Home Aviação de Ataque Como anda o desenvolvimento do caça chinês FC-31?

Como anda o desenvolvimento do caça chinês FC-31?

11924
53
FC-31V2, o segundo protótipo do caça furtivo da Shenyang

O desenvolvimento do FC-31 da China, o segundo caça furtivo do país, está ocorrendo sem problemas e dentro do cronograma, de acordo com seu designer-chefe.

Sun Cong, presidente do Estabelecimento Aeronáutico Chinês da Aviation Industry Corporation of China, disse em entrevista coletiva em julho em Shenyang, província de Liaoning, que as pessoas devem ser pacientes e aguardar boas notícias do projeto.

“Vocês verão seus últimos desenvolvimentos no devido tempo, em um futuro próximo”, disse Sun, que também é o pesquisador-chefe do Shenyang Aircraft Design and Research Institute da AVIC.

Os comentários da Sun indicaram que a China nunca vacilou em suas tentativas de desenvolver e construir uma segunda série de aviões de combate furtivos depois que o J-20 entrou em serviço com a Força Aérea do Exército de Libertação Popular em 2017.

É provável que seus comentários tranquilizem qualquer pessoa preocupada com o destino do FC-31 por causa de seu desaparecimento virtual da opinião pública nos últimos dois anos.

Primeiro protótipo do FC-31, apresentado em 2014

O jato bimotor, que se esquiva do radar, foi inaugurado em outubro de 2012, quando um protótipo fez seu voo inaugural, tornando-se o segundo jato de caça de 5ª geração da China, após o J-20.

O FC-31 possui uma alta taxa de sobrevivência, uma baixa assinatura de radar, contramedidas eletrônicas avançadas, forte capacidade de coleta e manuseio de informações, excelente consciência situacional e capacidade de combate além do alcance visual.

Além do combate aéreo, também pode realizar ataques contra alvos terrestres e marítimos, de acordo com seus projetistas.

A aeronave possui um grande compartimento de armas e pode transportar vários mísseis externamente.

De acordo com as especificações da AVIC, o FC-31 tem um peso máximo de decolagem de 25 toneladas, um alcance de combate de 1.200 quilômetros e uma velocidade máxima de Mach 1,8, ou 2.205 quilômetros por hora. Pode transportar 8 toneladas de armas e tem uma vida útil projetada de até 30 anos.

O FC-31 entrará em serviço como a mais recente conquista do instituto Shenyang e da Shenyang Aircraft Corp, após o jato de caça J-15 e o jato de meio século da série J-8.

Em julho de 2019, em Shenyang, a AVIC marcou o 50º aniversário do voo inaugural do J-8, bem como o 10º aniversário do primeiro voo do caça naval J-15.

O J-8 foi o primeiro avião de combate desenvolvido na China capaz de executar operações de alta altitude e alta velocidade, e a série tem inúmeras variantes ainda em serviço com a PLAAF e a PLA Navy. O J-15 é a ponta de lança do grupo de batalha de porta-aviões e participou de muitos exercícios de combate de longa distância em mar aberto.

ABAIXO, FOTOS DO SEGUNDO PROTÓTIPO (FC-31V2)

FONTE: China Daily

53
Deixe um comentário

avatar
22 Comment threads
31 Thread replies
1 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
43 Comment authors
Wellington Rossi KramerRodrigo MaçollaMgtowHookJota Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Wagner
Visitante
Wagner

Uau! Não estão para brincadeira. Parece ser melhor resolvido que o stealth russo.

JPC3
Visitante
JPC3

Eles sempre vão dizer que tudo é um sucesso.

Jack
Visitante
Jack

“Tudo está ocorrendo sem problemas e dentro do cronograma, segundo seu designer-chefe”. E esse sr ira dizer algo diferente disso? Colocar em questão a capacidade e o desempenho do estado Chinês, perante o mundo? Mas nem a pau Juvenal.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

A partir do momento que o avião não fica caindo por aí ou vive nos hangares reparando defeitos, o sujeito pode afirmar isso, né?
Deixem a China em paz que ela está assumindo seu lugar de destaque no Mundo

JPC3
Visitante
JPC3

E avião russo e chinês não cai? Só o J-15, se não me engano, caíram dois ou três por defeitos de projeto.

Washington Menezes
Visitante
Washington Menezes

É verdade tá parecendo os EUA

francisco
Visitante
francisco

Chineses copiando tudo que podem e mais um pouco!

