Home Aviação de Transporte Bolsonaro deve reanalisar fusão da Embraer com Boeing

Bolsonaro deve reanalisar fusão da Embraer com Boeing

11714
205
Embraer KC-390
Embraer KC-390

Por Claudio Dantas – O Antagonista

O presidente Jair Bolsonaro deve reanalisar o acordo de fusão da Embraer com a Boeing, antes de bater o martelo na assembleia de acionistas marcada para a próxima terça-feira.

Bolsonaro chegou a manifestar preocupação com o acordo, mas depois deu aval. Nesta semana, porém, chegou a seu gabinete um relatório que aponta questões “sensíveis” sobre o negócio.

Um desses pontos trata da transferência das atividades industriais de Gavião Peixoto (SP) para os EUA. A partir do acordo, o KC-390 não seria mais montado no Brasil, afetando toda a cadeia de produção associada à companhia.

O mesmo ocorre em relação à propriedade intelectual do projeto da Força Aérea, que passaria para uma nova empresa controlada pela Boeing. Sem contar o lucro com a venda das aeronaves, com exceção dos royalties.

O documento a ser analisado por Bolsonaro também indica que a “Nova Embraer” será regida pelas leis de Nova York.

O anão que vive embaixo da mesa do presidente disse a O Antagonista que essas questões não foram apresentadas ao presidente antes.

Ontem, o ministro da Defesa, Fernando de Azevedo, voou para Gavião Peixoto – onde o KC é finalizado -, para uma reunião a portas fechadas.

A interpretação na cúpula do governo é de que a Embraer não está se fundindo, mas sendo cindida. E que haveria desindustrialização e desnacionalização da tecnologia.

Apesar do aval público dado em janeiro, o presidente ainda pode exercer a chamada “segunda aprovação golden share”, que prevê o aceite expresso por escrito ou tácito – ou o exercício do poder de veto.

FONTE: O Antagonista

205
Deixe um comentário

avatar
64 Comment threads
141 Thread replies
4 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
101 Comment authors
JoãoPAULO DAMASCENOfernandoscPaulotdMarcelo Machado Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Maus
Visitante
Maus

Este é um acordo necessário, se não ocorrer a Embraer fecha as portas. E no mais, a Embraer já é uma empresa privada faz tempo.

Chevalier
Visitante
Chevalier

Papinho furado esse de que fecha as portas. Com esse acordo parece que vão passar toda a produção para lá mesmo, até a produção do nosso estratégico KC-390, inclusive a licença. Isso é alta traição sim. E não me venha acusar de ser socialista, petista, ou qualquer outra coisa ruim desse tipo. Sou realista. É uma empresa estratégica. A Boeing sabe que é uma ótima empresa com muito bons produtos, tanto que está comprando para absorver a concorrência. Até agora eu me abstive de dar opinião sobre esse acordo por não saber detalhes. Mas com esses termos aí me parece… Read more »

Walfrido Strobel
Visitante
Walfrido Strobel

A produção dos assentos da Embraer já é nos EUA.

Joao Moita Jr
Visitante
Joao Moita Jr

Vixi!!! Até isso??? Talvez os salgadinhos,então…Rsrs

Sergio da Motta e Albuquerque
Visitante

São produzidos por uma subsidiária brasileira. Os empregos e os impostos ficam lá.

Miguel Lourenço Felicio
Visitante
Miguel Lourenço Felicio

De acordo Chevalier.

arthur
Visitante
arthur

O governo possui golden share na embraer. Ele possui poder de veto estratégico. Quando ela foi privatizada se preservou isso sabiamente para o governo ter algum controle.

PAULO DAMASCENO
Visitante

nao somente o governo tem o golden share mas tambem o bnds banco statal tem uma porcentagem na compania

Saldanha da Gama
Visitante
Saldanha da Gama

Meu caro, se estes termos não foram devidamente informados para a cúpula que decide, concordo com vc, é alta traição sim. abraços st4

Geraldo Ladeira
Visitante
Geraldo Ladeira

Uma empresa estratégica ate para segurança nacional e tira-la de solo brasileiro não faz sentido algum uma fusão dessas onde não tem vantagens nenhuma para a Nação!

Marcelo Machado
Visitante
Marcelo Machado

A empresa é privada. Mas o projeto do KC 390 foi pago com dinheiro do contribuinte e o interesse público foi na geração de conhecimento para a industria nacional. Se não, teríamos comprado de prateleira mais barato.

