Home Aviação de Caça Trump diz que Turquia é tratada injustamente sobre o acordo de armas...

Trump diz que Turquia é tratada injustamente sobre o acordo de armas russo

3409
61
F-35A da Turquia
F-35A da Turquia voando nos EUA

ISTAMBUL – Donald Trump disse que queria tratar a Turquia de forma justa sobre seu plano de comprar um sistema de defesa aérea russo, adotando um tom conciliatório que o coloca em desacordo com as advertências de autoridades norte-americanas de que Ancara enfrentará sanções sobre a compra.

Falando após uma reunião com o presidente Recep Tayyip Erdogan na cúpula do G20 em Osaka, o presidente dos EUA reconheceu as preocupações do Pentágono de que os jatos F-35 da OTAN “não são compatíveis” com a Turquia ao comprar o sistema S-400.

Mas ele culpou o governo Obama por se recusar a vender mísseis Patriot dos EUA para a Turquia. Fazendo eco a uma queixa frequente de Ancara, ele disse em uma coletiva de imprensa: “Eles ficavam dizendo: não, não, não”.

“Ele precisava de um sistema de mísseis para defesa. Então ele foi para a Rússia, ele comprou o S-400 porque ele não conseguiu, não conseguiu comprar.”

Trump disse que a Turquia foi “tratada de maneira muito injusta” em seus esforços para comprar Patriots – uma afirmação que já foi contestada por autoridades dos EUA, que dizem que Ancara queria garantias de produção e desenvolvimento conjuntos que não puderam ser atendidos.

Trump disse que a questão se tornou mais difícil, mas o fato de a Turquia já ter feito um pedido de 100 jatos F-35. “O problema é que o Sr. Erdogan já comprou os aviões e os aviões não são compatíveis do nosso ponto de vista da segurança nacional. Então, é uma bagunça.

As palavras de Trump devem complicar os esforços em Washington para persuadir a Turquia a desistir de comprar a S-400, que Erdogan disse que chegará na primeira quinzena de julho.

FONTE: Financial Times

61
Deixe um comentário

avatar
13 Comment threads
48 Thread replies
1 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
36 Comment authors
Leonardo GamaChrisEvgeniy (RF).DenisDefensor da liberdade Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Willber Rodrigues
Visitante
Willber Rodrigues

Ou o Trump fez essa declaração contra o conselho de seus acessores, dizendo a primeira coisa que pensa, ou é tudo friamente caculado.
E o Erdogan? Vai comprar o Patriot e dar pra trás com os russos aos 45 do segundo tempo, deixando o Putin p…. da vida?
Tudo isso pelo F-35?

DOUGLAS TARGINO
Visitante
DOUGLAS TARGINO

Turquia prefere perder os F-35, do que perder os S-400! Ou os EUA arregam e vendem assim mesmo os F-35 ou só vão da lugar para os turcos comprarem os su-35 ou 57!

Willber Rodrigues
Visitante
Willber Rodrigues

Particularmente, eu acho o contrário.
Que a Turquia prefere perde o S-400 do que o F-35

Brunow basillio
Visitante

Daqui 10 dias o S-400 estará em terras Turcas ..

Carlos Campos
Visitante
Carlos Campos

ah sim, os russos fazem mísseis e radares e testes como se fosse mágica kkkkk

Brunow basillio
Visitante

Carlos Campos
A um ano atrás a data foi antecipada para julho 2019 a entrega, e se vc esforçar um pouquinho e dar uma googleada vai achar a notícia que a entrega será no início de julho…

Chris
Visitante
Chris

Israel está fazendo mais de 100 ataques por ano, ate Damasco ! E nada dos S-300 pegarem nem o F-16 !

Jacinto
Visitante
Jacinto

Acho que a questão não é tão preto e branco assim. Parece-me na verdade, que isso tudo é um enorme mise en scene. Para a Otan seria ótimo que um de seus membros tivesse um S-400. A OTAN aprendeu muito com os S-300 dos gregos (e parece que os israelenses também treinaram com o gregos) e com os Mig-29 que eram da antiga Alemanha Oriental; e aperfeiçoar medidas EW seria benéfico não apenas para o F-35, mas para todos os demais aviões da OTAN. Nesta história há coisas que não sabemos e que podem fazer toda a diferença no resultado… Read more »

Edison Castro Durval
Visitante
Edison Castro Durval

Caro Jacinto, concordo com sua opinião, o problema é que os militares e políticos não tem a mesma visão ou talvez seja tudo jogo de cena para a população americana.
Nesse mundo não tá para acreditar no que vemos, tem sempre algo escondido que só descobrimos depois de muitos anos.

Denis
Visitante
Denis

Ou isso, ou o Pato está com medo de perder a venda dos caças.

