Home Aviação Comercial Embraer discute empréstimo com BNDES

Embraer discute empréstimo com BNDES

3012
166

A Embraer conversa com o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) em busca de ajuda financeira depois que a americana Boeing desistiu da compra de parte da empresa.

A informação foi divulgada na manhã desta 3ª feira (28.abr.2020) pelo O Globo.

De acordo com o jornal, o banco de fomento poderia ampliar a sua fatia de participação na empresa ou liberar crédito de longo prazo para a fabricante brasileira de aviões.

FONTE: Poder 360

Subscribe
Notify of
guest
166 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
28 dias atrás

Amplia a fatia de participação…. ações baixaram e estão praticamente a troco de pinga. BNDES financiou porto em cuba, aeroporto na américa central, metrô na venezuela. no conchavo do forum de sp para os amigos do lula, por que não pode ajudar uma empresa do BRASIL?

Doug385
Doug385
Reply to  Saldanha da Gama
28 dias atrás

São cerca de 20 mil empregos. Também acredito de deva auxiliar a empresa.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Doug385
28 dias atrás

Caro Doug. Poderia ser uma microempresa com apenas 1 funcionário. Nesse momento, TODAS as empresas precisam de algum tipo de apoio do Estado.

Junior
Junior
Reply to  Camaergoer
28 dias atrás

Concordo Camaergoer, mas a Embraer é uma empresa estratégica para o país, e não estamos falando apenas da Embraer, mas de muito de seus fornecedores que dependem dela, já havia comentado aqui, o mais lógico seria o BNDES por meio da BNDESPAR, braço de investimento do banco, aumentar a sua fatia na empresa, poderia até mesmo aproveitar que as ações despencaram. Bem melhor do que simplesmente estatizar a empresa, ou vender a preço de banana para uma estatal chinesa

Rommelqe
Rommelqe
Reply to  Junior
28 dias atrás

Exatamente. Alias foi o que tambem aqui comentei. Além dos empregos diretos mais os indiretos vinculados à industria aeronáutica em si, o poder de alavancagem em uma porrada de outras áreas é imenso. Por exemplo, quem trabalha com centrais eólicas sabe que o setor está coalhado de profissionais oriundos de atividades desenvolvidas na Embraer e adjacências. Quanto vale um Ipanema para efeito de exportação de soja?
Um bilhão do BNDES aplicado hoje em novas ações, ajudando na capitalização da empresa, equivale a um investimento de dois bilhões ha poucos dias atras…..

ADRIANO MADUREIRA
ADRIANO MADUREIRA
Reply to  Doug385
28 dias atrás

Caso o empréstimo não seja suficiente, sou a favor da estatização. Depende do tipo de estatização 🤔🇧🇷, se for nos moldes como o governo americano fez com a GM, até seria aceitável… A GM em 2009 anunciou ao mercado financeiro um fracasso na reestruturação de sua dívida com credores. No dia 1º de junho, a montadora deu entrada em seu pedido de concordata, que resultou em uma participação de 60% do governo americano na empresa (um aporte de US$ 50 bilhões), além de 12% do governo canadense (aporte de US$ 9,5 bilhões). Em 2016,a General Motors anunciou que iria recomprar… Read more »

Mauricio R.
Reply to  ADRIANO MADUREIRA
27 dias atrás

O que se faz nos EUA, não se aplica ao Brasil.

ADRIANO MADUREIRA
ADRIANO MADUREIRA
Reply to  Mauricio R.
27 dias atrás

Porquê não Maurício? Eu não estou dizendo que o governo federal devesse receber 60% das acoes da EMBRAER mediante empréstimo,mas acho que 20-30% seria um percentual realista de se adquirir. A época do socorro,na crise de 2008,as regras governamentais foram claras e razoáveis: o socorro impôs algumas condições à empresa, como apresentar um plano de recuperação até 31 de março daquele ano, apoiado por acionistas, fornecedores e clientes. Entre as condições para o uso do dinheiro, estavam a suspensão do pagamento de dividendos e a emissão de warrants – títulos que conferem o direito de compra de certo ativo –… Read more »

Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
Reply to  Mauricio R.
25 dias atrás

Maurício R
sendo Maurício R quando se trata de EMBRAER.

Vão reativar o FGE redesenhado para não acontecerem os fatos do LuloPetismo, Angola, Cuba, Venezuela, Moçambique etc …..

MMerlin
MMerlin
Reply to  Saldanha da Gama
28 dias atrás

Nada de ampliar a fatia de participação. Deve ser tratado e resolvido como empréstimo. Temos que parar com esta gangorra conceitual de estatiza privatiza. Empresas privadas são mais eficientes que estatais e, o principal, não tem custo ao país, não serve de cabide de emprego e não serve para desvio de verba partidária.

Hélio
Hélio
Reply to  MMerlin
28 dias atrás

“Empresas privadas são mais eficientes que estatais”
Quem tem disse um negócio desses?

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Hélio
28 dias atrás

Caro Helio. Essa é uma comparação difícil de ser feita. Pois as empresas estatais ou públicas têm diferentes objetivos. Uma empresa pública pode atuar na produção de algum bem (como a CSN fazia produzindo aço) e competindo com empresas privadas. Contudo, uma empresa pública pode atuar em um mercado monopolizado (nesse caso a comparação é absurda). Uma empresa pública pode atuar oferecendo um bem ou serviço essencial para a sociedade ou que sua atuação seja estratégica por algum motivo. A empresa pública pode ser um centro de excelência oferecendo um serviço de maior qualidade e sofisticação que uma empresa privada… Read more »

ted
ted
Reply to  Camaergoer
27 dias atrás

esqueceu do ITA

Fernando EMB
Fernando EMB
Reply to  Hélio
28 dias atrás

Ninguém precisa dizer… É óbvio!!! Existem exceções de ambos os lados, mas via de regra são sim.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Fernando EMB
28 dias atrás

Caro Fernando. O Dary Ribeiro tem um ótimo texto sobre o óbvio. Uma coisa importante é lembrar que a empresa privada não faz o que a lei proíbe e uma empresa pública só faz o que a lei permite. Colocando essa diferença fundamental de lado, o que muda nas duas é como calcular a “eficiência”. Uma empresa privada é mais fácil de calculas porque os indicadores são padronizados. Os indicadores de uma empresa pública mudam muito. Aliás, passando esse período de isolamento, vamos marcar aquele apresentação para os alunos da pós-graduação.

Sidney
Sidney
Reply to  Hélio
27 dias atrás

Simples, é só olhar os aeroportos!

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Saldanha da Gama
28 dias atrás

Caro Saldanha. Há no BNDES uma excelente explicação do financiamento do “porto”. Quem pediu o financiamento foi a Odebrecht (o BNDES não financia governo estrangeiro) para fazer a obra. O dinheiro foi feito para a aquisição de bens e serviços no Brasil. Leia a nota de setembro de 2019 “Nota sobre financiamento à exportação de serviços”. Agora voltando á Embraer, essa é uma das ações possíveis para evitar o fechamento da Embraer. Existem outras.

MMerlin
MMerlin
Reply to  Camaergoer
28 dias atrás

Errado Camargoer. O BNDES pode emprestar recursos a países e empresas estrangeiras quando os aportes se destinarem à importação de bens e serviços com índices mínimos de conteúdo brasileiro. E foi o que ocorreu neste caso. E deu no que deu: calote.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  MMerlin
28 dias atrás

Olá MMerlin. Você tem razão. Esse é o mesmo risco que os bancos franceses tiveram ao financiar o Prosub e o banco sueco ao financiar o FX2. O BNDES tem uma boa apresentação em https://www.bndes.gov.br/arquivos/exportacao/bndes-apresentacao-exportacoes-servicos-20190915.pdf

MMerlin
MMerlin
Reply to  Camaergoer
28 dias atrás

Isso. Com a diferença que o risco país, tanto da Venezuela quanto de Cuba, são os de maiores chance de inadimplência. Seria a mesma coisa que um banco privado verificar os maiores inadimplentes que desejam ter um carro e liberar um financiamento a juros bem baixos desde que seja para a compra de um carro produzido nacionalmente. Não faz sentido nenhum!

carcara_br
carcara_br
Reply to  MMerlin
28 dias atrás

Não se começa de cima, a china investe pesadamente na Africa.