PAULO DAMASCENO
Visitante

eu tambem acho papo furado,num horizonte de 500 bilhoes de dollars para o futuro de vendas da embraer,eles estao entregando tudo por 4 bilhoes,nao sou contra a venda da parte comercial mas nao nos moldes que estao fazendo, o governo tem que garantir que a eleb fique com a embraer,parte do corpo de engenheiros da embraer e tambem uma melhor uma divisao na porcentagem da nova compania como 50/50

Fabio Jeffer
Visitante
Fabio Jeffer

Então vc é a favor da transferência de empresas para os EUA e do desemprego no Brasil

Maus
Visitante
Maus

Você é a favor da falência da Embraer?

Hélio
Visitante
Hélio

Eu sou a favor do Brasil, não estou nem aí para a Embraer, ela é uma empresa privada com o objetivo de dar lucro para seus acionistas, por que cargas d’água devemos prejudicar o Brasil e a nossa indústria aeroespacial como um todo para preservar uma empresa privada?

Manoel Jorge Marques Neto
Visitante
Manoel Jorge Marques Neto

A nossa indústria aeroespacial basicamente se concentra exatamente na Embraer. Quem é a favor do Brasil não pensa em transferir ou entregar a principal empresa estratégica do país assim e tendo como pano de fundo investimento pesado com dinheiro público. IMORALIDADE esse negócio.

Joao Moita Jr
Visitante
Joao Moita Jr

Acontece que no Brasil, infelizmente não se conhece o conceito de “indústria sensivel à segurança nacional”. Aqui por exemplo, NUNCA sequer pensariam na venda da Northrop, por exemplo. Mas no Brasil, é só lubrificar as palmas corretas, e vendem ate a mãe.

Antonio Palhares
Visitante
Antonio Palhares

João Moita.
Uns políticos mequetrefes desses que temos aqui. Jamais saberiam o que é ” industria sensível à segurança nacional”. E os complexados vira-latas tambem.

Joao Moita Jr
Visitante
Joao Moita Jr

O governo brasileiro é uma Arca de Noé, porém com a seleção dos piores e menos aptos.

Geraldo Ladeira
Visitante
Geraldo Ladeira

Tudo que é bom pra o país é para o povo brasileiro eles vendem, não tão nem ai para a Nação! So pensão em beneficio próprio!

arthur
Visitante
arthur

Ela é privada. Porem a sua origem é publica. E quando a mesma foi privatizada se preservou um poder estratégico de veto do governo através de ações de classe especial. O negócio para acontecer tem que ter o aval do presidente do Brasil.

Smith
Visitante
Smith

Desemprego, transferência de tecnologia nacional para o estrangeiro, perda de soberania, perda de investimentos, perda de corpo técnico, perda de lucros…
Tá bom ou quer mais?

Joana
Visitante
Joana
carvalho2008
Membro
Famed Member

Pouco me importa se vai falir ou mudar de nome e endereço, So me interessa 3 aspectos: a) vai continuar gerando dividendos com tributos ao Brasil ou vai acabar de qualquer forma? b) Vai continuar ou gerar mercado de trabalho e cadeia produtiva para o Brasil? c) Vai gerar Know how aqui ou ao menos para o Brasil ? Pode ir ate para Marte, desde que satisfaça os itens acima….se for para fechar … e transferir tudo assim, a depender do meu dedinho do contrato, vai ter de oferecer algo bem mais que isto….pode ser apenas uma assinatura, mas a… Read more »

Toni Cavalcante
Visitante
Toni Cavalcante

E quem botou na tua cabeça que a Embraer vai falir? O lobby da Boeing? Pelo que sei a Embraer é lider mundial de vendas em vários segmentos.

carvalho2008
Membro
Famed Member

não acho que vá falir….muito pelo contrario….é apenas que mesmo que fosse a pior hipotese, se eu não ganho nada para ajudar voce, então nada para voce tambem…

Smith
Visitante
Smith

Só no segmento de aviação média capacidade.
A bombardier se juntou à Airbus, e com isso seus aviões serão vendidos com a marca Airbus!

Smith
Visitante
Smith

Com a simples assinatura, a resposta para as 3 perguntas é:. Óbvio que não! Tudo irá para os EUA, para a Boeing. O Brasil só receberá royaltys. Lucro, impostos e know-how tecnológico ficará por lá!

leonidas
Visitante
leonidas

A Fusão era necessária pois do contrario a Embraer irá encerrar suas operações no médio prazo tragada pela concorrência da Airbus/Boeing. A Embraer só poderia sobreviver se fosse apoiada pelo Estado via orçamento de Defesa contínuo, contratando desenvolvimento de aeronaves e comprando as mesmas com um minimo de regularidade. Mas infelizmente isso não ocorre, a Embraer só viveu e chegou a esse ponto por ter sido administrada por gente muito boa, mas alcançaram o limite ou seja, não dá para concorrer com a Airbus/Boeing que são empresas fortemente amparadas pelos seus respectivos estados nacionais (no caso da Airbus França/Alemanha e… Read more »

Chevalier
Visitante
Chevalier

De novo.. papinho furado de vendedor esse de que IA falir, ainda mais no MÉDIO prazo… vcs não conseguem prever nem para onde vai a bolsa amanhã ou se chove ou não e querem dizer que conseguem prever que ela VAI falir daqui 5 anos… tenham santa paciência.

