Home Aviação de Transporte FAB recebe segunda unidade do KC-390 Millennium

FAB recebe segunda unidade do KC-390 Millennium

7719
87

Aeronave de matrícula FAB 2854 pousou nesta sexta-feira (13/12) na Ala 2, em Anápolis (GO)

A Força Aérea Brasileira recebeu nesta sexta-feira (13/12) a segunda unidade da aeronave multimissão KC-390 Millennium. O avião de matrícula FAB 2854 pousou às 12h20 na Ala 2, Organização Militar da FAB sediada em Anápolis (GO), e foi recebida pelo Comandante do Primeiro Grupo de Transporte de Tropa (1º GTT), Tenente-Coronel Aviador Luiz Fernando Rezende Ferraz, acompanhado de militares do 1º GTT e do Grupo Logístico de Anápolis (GLOG 2).

“Hoje, recebemos a segunda aeronave KC-390, FAB 2854. Com duas aeronaves, seremos capazes de agilizar a formação dos nossos pilotos e dos nossos mantenedores na operação do novo vetor. Cabe destacar o incremento da capacidade logística que teremos na Força Aérea com a ativação e operação das aeronaves KC-390 Millennium recebidas”, disse o Tenente-Coronel Ferraz.

A aeronave decolou da sede da EMBRAER em Gavião Peixoto (SP) e transportou, além da tripulação da empresa, militares do 1ºGTT que participaram do recebimento do KC-390.

Recebimento da primeira unidade

A primeira aeronave multimissão KC-390 Millennium foi recebida pela FAB em 04 de setembro. A solenidade foi presidida pelo Presidente da República, Jair Bolsonaro, e também teve a presença do Ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, e do Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez, além de Ministros de Estado, Oficiais-Generais da Marinha, do Exército e da Aeronáutica, autoridades civis e militares, e executivos da Embraer.

A entrega da aeronave FAB 2853 aconteceu com o tradicional batismo. “Incorpora-se, hoje, à FAB o maior avião militar produzido no Brasil, o KC-390. Ele representa um marco na excelência de processos da FAB e, certamente, impulsionará a Base Industrial de Defesa no Brasil”, disse à época o Comandante da Aeronáutica. O Presidente da República destacou a importância da materialização do projeto brasileiro. “É uma aeronave que chegou para somar ao país e colaborar no cumprimento da missão da Força Aérea”, declarou.

KC-390 Millenium

Maior avião militar desenvolvido e fabricado no Hemisfério Sul, o KC-390 Millennium tem capacidade de realizar missões de transporte aéreo logístico, reabastecimento em voo (REVO), evacuação aeromédica, busca e salvamento, ajuda humanitária e combate a incêndio, dentre outras. O KC-390 foi desenvolvido para atender os requisitos operacionais da FAB, provendo mobilidade estratégica às Forças de Defesa do Brasil.

FONTE: Força Aérea Brasileira

87
Deixe um comentário

avatar
19 Comment threads
68 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
45 Comment authors
Tomcat4.0Vanildo PiresJSilvaGrozelha Vitaminada MilaniFernando EMB Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
JOAO
Visitante
JOAO

Parabéns a FAB! No correto caminho de grandeza que é de seu direito. Tudo consequência de uma gestão profissional. Que a MB aprenda um pouco com os seus exemplos.

Kommander
Visitante
Kommander

Na verdade, existiram duas questões: expertise na construção de aviões, coisa que a Embraer já tem, e dinheiro no caixa. Visto que esse foi um dos projetos mais rápidos a serem desenvolvidos aqui no Brasil que eu já vi. Levou menos de 10 anos para se desenvolver um avião desse. Fiquei impressionado!

Marcos10
Visitante
Marcos10

O ZNJ continua a certificação em Araraquara e o ZNG estava em Yuma para outras certificações, depois foi para NY e agora encontra-se Jacksonville.