MMerlin
MMerlin
Reply to  carcara_br
28 dias atrás

Estamos falando de dinheiro e não grau de aprendizado ou ToT.
Os bancos de desenvolvimento da China tem um capital enorme. O país tem uma grande projeção de poder militar. Tem uma influência política enorme devida a suas importações. Ou seja, se o país deixa de pagar a China, será pressionado em todas as suas esferas. Estas variáveis entram na equação de risco.

willhorv
willhorv
Reply to  Saldanha da Gama
28 dias atrás

Deve ajudar. Sem pestenejar e rápido.
Trata-se de um dos pilares da segurança nacional e de tecnologia. Não se pode negar isso e perder décadas de desenvolvimento.
Sempre será uma empresa estratégica, de ponta e privada (para impedir o cabidão e o gesso do governo), mas com voto de minerva da FAB e governo federal para que não caia em desgraça, como na atual fase.
Está é minha opinião.

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
Reply to  Saldanha da Gama
28 dias atrás

Essa é a razão de existir do BNDES, não financiar obras para os “muy amigos”

Renato B.
Renato B.
Reply to  Marcelo Andrade
28 dias atrás

Exato, é para isso que esse banco serve. E isso não é presente, é empréstimo. Uma hora o mercado vai se recuperar. Dívida não é problema, contanto que se possa manter os pagamentos.

Edu
Edu
Reply to  Saldanha da Gama
27 dias atrás

Só uma observação: O BNDES não financia obras no exterior. Financia exportação de produtos e serviços de empresas BRASILEIRAS. Até países como os EUA usam o financiamento do BNDES quando compram produtos brasileiros (aviões da Embraer). Uma das razões de eu ser contra a venda da Embraer é que esta empresa cresceu durante décadas se beneficiando do crédito às exportações do BNDES (dinheiro público). Não se trata apenas de “uma empresa privada fazendo negócios”. O objetivo do Banco NACIONAL de DESENVOLVIMENTO é DESENVOLVER empresas BRASILEIRAS, para o desenvolvimento do BRASIL. Não paguei meus impostos para o desenvolvimento tecnológico da Boeing.

Douglas
Douglas
Reply to  Saldanha da Gama
25 dias atrás

Quando a pessoa fala em Porto em Cuba, Metrô em Caracas, de forma pejorativa é óbvia a falta de conhecimento sobre como funciona os empréstimos do BNDES.
É mais que necessário o apoio a Embraer, junto com a Petrobras os grandes espaços da tecnologia brasileira. Já destruíram as grandes empreiteiras, que empregavam milhões de brasileiros.

Rui Chapéu
Rui Chapéu
28 dias atrás

Opa!

Agora que não foi vendida chegou a hora dos contribuintes pagarem a conta da mesma.

É isso ai!

Por isso que é bom Transferência de Tecnologia.

Construir um empresa, ai ela fracassar, e ai pagamos a conta novamente!

Cade os china com a grana na mão? Cade os Europeus da Airbus quando precisamos deles? Ou Canadenses da Bombardier? Lockheed não quer não?

Deixe alguma empresa de outro país, ou contribuinte de outro país pagar essa conta ai, que eu já to cansado!

Pedro Calmon
Pedro Calmon
Reply to  Rui Chapéu
28 dias atrás

Vale lembrar que a nota de credito da empresa e’ negativa e com tendencia a rebaixamento. Ela tem mais de US$3,3 bilhoes em dividas, o E2 ja tinha uma performance fraca de vendas antes da crise do COVID-19 e o mercado de aviacao nao deve se recuperar por muitos anos.
Nenhum banco privado emprestaria a EMBRAER nessa situacao. Portanto o BNDES fica como fiador de ultima instancia, com o dinheiro do erario.
Lembra muito a ENGESA.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Pedro Calmon
28 dias atrás

Caro Pedro. Nesse momento, qualquer um irá recomendar guardar o dinheiro e não emprestar. É a mesma coisa que aconteceu em 2008. Vale lembrar que o capital tem aversão ao risco.

Pedro Calmon
Pedro Calmon
Reply to  Camaergoer
28 dias atrás

“Vale lembrar que o capital tem aversão ao risco.” Nao creio que essa afirmacao e’ factual. Capital investe em risco o tempo todo. Nao haveria Amazon, Google ou Tesla se nao houvesse capital disposto a correr risco. O capital tem a aversao a risco sem retorno ou risco desproporcional ao potencial de retorno. A EMBRAER hoje e’ um exemplo classico de alto risco e potencial de retorno baixo. As margens de lucro da EMBRAER a anos flutua entre negativa e baixos digitos unicos (3-4%). E isso quando o mercado de aviacao bombando. Com COVID-19 e o E2 nao atendendo expectativas,… Read more »

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Pedro Calmon
28 dias atrás

Caro Pedro. Em todas as crises, os bancos são os primeiros a fechar as linhas de crédito, elevar os níveis de garantia e transferir os recursos para investimentos de baixo risco (ouro, títulos do governo dos EUA). Investimentos são feitos por meio de garantias ou estudos de viabilidade técnica/comercial. Lembro de Delfin Netto ensinar que um banco irá oferecer um guarda-chuva nos dias de sol mas irá toma-lo de volta guando começar a garoa. A conta da ousadia sempre é balanceada por uma reserva de conservadorismo. Neste momento, com o consumo praticamente paralisado, os investimentos em produção estão congelados. Alguns… Read more »

Tamandaré
Tamandaré
Reply to  Camaergoer
28 dias atrás

Errado , meu caro Camargo! No mercado financeiro, dizemos esta frase em sua forma completa. Seria: “o mercado tem aversão à riscos mal dimensionados e em timming incorreto”. Correr riscos bem calculados é o objetivo de todo e qualquer investidor. Aliás, é desta forma que as águias do mercado constroem fortunas em tempos de crise. No desespero, muitos especuladores-sardinhas vendem ativos em pânico, com pesadas baixas financeiras, e então quem tem caixa é rei! “Cash is king!” Quem se preparou, faz a festa! Ativos de fundamentos sólidos e com preços descontados são o alvo! “Compre ao som de canhões. Venda… Read more »

carcara_br
carcara_br
Reply to  Tamandaré
28 dias atrás

Quando você analisa a ética do mercado financeiro você começa a achar que o Stalin nem era tão mal assim :):):D.
Plot twist: a sardinha é ______.

Clésio Luiz
Clésio Luiz
Reply to  Rui Chapéu
28 dias atrás

É isso aí Rui, vamos ser imediatistas, pensar no agora e não no amanhã. Vamos deixar ruir uma das maiores recolhedoras de impostos do país. Vamos desmanchar uma das maiores empregadoras de mão de obra especializada dessa nação. Vamos vogar no lixo todo o dinheiro investido nos programas KC-390 e Gripen NG. Então daqui a 5 anos, a gente se junta para reclamar de como o governo federal não ajudou a Embraer, reclamar de como se deixou fracassar um dos maiores orgulhos nacionais e que devíamos ter feito como os americanos e europeus fizeram com suas indústrias locais, evitando que… Read more »

Rui Chapéu
Rui Chapéu
Reply to  Clésio Luiz
28 dias atrás

Vamos ficar pagando mais caros nos produtos e ficar com a tal da “tecnologia transferida!”

