F-35A na Finlândia prontos para as avaliações

    1790
    35

    Mau tempo impediu o deslocamento de duas das quatro aeronaves originalmente programadas

    Dois caças F-35A Lightning II chegaram à Base Aérea de Pirkkala, na Finlândia, para uma semana de testes e avaliações intensas.

    Os jatos pousaram na noite de domingo, após um atraso dado pelo mau tempo na rota EUA – Inglaterra e depois para o espaço aéreo finlandês.

    Inicialmente, quatro F-35 deixaram a Base Aérea de Luke no Arizona em 5 de fevereiro e seguiram para leste, mas os aviões reabastecedores não puderam apoiar a missão através do Atlântico devido às condições climáticas, e apenas dois jatos chegaram em Pirkkala.

    “Estamos entusiasmados por poder mostrar o que o F-35 pode fazer, suas incríveis capacidades”, disse o piloto de testes da Lockheed Martin, Bille Flynn, em um pequeno vídeo publicado nas mídias sociais.

    A aeronave participará de exercícios simulados de guerra de longo prazo, em que os jatos candidatos desempenharão seu papel como parte dos sistemas de defesa da Finlândia. Nas batalhas simuladas, eles enfrentarão os atuais jatos F/A-18 Hornet e BAE Hawk da Força Aérea.

    A Força Aérea informou que o evento ocorre na Finlândia para que cada avião da concorrência possa ser testado nas condições de operação finlandesas no inverno – e também para fornecer uma avaliação equilibrada para cada uma das cinco aeronaves candidatas.

    Os outros participantes do ‘Operation HX Challenge’ são o Rafale da França; o Eurofighter Typhoon ; o F/A-18 Super Hornet da Boeing; e o sueco Saab Gripen.

    Embora todas as aeronaves sejam projetadas para operar em temperaturas abaixo de zero, a Força Aérea diz que quando as temperaturas oscilam em torno de zero com neve, granizo ou garoa congelante, ela lança desafios extras para os jatos.

    Condições climáticas adversas podem ter um impacto no desempenho de sensores eletro-ópticos, em particular.

    FONTE: NewsNow (tradução e adaptação do Poder Aéreo a partir do original em inglês)