Caça Saab Gripen E avança nos testes de radar

    15243
    36

    A conta do Twitter da Saab na Finlândia informou que o caça Gripen E nos últimos meses fez grandes avanços.

    Um dos testes bem sucedidos foi o de radar e sensores no norte da Suécia, durante os quais a capacidade do equipamento de detectar aeronaves de pequeno porte foi verificada.

    Desenvolvido especialmente para o Gripen E pela SELEX Galileo (atual Leonardo Electronics Division), o novo radar AESA Raven ES 05, de varredura eletrônica ativa, utiliza a tecnologia “swashplate”, um mecanismo rotatório que aumenta a área de cobertura lateral do radar para além dos 90º (ver gráfico abaixo).

    Os radares AESA são constituídos de muitos elementos diminutos de antena, montados de maneira a formar uma grande antena. Cada um destes elementos pode ser controlado individualmente, viabilizando as diversas novas funções.

    Radar AESA Raven ES-05 e sobre ele o IRST

    Além do radar AESA, o Gripen E é dotado de um sistema IRST de busca e rastreio por infravermelho Skyward-G,  fabricado também pela Leonardo Electronics Division. Como os sistemas similares, o Skyward-G fornece uma funcionalidade semelhante a um radar, mas sem emitir radiação eletromagnética, fornecendo uma ampla funcionalidade de busca e rastreio, com alta discrição.

    Outro equipamento da Leonardo presente no Gripen E é o sistema de identificação amigo ou inimigo (IFF) com três arranjos de antenas orientáveis eletronicamente, que coincide com o alcance do radar e campo de visão.

    Integrados, os três sistemas (radar, IRST e IFF) sinalizam um ao outro automaticamente e, por fusão de dados com o novo sistema de guerra eletrônica Arexis, fornecem ao piloto uma única imagem com as informações precisas, permitindo o compartilhamento desses dados com outros caças Gripen via link.

    Para conhecer mais detalhes técnicos do radar Raven ES 05, clique aqui.

    Subscribe
    Notify of
    guest