Ai vendem a empresa e alguma outra empresa leva de bandeja todo nosso dinheiro e tecnolgia.

Por isso sempre fui contra a tal da TT dos aviões.

Poderiamos ter comprado F-35 mais barato do que ter um Gripen com TT.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Rui Chapéu
28 dias atrás

Caro Rui. O contexto nada tem a ver com tranferência de tecnologia, com investimento chinês, com aversão ao capitalismo ou aversão ao comunismo. São 3 coisas. A primeira é manter as pessoas vivas, a segunda é manter as empresas vivas, a terceira…

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Camaergoer
28 dias atrás

A terceira é : Cadê o paulo Guedes?

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Antoniokings
28 dias atrás

Caro AntonioK. Exato.

Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
Reply to  Camaergoer
25 dias atrás

Tem mais de 70 anos.

Está trabalhando e muito.

Apenas não está se expondo.

Joao Moita Jr
Joao Moita Jr
Reply to  Antoniokings
28 dias atrás

Esta fazendo as malas para daqui a pouquinho embarcar para Miami. Provavelmente vai ser vizinho do Mouro em algum condominio de luxo, com todo tipo de mordomia, capangas, motoristas e tudo mais.
E o Brasil que se exploda.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Joao Moita Jr
28 dias atrás

João Moita Jr.

Depois que apresentaram como prova para condenação o fato de um sujeito passar três vezes em um pedágio, penso em reclamar a propriedade do Palácio Imperial de Petrópolis.
Afinal, já passei no pedágio da Rio-Petrópolis uma centena de vezes.
kkkkkk
Saudações e cuidado com o corona que aí está brabo.

Caerthal
Caerthal
Reply to  Joao Moita Jr
26 dias atrás

Tipo Joaquim Barbosa, aquele do STF?

Mauricio R.
Reply to  Clésio Luiz
27 dias atrás

O “+ um” não é problema do Brasil, mas como o E-2, da Embraer.
O JAS-39 Gripen pode ser tocado através da SAM, com a SAAB gerenciando o projeto.
Como aliás deveria ter sido desde o início.
No mais como se trata de empresa privada, que se vira no mercado.
Não é por que fabrica canhão, que temos que levar pela mão.
Muito pelo contrário é um ótimo momento pra se discutir essa relação.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Rui Chapéu
28 dias atrás

Cadê os acionistas com o poderoso e eficiente capitalismo que não têm uma solução para a empresa a não ser passar o pires para o Governo?
Em tempo: A poderosa Lufthansa deve entrar em recuperação judicial.

Tamandaré
Tamandaré
Reply to  Antoniokings
28 dias atrás

Engraçado: Governos do mundo todo interferem violentamente nos mercados, o tempo todo. Criam bolhas e distorções econômicas magníficas e depois, quando tudo entra em ruína, dizem: tá vendo como o capitalismo falhou? – É pra rir né?! :/ nunca ouvi nada tão patético… – Só porque existe propriedade privada e liberdades básicas, não significa que um País seja livre mercado! Na prática, não existe nenhuma nação cuja sistema seja 100% estatizado (nem a União Soviética o foi) ou 100% livre (o mais próximo, que tenho notícias, foi os EUA do séc. XVIII ao XIX). O que temos, em verdade, são… Read more »

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Tamandaré
28 dias atrás

A essa altura do campeonato, não me venha com teorias ultra-liberais ou ‘missenianas’
Por favor.

Tamandaré
Tamandaré
Reply to  Antoniokings
28 dias atrás

Não são teorias não, Antonio! São a verdade dos fatos! – Chamam Mises de tudo que é nome porque não conseguem derruba-lo. A Escola Austríaca é a única que vai na contramão do mainstream. A única que não cria histórias da carochinha pra justificar os absurdos que os políticos inventam… – Toda vez que a gente argumenta e o “alvo” comenta lorota tipo as suas, a gente tem ainda mais certeza de que está no rumo certo! Vocês dizem essas coisas generalistas porque, no fundo, não sabem o básico de economia nem muito menos têm argumentos para refutar o óbvio!… Read more »

Alessandro
Alessandro
Reply to  Tamandaré
28 dias atrás

Não adianta perder o seu precioso tempo explicando para ele e outros socialistinhas do iphone Tamandaré, esse ae sofreu lobotomização e adora um Estado se metendo na vida alheia por convicção e nada vai mudar, é tão cego ideologicamente que não enxerga que DEFENDE o sistema corrupto que ele acredita estar combatendo, é a praga da mentalidade revolucionária que impregnou em pelo menos 2 gerações perdidas no Brasil por essa DESeducação paulo freiriana.

Caerthal
Caerthal
Reply to  Antoniokings
26 dias atrás

Você quer comparar uma empresa privada do Brasil com a Boeing com polpudos contratos militares, Airbus com todo apoio europeu e beneficiária de subsídios canadenses, Russia e China apoiando seus produtores e fechando o mercado local e por fim a Mitsubishi reunindo empresas compelidas pelo governo japonês a pôr 7 bilhões de dólares e 14 anos onde a Embraer gastou 1,7 bi e 5 anos. Briga parelha, mesmas armas…

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Rui Chapéu
28 dias atrás

Caro Rui. A situação da economia no mundo é atípica. Praticamente todas as empresas estão com problemas devido a queda da demanda. Nada a ver com mérito da empresa ou má administração. Talvez as melhores lições do passado sejam a crise de 29 e a crise de 2008. O problema é como pagar os salários dos funcionários se a empresa enquanto as vendas estão suspensas (elas voltarão em algum momento) e como evitar que os Bancos mantenham as linhas de crédito. Nenhuma grupo nacional ou estrangeiro irá “comprar” a Embraer nesse momento de incerteza. O capital tem aversão ao risco… Read more »

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
Reply to  Rui Chapéu
28 dias atrás

Rui, veja o que está acontecendo no mundo! As Teorias NeoLiberais foram para o saco!! Veja as Cias Aéreas até ontem tidas como sólidas, sem caixa para mais dois meses (Lufthansa, AA, South African-essa fechou-, Alitalia, KLM-Air France, etc) Tudo pedindo penico para seus governos. Bancos de Fomento são para isso mesmo. Será pior para todos a quebradeira! Mas não é empréstimo sem contrapartida, como fizerão, nos anos anteriores!

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
28 dias atrás

Que o BNDES amplie sua fatia de participação, tome o controle acionário, escale um executivo gabaritado e que o governo não imponha por cunho político. O mesmo banco financiou ditaduras africanas, porto em cuba, aeroporto na américa central, metrô na venezuela, devido aos amigos do fórum de sp e não vi preocupação de muitos com o gasto de nossos impostos…, e este é o momento de investir numa empresa de ponta e estratégica BRASILEIRA!

IBIZ
IBIZ
Reply to  Saldanha da Gama
28 dias atrás

O BNDES nunca financiou ditaduras, isso é Fake News bolsonarista! O que o banco fez foi financiar empresas brasileiras em países estrangeiros ajudando a aumentar a presença dessas no mercado internacional e aumentar o peso político/econômico do país lá fora. Exemplo: um país X queria realizar obras de infraestrutura, então o Brasil oferecia financiar o projeto através do BNDES, mas para ter acesso ao recurso o governo de X deveria contratar empresas brasileiras e estas deveriam utilizar um mínimo estabelecido de N% mão de obra, materiais e equipamentos no Brasil; como resultado se mobilizava a cadeia produtiva do país como… Read more »

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  IBIZ
28 dias atrás

iBIS, uma coisa te garanto, não sou lulista, petista, bolsonarista, pselista ou qualquer outro “lista” sou BRASILEIRO e é pelo BRASIL que luto e defendo…Há uma premissa na área de vendas, que se aplica a tudo na vida ” Não se explora uma área nova, enquanto a atual não estiver 100% explorada e bem explorada”, ou seja, não se investe em outros mercados (países) se o nosso existem carências, como saúde, saneamento básico etc…O mesmo ocorreu domesticamente aqui, o país necessitando de saúde, hospitais etc… e optaram em gastar em estádios superfaturados e olimpíadas. Somente para elencar este fato, vou… Read more »

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  Saldanha da Gama
28 dias atrás

Galante obrigado!!!!!!!!