Mgtow
Visitante
Mgtow

Não os censuro por isso. Chora

Rafael Coimbra
Visitante
Rafael Coimbra

Quase parei de ler no…. “de acordo com seu designer-chefe” é óbvio que ele não ia falar algo diferente… e os motores do Mig-29… ainda rugindo na copia do F35…

Rico Zoho
Visitante
Rico Zoho

Concordo. Mas os chineses devem primeiro agradecer a seus hackers que roubaram o projeto do F-35 da Lockheed Martin.

Chris
Visitante
Chris

Mas é um F-35 com 2 motores meeesmo… heheh

Porque será que copiaram assim? Curioso ! Será que o J-20 não colheu bons resultados ?

BILL27
Visitante
BILL27

Copiaram assim pois a China não tem capacidade de fazer esta cópia do motor f135 ,aí colocam 2 para guentar o tranco

Luiz Trindade
Visitante
Luiz Trindade

O resultado dos ataques de hackers acontecido um passado próximo aos computadores de algumas empresas ligadas a Defesa dos EUA. Realmente impressionante como utilizaram os recursos disponíveis para espionar e fazer frente com os EUA…

Mgtow
Visitante
Mgtow

E tão errados?
EUA surrupiaram boa parte da tecnologia alemã de lançamento de foguete, e são a potência que são. O que tem a dizer?

Ricardo Bigliazzi
Visitante
Ricardo Bigliazzi

Segue o jogo. Pelo jeito os EUA não estavam assim tão errados em investir no conceito stealth… a malta toda a trabalhar para tirar o atraso.

Diogo Luiz Bizatto
Visitante
Diogo Luiz Bizatto

Leigo: porque essa diferença na pintura em relação aos F-35, por exemplo? Parece uma pintura “comum”… Tenho a sensação que o acabamento não é refinado como os americanos. Impressão minha?

Felipe Salles
Visitante

Fui só eu ou alguém mais acha que esse avião visto de baixo lembra o finado bombardeiro médio britânico TSR-2?? 🤔😆

Salim
Visitante
Salim

Este chapadão na parte inferior, na minha opinião náo e muito favorável a tecnologia furtiva, dependendo angulo radar em terra da teoricamente um grande rcs, vejam a concorrência e tudo arredondado e angulado.

Fabio Mayer
Visitante
Fabio Mayer

“…está ocorrendo sem problemas e dentro do cronograma…”

Certeza que está mentindo! Projeto de aviação não é assim tão fácil!

Gordo
Visitante
Gordo

Esse avião tem boas semelhanças com o F35, parte delas por dados obtidos via espionagem e parte desenvolvida na China, por sinal aprender observando outros projetos é pratica comum na engenharia. Mesmo para se copiar é necessario ter massa crítica mínima em engenharia e ciência, caso contrario veriamos o Irã produzir o F 14 ou pelo menos o F4. É impressionante como apesar de tudo que estamos vendo as pessoas ainda associam algo complexo como um caça a copia de DVD ou de alguma bolsa de couro de 5000 reais. É bem provável que esse caça esteja bem perto do… Read more »

Peter nine nine
Visitante
Peter nine nine

Eu acho mais parecido com o raptor do que com o 35….hinestamente, tirando o 35, nada mais parece com ele que ele próprio.

sub urbano
Visitante
sub urbano

Brasileiro é aquele cara que anda de Chevete (conservado apesar de tudo) e paga um consórcio pra tirar um Uno Mille e tá zuando o patrão que tá andando de Cherry Tiggo 7… “oia lá, oia o patrão andando de chinesinho tsc tsc”

nonato
Visitante
nonato

Brasileiro adora falar mal de brasileiro…

Ribamar Ramabir
Visitante
Ribamar Ramabir

Uma cópia bem batatinha do F-35. E ele diz que está tudo dentro do prazo. Mas qual é o prazo??? Esses governos vermelhinhos que nunca são claros no que dizem…

Defensor da liberdade
Visitante
Defensor da liberdade

Bem que o Brasil poderia ter umas máquinas dessas. Será que é igual na 25 de Março, “tlês po dez leal”? Agora podem dar deslikes 😘

Antunes 1980
Visitante
Antunes 1980

Parei de ler na parte “está ocorrendo sem problemas e dentro do cronograma”… tá bom!

Antunes 1980
Visitante
Antunes 1980

E a turminha da foice e do martelo dando seus “deslikes”…

Darcio G
Visitante
Darcio G

Um país comandado por um Partido comunista(PCC) à décadas,o povo totalmente subjugado,e no ocidente as notícias são lidas sem ressalvas, é tudo verdade?!?!

