terça-feira, outubro 26, 2021

Gripen para o Brasil

Protótipo do caça F-X do Japão voará em 2028

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Demonstrador de tecnologia ATD-X japonês, que visava o desenvolvimento do caça F-3

Novas informações do Ministério da Defesa do Japão revelaram a linha do temporal do Programa F-X.

O sucessor do caça F-2 terá a construção iniciada em 2024 e fará seu primeiro voo em 2028.

A aeronave começará os testes de solo em 2027 e o primeiro jato de produção inicial de baixa taxa de produção será fabricado a partir de 2031.

Todo o programa de desenvolvimento deve ser concluído em 2035 para começar a substituir o F-2.

Caça F-2 da JASDF
Caça F-2 da JASDF

- Advertisement -

28 Comments

Subscribe
Notify of
guest
28 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Jorge Knoll

8 anos, muito tempo. Mesmo assim acho que ainda ganhará do nosso Gripen.

Alexandre

São tipos diferentes…mas la ele tem a China na cola,ja eram pra ter tomado essa atitude

Antonio Lopes

A China nunca invadiu outros países e sim foi invadida desde a antiguidade. Inclusive o Japão país correto e limpo já invadiu a China mais de uma vez.

Last edited 1 ano atrás by Antonio Lopes
Tutu

O Tibet não gostou do seu comentário.

Paulo Siqueira

Acho também que nem a Índia e os países disputantes das ilhas invadidas do mar do sul da China gostaram muito deste comentário!

paulof

vietnam e coreia idem

Sérgio Luís

Ñ invadiu!?!
Fala isso pro Tibete!

Last edited 1 ano atrás by Sérgio Luís
MMerlin

Convivendo com a atual e as últimas duas gerações de pessoas desta nação é possível perceber o quanto a linha de pensamento que levava as invasões (e “princípios”) foi alterada.
Diferente de alguns países, que possuem uma memória curta e frequentemente repetem as mesmas falhas, esta nação aprendeu o valor da importância de frequentemente reanalisar os erros do passado.
Este processo existe lá a nível de pessoas, famílias, subprefeituras, prefeituras e país.
Esta mudança é resultado da analise comportamental das ações perpetradas,em sua boa parte, durante a WW2.

Last edited 1 ano atrás by MMerlin
Andre

“A China nunca invadiu outros paises”, tirando o tibet, a Índia, o vietnam…

Não tem nem vergonha de falar essas coisas….

Issamu takaesu

A china nao invadiu tibet?

Vitor Hugo

O mundo mudou, só vc não está enxergando.

tadeu54

Por acaso vc sabe de onde surgiu o termo kamikaze ? No século XIII o Imperador da China mandou por duas vezes invadir o…. Japão !
E nas duas vezes a frota invasora foi destruída por grandes tempestades, que salvaram o arquipélago japonês, daí o termo ” vento divino ” ( kamikaze ).

André Amorim Mondelo

Foram os Mongóis que tentaram invadir o Japão no seculo XIII, inclusive os mesmos dominaram toda a China nessa mesma época.

MMerlin

Com a maior crise econômica mundial pós grande depressão, 10 anos não é um prazo longo. Principalmente devido a recente compra referente a 105 aeronaves F-35 que virão para atender a curto prazo.
E existe outro porém. Uma coisa é desenvolver um jato em 10 anos com tecnologias já dominadas, outra coisa é ter a necessidade criar ou absorver de terceiros.

Heitor

Tem que corrigir o título da reportagem…Protótipo do caça F-X do Japão voará em 2028 rsrs

Infante

Lembro da piada do Shinshin do FX-1 do Japão. Eles tinham Shinshin (o primeiro protótipo voou em abril de 2016) e nós Nãonão. O Gripen já começa a ser produzido, o Japão desistiu do primeiro projeto, terá um novo FX em “2028” se correr tudo bem.

JuggerBR

O quão diferente é o F-2 em relação aos F-16 padrão? Equivale a algum dos block do F-16?

Clésio Luiz

Foram alongados comprimento e envergadura. A intenção era aumentar a carga de armas, para atender um requerimento japonês de um caça de ataque naval que pudesse lançar 4 mísseis anti-navio. Recebeu canopi reforçado e radar AESA, sendo o primeiro caça operacional com tal radar, antes do F-22 e F-18E.

Eu diria que é mais avançado que o antigo F-16C bloco 50 e menos que o F-16V de exportação atual, em termos de aviônica. Mas em termos de carga da armas e alcance, eu diria que ele é superior a qualquer outro membro da família.
comment image

sub urbano

O F-2 é especializado em ataque a alvos terrestres. A mesma função do AMX na FAB.

Matheus

Japão deve ser o unico país alem do Brasil com o maior numero de “mutretas” em sua aviação militar. Quiçá no geral.

Não ficarei surpreso se esse prototipo for cancelado ao favor de mais F-35, assim perpetuando a subserviência do Japão aos Americanos.

Roger

Subserviência com F35, F15, Thaad, Aegis, Porta Aviões, Type 90, type 10, Type16 e etc.

Ou “independência” com F5, M113, sem sistemas anti-aéreos, Leopard 1A5, compras de segunda mão…

Olha, nem sei que mutretas você se refere ao Japão, mas acho que nem de longe chega perto do Brasil.

Felipe

A grande “mutreta” brasileira é não ter recursos.

Victor F.

Eu diria que a grande mutreta aqui é o que se faz com a infinidade de recursos que temos.

Fabio Araujo

Nesse meio tempo vão modernizar o F-2? Mas uma coisa estão certos em ter um caça local para fazer dupla com o F-35!

Sérgio Luís

Até lá estará obsoleto!

Andre

Mas deve entrar em operação antes do su57

Edu

Esse projeto f-3 ou f-X é um meio da Mitsubishi cobrir os prejuízos do projeto da aviação comercial do
mrj ou space jet

nonato

Últimas Notícias

IMAGENS: Cerimônia do Dia do Aviador e da Força Aérea Brasileira

Por André Magalhães Aconteceu na manhã do dia 22 de outubro, na ALA 1, em Brasília (DF), a cerimônia alusiva...
- Advertisement -
- Advertisement -