Denis
Visitante
Denis

Putin putin…

Bueno
Visitante
Bueno

Nu! Que doideira.
Poder ser uma Jogada do Tio Donald em ganhar tempo para novos fornecedores ou não tem responsabilidade e só pensa no $ imediato.
Apoio turco em relação ao Pleito 2020 , acho pouco provável

Vitor Silva
Visitante
Vitor Silva

Acho que Donald Trump já está a pensar nas eleições, então quer fazer a pazes com toda a gente, coisa que penso ser pontual e tem apenas a haver com o contexto político, já com a China também já esta a dar a mão á palmatória, o que não deve durar muito até mudar de opinião. Ele queria sim vender os F-35 aos Turcos o que não vai conseguir, porque os Turcos são de gancho e não vão ceder de certeza absoluta. Trump não percebe muito de politica internacional, quase não ouve ninguém, salvo erro um dos conselheiros seus. E… Read more »

marcus
Visitante
marcus

O império está em decadência. Os Chineses e os Russos não estão preocupados em ter as famosas moedas fortes, dólar e euro.
Estão comprando ouro como nunca.

Vitor Silva
Visitante
Vitor Silva

Sim é verdade, mas Donald Trump vai dar luta e tentar aguentar o máximo de tempo possivel com o intuito do seu Pais manter a sobremacia tecnologica ainda por algumas décadas, ele também sabe que a médio prazo os EUA pederão o primeiro lugar e ficaram em segundo , como potência económica.
Em relaçao à moeda, fala-se que vêm ai as criptomoedas!

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Esse Trump está perdidinho.
Está pensando que lidar com Nações é o mesmo que participar de reality show.

Delfim
Visitante
Delfim

Meus caros, quem dispensa uma encomenda de dezenas de bilhões de dólares ? Ainda mais agora que o Su-57 está para se tornar uma alternativa viável, e com isso tirando a Turquia da OTAN.

Erdogan wins.

Delfim
Visitante
Delfim

Off – há fontes informando que a Boeing será fornecedora do An-178, com isso deixando o KC-390 no vácuo.

Peter nine nine
Visitante
Peter nine nine

Como assim?

Hélio
Visitante
Hélio

Fontes quais? Não vi nada sobre o assunto.

Delfim
Visitante
Delfim

Asas do Sul no FB.

Delfim
Visitante
Walfrido Strobel
Visitante
Walfrido Strobel

Já tinha lido em outro blog que a Antonov está mal porque a Ucrânia rompeu com a Rússia, então os EUA vai viabilizar a produção ucraniana para não fechar.
A Aero da República Tcheca quando perdeu as vendas para a Rússia recebeu encomendas de componentes para aviões Boeing, os EUA agem assim via empresas privadas para que empresas dos países que mudam da esfera russa para a sua não fechem
Vejam o H-60 Black Hawk sendo produzido na Polônia pela Sikorsky.

Evgeniy (RF).
Visitante
Evgeniy (RF).

“Antonov” está quase morto. Tais acordos são uma tentativa, pelo menos de alguma forma, de mostrar o resultado da vida. Mas isso não ajuda.

Carlos Alberto Soares
Visitante
Carlos Alberto Soares

Maxwell Smart, Agente 86.

Pedro
Visitante
Pedro

Pessoal, vamos ler com mais atenção…….a Boeing vai fornecer peças para a Antonov poder voltar a produzir alguma coisa, pois grande parte de seus fornecedores estava na Russia que também era seu principal cliente. Em troca a Antonov irá montar um centro de logística e manutenção novo a qual possa ser usado também pela Boeing. Hoje a Antonov esta praticamente falida, mesmo tendo alguns bons projetos e carteira de encomendas pois mais que perder seu maior cliente, ela perdeu seus fornecedores e não tem como buscar ou desenvolver outros. Logico que essa é uma jogada politica, pois a economia Ucraniana… Read more »

Tutu
Visitante

Acho que um antonov ocidentalizado vai ser uma ótima opção no mercado, talvez uma nova versão do an-124 para substituir os C-17 mais antigos de alguns operadores.

Cristiano de Aquino Campos
Visitante
Cristiano de Aquino Campos

E os EUA vão ceder mercado de um produto seu, que gera empregos nos EUA. Sei…

Brunow basillio
Visitante

An-124 não é da mesma categoria do C-17 , seria da mesma do C-5, mais ainda leva um pouquinho a mais…

Walfrido Strobel
Visitante
Walfrido Strobel

O C-17 ainda vai voar mais umas décadas, mas no futiro pode ser um An-188 produzido nos EUA com motores GE ou P&W e alguns componentes feitos na Ucrania, a ideia é manter a Antonov funcionando.
Arte do An-188, na verdade uma foto do An-70 onde trocaram os motores.
. https://encrypted-tbn1.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcS23fZHTrUinIL4qYL3BXSN9z4pehLPJKZhNBc3RmKUIgLaHa9JVINhUWu9

Brunow basillio
Visitante

An-70 lindo este avião, na minha opinião dava de lavada no A-400M , pena que o projeto parou devido quase 90% dos componentes ser Russo..