Marcos10
Visitante
Marcos10

Alguém sabe em que tipo de operações a FAB já vem utilizando essa aeronave?
Ou ainda estão criando uma doutrina?

ghutoz
Visitante
ghutoz

o PT-ZNF já teve um destino?

Marcos10
Visitante
Marcos10

No estado que ficou a célula após o segundo evento, deve ter sido desmantelado.

João Bosco Furtado
Visitante
João Bosco Furtado

Acredito marcos que seria possível restaura- lo. imagino que boa parte da estrutura bruta, fuselagem central, a barca que faz o piso da fuselagem , acredito que aproveitaria os motores asas, lemes derivas e alguns componentes estruturais da fuselagem superior. Espero que possa ter colaborado.

Fabrízio
Visitante
Fabrízio

Todas as vezes que vejo o perfil deste maravilhoso avião, me vem à semelhança com um Bull Terrier.

Ronaldo Rangel Pires
Visitante
Ronaldo Rangel Pires

Excelente comparação, Fabrizio. Ele é isso aí mesmo.

Ronaldo Rangel Pires
Visitante
Ronaldo Rangel Pires

Breve, breve, ele vai brigar com cachorro grande. E vai ganhar!!!!

Luiz Trindade
Visitante
Luiz Trindade

Que venham mais… Falta aparecer os Gripen…

Samuca cobre
Visitante
Samuca cobre

Concordo com você… que venham mais, bem mais!!! E que vendam mais … vai vender com certeza!!!

2Hard4U
Visitante
2Hard4U

Virão mais 26 unidades de produção e os 2 protótipos remanescentes.

Samuca cobre
Visitante
Samuca cobre

Muito bom!!! Mas pelo tamanho do nosso país, com o tempo, poderiam comprar um pouco mais…

JSilva
Visitante
JSilva

São 28 KC-390 mais 15 C-295, 43 aviões de transporte, tá bom não?
O que precisa de um pouco mais é a aviação de caça… nossos F-5 estão previsto pra dar baixa daqui a seis anos…

Tomcat4.0
Visitante
Tomcat4.0

Realmente JSilva precisamos chegar aos 108 Gripen’s ai sim a FAB vai poder respirar aliviada.

nonato
Visitante
nonato

O avião já está com certificação plena ou na FAB ainda é uma espécie de treinamento?
Se não me engano, com o Gripen vão entregar inicialmente mas pra testes e levará um tempo até ser declarado operacional.

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

Nonato, está com IOC – Capacidade de Operação Inicial. “Certificação plena” é FOC, quando outras capacidades ainda não certificadas (como operação na Antártica, reabastecimento em voo de helicópteros) deverão estar certificadas. Por enquanto, também está sendo estabelecida toda a doutrina de operação da aeronave no esquadrão, com os pilotos, mecânicos etc. “ Se não me engano, com o Gripen vão entregar inicialmente mas pra testes e levará um tempo até ser declarado operacional.” As provas em voo, no momento concentradas na Suécia já estão acontecendo com os protótipos suecos e com os dois primeiros de série entregues (um para o… Read more »

Luiz Antonio
Visitante
Luiz Antonio

O Mistério do Negativo Mudo
Fico impressionado como muitos comentários, apesar em de se limitarem a informações importantes e detalhadas, receberem o Negativo Misterioso. Realmente seria o maior mistério da humanidade, não fosse tão irrelevante e infantil. Seria muito mais proveitoso e adulto para o debate, se invés de negativar postasse comentários contrários com argumentos, mesmo que fossem bobagens, pois demonstra ainda falta de capacidade de raciocínio – a tão falada Burrice.