Wilton Feitosa
Wilton Feitosa
Reply to  Saldanha da Gama
28 dias atrás

Saldanha, há um outra variável que vc desprezou na sua tese …
Adicione a sua tese a CAPACIDADE DE ENDIVIDAMENTO …
Você só pode financiar aquele que tem lastro para pagar …
Como você ou qualquer outro, pode observar quase todos os estados brasileiros e empresas públicas estão a beira da falência …
Há uma lei de responsabilidade fiscal que impede o estado de se endividar além da sua capacidade de honrar as contas …

carcara_br
carcara_br
Reply to  IBIZ
28 dias atrás

Pois é, a ideia era essa mesmo. Mas pro pessoal da lava jato/moro entenderem esses pequenos detalhes da geopolítica vai demorar, quase tanto pros liberais admitirem que estavam completamente errados em relação a negociação da embraer…

MMerlin
MMerlin
Reply to  carcara_br
28 dias atrás

É sério que vocês ainda acreditam que o ex-presidente que pertence ao PT é inocente?

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  MMerlin
28 dias atrás

Vamos esperar as revelações no caso ‘Vaza Moro’.
Serão eletrizantes.

carcara_br
carcara_br
Reply to  MMerlin
28 dias atrás

Vou te dizer no que acredito, o atual presidente e sua família tem envolvimento com milicias, nem os ex-presidentes, nem os partidos foram e não são inocentes.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  carcara_br
28 dias atrás

E tem de ser apurada judicialmente o papel do ex-MJ na eleição do atual Presidente.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  carcara_br
28 dias atrás

Caro Carcará. Eu acredito na minha mãe até quando ela mente para mim.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  MMerlin
28 dias atrás

Caro Merlin. O debate é outro. A operação Lavajato paralisou diversos setores da economia brasileira a partir de 2014, levando empresas á falência, queda de arrecadação e demissões. A corrupção não tem ideologia (nem religião). Um corrupto deve ser processado, condenado e punido no rigor da lei. Há corrupção no setor público e no setor privado. Há políticos de esquerda e de direita corruptos. Há pastores, padres e ateus corruptos. Há juízes e promotores corruptos. Há homens e mulheres corruptos. Hoje já é possível contabilizar o impacto que a operação teve na economia e se possível, aprender com os erros… Read more »

MMerlin
MMerlin
Reply to  Camaergoer
28 dias atrás

Sem dúvida a situação foi (e continua sendo) bem delicada Camargoer. Mas é preciso entender, a exemplo da Odebrecht, que quem cavou sua própria cova foi ela mesma. A operação lava-jato exigiu repatriação (boa parte estava no Panamá) e devolução de dinheiro e delação premiada de todos colaboradores que tivessem envolvimento com casos de suborno e corrupção. No caso, foram praticamente todos os executivos incluindo os donos. Contratos onde foram comprovados os indícios de superfaturamento e desvio são primeiramente suspensos para posteriormente serem cancelados. Existe multa (que não é pequena) para estas situações. isto resulta em custo da multa e… Read more »

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  carcara_br
28 dias atrás

Caro Carcará. Na página da Lavajato no MPF, eles informam que conseguiram reaver R$ 15 bilhões desviados ao longo de 10 anos. Há um relatório da FIESP que diz que a paralisação das empreiteiras devido a Lavajato provocou uma queda em 2015 de R$ 150 bilhões.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Camaergoer
28 dias atrás

Camargoer

Eles tinham um projeto de poder que perseguiram a qualquer custo.
Nem que para isso afundassem a economia do País.
Estão fracassando no seu objetivo, mas deixaram a economia arruinada.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Antoniokings
28 dias atrás

Caro AntonioK. Acho que as coisas ainda são recentes para entendermos o que aconteceu. Espero ficar velhinho para ouvir a opinião de uma nova geração de historiadores, economistas e cientistas políticos. Acho que vai ser difícil ver com clareza o que aconteceu na segunda metade da década de 2010 no Brasil. Por outro lado, sem entrar no juízo sobre as pessoas que estirem envolvidas, as vítimas inocentes, os canalhas, os culpados e os justos, já dá para fazer uma avaliação econômica do que aconteceu. Acho que já dá para avaliar os impactos de cada ação (mesmo sem avaliar se foram… Read more »

Barba
Barba
Reply to  IBIZ
28 dias atrás

IBIZ me desculpe… mas o foco de investimentos do BNDES deveria ser o Brasil, com investimentos dentro do Brasil. Temos precariedades em praticamente todos os setores, e esse dinheiro deveria ser aplicado aqui, para desenvolver o Brasil, não outros países.

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  Barba
28 dias atrás

ONDE ASSINO

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Saldanha da Gama
28 dias atrás

Olá Saldanha. É melhor não assinar porque o comentário do Barba está errado.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Barba
28 dias atrás

O foco do investimento do BNDES não precisa ser apenas o Brasil.
Diversos países emprestam dinheiro para o desenvolvimento de outros.
E a juros
O fato é que os outros países, pelo menos, pagam seus empréstimos.
Aqui, o empresário malandro pega o dinheiro e compra carro, jatinho e o escambau e depois vai em um gabinete de um político ligado à FIESP, UDR e etc. e consegue uma lei perdoando a dívida.

Barba
Barba
Reply to  Antoniokings
28 dias atrás

AntonioKings concordaria contigo se o Brasil tivesse uma forte economia, com um povo com um alto nível de vida. Evidentemente não é o caso do Brasil. Aqui faltam recursos, e jamais deveriamos usar o BNDES para financiar projetos fora do Brasil. A prioridade deveria ser o povo Brasileiro.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Barba
28 dias atrás

Olá Barba. Os livros “A história da riqueza no Brasil” e “escravidão vol.1” dão um bom cenário que o Brasil sempre esteve entre os 20 mais ricos do mundo e entre os 20 mais desiguais. Eu concordo com você que uma sociedade só faz sentido se ela tiver como base o valor absoluto da vida e da dignidade humana. Os países da OCDE tem uma carga tributária média de 34%, praticamente a mesma do Brasil. Contudo, os países que tem o menores índices GINI (menos desiguais) são aqueles nos quais os impostos sobre a renda representam mais de 40% da… Read more »

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Antoniokings
28 dias atrás

Caro Antonio. De fato, o BID, o Banco Mundial, o banco dos Brics… são todos bancos de fomento internacionais. O BNDES tem foco no Brasil.

João Adaime
João Adaime
Reply to  Antoniokings
28 dias atrás

Caro Antonio “Aqui, o empresário malandro…..”. Achei que nunca iria concordar com você. Uma vez alguém me disse que na Europa as empresas vão bem e os donos vão mal e no Brasil as empresas vão mal mas os donos vão bem. Quanto ao que você disse sobre o BNDES, nada a questionar. O problema é que fizeram mau uso dos seus (nossos) recursos. Mas isto é outro assunto. No que diz respeito aos nossos empresários, ontem mesmo foi denunciado que a Vale “exporta” minério para sua subsidiária na Suíça a preço subfaturado e esta subsidiária o reexporta para Japão… Read more »

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  João Adaime
28 dias atrás

João Andaime

Valeu!