Tutu
Visitante

Tem mercado, já vi em fóruns britânicos reclamações acerca da quantidade de C-17, e como eles gostariam de mais aeronaves com porte superior ao A400M.

Hartmam
Visitante
Hartmam

Não sei sobre essas fontes mas tratando-se de americanos não me
espantaria.

Denis
Visitante
Denis

Uma dúvida: até onde li, a parte de defesa e segurança, que desenvolveu o KC-390, não faz parte da joint-venture; então, qual a ligação entre a Boeing e o KC-390?

Sargento Pincel
Visitante
Sargento Pincel

Excelente sacada do Titio Trump, ele usou seu lado de empresario vendedor…. Colocou o patriot como opção para turquia não comprar o S-400, mas sem oferecer muito, assim a Turquia terá que ir pedir a compra. Também colocou pressão no senado americano (maioria Democrata) para não perder uma grande venda do F-35 e um grande aliado OTAN no mediterraneo/OrienteMédio/Europa… Lembrando que a Turquia é inimigo dos Russos desde sempre! BOA TRUMP, gol de placa…!!!!

Junior
Visitante
Junior

Os EUA já ofereceram os patriots como alternativa a Turquia desde que a mesma escolheu o S400, na realidade desde que a Turquia escolheu o sistema anti aéreo chinês, muita gente esquece que foram os chineses que ganharam a concorrência, abriu-se até conversações, mas a época a pressão americana, junto com a negativa chinesa de transferir certos tipos de tecnologia fizeram que os turcos abandonassem as conversas. O problema principal não é os EUA aceitarem ou não vender patriots para a Turquia, isso eles já aceitaram a muito tempo, o problema é que os turcos querem a venda com a… Read more »

Cristiano de Aquino Campos
Visitante
Cristiano de Aquino Campos

Compartilham tecnologia de um caça de 5°geração más não a de um sistema ante-aereo com mais de 20 anos que segundo a lógica, seria incapaz de detectar um caça de 5°geração. E isso mesmo?

Bosco
Visitante
Bosco

Cristiano,
A grande mídia hoje fala pelos cotovelos. Releve!!
Claro que não há fundamento nessas afirmações. São completamente destituídas de lógica. É só pra “lacrar” em cima do Trump.
Sabemos como a mídia vermelha age. Vai minando dia a dia a verdade e quando a gente menos espera já tá discutindo sexo de anjo.
Eu particularmente nem me meto nessas discussões porque pra mim são completamente descabidas e dissociadas da realidade.

Defensor da liberdade
Visitante
Defensor da liberdade

Diga assim, sabe que a Turquia ainda é um aliado estratégico importante para a OTAN, por isso vão ceder os F-35. Não tem essa de bondade, estratégia política, mídia esquerdista, etc, o que acontece é que nem sempre a natureza das coisas permitem que os fortes predominem com seu poder. Vai com tuas teorias de olavete para lá!

Bosco
Visitante
Bosco

Defensor,
Não entendi o seu ponto mas dei um dislike mesmo assim.

Defensor da liberdade
Visitante
Defensor da liberdade

Quero que dizer que em política nem sempre dá para dar tapa na mesa e querer empurrar suas exigências nos outros, devido às circunstâncias do momento, principalmente quando seu opositor avança em influência política e econômica pelo mundo (leia-se China). E obrigado pelo seu dislike, não tem muita influência na minha vida, só está perdendo seu tempo, e tempo é dinheiro… Abraços!

Pedro
Visitante
Pedro

Não só no Congresso Americano e no Partido Democrata, mas principalmente no Erdogan! Se ele seguir a diante, ele não terá mais a desculpa de que por boicote americano não comprou o Patriot e foi “obrigado” a procurar os Russos. Se ele seguir com o S-400, vai ficar claro que era sempre sua opção e ele queria botar fogo mesmo nas relações entre a Turquia e a OTAN. Se ele recuar e aceitar o Patriot, vai ficar ruim com os Russos, que são seus vizinhos e tambem internamente pois ele em muito alimentou na Turquia uma imagem de que ele… Read more »

Brunow basillio
Visitante

Não sei qual foi este “gol de placa” mas o primeiro carregamento do sistema S-400 vai chegar a Turquia antes do dia 15/07, então acho difícil qualquer desistência Turca, principalmente que eles já recusaram o Patriot..

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Gol ‘contra’ de placa.
Vai que tua, Trump!
kkkkkkkkkk

Bosco
Visitante
Bosco

Dei um dislike só porque tava empatado.

Denis
Visitante
Denis

Kkkkkkkkkkkkkkk. E eu tinha dado like no cara só pra empatar. Quando cliquei, apareceu o seu. Vai um like aí pra você.