F 16 nutela
Visitante
F 16 nutela

É o que sempre falo aqui para os críticos, nossas forças são as melhores e as mais capazes da região, sem nenhuma dúvida. Não tem um mês ao longo dos últimos 10 anos que não tenhamos novidades e entregas de armas para as 3 forças. Estava lendo em outro site que a Marinha comprou o sistema scan Eagle no programa Arp E, foram seis vants que podem ficar no ar até 24 horas e que tem câmaras eletro opticas e/ou infrared. Excelente aquisição que coloca a consciência situacional da nossa Marinha num patamar acima de qualquer outra da região, pois… Read more »

Mauro
Visitante
Mauro

Totalmente de acordo. Estou totalmente de acordo. O KC-390 não é apenas um avião, o cargueiro médio mais avançado do mundo atualmente, mas não é apenas isso. O KC-390 é geopolítica, é geopolítica pura. Já está na OTAN, e quando Portugal aparecer em exercícios com ele carregado com cargas que são impossíveis para o C-130, seja por peso, seja por volume, os demais vão começar a pensar melhor na hora de comprar. Amigo, olha só o que nós temos… O KC-390 projetado e fabricado no Brasil, temos o A-29 Super Tucano, não tem nada no mundo que faça o que… Read more »

Saldanha da Gama
Visitante
Saldanha da Gama

Mauro e f16, ONDE ASSINO? E não se preocupem com voto negativo, outro dia, um simplesmente “obrigado” também teve este tipo de voto…

Ricardo Bigliazzi
Visitante
Ricardo Bigliazzi

Apenas voto de torcida, engolem seco a verdade e votam negativando

Space Jockey
Visitante
Space Jockey

Que bíblia ein… O MTC-300 não está operacional inda, a Trocano não tem nenhum valor militar, o A-darter nenhuma encomenda ainda e o MAR 1 foi cancelado.

F 16 nutela
Visitante
F 16 nutela

Que vira latismo hein?
“O MTC-300 não está operacional inda”
Alguma dúvida sobre o MTC 300? vc acha que não é realidade?baseado em que?
“a Trocano não tem nenhum valor militar”
Quando tiver um outro teste, vc pede para ficar no ponto de impacto e depois vem aqui dizer alguma coisa.
“o A-darter nenhuma encomenda ainda”
É mesmo? diz isso para Africa do Sul e para o governo Brasileiro!
“o MAR 1 foi cancelado.”
Pode ter sido cancelado, mas a expertise ficou, o Paquistão comprou e não reclama do produto recebido!

Kommander
Visitante
Kommander

Vira latismo, agora tudo é vira latismo. Se você não concorda com os EUA é chamado de comunista, se crítica as FA brasileiras você é vira-lata. Agora eu tenho que concordar com tudo, mesmo sendo errado, pra não ser chamado de vira-lata.

Wilson
Visitante
Wilson

O Paquistão pediu mas não recebeu.

F 16 nutela
Visitante
F 16 nutela

Wilson, gostaria de saber qual a sua fonte para essa afirmação, porque a minha fonte é o site CAVOK e o site JANES, um dos mais conceituados no mundo militar. Ambos afirmam o contrário.
http://www.cavok.com.br/blog/missil-brasileiro-mar-1-e-integrado-em-cacas-do-paquistao/
Se vc teve alguma informação diferente, divulgue por favor, gostaria muito de ter essa informação de uma fonte crível.

Douglas Rodrigues
Visitante
Douglas Rodrigues

Tem uns que deveriam ser argentinos… Quem sabe se orgulhariam mais de seu país sucateado nas FAA.

Douglas Rodrigues
Visitante
Douglas Rodrigues

Estamos ainda em recessão, ajustes de contas para todos os lados devido aos anos passados com erros de gestão e falta de reformas que hoje estão sendo realizadas. Ainda que hajam críticas ao governo federal – principalmente em suas atitudes, não temos notícia alguma de corrupção nesse governo, e os índices econômicos têm melhorado a cada pouco… Muitos de nós acompanhamos decisões como FX-2, Corvetas, e outras se arrastarem e serem empurradas para o próximo que pudesse assinar algo que não gerasse votos ou que pudesse ser considerado até “impopular” – te garanto que depois de vermos os F-39 Gripen… Read more »