Herbert Claros
Visitante

Isso é mentira que a própria diretoria da Embraer criou. A Embraer é lider no segmento e pode viver sozinha.

Nunca a Boeing ou qualquer empresa aceitaria essas condições que Boeing esta impondo ao Brasil. Se fosse o contrário, nunca Trump aprovaria essa transação

francisco
Visitante
francisco

Eu sou a favor de que a EMBRAER continue sendo brasileira. O que interessa pra nós se ela continuar existindo, mas passar para aos mãos dos gringos? o que o Brasil ganha? só perde.

Manoel Jorge Marques Neto
Visitante
Manoel Jorge Marques Neto

Onde você tirou essa informação previlegiada?? Ou só sabe papo plantado????

Canarinho
Visitante
Canarinho

Maus, prove que ela vai falir camarada, sem a Boeing. Por favor pare de repetir coisas sem a menos ter a menor noção do que esta falando

Maus
Visitante
Maus

Simples, ela não pode mais concorrer de igual para igual no mercado. Depois da Airbus e a Bombardier se fundiram, a Embraer terá que competir com aeronaves com que terão muito mais recursos para se desenvolver e no fim as aeronaves da Embraer ficaram cada vez mais ultrapassadas.

Celso
Visitante
Celso

O prorpio nick ja diz tudo kkkkkk…o problema nao e tecnico e nem falta de clientes. Ao contrario de tudo o que voce ja escreveu, vou tentar exemplificar para voce e muitos outros. Por mais que queira, a Embraer na forma e posicionamento do mercado em que atua, nao tem mais estofo financeiro para financiar sua producao , e sem isso , nao conseguira fechar contratos. Ninguem compra uma aeronave hoje em dia, sem uma boa base de financeiro que sustente o negocio por mais de 10 anos. Em sintese, o maior finaciador dos negocios da Embraer hoje em dia… Read more »

Fernando Lemos
Visitante
Fernando Lemos

A Embraer nao vai mais existir e nem ter relação com o Brasil, o que da no mesmo colega.
Ainda pelo acordo eles vao concorrer com o resto da Embraer no segmento de avioes executivos, ou seja, para quebrar o pouco que ficar da empresa.

Alex
Visitante
Alex

Maus, porque que a Embraer iria falir?

Miguel Lourenço Felicio
Visitante
Miguel Lourenço Felicio

Que falência amigo?…….

Paulo Mtz
Visitante
Paulo Mtz

Mas se os empregos na produção de aeronaves da Embraer forem para os EUA, qual a diferença se a Embraer falir? Perde-se emprego de todo jeito. Mas entrar em uma sociedade “doando” a propriedade intelectual e uma aeronave e a linha de produção para a Boeing, caso em que teoricamente a propriedade seria da Força Aérea, que bancou o desenvolvimento e a produção, não seria traição? E se os EUA em um futuro não distante (apenas hipoteticamente) proibisse a venda e importação de equipamento de manutenção para os nossos KC390, como nós brasileiros nos sentiríamos?

Hélio
Visitante
Hélio

É privada faz tempo, mas adora um contrato bilionário e a engenharia das forças armadas, não é?

Junior
Visitante
Junior

É privada, mas adora ir correndo para o BNDES pedir emprestimos subsididos pagos por nós, não é por nada que é a segunda da lista do banco

Celso
Visitante
Celso

Junior, ate mesmo nisso a Embraer fica devendo. O juro basico praticado pelo BNDEs hoje e para clientes preferenciais e de alto giro, e de cerca de 3,5 %. Mas la nos USA, o tal Exinbank cobra modicos 1,5% (media). Ate nisso a Embraer perde para suas vendas via BNDEs e obviamente que bancos no exterior e cujos interesses sao outros, fecham o maximo possivel tais transacoes aa empresa. Enfim, tai o maior gargalo da Embraer hoje , nao a qualidade de seus produtos. Nisso a Airbus altamente subsidiada por inumeros paises, pode atirar a esmo e bancar o prejuizo… Read more »

Smith
Visitante
Smith

Sim, como a Europa subsidia a Airbus e o governo americano sustenta a Boeing, e o Canadá subsidiava a Bombardier.

francisco
Visitante
francisco

Adora também receber, de graça, tecnologia comprada pelo governo brasileiro.

arthur
Visitante
arthur

Correto. Veja a transferência tecnológica dos caças suecos gripen.