Ricardo Ramos
Visitante
Ricardo Ramos

O Senado americano é de maioria Republicana, e não Democrata.

Hélio
Visitante
Hélio

Ainda bem que os americanos tratam todos justamente e respeitam os contratos firmados.

Washington Menezes
Visitante
Washington Menezes

Kkkkkkkk

Nilton L Junior
Visitante
Nilton L Junior

Bem um dos lados quebrou o que foi contratado.

Antunes 1980
Visitante
Antunes 1980

Embargo pesadíssimo dos Estados Unidos contra a Turquia em 1.2.3….
Esse Erdogan é um fanfarrão.
Imagina se essa moda pega, países da OTAN de SU-35, T-90 e mais S-400.

Carlos Gallani
Visitante
Carlos Gallani

Não vai ter embargo, a Turquia é da OTAN, simplesmente a Turquia escolheu um caminho amargo, mais cedo ou mais tarde a vai dolorosamente sair da organização e se realinhar internacionalmente, Erdogan não é compatível com o “ocidente” e ele próprio sabe muito bem disso!

Leonardo Gama
Visitante
Leonardo Gama

Erdogan já sofreu sua primeira derrota política na prefeitura de Istambul. As coisas não estão fáceis para ele. Se o Ocidente desmontar a indústria militar turca, o caldo dele pode entornar.

Paulo Costa
Visitante
Paulo Costa

As pessoas como sempre, veem uma noticia dessas e logo so enxergam superficialmente como se Edrogan vencesse EUA ou o Trump ta doido essas criancices que nao tem nada a ver com o mundo real. Na verdade, a politica interna e a geo-politica internacional e difícil de entender, mas estamos vendo o Trump a revelia do congresso, dos militares e da industria de defesa, tentando desatar nós e desarmar bombas deixadas por antecessores ou feitas por ele mesmo no inicio do governo. Pensem, tentar tirar tropas do afeganistao e da síria sem fortalecer o daesh; tentar resolver pendencias turquia sem… Read more »

RENAN
Visitante
RENAN

Imagino que a Rússia caiu em uma armadilha e irá entregar o s400 para Otan, e assim descobrir todas as falhas do sistema para poder com Israel destruir uma ou duas baterias apenas para a Rússia ver que está vuneravel de novo.

Resumo acho que a Turquia fez um teatro para ludibriar a Rússia e terá sim o F35 e o S400 e bem capaz que leva o Patriot também ano que vem.
Abraço

Pedro
Visitante
Pedro

A Russia vendeu o S-400 pois ja tem o S-500 em avançado status, assim como o S-350. Ou seja, daqui a pouco tempo o S-400 não será mais tão critico para a mesma e será igual ao S-300.
Por outro lado, vai anos para a OTAN conseguir analisar, treinar e empreender uma doutrina eficaz contra o S-400 nesse cenario. Mesmo a Grecia tendo um S-300 dos anos 80, demorou muito para treinarem e, pela reticencia em Israel em lançar um ataque mais profundo na Siria, nota-se que o S-300 atualmente é um adversário a ser respeitado.

Bosco
Visitante
Bosco

Pedro,
O S500 será basicamente um sistema antibalístico exoatmosférico aos moldes do THAAD e SM3.
O S350 nada mais é que um sistema compacto que usa os mísseis de menor alcance do sistema S400, o 9M96, com 120 km de alcance contra aeronaves e 40 km de alcance contra mísseis balísticos.
A bem da verdade o S350 é o homólogo do sistema MEADS que adota o míssil PAC-3 MSE.

Evgeniy (RF).
Visitante
Evgeniy (RF).

Para o papel do foguete principal para o foguete S-500 afirma 40n6, com um raio de 380 km e uma altura de 30 km.

Chris
Visitante
Chris

Ataque menos profundo ?

Israel está fazendo mais de 100 ataques por ano, atacando até Damasco ! E nada dos S-300 pegarem nem o F-16 !

Defensor da liberdade
Visitante
Defensor da liberdade

É minha gente, em política e em negócios nem todas as variáveis podem ser manipuladas. Trump já percebeu que poderia fazer cagada se não entregasse os F-35 aos turcos, e sinaliza voltar atrás, assim como fez com a CN ao voltar para o balcão de negócios com menos exigências. Só os seguidores do astrólogo terraplanista, do anão-músico fracassado, e do careca usuário de rivotril do terça livre que acham que Trump pode sair por aí dando tapa na mesa, impondo suas vontades para agradar aos caipiras do Texas.

Gabriel BR
Visitante
Gabriel BR

A Questão Central é: Os turcos querem desenvolver seu próprio sistema de defesa Antiaéreo e estão a procurar uma parceria que lhes garanta um sistema de ponta com transferência de tecnologia.