GuilhermeSp
Visitante
GuilhermeSp

A Tauros é excelente para exportação, mais nós últimos anos falhou no seu próprio território.

francisco Farias
Visitante
francisco Farias

O Preço de revolveres e pistolas aqui é um absurdo. Uma pistola 9 mm G2C é vendida nos USA por 200 dólares ( R$ 800,00 reais) já incluso os impostos e o lucro do vendedor. Enquanto que a mesma é vendida aqui no Brasil por R$ 3.900,00. Mesmo tirando todos os impostos o preço praticado pela Taurus aqui no brasil ainda seria bem maior do que os praticados no exterior.
NÃO entendo essa lógica dos empresários brasileiros. Preferem exportar mais barato do que vender no mercado interno. O preço da carne é outro exemplo.

cvn76
Membro
Famed Member
cvn76

Pergunta de leigo:
Qual é ou quais são as diferenças do pessoal na foto que estão usando uniformes azuis, verdes e cinzas?
Tipo cinza são pilotos, verde para mecânicos e azul para outra funções?

Marcos10
Visitante
Marcos10

Tem azul que é de manutenção;
Tem o verde, que é de voo;
E tem o do EDA, que é um outro tom de verde.

sidney
Visitante
sidney

Na verdade só existe duas cores: azul e verde, azul é o uniforme que a equipe de manutenção usa, já o uniforme verde é o uniforme de voo, tanto pilotos como os outros tripulantes usam esse uniforme, ele tem características especiais exemplo: são feitos de materiais antichamas.
Esse uniforme cinza que você falou não existe, estes da fotos são verdes mas com o tempo ele perde a cor e ficar com essa tonalidade cinza.

cvn76
Membro
Famed Member
cvn76

Valeu Sidney e Marcos10 pelas respostas! Muito obrigado!

Marcos10
Visitante
Marcos10

CVN: A FAB tem uma normatização para seus uniformes, como tem as outras forças. Sugiro consulta ao Rumaer no site da FAB.
Página 190: macacão verde de voo e macacão EDA;
Página 197: macacão azul aeronáutico.

Kommander
Visitante
Kommander

O que me deixa mordido é que até o nome do avião quem escolhe são os Gringos.

Fernando EMB
Visitante
Fernando EMB

Quem disse isso? Sei quem deu o nome, e não é gringo.

Mauro
Visitante
Mauro

Fernando, eu preferiria algo mais digamos, nosso… tipo “KC-390 Matamatá”… e por um grande decalque no avião do bicho todo espinhento e feio, estilizado com as asas e dois tanques revo..
Matamatá é uma tartaruga aquática da Amazônia e exímia predadora.
De qualquer forma se foi gente nossa que escolheu o nome, melhor ainda.

Flanker
Visitante
Flanker

Ah, sim…..Matamatá é um nome “bem fácil” de entendimento é pronúncia no mundo todo……e um nome “lindo”, também…..

Wellington Rossi Kramer
Visitante
Wellington Rossi Kramer

Meu…. Matamatá é um nome “incrível”! Muito bom mesmo.

Kommander
Visitante
Kommander

Então nos brinde com o nome de quem deu nome ao KC-390.

Millenium
Visitante
Millenium

Quem sugeriu o nome fui eu… desculpem, não resisti, eu simplesmente tinha que pincelar uma piadinha. Por favor, não briguem comigo, he, he.

Kommander
Visitante
Kommander

Problema nenhum, amigão. Rir faz bem pra saúde! Hehe

Fernando EMB
Visitante
Fernando EMB

Exato… Confirmo que foi vc mesmo. Kkkk

kornet
Visitante
kornet

Millenium(mil anos) é latim .

Marcos10
Visitante
Marcos10

Boa!

Kommander
Visitante
Kommander

Então porque é latim foi o Latino que escolheu? 😂

Caerthal
Visitante
Caerthal

Entenda, Millenium é uma referência ao fato de ser a única aeronave de transporte militar cujo projeto se inicia neste milênio. Todas as demais tem projetos e conceitos mais antiquados. Sacou?

