Home Aviação de Caça Caças F-22 interceptam formações de bombardeiros russos perto do Alasca

Caças F-22 interceptam formações de bombardeiros russos perto do Alasca

4935
72

Caças F-22 Raptor da Força Aérea dos EUA, com a ajuda dos KC-135 Stratotankers e um E-3 de Alerta Aéreo e Controle, interceptaram duas formações russas de bombardeiros separadas na costa do Alasca na manhã de 10 de junho.

A primeira era composta por dois bombardeiros Tupolev Tu-95, dois caças Sukhoi Su-35 e uma aeronave de controle e alerta aéreo Beriev A-50, e voou “a menos de 20 milhas náuticas da costa do Alasca”, afirmou o Comando de Defesa Aeroespacial da América do Norte em um release. A segunda formação foi composta por um par de Tu-95 e um A-50, e ficou a 32 milhas náuticas da costa, acrescentou.

As aeronaves do NORAD interceptaram as aeronaves russas enquanto viajavam para a Zona de Identificação de Defesa Aérea do Alasca, mas nunca entraram no espaço aéreo soberano americano, observou o comando.

Em 10 de junho, o Ministério da Defesa da Rússia enviou um vídeo para o YouTube que mostra cenas de “um voo planejado de 11 horas” de sua aeronave Tu-95MS “sobre as águas neutras dos mares de Chukchi, Bering e Okhotsk, bem como a parte norte do oceano Pacífico.” Embora a legenda eno vídeo não indique a data do voo, a presença de caças F-22 da USAF nas imagens sugere que esses podem ter sido os mesmos bombardeiros que foram interceptados pelo NORAD.

Subscribe
Notify of
guest
72 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Fabio Araujo
Fabio Araujo
25 dias atrás

Uma missão de simulação de bombardeio para testar o tempo de reação e tentar obter dados de radar dos caças americanos.

Tomcat4,2
Tomcat4,2
Reply to  Fabio Araujo
25 dias atrás

Exatamente !!!

Rodrigo M
Rodrigo M
Reply to  Fabio Araujo
25 dias atrás

Curioso, já perceberam que em todas essas interceptações os F-22 sempre estão com os tanques externos? Acredito que seja também para ajudar a despistar o RCS.

Fabio Araujo
Fabio Araujo
Reply to  Rodrigo M
25 dias atrás

Possivelmente assim mascaram um pouco o tamanho do sinal.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Rodrigo M
25 dias atrás

Of F-22 sempre fazem isso justamente para mascararem o RCS.

Clésio Luiz
Clésio Luiz
Reply to  Leandro Costa
25 dias atrás

Não, é porque eles não tem grande autonomia mesmo com tanques internos. É menos que o Su-27 básico e até menos que o F-35! O supercruise dele é coisa de 400 quilômetros de raio de ação apenas.
 
Um Tu-95 obviamente vai mais longe que qualquer caça, então é conveniente que a USAF mande o Raptor carregado acompanhar ele enquanto estiver disposto a brincar por lá.
 
Na época do Lighting na RAF, cada interceptação do Bear era um prejuízo danado, porque um VC-10 tanqueiro tinha sempre que ir junto…

Adriano RA
Adriano RA
Reply to  Rodrigo M
25 dias atrás

Soma-se o fato de serem missões longas, no Alaska, onde o clima pode complicar de uma hora pra outra e alternar para outro local de pouso pode exigir muito combustível. Em resumo, combustível é segurança, principalmente junto ao polo.

Luiz Antonio
Luiz Antonio
Reply to  Rodrigo M
24 dias atrás

Tanques extras com aeronaves de REVO. Sei.

Adriano RA
Adriano RA
Reply to  Fabio Araujo
25 dias atrás

Eu posso estar errado, mas não acredito que os F-22 usem seus radares nestas interceptações. Devem ser vetorados pelo controle de terra e usam apenas sensores passivos. Não iriam se expor.
Idem para os russos…

Karl Bonfim
Karl Bonfim
Reply to  Fabio Araujo
25 dias atrás

Uma manobra clássica!!!

Luiz Galvão
Luiz Galvão
Reply to  Fabio Araujo
24 dias atrás

Pois é.

Nada de novo, inclusive no seu “comentário “.

Todas as vezes que postam essas coisas aparece um desavisado aqui e posta o que vc escreveu como se fosse alguma novidade .

Vira o disco !

Luiz Trindade
Luiz Trindade
Reply to  Fabio Araujo
21 dias atrás

Exato… Mas como lembrando que se isso acontecesse não iria demorar para termos uma chuva de ogivas nucleares de diversas potências tanto como de um lado como do outro!