Smith
Visitante
Smith

Como todas as outras. Você acha que a Boeing vive sem as compras da ffaa Americanas?

Athos Franca
Visitante
Athos Franca

Se for fechar as portas é melhor que feche aqui.
Mas pode ser evitado se a Embraer entrar no ramo de automóveis elétricos, drones, etc.
O futuro está nos aviões (ou qualquer aparelho voador ainda não inventado) médios e executivos elétricos com ou sem piloto em ruas aéreas controladas por IA.

igortepe
Visitante
igortepe

Vendam somente a área de aviação comercial e executiva, a área de defesa deveria estar fora do negocio.

arthur
Visitante
arthur

A defesa é financiada e vive em sinergia tecnológica ao setor de aviões comerciais médio que a EMBRAER é líder mundial. Se vender tudo acaba.

Smith
Visitante
Smith

Inicialmente, era esse o acordo…
Mas parece que tem pegadinha, aí.

Armando Siqueira
Visitante
Armando Siqueira

Não existe isso, os projetistas são os mesmos para todas as áreas. A equipe que projeta asas do KC-390 é a mesma que projeta as do E2 ou do Phenon. Não existe isso de vender divisão comercial e manter outra. Ao levar a equipe perde-se tudo.

ODST
Visitante
ODST

Maus

E você acreditou nessas balelas plantadas na imprensa pela própria Boeing e por interesseiros da Embraer???

Junior
Visitante
Junior

Empresa privada, mas é a segunda da lista de pedidos de emprestimos subsidiados pelo BNDES, emprestimos subsidiados pagos por nós, contribuintes, que tipo de empresa privada é essa?

igortepe
Visitante
igortepe

Vendam somente a área de aviação comercial e executiva, a área de defesa deveria estar fora do negocio.

Adelino
Visitante
Adelino

O engraçado, antes dessa fusão eu so tinha lidos noticias boas da Embraer, que andava muito bem, depois da fusão so leio alguns comentários, se não aceitar fecha as portas, se não vetarem a parte que interessa nossa defesa, por mim pode fechar a EMBRAER, pois de Brasil ali não tem mais nada….

Flávio
Visitante
Flávio

Então já que esta perdida, melhor que fique por aqui até a bancarrota total.
Assim, os empregos, a tecnologia e os tributos permanecem por mais algum tempo.
Palhaçada isso

Fulcrum
Visitante
Fulcrum

“ativo que não dá retorno, então deve ser comprado”
Boeing quer jogar dinheiro fora?

Caravaggio
Visitante
Caravaggio

Se fosse com uma empresa chinesa seu comentário seria outro. É só um comentário superficial(zero conhecimento técnico do assunto) , irrelevante e vira-lata.,

Leonardo de Araújo
Visitante
Leonardo de Araújo

Sei que não é o tema. Porém, não dá pra comentar.

O Podre Maduro está começando a entrar em alerta amarelo. Já matou 2 índios hoje próximo a fronteira.
Vamos ficar de olho nesse louco, que se aninhou nas asas do Putin

Hélio
Visitante
Hélio

Você não está falando coisa com coisa, amigo, aliás, se aqui tivéssemos a mesma postura, os índios não fariam o que fazem, inclusive sequestrando e matando pessoas que ousam não pagar pedágio. Inclusive, esses índios sequestraram dois soldados e a ordem dos fatos sequer está clara.

Manoel Jorge Marques Neto
Visitante
Manoel Jorge Marques Neto

Privada com dinheiro aportado para o desenvolvimento do KC do governo brasileiro. Criar uma aeronave e passar toda a sua tecnologia desta forma eu deixaria como governo quebrar mais não passaria assim de mão beijada. Queria ver o contrario de o governo americano faria.

Maus
Visitante
Maus

Acho que você não sabe que a maioria das tecnologias de TODOS os aviões da Embraer são americanas.

Manoel Jorge Marques Neto
Visitante
Manoel Jorge Marques Neto

Projeto todo brasileiro…Aviões da Russia tem tecnologia americana. Ver se eles vendem o projeto para os americanos. Componentes é uma coisa. Agora todo o projeto é outra bem mais complexa.

igortepe
Visitante
igortepe

Falta de conhecimento é complicado! A Embraer é uma das maiores empresas em projetos de Asas.

francisco
Visitante
francisco

E se ocorrer também fecha as portas. Será transformada em outra empresa norte-americana.

Maus
Visitante
Maus

franscisco

Esse é o mundo capitalista, isso ocorre com qualquer empresa.

Manoel Jorge Marques Neto
Visitante
Manoel Jorge Marques Neto

mundo capitalista nada!! Dinheiro do povo brasileiro indo pelo ralo.

igortepe
Visitante
igortepe

Nas terras do Tio Sam esse negócio não prosperaria.