Observador
Visitante
Observador

Com a venda da Embraer, essa nova empresa criada para o setor de defesa, salvo engano meu “Embraer Defesa” é nome, como ela irá manter seus projetos sem a receita da das vendas de aviões comerciais?

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

A divisão EDS – Embraer Defesa e Segurança – não é exatamente nova. Já tem uns 8 ou 9 anos.

Fernando EMB
Visitante
Fernando EMB

Porque a empresa que continua Embraer não é só defesa, é também aviação executiva, e novos negócios.

2Hard4U
Visitante
2Hard4U

O único problema é que nos novos negócios não poderá haver a construção de aviões com capacidade superior a 50 Pax.

Renato Barbosa
Visitante
Renato Barbosa

Aviaozão bonito daporr@.
O Brasil que dá certo.

Marcelo Andrade
Visitante
Marcelo Andrade

O Brasil sem viralatice!!!!Parabens !!!!

Foxtrot
Visitante
Foxtrot

Como tudo nas FAAs nacionais essa questão da nomenclatura da aeronave está uma bagunça.
Qual o correto KC-390 Zeus?
Millenium ( Só pode ser mais uma da Boeing empurrada goela a baixo dos “Safos” brasileiros kkkk)?
Cada coisa viu !

Fernando EMB
Visitante
Fernando EMB

Nunca existiu o nome Zeus para o avião. Sempre foi somente KC390… até surgir o Millenium. E este não foi imposição de Boeing coisa nenhuma.

Kommander
Visitante
Kommander

Rapaz, então por que você não fala quem foi?

Fernando EMB
Visitante
Fernando EMB

Foi o Zé…

marcelo baptista
Visitante
marcelo baptista

Kommander, normalmente nomes de produtos (o KC390 é um produto) são desenvolvidos por um departamento de Marketing, e em uma empresa grande como a Embraer provavelmente foram feitas pesquisas para se chegar em alguns nomes beeeeem comerciais e de fácil memorização, e no final é escolhido um. Em resumo é assim que funciona.
Podemos achar o nome muito comum ou simplório, mas ele dificilmente é escolhido sem algum critério, funciona como refrão de musica chiclete, é para colar no ouvido.

francisco Farias
Visitante
francisco Farias

E o que significa a sigla KC390? alguém sabe? toda sigla tem um significado ou então é uma abreviatura de um nome. Gostara se saber o que significa essa sigla KC390.

Fernando EMB
Visitante
Fernando EMB

Francisco… Vc está correto. A sigla tem um significado sim.
KC – sigla usada para identificar aeronaves Cargo (C) e Tanker (K).
3 – significa que é uma aeronave de defesa no patrão Embraer (vide EMB-326, EMB-312, EMB-314)…
E finalmente o “90”… Bem esse eu deixo para vcs tentarem adivinhar… TB tem uma razão de ser.

Beserra(FN)
Visitante
Beserra(FN)

Baboseira da semana do Foxtrot: Confere √

Ele nunca me decepciona. 😁

Foxtrot
Visitante
Foxtrot

Bezerra FN e Fernando EMB, mi mi mi .
Ei gringo me dá um dinheiro aí rsrs.
Cabeça de Jarro!
Sim senhor !

Kommander
Visitante
Kommander

Esse Fernando é um brincalhão, até agora não me falou quem foi o BRASILEIRO que deu nome de millenium ao Kctão. Tudo isso pra não admitir que ele foi nomeado pela BOEING.