Welington S.
Welington S.
25 dias atrás

Caças da China alguns dias atrás fez um voo no espaço aéreo de Tawian. Acredito que a China esteja fazendo o mesmo que os russos, testando o tempo de reação.

Luiz Trindade
Luiz Trindade
Reply to  Welington S.
20 dias atrás

Taiwan é muito complacente… Se um caça entra no meu espaço aéreo eu botava um caça na cola dele imediatamente para entender se quiser me encoleirar, pode até conseguir mas não antes levar umas boas mordidas.

ALISON L C SILVA
ALISON L C SILVA
Reply to  Luiz Trindade
18 dias atrás

Taiwan mostrou que tem o que lhe falta: bom senso.
 
Eles sabem que existe uma linha vermelha que nao deve ser ultrapassada… Assim como o Irã quando avisou os EUA que ia atacar a base no Iraque…

Rival Sensor
Rival Sensor
25 dias atrás

Adoro o Tu-95, esse arranjo de hélices duplas é sensacional, acho lindo. Li uma histório que
Nikita Khrushchov transformou um em avião de passageiros e propaganda russa.
 

Valdez Oliveira de Araujo
Valdez Oliveira de Araujo
Reply to  Rival Sensor
25 dias atrás

Pra mim, o avião mais charmoso.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Rival Sensor
25 dias atrás

Tu-114, uma das, senão a mais rápida aeronave turbo-hélice de todos os tempos. Infelizmente uma das aeronaves mais barulhentas de todos os tempos.

Luiz Galvão
Luiz Galvão
Reply to  Leandro Costa
23 dias atrás

Ok. Inédito. E ?

ScudB
ScudB
Reply to  Rival Sensor
25 dias atrás

Amigo RS!
Essa do Khruschov não passa de uma lenda. Na realidade , como os Tu-114 ainda estavam sendo desenvolvidos , prepararam 2 maquinas apelidadas de Tu-116 (convertidos dos Tu-95) para usar em caso de necessidade. Mas nunca precisaram e estavam usando posteriormente para outras coisas (inclusive levando astronautas e pessoal do campo de testes nucleares de Semipalatinsk).
Um grande abraço!

PACRF
PACRF
Reply to  Rival Sensor
24 dias atrás

Concordo! É um dos aviões movidos a motor com hélices mais de bonitos que existe, além de possuírem um design singular.

Valdez Oliveira de Araujo
Valdez Oliveira de Araujo
25 dias atrás

Os pilotos todos já devem se conhecer :
– Hey Boris, você de novo por aqui?
– Hello Johnny como vão os meninos?

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Valdez Oliveira de Araujo
25 dias atrás

Antigamente, muitas das interceptações eram bem humoradas com ambos os lados fazendo piadas.

Mgtow
Mgtow
Reply to  Valdez Oliveira de Araujo
22 dias atrás

kkkkkk…bem isso

Lucianno
Lucianno
25 dias atrás

Medo! É o que sentem os americanos ao verem o Tu-95.
Imagina se umas dessas latas velhas cai sobre o Alasca e provoca um desastre ambiental.

Pedro
Pedro
Reply to  Lucianno
25 dias atrás

O mesmo risco corre-se com o B52.

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Lucianno
25 dias atrás

Os Russo devem pensar o mesmo dos B-52 que são da mesma epoca.

ELintoor
ELintoor
Reply to  Lucianno
25 dias atrás

Sim!
Ele cai em uma montanha gelada e provoca uma avalanche, que cai bem em cima da sua cabeça…

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Lucianno
24 dias atrás

Com a queda do avião, serão afetados um urso e duas trutas.
O Alasca é uma porcaria e não tem nada que preste.

Jacinto
Jacinto
Reply to  Antoniokings
24 dias atrás

King Crab e salmão selvagem (esse salmão chileno que temos no Brasil é uma porcaria perto do selvagem).

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Jacinto
24 dias atrás

Talvez o Claude Troisgos fique chateado.

Mirade1969
Mirade1969
Reply to  Jacinto
24 dias atrás

Com tanto peixe no nosso país tem que importar peixe exótico de país frio para dizer que é uma iguaria… kkk

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
Reply to  Antoniokings
24 dias atrás

Kings,

Pedro Bó, o Alaska tem petróleo + petróleo + petróleo. Entendeu?