Saldanha da Gama
Visitante
Saldanha da Gama

Meu caro, qualquer empresa não! mundo capitalista? duvido que os EUA aceitariam vender a boeing ou LM para uma empresa fora dos EUA, então o mundo capitalista não gira desta maneira, antes há o interesse estratégico e de segurança nacional. abraços

Manoel Jorge Marques Neto
Visitante
Manoel Jorge Marques Neto

Papo furado…terceira maior empresa com vasto catálogo de clientes. Antes era uma das melhores. Agora porque querem pegar desta forma vai quebrar!!!! Querem só o projeto do KC de Bandeja. Lindo isso…se o Bolsonaro for um presidente que tem zelo pelo país nunca aceitara.

Carlos Freitas
Visitante
Carlos Freitas

Exatamente, o nicho da Embraer não concorre com Boeing ou Airbus, o que a Boeing quer é pegar o projeto do KC e usar isso para ser superior a Airbus… Tenho certeza que assim que for autorizado a Embraer fecha as portas aqui e vai tudo para os EUA projeto, tecnologias, receita, impostos e nós ficaremos com um terreno e milhares de desempregados…

Antonio José Rodrigues Pires
Visitante
Antonio José Rodrigues Pires

Quem tá desesperado e a Boeing não a Embraer essa empresa não quebra nunca com o Bolsonaro na presidência…

Canarinho
Visitante
Canarinho

Maus com todo o respeito, mas para com essa conversa fiada. Voce faz um desserviço a todos prestando essas afirmacoes que faltam com a verdade. Parece militante virtual pago com dinheiro da boeing. Esse crime de lesa pátria tem que ser barrado já. E se possivel processados e investigados os envolvidos nessa operação que denigre nossa nação.

Dario
Visitante
Dario

Concordo com isso. O Brasil está sendo lesado com essa fusão, é lamentavel ver uma empresa de excelência nacional sendo entrgue à Boing. Quantas empresas no mundo fabricam aviões do porte da Embraer? Imaginem o atraso que isso vai acarretar ao país, sem contar na área de defesa e de jatos executivos, este último a empresa apresentou novos projetos de jatos executivos modernissimos com alta tecnologia. É uma perda muito grande e o Brasil vai passar por um atraso enorme na área da aviação. A Boing tem grande interesse na tecnologia de ponta que a Embraer utiliza na fabricação de… Read more »

Fernando Lemos
Visitante
Fernando Lemos

Entre fechar e sair a produção do Brasil acho melhor fechar, pelo menos a produção ficaria aqui por mais alguns anos. Este argumento de fechar e muito primário, para nãodizer ridiculo. Irão fazer o mesmo que fizeram na Argentina com a fabrica de aviação deles. Toda a tecnologia adquirida ira embora, simples assim. Voltaremos a exportar bananas e café. Óbvio que esse acordo nao tras nada de bom para o país, muito pelo contrário. Gostaria de saber se os EUA deixariam algum grupo estrangeiro comprar uma empresa de tecnologia deles e mudar e tirar a matriz dela. Obvio que não!… Read more »

Fernando Lemos
Visitante
Fernando Lemos

Isto nao tem nada haver com ideologia, isto tem haver com um mínimo de inteligência.

Edison Castro Durval
Visitante
Edison Castro Durval

Caro Mais, ao contrário esse acordo fecha a Embraer retirando os seus lucros impedindo o desenvolvimento da empresa, visto que os seus quadros deixam a antiga empresa e vão para a nova sobre controle da Boeing, não sou contra a uma fusão, sou contra é a uma venda velada, o acordo como está agora redigido é uma venda de empresa e não uma fusão.

Antonio Palhares
Visitante
Antonio Palhares

A Boeing tambem é privada. Vê se o governo Americano deixa ela ser vendida.

José
Visitante
José

Maus
Suas drogas estão te prejudicando o raciocínio. Procure se tratar.

Afonso
Visitante
Afonso

Como a 3ª mais poderosa fabricante de aviões do mundo fecharia as portas? Não seria possível um acordo com independência, mesmo no risco de bloqueio de vendas ao Brasil dos insumos correlatos forçando a Embraer a buscar insumos da concorrente europeia? Nesse quarteto das mais poderosas do mundo quem estava com a carta nesse momento?

Miguel Lourenço Felicio
Visitante
Miguel Lourenço Felicio

Desculpe amigo, de onde voce e outros tiram essas ideias de quem sem a Boeing, a Embraer fecha as portas……..