Fábio Mayer
Visitante
Fábio Mayer

Na verdade, a Embraer é dona da participação na Boeing Commercial, e recebe os lucros desta nova empresa que fabrica e vende os aviões da linha comercial da Embraer. Ou seja, a empresa Embraer continua existindo na seguinte configuração: Ela é dona de 20% da Boeing Commercial (joint venture), é dona da EDS, dona da divisão de jatinhos e dos demais negócios Embraer. Como por lei (aqui e na maioria dos países do exterior) o caixa de uma empresa não pode ser usado na administração de outras do mesmo grupo, não faz diferença a Embraer deter 100% ou 20% da… Read more »

Mauro
Visitante
Mauro

Algo que me ocorreu, me pergunto se vale a pena continuar carregando a Argentina de contra peso no programa deste avião. Para mim é uma força de arrasto e nada mais.
O que eles aportam além de nada ou as vezes declarações estapafúrdias e contra producentes de alguns dos seus ministros da defesa sobre o andamento do programa?
A tal Fadea que não fabrica nada está em vias de ser novamente dominada e pilhada pela “La Campora”, uma organização política ligada ao esquerdo peronismo mais arcaico.
Temos que voltar a ser mais pragmáticos e racionais.

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

Mauro,
Houve algum problema com as poucas partes da aeronave a cargo da indústria argentina?

Mauro
Visitante
Mauro

No início sim, consta que as primeiras peças vieram “ásperas”, e o pessoal da Embraer teve de ir lá dar um help pra eles na produção, outra coisa é que de toda a Fadea, a única parte que possui certificado ISO (capacidade de exportar) é onde se produz as partes do KC-390, esse certificado tornou-se realidade graças aos brasileiros. Hoje em dia não ouço falar de problemas, tudo bem que fazem partes simples e sem complexidade, exceto como falei acima, as infelizes declarações de alguns ministros da defesa sobre o andamento do programa. Saberia informar quando eles vão tornar realidade… Read more »

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

“ de toda a Fadea, a única parte que possui certificado ISO (capacidade de exportar) é onde se produz as partes do KC-390, esse certificado tornou-se realidade graças aos brasileiros. Hoje em dia não ouço falar de problemas” Então, depois de tudo resolvido quanto às partes fornecidas pela indústria argentina, não faz sentido mudar de fornecedor. “ Saberia informar quando eles vão tornar realidade a compra das seis aeronaves constante na carta de intenção por sua participação industrial ???” Não sei. “ É outra pegada, entende meu ponto de vista?” Entendo, mas cada parceiro do programa tem suas vantagens e… Read more »

fewoz
Visitante
fewoz

Você se contradiz quando fala em ser pragmático. A Argentina é nosso terceiro maior parceiro comercial, além de ser o principal destino da nossa indústria. Governos desta ou daquela ideologia vão e voltam, mas a relação é duradoura e muito positiva.

Mauro
Visitante
Mauro

A origem do Mercosul não é comercial, é do tempo que eles nos tinham como hipótese de conflito, como eles mesmo dizem, até hoje, muitos deles nos consideram HC. O Mercosul nasceu dentro deste contexto, entre Sarney e Raúl Alfonsín, era mais para gerar confiança mútua do que necessariamente mercado. Na verdade o Mercosul nunca foi se quer uma união aduaneira, quanto mais um mercado comum, eles metem barreiras comerciais aos nossos produtos e retém dólares de nossos exportadores a bel prazer, fazem o que bem entendem, isso hoje não será mais tolerado. Todo o material industrializado que o Brasil… Read more »

EduardoSP
Visitante
EduardoSP

Cara, o único lugar para onde conseguimos exportar produtos industrializados é a Argentina. Por causa do Mercosul. Sem o Mercosul eles podem comprar esses produtos de qualquer outro lugar. E o que eles exportam para a gente, produtos primários, tem preço definido em bolsas internacionais e podem ser vendidos facilmente para qualquer lugar.