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Tadeu Mendes
24 dias atrás

Tem tanto petróleo, mas tanto petróleo que gasta uma fortuna para extrair petróleo de xisto que não vem do Alasca.
A extração de petróleo na região é cara, ambientalmente ‘proibitiva’ e em quantidades marginais.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Antoniokings
24 dias atrás

Ademais, parece que a indústria do petróleo começou a ver o início de seu declínio de forma mais acentuada.
 
 
https://forococheselectricos.com/2020/06/industria-combustibles-fosiles-colapso.html

nonato
nonato
Reply to  Antoniokings
24 dias atrás

EntãoRússia se lascou.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  nonato
23 dias atrás

Não.
Grande parte do consumo ainda continuará.
É a parte não relacionada à queima de petróleo por veículos automotores.
Esta parte será suprida por países que têm baixo custo de extração.
Sem contar a indústria do gás que está florescendo, principalmente na Rússia.
Vide a construção de enormes gasodutos como o NordSteam 2 (para a Europa), TurrkStream e o Gigante da Sibéria (para a China).
O efeito já imediato é para a produção americana que afundou e não vai se recuperar.

ALISON L C SILVA
ALISON L C SILVA
Reply to  Antoniokings
18 dias atrás

Destruiu os minions mais uma vez….rsrsrs

Mirade1969
Mirade1969
Reply to  Lucianno
24 dias atrás

Muitos destes voaram duas décadas depois do B-52 ter sua linha de produção terminada. Mas estão voando ainda.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
25 dias atrás

Parabéns aos Russos que fizeram tudo conforme manda as regras de voos em espaços aéreo internacional, voaram e voltaram pra casa.

jagderband#44
jagderband#44
Reply to  Nilton L Junior
25 dias atrás

Pela tua figura, você trabalha no politburo.
Qual teu cargo? Não venha com Manoela Dávila da vida…

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  jagderband#44
25 dias atrás

A manu não faz parte do PC raiz a parada dela é outra, deixei o Politburo estava ficando demasiado burocrático, estou no PC Chinês é mais liberal.

Andre
Andre
Reply to  Nilton L Junior
24 dias atrás

Irônico vc chamar o pc chinês de liberal hahhaha

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  Nilton L Junior
24 dias atrás

?????? kkkk kkkk kkkkk esta foi ótima…. Parabéns

Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
Reply to  Nilton L Junior
24 dias atrás

Recomendo revisão profunda dos seus conhecimentos sobre a realidade chinesa.
 
Obs.: Em matéria de liberalismo informo que a Russia esta mais “coxinizada” que o próprio Brasil. “Pão com mortadela” na Russia é coisa relatada em livro mofado em biblioteca.

Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
Reply to  Nilton L Junior
24 dias atrás

E aos Americanos? Que mantiveram o padrão de voo regulamentado internacionalmente para esse tipo de encontro??? Realmente os Russos fizeram tudo dentro do regulamento, isso não seria nada de mais, como também os procedimentos dos americanos. Dessa forma, parabéns aos DOIS lados envolvidos nesse fato.
 
Segue o jogo, de vez em quando a “cor da camisa” determina a torcida pelos times de preferência

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Ricardo Bigliazzi
24 dias atrás

Sou espectador não torcedor, um entusiasta da aviação civil e militar, usar a camisa de um time não significa ser condescendente, meus comentários procuro fazer o contra ponto.

Henrique
Henrique
25 dias atrás

Mantenha a tensão e… indiscutivelmente … o orçamento! Ambos os ministérios da defesa agradecem.

Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
Reply to  Henrique
24 dias atrás

Perfeito, imagens como essas liberam as nossas fantasias (vai ter guerra e ainda bem que Eu não vou lutar e sim ver pela TV) e centenas de milhões de dolares para as duas Forças Aéreas.

Welington S.
Welington S.
Reply to  Henrique
24 dias atrás

Fico imaginando se as Forças Armadas do Brasil se utilizasse dessa máxima, sei lá, contra Nicolas Maduro, por exemplo.

Italo Souza
Italo Souza
25 dias atrás

Nada demais, apenas um dia normal, um teste de defesa e efetividade. Xadrez

sub urbano
sub urbano
25 dias atrás

O dia que os Russos forem botar a girimpoca pra piar mesmo os americanos vao achar que são uma dessas interceptações de rotina.
 

