a região do Cáucaso, uma “pisada fora” com Terã, pode fazer esse vespeiro virar um caos e tudo que Moscou não quer agora.

Evgeniy (RF).

A grande maioria dos muçulmanos na Rússia é muçulmana sunita. Eles não têm nada a ver com o Irã e não querem ter. você está enganado em tais conclusões.
Todo terror islâmico na Rússia, esses são grupos sunitas radicais que foram alimentados das monarquias do Golfo Pérsico, Turquia, Grã-Bretanha, em menor grau do Paquistão.

Carlos Campos

Da última vez eles levaram um pal da Rússia e é mais fácil a Rússia pagar eles para matar os infiéis Iranaianos Xiitas, Islã é uma religião de “paz”

Sagaz

“Querido”. Século 21, arco íris é sinônimo de foice e martelo.

ALLAN

acho q é ainda melhor para a Russia assim, pq quando o Assad ganhar de vez essa guerra quem voce acha q vai disputar a influencia na Síria, pode muito bem acontecer igual aos EUA no Iraque,q até hj eles tem problemas com o Irã la.
Agora com Israel dançando nos céus da Síria a Russia só precisa ficar olhando e colhendo os frutos.

Vinicius Momesso

Muitos acham que o Irã é aliado da Rússia, ledo engano.

PAULO ALEXANDRE

Mais alguns alvos pra Israel destruir.

XFF

A cooperação entre Síria e Irã é importante para segurança da Síria. Com passar do tempo, o espaço aéreo do Líbano será fortalecido também, dificultando ainda mais as tentativas de ataques.

Yuri Dogkove

Gente! É 2020 e o Assad ainda está no poder! E a promessa do Trump de tirá-lo do poder? Fogo e fúria 3.0!!!

Sagaz

Lacrador, calma, assim você vai ter um treco…

Andre

hahahah

quanta sagacidade

Yuri Dogkove

Kim, Assad e Maduro! Trump deve ter pesadelos! Afinal foram 3 fracassos!!!

Tutu

Kkkkk, o povo desses pobres países que se ferre, kkkkk.

Carlos Campos

Kim nunca foi um alvo, quem conhece o Trump sabe que aquilo foi teatro para trazer o gordo para conversar, mas o gordo não é burro e manteve seus mísseis

rui mendes

Qual deles o mais gordo????
Realmente, têm coisas em comum, como o poder a qualquer custo, só que um não precisa disfarçar e de ser um mentiroso compulsivo, pois têm o povo amordaçado, já o outro vive e preside a uma das mais verdadeiras democracias do mundo, com muitos orgãos do poder, que são garantes da democracia e liberdade do seu povo.

pgusmao

Quero ver a Síria conseguir instalar esses sistemas, pois serão sistematicamente destruídos pela Força Aérea de Israel, nunca conseguirão chegar ao seu destino a partir do porto ou aeroporto.

Luiz Trindade

A pergunta que não se quer calar… Isso vai impedir dos EUA fazer incursões quando quiser na Síria?!?

Evgeniy (RF).

Os Estados Unidos já estão ocupando parte da Síria.

Teropode

1/3 diga_se de passagem , o leste é nosso .

Evgeniy (RF).

Um pouco menos. Regiões principalmente curdas. Mas é improvável que isso demore. A retirada das tropas americanas da Síria é inevitável, assim como do Iraque. E parte dos territórios curdos será dividida entre a Turquia e a Rússia na pessoa de Siiriya.

Nilo Rodarte

“o que significa que os dois países decidiram mudar as regras do combate no espaço aéreo da Síria e responder aos repetidos ataques israelenses em solo sírio”.

Legal, mas já combinaram com os israelenses?

XFF

Israel não entra no espaço aéreo da Síria, apenas dispara míssil via espaço aéreo do Líbano e se manda. Depois que a Síria abateu o F-16, eles não entram mais no espaço aéreo da Síria.

Nilo Rodarte

Eu não disse que os israelenses entrariam no espaço aéreo sírio. Você mesmo já deu a resposta: eles nem precisam!

MSDF

Será interessante para ambos os países, a Síria que ganha um reforço em sua defesa aérea e o Irã que poderá por seus sistemas a prova contra os mais avançados caças do mundo. E para Israel será bom também para coletar as informações sobre este sistema de defesa.

Antunes 1980

A coragem do exército iraniano me surpreendeu mais uma vez.
Implantar um sistema com grandes limitações em relação ao sistema sírio de origem russa, é a prova cabal que o mesmo será destruído com a mesma facilidade pelos israelenses.

Last edited 9 meses atrás by Antunes 1980
carvalho2008

Se vão fazer isto, leia-se como teste de equipamento num cenário real, laboratorio real ….e porque testar e arriscar ao fracasso??…porque provavelmente tenham crença de que será inevitável….então testar e provar agora talvez lhes de a oportunidade de corrigir e melhorar algo….agora, se for efetivo, dará recado amargo de que as garras realmente ficaram afiadas…

Sérgio Luís

Israel com as barbas de molho.

Ted

Alguém sabe o que o C130 hércules da FAB foi buscar em Israel?

Marcos

os caras fabricam isso cheios de embargos e nós nada

Carlos Campos

O irã anda fazendo xablau direto, li que os Israelenses estão fazendo isso, mas eles não negam nem assumem, quando sempre, talvez isso seja para tentar colocar pressão em Israel.

Tomcat4,2

Alvos novos pros F-35 Adir !!!

Marcelo

é impressionante o nível tecnológico a que os iranianos chegaram. Essas sanções só fortalecem as capacidades tecnológicas dos países, aconteceu com a África do Sul durante o apartheid, e agora com o Irã e a Córeia do Norte. A necessidade é a mãe das invenções.

Nilton L Junior

Uma boa oportunidade para os Persas avaliarem a eficácias de seus sistemas.

Fernando OP

Nessa situação tem 2 perigos:
– o primeiro perigo é no caso dos operadores serem os iranianos, aí tem perigo de derrubarem outro avião de passageiros ucraniano;
– o segundo perigo é no caso dos operadores serem os sírios, aí tem o perigo de derrubarem outro avião militar russo.
Agora, o perigo que não tem é de acertarem o inimigo!!!
E não me venham com “ah mas o Globalhawk que os persas derrubaram”. Tá na cara que aquele drone foi sacrificado com terceiras intenções!

rui mendes

Claro, na cara!!!!
Sem dúvidas, foi de pro pósito, que se deixaram abater.

Reportagens especiais

Commemorative Air Force apresenta ‘Wings Over Dallas’

Dallas, Texas - A Força Aérea Comemorativa (Commemorative Air Force - CAF) realizou neste fim de semana o show aéreo...
- Advertisement -
- Advertisement -