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Barba
28 dias atrás

Ola Barba. O foco do BNDES é o Brasil. Quando uma empresa brasileira consegue um negócio no exterior (por exemplo fazer uma obra privada ou pública, vender um navio, vender um avião, vender batatas…), essa empresa pode pedir um financiamento do BNDES para comprar bens e serviços no Brasil relacionado a esse negócio (a empreiteira pode comprar tratores e máquinas, aço estrutural, cabos elétricos…, o estaleiro pode comprar aço e pessoas para construir esse navio no Brasil, para montar até parcialmente o avião no Brasil, para comprar uma colheitadeira de batatas para colher as batatas em uma fazenda no interior… Read more »

Barba
Barba
Reply to  Camaergoer
28 dias atrás

Obrigado pelo esclarecimento Camaergoer, entendo que a sua explicação está correta, pois não há nada de errado(juridicamente falando) de que se use o BNDES da maneira que você exemplificou. O problema é a falta de recursos… que são poucos e que na minha opnião deverião ser 100% utilizados dentro do Brasil, para melhorar a sua infraestrutura se o bom senso fosse utilizado.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Barba
28 dias atrás

Olá Barba. Acho que é preciso contextualizar os momentos. Quando o Brasil exibia taxas de crescimento de 4 ou 5% por trimestre, há uma ampla busca por financiamento. De 2015 até 2019 foi períodos de retração e estagnação econômica. 2020 é diferente de qualquer coisa. Os recursos do BNDES são suficientes para os períodos normais da economia, chegando a sobrar nos anos de nos últimos anos. Hoje, nenhuma conta parece fechar.

Barba
Barba
Reply to  Camaergoer
28 dias atrás

Perfeito, grato pelas informações! Concordo contigo!

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Barba
28 dias atrás

Olá Barba. Eu que agradeço. Acho importante e necessário o debate, colocar outras ideias. Discorda nunca pode virar uma questão pessoal.

cerberosph
cerberosph
Reply to  Camaergoer
28 dias atrás

No caso das construtoras e as suas obras de construção de portos, estradas etc, até a mão de obra que necessite um minimo de especialização são executados por brasileiros que são levados para esses países.

MMerlin
MMerlin
Reply to  Barba
28 dias atrás

O investimento neste modelo de negócios é bem válido Barba, primeiro porque fomenta a indústria nacional e segundo, por quem paga a conta não são os brasileiros e sim, os outros países.

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  IBIZ
28 dias atrás

Resumindo minha resposta…
Há uma premissa na área de vendas ” Não se explora uma nova área, se a a atual não estiver bem e 100% coberta” Primeiro reformo minha casa, depois a do parente(cunhado)… J.B.Figueiredo negou copa aqui…Enquanto idolatrarmos ideologias, partidos e políticos, o Brasil não sairá do lugar que se encontra há décadas….Abraços

Heinz Guderian
Heinz Guderian
Reply to  IBIZ
28 dias atrás

“nunca financiou ditaduras” eu parei de ler aqui.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Heinz Guderian
28 dias atrás

Caro Heinz. O risco de parar de ler na metade é a impressão que o assassino é o mordomo, porque só lá no fim é que fica claro que na verdade foi…

josé lemos filho
josé lemos filho
Reply to  Saldanha da Gama
28 dias atrás

nunca tivemos um momento tão positivo no despertar de um povo inerente à sua soberania nacional. acorda brasil, é hora, tempo, de assumir o controle do que lhe pertence e se posicionar no globo o que de fato vc representa. Embraer deu provas de sua capacidade, bastam ver a aceitação de seus produtos. nacionalização total da Embraer!

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  josé lemos filho
28 dias atrás

ONDE ASSINO?

Rafa_Positronn
Rafa_Positronn
Reply to  josé lemos filho
28 dias atrás

CONCORDO COMPLETAMENTE, AMIGO

Ta mais do que na hora de olharmos pra nós mesmos e pro nosso grande potencial

E pra isso precisamos de um Estado que não precisa ser máximo, mas TEM QUE SER INDUTOR DO DESENVOLVIMENTO

Rommelqe
Rommelqe
Reply to  josé lemos filho
28 dias atrás

EXATAMENTE! Também quero assinar embiaxo!

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  Saldanha da Gama
28 dias atrás

Senhores da trilogia, porque censuraram minha resposta ao IBIS, não há insulto, falta de educação ou palavras de baixo calão.

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  Saldanha da Gama
28 dias atrás

Se for censura automática, por favor avisem que não perderei meu tempo nem o de vcs, acabei de mandar outra resposta e novamente censurada. Obrigado pela atenção

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  Alexandre Galante
28 dias atrás

Ok, obrigado….

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Saldanha da Gama
28 dias atrás

Olá Saldanha. É comum o sistema segurar um ou outro comentário (ás vezes ele deixa passar uma outra ofensa que precisa ser apagada depois). Todo mundo tem comentário retido. Ás vezes a liberação é rápida. Ás vezes demora dois ou três dias.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Saldanha da Gama
28 dias atrás

Caro Saldanha O problema da Embraer nada tem a ver com a administração. O problema é que as companhias aéreas estão paradas, portanto elas não irão adquirir novas aeronaves até passar a crise da Covid 19. Além disso, coloquei em um outro comentário sobre uma nota do BNDES de setembro de 2019 explicando que o banco financia empresas brasileiras para adquirem bens e serviços no Brasil. Ele não financia governos, democráticos ou ditaduras. No caso das empreiteiras, elas ganham a licitação internacional, compram os serviços e o bens que serão usados na obra no Brasil com recurso do BNDES (o… Read more »

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Camaergoer
28 dias atrás

Camargoer

As companhias aéreas estão desesperadas.
Só hoje, a Lufthansa anunciou que pode pedir recuperação judicial e a British Airways vai demitir 12 mil funcionários.
Hoje também saiu o PIB americano no primeiro trimestre: – 4,8%.
A maior queda desde 2008.
E ainda nem registraram, por óbvio, a paralisação quase total de abril em diante.
A situação vai ficar muito interessante.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Antoniokings
28 dias atrás

Olá AntonioK. O Cel.Nery comentou que ele ficou em casa sem vencimentos por 30 dias. NInguém está viajando. Nem de carro.

Mayuan
Mayuan
Reply to  Antoniokings
28 dias atrás

Interessante seria se você ficasse sem internet para nos poupar de sua presença.

A situação vai é ficar caótica. Milhões de pessoas estao sofrendo e sei lá quantas morrerão. Isso é lamentável independentemente das ideologias que abraçam.

Chamar isso de interessante é lastimável mas vindo de você não é nenhuma surpresa.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Mayuan
28 dias atrás

Mayuan

Poupe-nos de sua falsa consternação.
Considero a situação interessante pelo olhos de quem a vê pelos aspectos econômicos e históricos.

Mayuan
Mayuan
Reply to  Antoniokings
27 dias atrás

Não me meça por sua régua torta!

Sua forma pensar é amplamente conhecida de todos aqui. Ninguém aqui mais cai em suas falácias.

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  Camaergoer
28 dias atrás

Meu caro CAMAERGOER! Não sou contra investir em estruturas de outros países, contanto, que aqui não necessite tipo moradia, hospital, saneamento básico etc… Quanto ao mercado está em queda realmente, mas não ficará assim por muito tempo, ele renascerá numa grande crescente e nesta hora, é que os ricos ficam mais ricos… Rico não enriquece em momento bom, aproveita as oportunidades do mercado, tipo esta agora!!! Abração

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Saldanha da Gama
28 dias atrás

Saldanha da Gama O BNDES para fazer o empréstimo analisa os pormenores do investimento. Infelizmente, o nosso empresariado (se é que se pode chamar essas pessoas disso) não apresenta projetos viáveis, quando não apenas são tentativas de arrumar alguma falcatrua. Muitas empresas nem capacidade de investimento para suportar uma contrapartida no projeto com o Banco. Portanto, era comum lermos notícias de que o Banco tinha dinheiro disponível para investimento sem ter onde aplicar aqui no Brasil. Acredite. Para se conseguir um financiamento no BNDES ou mesmo da casa própria da Caixa, a documentação tem de estar 100%.