Mauro
Visitante
Mauro

Praticamente toda a produção industrial da Argentina se destina ao Brasil, estás muito, mas muito mal informado mesmo.
Como falei, toda a produção de automóveis deles vem para o Brasil, só de SUV são 600 mil por ano, isso a gente poderia fazer aqui também.
Espero que eles não venham com o histrionismo de taxar nossas importações e reter dólares dos nossos exportadores. O Brasil pode simplesmente retaliar, ou seja, aplicando o princípio da reciprocidade, ou se ver livre do Mercosul, fazendo o que bem entende, esta segunda opção é a que eu acho mais viável.

marcelo baptista
Visitante
marcelo baptista

O Brasil a anos exporta mais do que importa da Argentina, somente este ano (2019) o apurado ficou positivo para a Argentina. Veja no site do Ministério da Economia.
Devemos tomar cuidado de não transformar bobagens ditas por políticos (o que sempre ocorre/ocorreu/ocorrerá) em problemas que podem atrapalhar as relações comerciais entre países.
http://www.mdic.gov.br/index.php/comercio-exterior

Mauro
Visitante
Mauro

“O Brasil há anos” você quis dizer. Bom, faz tempo que estamos no negativo com eles, estamos muito mais importando do que exportando, mas esse não é o ponto pois essas coisas variam ao longo do tempo e dependem de variáveis econômicas que não controlamos. Falo dos constrangimentos que esse Mercosul nos gera, sejam geopolíticos ou os mais palpáveis, os acordos comerciais que deixamos de realizar por estarmos presos a eles nesta coisa que se tornou uma confraria de bolivarianos. É como eu falei acima, vamos aguardar, se seguem com normalidade, abertura de mercado e sem taxações, tudo bem, se… Read more »

francisco Farias
Visitante
francisco Farias

Brasil e Argentina não fabricam automóveis. Esses dois paises não tem fábrica nacional, são somente fornecedores de mão de obra e matéria prima barata.

EduardoSP
Visitante
EduardoSP

Leias com mais cuidado e interpretarás corretamente o texto.
Mas posso ajudar. Disse que a indústria brasileira somente é competitiva na Argentina, dada as condições do Mercosul, e que as exportações brasileiras para a Argentina são essencialmente de bens industriais. Isso não tem nada a ver com o que eles exportam para cá.

Além do mais, a exportação industrial da Argentina para o Brasil é “intra-company”, dependendo da organização da produção de empresas multinacionais.
Fiat BR exporta Argo para a Argentina e Fiat ARG exporta Chronos para o Brasil, por exemplo.

Caerthal
Visitante
Caerthal

Qual seria o ganho em performance e preço de uma versão exclusivamente de transporte, C-390, sem blindagem, equipamentos para transferência de combustivel e dispositivos de auto-defesa?

Rafael Oliveira
Visitante
Rafael Oliveira

Acho que nem a Embraer tem essa informação com absoluta certeza.

Ricardo Bigliazzi
Visitante
Ricardo Bigliazzi

Boa noticia!!! Que venham os demais da encomenda

Ricardo da Silva
Visitante
Ricardo da Silva

Ainda espero por uma versão “GlobalEye” do KC-390.
Quem sabe um “Millennium-Eye”?

Kommander
Visitante
Kommander

Cara, sinceramente. Desnecessário, avião grande e custoso, mais fácil seria ver uma versão armada que nem o AC-130.

Grozelha Vitaminada Milani
Visitante
Grozelha Vitaminada Milani

O KC-390 tem capacidade e homologação para pouso e decolagem na pista de pouso da Força Aérea do Chile na Antártida?

Tem alguma previsão de substituir os Hércules da FAB nessa função e missão?

Algum teste no local já foi feito? Tem alguma programação?

Além do 2 Millennium entregues, um outro em demonstração pela Embraer …. mais quantos estão em processo de entrega a FAB hoje se encontram voando?

Fernando EMB
Visitante
Fernando EMB

Existem 4 Kc-390 voando. 2 com a Embraer e 2 com a FAB.

Vanildo Pires
Visitante

Parabéns Força Aérea e Embraer por mais essa conquista. Orgulhoso por participar dessa história desde o Bandeirante até o lançamento do KC390.
Que venham novos projetos. Vanildo.