Geraldo Ladeira
Visitante
Geraldo Ladeira

Esse é um acordo totalmente desnecessário, não vejo vantagem alguma nem para a naçao quanto para a população! Perderemos em emprego e nossa tecnologia! Uma otima empresa e muito capacitada tanto quanto as outras concorrentes mundiais, no entanto que a gigante Boeing esta de olho grande nela assim como os americanos em tudo que é do nosso povo, querem nossa tecnologia e eliminar a concorrência, só vejo vantagens para eles!

Fábio de Paula Pereira Ruela
Visitante

Isto é traição a pátria, vc acha que a França, Reino Unido, Rússia e China venderia suas fabricas para estrangeiro claro que não.

Fábio de Paula Pereira Ruela
Visitante

A EMBRAER deveria ser nacionalizada e receber investimento para uma nova fábrica de preferência no Ceará e diversificar sua produção com produção de automóveis e outros produtos.

Alfredo RCS
Visitante
Alfredo RCS

Golden Share serve pra isso… ou não?

Minuteman
Visitante
Minuteman

Sim.

Artur Castro
Visitante
Artur Castro

Se for nesses termos, é melhor não autorizar. Essa venda seria boa para a bolsa, mas não indispensável para a economia do país. A Embraer é uma empresa que estará DIRETAMENTE envolvida em amplos setores da FAB, por meio da produção das atuais duas aeronaves mais importantes em fase de construção (KC e Gripen) talvez até na MB (caso ganhe a MEKO), em ambos os casos com transferência de tecnologia. Além disso, já é NATURALMENTE competitiva no seu ramo. Creio que o presidente Bolsonaro saberá o que fazer. Desindustrializar no país um setor que produz mercadoria de alto valor agregado… Read more »

BILL27
Visitante
BILL27

Vdd.A tranferencia de tecnologia do Gripen por exemplo ,esta sendo passado a Embraer e ela sendo uma empresa não brasileira ,vai absorver esta tecnologia e o Brasil não vai absorver nada .E ainda colocaram a fabricação do KC 390 la nos EUA ,send oque a parte de defesa ,ficou de fora da negociação ….Se o presidente aceitar isso ,ele é um entreguista ,pau mandado dos EUA .

leonidas
Visitante
leonidas

Verdade BILL27, se esse cara fazer uma palhaçada dessa vai se revelar um X9 infiltrado no governo para acabar de abrir as pernas do Brasil, que já vivem escancaradas…

BILL27
Visitante
BILL27

Ele em menos de 60 dias de governo está em muitos momentos desagradando muito militares .

Hélio
Visitante
Hélio

Se isso é verdade, então, tudo o que foi dito em favor do acordo é mentira. Não tinham acertado que a EDS iria ter outra fábrica? Não foi acertado que a Boeing não teria contato algum com os projetos militares? Não foi acertado que a produção ficaria aqui? Sobre os lucros, era uma coisa óbvia, o lucro dessa nova empresa tem que ser 5 vezes maior só para a Embraer cobrir o prejuízo causado pela venda de 80% da aviação comercial.

francisco
Visitante
francisco

Quem acredita na boa intensão e honestidade dos norte-americanos, acredita também em papai noel e bicho papão. Eles são uns sangue-sugas que só querem levar vantagens. Ainda bem que o Bolsonaro está abrindo o olho. Parece, vamos esperar pra ver.
Por esse episódio, que se trata apenas de uma compra de uma empresa, vocês podem ver como eles são mentirosos e ladinos. Agora imaginem o quanto de mentira eles estão divulgando contra a Venezuela.

Augusto
Visitante
Augusto

O Brasil precisa decidir se quer ter vocação para ser grande ou para ser chihuahua. Se quer ser grande, aja de modo a preservar os interesses nacionais A LONGO PRAZO e enfrente as consequências, sendo duro nas negociações com a Boeing, em defesa dos interesses nacionais (não adianta falar que a Embraer é privada, esse papo já está decantado e a Golden Share está aí para mostrar que a origem da empresa foi o dinheiro público). Se quiser ser pinscher, pense no lucro dos acionistas, em agradar os ricos empresários, em mandar empregos altamente qualificados para fora do país, em… Read more »

Hélio
Visitante
Hélio

Os acionistas não estão nem um pouco contentes com esse acordo, nem eles estão sendo beneficiados, a única beneficiária desse acordo é a Boeing.

francisco
Visitante
francisco

Os acionistas vão ficar com ações de uma empresa que não valerá mais nada. Pois a Boeing vai criar outra empresa e transferir tudo o que a EMBRAER tem hoje para essa nova empresa.