Renato B.
Renato B.
Reply to  Antoniokings
28 dias atrás

Lembrando que já gastaram dezenas de milhões escarafunchando as contas do BNDES e estava tudo ok.

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Saldanha da Gama
28 dias atrás

Ola Saldanha. Creio que é preciso separar os investimentos públicos custeados por recursos próprios dos investimentos privados financiados pelo BNDES. Acho que o seu exemplo sobre hospitais é muito apropriado. Um município pode construir um hospital usando seus recursos ou usar recursos vindos do governo estadual ou federal a partir da inclusão da obra no orçamento público. Ou então, uma prefeitura (ou uma empresa que vence uma licitação) pode fazer um empréstimo no BNDES que será pago ao longo do tempo inclusive com juros. Outra possibilidade seria uma empresa privada que faz um empréstimo no BNDES para construir seu próprio… Read more »

IBIZ
IBIZ
28 dias atrás

Precisamos recuperar essa política mas de uma maneira vacinada contra corrupção endêmica e pressões políticas!

Rafa_Positronn
Rafa_Positronn
Reply to  IBIZ
28 dias atrás

Isso nunca existiu

essa conversinha mole de rombo no BNDES foi estória plantada na midia liberalóide pra incentivar a moléstia do Estado Minimo

se esse rombo existisse mesmo, esse governo ja teria mostrado

pagaram mais de 7 milhões em uma auditoria que concluiu que nunca houve rombo algum

é mais uma fake news dessa gente

Pedro Calmon
Pedro Calmon
28 dias atrás

Boeing acaba de anunciar o balanco do 1o trimestre:

– Preju de US$641 milhoes
– Queima de US$4.3 Bilhoes (o valor a ser pago pela EMBRAER) de reservas em despesas operacionais.

Rui Chapéu
Rui Chapéu
Reply to  Pedro Calmon
28 dias atrás

Legal que quando vc põe dados que expõem a realidade das coisas chove negativo…..

Vai argumentar como com um povo desses?

O negócio é só postar os dados e dar tchau, não dá pra ficar tocando música pra macaco dançar.

Pedro Calmon
Pedro Calmon
Reply to  Rui Chapéu
28 dias atrás

Para complementar, eles tambem vao demitir 10% dos funcionarios.

https://www.cnbc.com/2020/04/29/boeing-ba-earnings-q1-2020.html

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Pedro Calmon
28 dias atrás

E aditando as informações sobre a Boeing.
A queda de receita total foi de 26% para US$ 16,91 bi.
A receita com aviação comercial foi de US$ 6,21 bi (-48%) e com defesa, espaço e segurança foi de US$ 6,04 (-8%).
Os custos com a suspensão do 737 Max aumentaram em US$ 1 bi para um total de US$ 5 bi.
A empresa informou que planeja adotar um plano de demissão voluntária.
As ações da Boeing caíram 59,2% nos últimos três meses.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Antoniokings
28 dias atrás
carcara_br
carcara_br
Reply to  Pedro Calmon
28 dias atrás

De certa forma o limiar de risco que a boeing assumiu ao adquirir a embraer sempre foi muito baixo, muito baixo. Foi uma tremenda armadilha e demonstra falta de interesse genuíno em adquirir a empresa.

carcara_br
carcara_br
Reply to  carcara_br
28 dias atrás

Basicamente trocaram a embraer por um prejuízo menos negativo, porque a partir de agora (segundo trimestre) a crise afetará de forma semelhante a grande maioria das empresas (mais aquelas de dependem unicamente do setor privado, que não é o caso da boeing).

Rafa_Positronn
Rafa_Positronn
28 dias atrás

Ta mais do que certo

o BNDES é pra isso mesmo

e até agora ninguem mostrou o tal ROMBO do BNDES … Rombo que não existe

No mais, tomara que nos livremos desse abacaxi que é o acordo com a Massa Falida da Boeing

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Rafa_Positronn
28 dias atrás

Rafa_Positron

Concordo.
Mas. só estou esperando para ver os ‘liberais’ dizerem que quem manda na empresa são os acionistas, que o Estado é opressor, que se mete em tudo e etc.
Taí.
No Mundo todo, se o Estado não interferir, vão todos à falência.

Marcos10
Marcos10
Reply to  Antoniokings
28 dias atrás

Acho que você está fazendo confusão com liberalismo econômico. Liberalismo econômico significa que o Estado simplifica a vida das empresas, o que não ocorre por aqui. Perde-se tempo e dinheiro em burocracia, perde-se competitividade e aí não se consegue competir lá fora. Não temos preços dos chineses, nem qualidade dos alemães. Daí só resta o povo chorar contra a globalização.

Alessandro
Alessandro
Reply to  Antoniokings
28 dias atrás

“só estou esperando para ver os ‘liberais’ dizerem que quem manda na empresa são os acionistas, que o Estado é opressor, que se mete em tudo e etc.” E eu to esperando ansiosamente o “defensor da liberdade” que jurou diversas vezes para mim que era liberal vim aqui rebater essas suas provocações contra os mesmos, mas acho que vou cair do cavalo, pois é mais fácil ele vim aqui rebater o meu questionamento sobre o motivo dele NUNCA rebater um C O M U N A quando fala bobagens contra os liberais como é o seu caso xing, do que… Read more »

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  Rafa_Positronn
28 dias atrás

Caro Rafa. Eu concordo com seu comentário. A boa lógica científica assegura provar o que existe (olha aqui onde está …). Ninguém prova a inexistência (não encontrei mas isso pode ser que não procurei direito). A comprovação que algo existe tem que ser material. A inexistência de provas é apenas uma hipótese, uma suspeita, uma dúvida… achismo é diferente de provismo, diria Vicente Mateus.

Rafa_Positronn
Rafa_Positronn
Reply to  Camaergoer
28 dias atrás

O Rombo do BNDES é igual ao patriotismo do Bolsonaro e a gestação da grávida de Taubaté: Nunca existiu

Marcos10
Marcos10
Reply to  Rafa_Positronn
28 dias atrás

Realmente não existe rombo no BNDES, simplesmente porque o Tesouro cobre.
O Tesouro pega dinheiro no mercado por 15% as, coloca no BNDES por 0%, que empresta por 3%.

Barba
Barba
28 dias atrás

Não tem jeito, a curto prazo para a Embraer não ir para o buraco o BNDES vai ter que socorrer. Espero que se faça isso de maneira inteligente. Mais uma conta para o povo brasileiro arcar. No geral, a conta vai ser muito salgada….

Rafa_Positronn
Rafa_Positronn
Reply to  Barba
28 dias atrás

Vc ta doido ?

A Embraer tem uma divida muito curta e um caixa bastante farto

É uma empresa sólida e estruturada

quem tá indo pro Buraco é a Boeing … se é que já não foi

Barba
Barba
Reply to  Rafa_Positronn
28 dias atrás

Segue o que foi postado por outro comentarista(Pedro Calmon) em outra reportagem daqui do Poder Aereo:

https://www.prnewswire.com/news-releases/embraer-earnings-results-4th-quarter-and-fiscal-year-2019-301030146.html

Divida total Bruta – US$ 3,3 Bilhoes

Sem mencionar o fato que as encomendas vão cair e muito devido a Crise que já estamos.