Last edited 25 dias atrás by sub urbano
Argos
Argos
Reply to  sub urbano
25 dias atrás

O mesmo pode ser dito para o outro lado…

Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
Reply to  sub urbano
24 dias atrás

Você vê um bombardeio com capacidade nuclear em uma rota que pode ocasionar um risco e Você vai deixá-lo passear tranquilamente? Os dois lados envolvidos possuem procedimentos consolidados a mais de 70 anos para essa situação do vídeo. Certamente mais de 90% da audiência do blog nem tinha nascido quando isso começou a ser criado.

carvalho2008
carvalho2008
25 dias atrás

TU-95 é impressionante como um bombardeiro a helice possui uma velocidade de 950 km/h…

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  carvalho2008
24 dias atrás

Na média, deve ser similar ao F-35. hehehehehe

Argos
Argos
25 dias atrás

Quando essas interceptaçoes aconteceram aqui perto, na Venezuela, disseram q o Maduro mordeu a isca, mostrou tudo o que tinha e tal… Agora não vi ninguém dizer o mesmo dos americanos… Não poderiam ter mandado os F-15 para essas interceptaçoes?

Ramon Grigio
Ramon Grigio
Reply to  Argos
24 dias atrás

Olá Argos! O Problema de enviar F-15 é que os armamentos nele instalados sofrem demasiado desgaste, quando comparado aos carregados pelo F-22. Nesse caso a diferença de custo de hora de vôo dos dois pode se igualar ou até pender para o lado do F-22, afinal uma carga de 8 mísseis no estado da arte não é muito barato para jogar fora depois de algumas poucas horas de vôo. Também existe a questão de que os russos estão treinando sério e estão levando junto A-50 e escoltas, conforme manda o figurino e o F-15 não teria chance de se aproximar… Read more »

JSilva
JSilva
Reply to  Ramon Grigio
24 dias atrás

Concordo, se mandassem os F-15 seriam detectados pelo A-50 com facilidade (F-15 tem alto RCS), que iria vetorar o Su-35 para a defesa do pacote de ataque, seria uma batalha em condições similares, talvez até com vantagem para os russos se for Su-35vsF15C. Já com o F-22 a coisa muda, os americanos ganhariam um tempo precioso até serem detectados pelo A-50.

Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
Reply to  Argos
24 dias atrás

Flexionar os músculos é sempre bom, principalmente em época de pandemia.
 
Existem uma séria de Forças Armadas que são especialistas e extremamente mortais em paradas militares.
 
Não é o caso dos Americanos, País em que parada militar é coisa extremamente rara.
 

Matheus Santiago
Matheus Santiago
Reply to  Ricardo Bigliazzi
24 dias atrás

Concordo. Os americanos gostam de ver seus tanques em estradas de outros países, seus aviões voando no céu de outros países e seus navios navegando em zonas marítimas de outros países.

Argos
Argos
Reply to  Ricardo Bigliazzi
24 dias atrás

Eu escrevi sobre o F-15 pois pensei em guardar segredo sobre o principal vetor de superioridade aéreo americano. Será que foi por isso que não enviaram o F-35? Ou ele não foi projetado para esse fim? Grato pelas explicações!

Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
25 dias atrás

Agora quem vai falar que os aviões Russos não conseguem ver os F-22???
 
Segue o jogo de “gato e rato”

Paulotd
Paulotd
Reply to  Ricardo Bigliazzi
25 dias atrás

Lata velha que pode carregar uma série de mísseis uns até com ogiva nuclear.

Salim
Salim
24 dias atrás

Primeira formação com escolta de 2 su35 e avião radar, ta meio suspeito, bem agressiva. Achava f22 no Alasca meio excessivo, porem vejo que russos estão indo com seu melhor armamento linha e f22 e um belo desencorajador de qualquer aventura putiniana.

Andre
Andre
24 dias atrás

Os belos projetos soviéticos no ar, enquanto os novos projetos russo não deixarem de ser apenas projetos é o que há…e lá se vão 30 anos da URSS

Jorge
Jorge
24 dias atrás

Esses F- 22 são imponentes e lindos!

JuggerBR
JuggerBR
24 dias atrás

Brincadeira cara essa, para os dois lados…

Jacinto
Jacinto
Reply to  JuggerBR
24 dias atrás

O petróleo tá barato… é bom queimar um pouco já que está faltando espaço para armazenar.

Luiz Antonio
Luiz Antonio
24 dias atrás

Os dois lados colocando suas equipagens para trabalhar, nada mais do que isso. E aproveitam para trocar os videos. Virou carne de vaca.

Luiz Antonio
Luiz Antonio
24 dias atrás

Antes de hipotéticas “interceptações” os mísseis de cruzeiro já teriam sido as dores de cabeça de ambos.

Peter nine nine
Peter nine nine
23 dias atrás

Fico com pena sempre que vejo um raptor. Injustiçado raptor. Teria vendido milhares.