Luiz Antonio Marcondes Filho
Visitante
Luiz Antonio Marcondes Filho

A fabricação do KC390 não deixará de ser feito em Gavião Peixoto, a unica diferença é que o KC390 terá a montagem final nos EUA para obter o selo FMS (assim paises da OTAN poderão comprar o KC390 com maior facilidade) O KC-390 “made in USA” seria apenas montado naquele país, a partir das mesmas peças que hoje integram o projeto do cargueiro produzido no Brasil. Com essa americanização do produto, abrem-se dois novos mercados para o produto da Embraer: o próprio mercado americano, que inclui a força aérea e também outras instâncias como a guarda nacional, e, nações aliadas… Read more »

Hélio
Visitante
Hélio

“Um desses pontos trata da transferência das atividades industriais de Gavião Peixoto (SP) para os EUA. A partir do acordo, o KC-390 não seria mais montado no Brasil, afetando toda a cadeia de produção associada à companhia.

O mesmo ocorre em relação à propriedade intelectual do projeto da Força Aérea, que passaria para uma nova empresa controlada pela Boeing. Sem contar o lucro com a venda das aeronaves, com exceção dos royalties.”

Não é isso que o texto diz.

carvalho2008
Membro
Famed Member

Afinal, o acordo é similar a Sierra Nevada em que tenho produção aqui tambem ou vai tudo? se for similar por conta do FMs então estamos fazendo escândalo a toa…..a produção sera 100% lá e a unica lembrança da genetica brasileira serão os Royalties???

Wellington Góes
Visitante
Wellington Góes

Não, é diferente, inclusive porque já existia um contrato de exportação. O que a atual administração da Embraer diz que poderá existir novos clientes.

Não se coloca o carro na frente dos bois, muito menos com o ovo no fiofó da galinha.

Junior
Visitante
Junior

E o que significa aquele item 5 “A Embraer deve entregar a Boeing a licença FAB do KC-390”

Wellington Góes
Visitante
Wellington Góes

Então que se consiga os contratos antes, como foi feito com os A-29 ao Afeganistão, para depois fazermos algo do tipo, do contrário é o mesmo que querer contar com o ovo no fiofó da galinha.

francisco
Visitante
francisco

Deixe de ser ingênuo. Desde quando norte-americano cumpre o que promete?

Carlos Freitas
Visitante
Carlos Freitas

Ok Amigo, mas eu prefiro 10 mil na minha mãe do que 200 milhões na mão do meu vizinho.

JSant
Visitante
JSant

A questão ai é…quem levou meias verdades a presidência? O problema são os projetos estratégicos debaixo da Embraer

carvalho2008
Membro
Famed Member

ai não…. Se for para fechar então que feche aqui….e a Boeing que se vire…..entao, desenvolve o produto aqui, banca com investimento daqui, investe e ganha apoio para formar toda a cadeia e tecnologia do projeto, depois vende tudo para fora e fecha aqui??? Entao quando tiver de fechar apos a entrega dos 28 contratados que se feche…..se em ambas as situações vai fechar….então a Boeing que se vire com outro “parceiro”….ou então ajuste e compense o Brasil por isto… Se o Brasil não tiver nada a ganhar com isto, então nada para o Brasil e nada para a Boeing…acordo… Read more »

carvalho2008
Membro
Famed Member

a coisa então ficou simples….

hoje: não há beneficios, mercado de trabalho, parque industrial, projeto do KC-390 deixam o Brasil, Embraer Fecha (???)

Futuro: Vai tudo para os EUA inclusive projeto, Boeing se fortalece nas concorrencias internacionais.

Quer meu voto da Golden share??

Basta me pagar….me pague de alguma forma, mantendo fração do parque fabril, remuneração do projeto ou aumentando os Royalties para a FAB….

Pouco me importa se para a Embraer ficou bom, tem agora de ver com o Brasil se ficou bom e isto tem preço….quer pagar quanto?? façam sua proposta….

Carlos Freitas
Visitante
Carlos Freitas

Falam dos 28 contratos do KC390 como se depois disso não conseguiriam vender mais nenhum, este é um projeto que acabou de sair do forno a Boeing quer comprar agora justamente por saber que este projeto vai ser pago uma quantia insignificante perto o que ele valerá daqui alguns anos, a partir das primeiras aeronaves serem entregues e tiver o reconhecimento da qualidade do projeto irão vender muito mais. Imagine você compra uma moeda rara de coleção por 15,00 e um colecionador experiente e profissional reconhece ela como uma valiosa moeda de 100.000 reais, ele vem até você e fala… Read more »

Fabio Jeffer
Visitante
Fabio Jeffer

Luz no fim do túnel
Transferir a produção do KC390 para os EUA é não da
Um absurdo esse acordo

Walfrido Strobel
Visitante
Walfrido Strobel

Pensou que a Boeing iria vender com financiamento americano sem pelo menos montar lá, gerando empregos nos EUA?

Edison Castro Durval
Visitante
Edison Castro Durval

Montar sim, produzir e tranferir todo o projeto não, não foi esse o principio do acordo.