Rommelqe
Visitante
Rommelqe

Mesmo respeitando a comunidade tecnologica chinesa, que tem la seus grandes meritos e, logicamente, seus defeitos, o que é mais incrivel do que utilizar boa parte de conceitos e detalhes das aeronaves americanas, é o fato de copiar o proprio programa global de desenvolvimento de capacidade stealth. É, traçando um paralelo, a dupla J20/J31 se contrapondo a um conjunto F22/F35. Impressionante….o logico, evidentemente, é que as dificuldades a serem enfrentadas (e que estao ocorrendo) sao no minimo similares. Pelo conjunto das respectivas industrias e experiencias passadas, é de se esperar que os chineses tenham mais dificuldades.

Chen
Visitante
Chen

Sim e não . Sim eles tem as mesmas dificuldades mas não muito mais dificuldades. pq eles vão adotar soluções próprias muitas vezes diferentes da abordagem americana . Como exemplo ele não tem a opção de motor vertical mas tem 2 motores o que garante mais segurança contra falhas no motor e mais capacidade de armazenamento de armas o que faz ele ter algumas qualidades que equilibra as desvantagens do steath e da eletrônica embarcada etc. Não tem como ter tudo. Algumas vezes vc faz escolhas outras vezes vc é obrigado a adotar escolhas diferentes.

nonato
Visitante
nonato

Eles vão ter menos problemas porque estão copiando quem copia não tem dor de cabeça

Chen
Visitante
Chen

Está enganado. Mesmo tendo os projetos em mãos a construção é um problema pois muita coisa sai diferente do projeto e precisa ser revisto ou adaptado. Se não fosse assim mesmo os americanos não teriam problemas. Mas o papel aceita tudo menos os imprevistos.

Chen
Visitante
Chen

E ainda tem um porém . Qualidades do aço. Conflitos do software . Desempenho abaixo do desejado . Mão de obra ainda sem preparo pra lidar com os problemas da construção. Ausência de equipamentos necessário pra construção com qualidade ou eficiência erros no projeto que só são descobertos quando a nave está voando e precisa ser mudado ou melhorado mas não foi pensado quando se desenvolveu o protótipo e feito a patente. Nada isso está lá na patente roubada .

Valgo
Visitante
Valgo

O caça chinoca é sinistro!!!

Jota
Visitante
Jota

Prove com evidências.

João Paulo
Visitante
João Paulo

Quando olhei para foto pensei que era um F-35, mas com dois motores.

RENAN
Visitante
RENAN

Ao menos a China tem dinheiro, capacidade e vontade de desenvolver um caça de 5° geração algo até agora conquistado apenas pelo EUA.

Certamente é de se causar inveja a todos os outros 192 países do planeta.

Parabéns aos chineses pela audácia.
Abraço

Imjustastupidguy
Visitante
Imjustastupidguy

Éfe Tlinta e cinco calálio!

Darcio G
Visitante
Darcio G

Fazer um avião “stealth” parece simples para os chineses,mas um motor eficiente para o mesmo ainda é um desafio relativamente distante.

Será porq que o Motor precisa se comportar como um motor, e não apenas parecer um motor?

Sergio
Visitante
Sergio

A propósito, “Tudo está ocorrendo sem problemas e dentro do cronograma” no desenvolvimento da cópia do motor F-135. Só está dependendo da liberação de mais alguns dados por parte da P&W, mas isso não será problema, diz o diretor de desenvolvimento do projeto…

Leonardo
Visitante
Leonardo

Uns desses na FAB

Plinio Jr
Visitante
Plinio Jr

Seria estranho ver críticas e problemas em um país que o governo controla os meios de comunicação e liberdades….diferente do que vemos no projeto F-35.

Hook
Visitante
Hook

Acho que a geração 4++ é quem vai continuar carregando o piano por muito tempo. J-20 pra mim não passa de um mockup “funcional”. Nunca disparou um míssel e já está “entrando” em linha de produção. Quais armamentos são integrados? Tem algo esquisito. Outra coisa é o F-35, cheio de problemas, um aspirador de recursos. E digo mais, o F-22 nunca entrou em combate efetivo, teve a sua produção suspensa devido ao altíssimo custo de produção, manutenção e voo. O F-22 é um F-15 com vidro elétrico, o custo não compensa um adicional que nem é tão relevante. Não acho… Read more »

Rodrigo Maçolla
Visitante
Rodrigo Maçolla

Muito interessante este avião , design similar ao F-35 só que com dois motores e sem mais frescuras …. Esse vai ser o “cavalo de batalha” dos China