Rommelqe
Rommelqe
Reply to  Barba
28 dias atrás

Leia de novo e interprete por favor:
“The Company finished 2019 with strong liquidity with a total cash position of US$ 2,779.9 million. Embraer’s 4Q19 total debt of US$ 3,392.3 million had an average maturity of almost five years, yielding a net debt position of US$ 612.4 million vs. US$ 1,347.2 million of net debt in 3Q19;”

Barba
Barba
Reply to  Rommelqe
28 dias atrás

Boa noite Rommelqe.
O valor da divida é aquele valor indicado acima. Pouco importa o prazo para o pagamento da mesma, pois dívida é dívida e ela tem que ser quitada. O fato é que as receitas vão cair. Com certeza o buraco vai aumentar.
Infelizmente a Embraer não está numa posição confortavel, com $$$ em caixa.

Alessandro
Alessandro
Reply to  Barba
28 dias atrás

Por isso que acho que o mais correto para melhorar as contas e colocar a Embraer no eixo novamente não é emprestar dinheiro do BNDES (contribuinte) para eles, e sim o governo comprar mais caças gripens e KC-390, pois defesa não se brinca, nunca é gasto e sim investimento.

Rafa_Positronn
Rafa_Positronn
Reply to  Alessandro
27 dias atrás

É investimento e geração de empregos altamente especializados

Mas sou a favor sim de uma maior participação do Estado

A avibras está ativa e produzindo misseis de cruzeiro pelo simples fato de o ESTADO ter chegado junto e ajudado a empresa na dificuldade

o resultado está ai: um produto de alto nivel pro nosso exercito e com alta possibilidade de exportação

Essa idiotice de Estado Mínimo caiu em desuso em todo o mundo

Só aqui isso ainda tem eco

Mas ta passando

Fabio Araujo
Fabio Araujo
28 dias atrás

Essa é a função do BNDES, financiar a indústria nacional, mas a coisa tem que ser feita sem politicagem e de forma justa!

Alexcg
Alexcg
28 dias atrás

É o BNDS aumentar a participação e salva a empresa e garantir dele sempre ser brasileira e de mais ninguém afinal os projetos defesa importante passa por ele k390, gripen NG fragatas,Tamandaré tera sistemas dela. Se a embraer fecha as sua subsidiárias provavelmente tb fecha.

Salim
Salim
28 dias atrás

Acredito que BNDES tem que entrar socorro Embraer. Vinte mil empregos de qualidade técnica aqui no Brasil. Alem do que com redução demanda sera necessário aviões menores e mais econômicos onde familia E2 tem um grande potencial.

PauloR
PauloR
28 dias atrás

Sou a favor desde que o governo ganhe com isso com ampliação do poder dentro da empresa por exemplo. E não importa se o dinheiro é público, bolsonarista que acham normal nosso dinheiro ser usado pra financiar o gabinete do ódio da familicia não tem moral pra criticar empréstimos a embraer

Foxtrot
Foxtrot
28 dias atrás

Possibilidade do BNDES/GF ampliar as ações na empresa .
Que diga se de passagem é super lucrativa, bastando apenas uma re engenharia em suas plantas fabris.
Fechar a unidade de Jaksonvile nos E.U.A por exemplo seria bom, pois os salários lá são em dólar e não de obra muito cara.
Trazer de volta para o Brasil a fábricação do ST etc.
Ou seja uma “dedada” de volta no olho dos Ianques seria muito satisfatório kkkkk

Pedro Calmon
Pedro Calmon
Reply to  Foxtrot
28 dias atrás

“Que diga se de passagem é super lucrativa”

Margem de lucro em 2015: 1,2%
Margem de lucro em 2016: 2,7%
Margem de lucro em 2017: 4,3%
Margem de lucro em 2018: -3,6%
Margem de lucro em 2019: -6%

Fonte:https://ri.embraer.com.br/listresultados.aspx?idCanal=dwxMd7dcHTw/kwbNAc2ESQ==

A Media da margem de lucro da Airbus no mesmo periodo foi de 12,4%

Fernando EMB
Fernando EMB
Reply to  Foxtrot
28 dias atrás

A fabricação do Super Tucano nunca saiu do Brasil. Não fala besteira. Foi implementada uma segunda linha para fazer a montagem final. Segunda linha, e não única. E lá só monta. Aqui se fábrica e monta.
Que Airbus fechar a fábrica lá se com isso as encomendas via FMS iriam pro espaço!!?!

Foxtrot
Foxtrot
Reply to  Fernando EMB
27 dias atrás

Vê se me erra Fernando EMB.
Deve estar invocado pois perdeu seu visto do Green card e não ganhará mais em dólar kkkkk.
Se bobear vai ganhar em Iens e terá que beijar a mão do partido kkkkkkk.
Não vou perder meu tempo contigo !

Mauricio R.
Reply to  Foxtrot
27 dias atrás

Renminbi. A moeda da PRC é o renminbi. Ien é no Japão.
.
“The distinction between renminbi and yuan is that renminbi is the name of the currency and yuan refers to its primary unit.”
.
(https://en.wikipedia.org/wiki/Renminbi)

Hélio
Hélio
28 dias atrás

Liberalismo é assim, sem interferência do Estado quando dá lucro, socorro do Estado quando dá prejuízo.

Fernando EMB
Fernando EMB
Reply to  Hélio
28 dias atrás

É sim sim… Quando da lucro recolhe pesados impostos… Quando da prejuízo tem que ajudar sim.

Hélio
Hélio
Reply to  Fernando EMB
28 dias atrás

Não tem não, meu querido, os impostos servem para o bem público, não o lucro privado dos investidores estrangeiros. Quer socorro do governo com a desculpa de “pagar pesados impostos”, mas também vive de fazer lobby para não pagar imposto, isso sem falar nos subsídios bilionários. Passa pra lá com esse parasitismo.

Mauricio R.
Reply to  Fernando EMB
27 dias atrás

É uma empresa privada, imposto paga-se no lucro ou no prejuízo, qndo dá lucro os acionistas é que se esbaldam na distribuição de dividendos, não o Estado. Ela que se vire no mercado, que se financie nos bancos privados. Ou arrume alguém disposto a injetar-lhe dinheiro, que não o Brasil. O Estado até que pode ajudar, mas pode também exigir que a ajuda seja prioritariamente investida no país, exigir que a fábrica na Florida seja vendida, que a empresa de desfaça das fábricas em Évora, etc, etc, etc… A vontade da direção da Embraer nessa hora, é o que menos… Read more »

jusé
jusé
28 dias atrás

IBIZ…você simplesmente, em poucas palavras falou TUDO sobre o BNDS (banco criado para ajudar empresas brasileiras na luta contra empresas estadunidenses….européias e outras, que contam com ajuda de seus governos nas licitações internacionais) e isso é perfeitamente normal. O problema é que essas pessoas, por serem muito mal informadas, por ideologia ou má fé mesmo…acreditam piamente nessas fake news e nessa tal “salva-rato” que foi montada para destruir o Brasil e pronto….não mudarão isso. Esses ….. deixa pra lá…, criaram e espalharam para o povão essas barbaridades do tal porto de Mariel e outras tantas obras nas Américas (inclusive dentro… Read more »

jusé
jusé
28 dias atrás

Se tiver que financiar a Embraer pois que financie sim. O BNDS foi criado justamente para isso…financiar empresas nacionais ou de interesse nacional. Desde de que tudo dentro da lei o BNDS DEVE financiar sim. Anormal será se não financiar. Se bem que vivemos tempos estranhos!

Mauricio R.
Reply to  jusé
27 dias atrás

O BNDES deve financiar se isso atender as diretrizes do banco, não financiar por simplesmente financiar, ou não por se tratar da Embraer.
E acima de tudo, deve para que o financiamento ocorra, impor condições a empresa.
Afinal é um negócio de risco e o mercado não anda nada fácil.
E o BNDES tem é mais o que fazer.

orivaldo
orivaldo
28 dias atrás

Sou contra o BNDS existir, mas como existe é melhor ajudar a Embraer do que os compadres da odebrecht e irmãos Cubanos

Camaergoer
Camaergoer
Reply to  orivaldo
28 dias atrás

Caro Orivaldo. O BNDES, que antes se chamava BNDE, foi fundado em 52 durante a presidência de Getúlio Vargas a partir das recomendações de uma comissão mista Brasil-EUA para recuperar a infraestrutura do Brasil no pós-guerra. A industria brasileira não foi bombardeada durante a II Guerra, mas não teve qualquer investimento. Segundo uma entrevista do Roberto Campos (sou fã desse cara), o Brasil tinha carência de cimento e de energia elétrica. O banco é essencialmente um organismo de capitalismo liberal.

Audax
Audax
28 dias atrás

Se bobear no futuro ainda sai o acordo com a Boeing mas com um valor muito abaixo e no modo desespero. Tipo ou isso ou nada.

Marquês de São Vicente
Marquês de São Vicente
28 dias atrás

O setor de defesa é uma base industrial importantíssima para qualquer país. Qualquer nação de respeito precisa de uma indústria de defesa eficiente, moderna e competitiva. Dito isso, vamos acabar bancando uma reestruturação da Embraer, porque, infelizmente a Embraer é a indústria de defesa do Brasil. Não há outra. O Brasil precisa rapidamente compreender que o investimento em defesa é exatamente isso: investimento. A Embraer precisa de concorrentes internos, enxugar custos e o governo precisa comprar mais e vender mais. Só que o COVID bagunçou tudo. Esse é o momento em que todo mundo está nivelado por baixo. E, contrário… Read more »

ADRIANO MADUREIRA
ADRIANO MADUREIRA
28 dias atrás

Caso o empréstimo não seja suficiente, sou a favor da estatização. Mas Depende do tipo de estatização 🤔🇧🇷, se for nos moldes como o governo americano fez com a GM, até seria aceitável… A GM em 2009 anunciou ao mercado financeiro um fracasso na reestruturação de sua dívida com credores. No dia 1º de junho, a montadora deu entrada em seu pedido de concordata, que resultou em uma participação de 60% do governo americano na empresa (um aporte de US$ 50 bilhões), além de 12% do governo canadense (aporte de US$ 9,5 bilhões). Em 2016,a General Motors anunciou que iria… Read more »

ADRIANO MADUREIRA
ADRIANO MADUREIRA
Reply to  Fabio Araujo
28 dias atrás

acredito que possa ser algo como eu falei Fábio,mas sem nenhuma intervenção interna do governo com cargos para apadrinhados dentro da embraer…

Jeferson
Jeferson
28 dias atrás

Quanta ingenuidade, não existe espaço para sentimentos, como patriotismo, quando se trata de negócios…se for vantajoso para o BNDES acredito que financiará a empresa, caso contrário, não acredito que o faça.

Alex Freitas
Alex Freitas
28 dias atrás

Por que será que a Boeing não efetivou o contrato???

Larri Gonçalves
Larri Gonçalves
28 dias atrás

Ainda bem parece que vão ajudar a EMBRAER, é lógico que é necessário auxiliar uma empresa nacional, mais do que nunca é preciso ter noção do que é estratégico para o Brasil, que são os brasileiros em primeiro lugar ou seja seu povo, e depois nossas empresas de capital humano e tecnológico de ponta, e que sejam de controle nacional, de agora em diante, cada vez mais, será cada país salvando aquilo que mais lhe interessa e o Brasil precisa estar neste rumo.

Alessandro
Alessandro
28 dias atrás

Cada um tem um ponto de vista, eu por exemplo sou contra empréstimos do BNDES para empresas em RISCO, afinal é o SEU dinheiro que está indo para o RALO para salvar acionistas MILIONÁRIOS, é engraçado essa situação, pois ver aquele e s q u e r d i n h a metido a revolucionário gritando “fora elite branca” e agora pedindo para que o governo dê dinheiro para eles, com uma retórica romântica de “salvar empregos” não tem preço ver a incoerência de seus discursos tradicionais ideológicos rsrs… Prefiro que o governo pegue por exemplo 5 ou 10 bilhões… Read more »

Mauricio R.
27 dias atrás

Antes de baterem a porta do BNDES, deveriam vender os anéis: EDS, Bradar, Eleb, Savis, Visiona, etc, etc, etc…

Leonardo M.
Leonardo M.
27 dias atrás

Aumenta o número de pedidos de 28 para 58 KC390
Gripens de 32 para 72
Tucanos pede mais uns 50
Façam versão de patrulha naval do EMB 195 – 18 unidades estaria bom
EMB-195 AAWACs
Embraer bandeirante de volta – 120 unidades

Pronto
Salva a Embraer e a FAB

Fabio Mayer
Fabio Mayer
27 dias atrás

Nenhuma produtora de aviões do mundo, e isso inclui a Airbus, terá céu de brigadeiro nos próximos anos. De modo que a EMBRAER não precisa, neste momento, preocupar-se com a concorrência que já tinha antes, porque ela também terá redução drástica de vendas e isso inclui as empresas chinesas. E for para a EMBRAER ser vendida, só terá ofertas chinesas, basicamente porque os processos de “dumping” vindos daquele país envolvem dinheiro governamental, ou seja, as empresas chinesas tem capital neste momento, inclusive para comprar concorrentes, mas ainda duvido muito que façam ofertas neste momento, ops chineses praticam dumping, mas também… Read more »

Carlos Miguez - BH
Carlos Miguez - BH
27 dias atrás

Situação muito pior, em minha opinião, é da Airbus e da própria Boeing, e essas serão SALVAS pelos governos europeus e americano respectivamente. Obviamente será a aviação regional que vai se recuperar mais rápido. Qualquer produto aeronáutico tem prazo de validade: ciclos de pressurização e/ou horas de vôo. Jatos regionais se desgastam muito mais que os de médio/longo percurso, portanto sua substituição é mais rápida. E este é o mercado dos E-jets da Embraer. Além de serem os mais baratos de operar, seja por custo de assento ou consumo de combustível. Ou seja: a situação da Embraer necessita apenas de… Read more »

Mauricio R.
27 dias atrás

Ora, ora, nada com a passagem do tempo, o senhor da razão.
Desde muito antes do negócio com a Boeing, que a Embraer se achava a última bolacha do pacote.
A fusão veio, a Boeing acordou, puxou o carro e se foi, agora a Embraer se descobriu a bolacha mais embolorada do pacote…
Nada como um dia depois do outro.

ADRIANO MADUREIRA
ADRIANO MADUREIRA
27 dias atrás

CNN-BRASIL : Acordo entre Boeing e Embraer proibia desistência em caso de pandemia.
comment image

Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
Reply to  ADRIANO MADUREIRA
25 dias atrás

Serão anos de disputa judicial e o palco será nós USA, cerelidade.

ADRIANO MADUREIRA
ADRIANO MADUREIRA
27 dias atrás

Off-Topic:
Boeing gastará mais de US$ 500 milhões para corrigir sistema de visão remota do KC-46

A Boeing parece aquela pessoa que está morrendo,agonizando na sombra e chega alguém e lhe puxa para o sol,que fase terrível…

Diego
Diego
26 dias atrás

Acho que o estado deve ajudar sim uma empresa de prestígio e genuinamente brasileira. Mas antes de emprestar um dinheiro que pode não se pago, deve tentar ajudar comprando muitos produtos da empresa e ajudando vendê-los. Aviação comercial está difícil, que a empresa desloque sua mão de obra para a defesa compraremos 3 bi em aeronaves de defesa já ajuda muito a se restruturar e reiventar

Rico Zoho
Rico Zoho
25 dias atrás

Tá tudo mundo quebrando. A Airbus vai muito mal das pernas. Isto antes do impacto do covid-19.

https://www.infodefensa.com/mundo/2020/04/30/noticia-airbus-pierde-millones-primer-trimestre.html