Diego K
Visitante
Diego K

Revoltante “A interpretação na cúpula do governo é de que a Embraer não está se fundindo, mas sendo cindida. E que haveria desindustrialização e desnacionalização da tecnologia.”
Não era obvio antes?? Só agora que enxergaram? É brincadeira.
E ainda tem quem vem com papo de que se n vender ela quebra e mimimi. Ela não chegou onde está, sendo empurrada com a barriga, tem muita gente competente nela, aviação regional nicho da EB é a que mais vai crescer e se sustenta por si só, por décadas.

Mauro
Visitante
Mauro

Tem que debater isso no Congresso… não sou desses esquerdistas metidos a nacionalista de meia pataca… mas começa a se configurar crime de lesa pátria… Nunca houve a intenção de associação ou Joint Venture alguma, a intenção é simplesmente aniquilar toda a Embraer e tudo o que ela pode gerar de benefícios ao país. Outra coisa, faz tempo que os EUA não são mais a última bolacha do pacote. Queriam comprar toda a Embraer desde o início, como não conseguiram, vão levar tudo do mesmo jeito, só que de forma disfarça ou nem tanto… é claro que a intenção é… Read more »

PAULO SANTANNA
Visitante
PAULO SANTANNA

Tá falando sério? Levar isso pra ser discutido no Congresso, aquele balcão de negócios?

fernandosc
Visitante
fernandosc

por bem ou por mal, é assim que a democracia deveria funcionar. no Congresso a minoria poderia fazer o lado obscuro desse negócio estranho vir a tona.

Maurício.
Visitante
Maurício.

O presidente Bolsonaro tem que estar atento, a FAB não sabia dessas questões “sensíveis” para poder alertar o presidente?
Bela “parceria” caracu…

Wellington Góes
Visitante
Wellington Góes

Qual FAB? As dos últimos dois comandos?! Eles incentivaram!!! Aliás, neste imbróglio da Venezuela e seus S-300, agora perceberam a burrada de não terem dado a mínima para o binômio A-1M e MAR-01, ambos projetos praticamente mortos.

Quando tem gente que tem complexo de aeroclube…..

Maurício.
Visitante
Maurício.

Wellington, é complicado mesmo, você é um dos que mais bate nessa tecla de projetos próprios para a FAB, mas infelizmente nossos projetos próprios nunca vão pra frente, até os projetos das bombas guiadas não vingaram.
E o pior que teve um pessoal dizendo que com a Boeing as coisas iam ser às claras…a Boeing não era a Dassault para fazer esquemas por debaixo dos panos…Como você mesmo disse: ” Ah….. As letras minúsculas do contrato…”

JSant
Visitante
JSant

..o problema é que as outras forças sabotam o tempo todo…varios bom projetos foram levantados…mas qual o ministério que sempre teve verbas cortadas? Crotico as faas por dizer amem sempre…E pensar que com prazer o candidato derrotado disse que a venezuela é mais forte que o brasil militarmente…essa sempre foi a intenção desses doentes…acabar com as faas último obstáculo para a ditadura.. E pelo jeito nada está mudando…continuamos sendo sabotadod

JSant
Visitante
JSant

Esclatecendo…Outras forças que digo não são as faas. E sim do sistema e política nacional…

Wellington Góes
Visitante
Wellington Góes

Todos os ministérios possuem verbas cortadas, não é prerrogativa apenas do MD e até aonde sei, nunca vi o EB e/ou a MB tentando sabotar projetos da FAB, aliás, o contrário é verdadeiro.

francisco
Visitante
francisco

Isto só mostra o quanto nossos governantes e os comandantes das FA são ingênuos. Basta um elogio vindo de Washington e eles entrega tudo de mão beijada e com um largo sorriso no rosto.

Wellington Góes
Visitante
Wellington Góes

Brasileiro é “enteligente” demais. Rsrsrsrs

ODST
Visitante
ODST

Perguntem ao Trump se ele autorizaria algo assim……

Wellington Góes
Visitante
Wellington Góes
Hélio
Visitante
Hélio

Interessante, a Embraer ficaria impedida de concorrer no mercado de regionais, mas a Boeing poderia concorrer com a Embraer nos jatos executivos. E tinha gente dizendo que esse acordo seria bom por fortalecer a aviação executiva, será que vão defender também a venda da aviação executiva com a desculpa de que a Embraer não pode concorrer com o lobby da Boeing?

Marcos
Visitante
Marcos

Termos absurdos, fora que o governo bancou bilhões pro desenvolvimento do KC-390 e agora querem transferir tudo pra ser fabricado lá, o governo pode e deve cancelar isso.

ODST
Visitante
ODST

Quero muito acordar nos próximos dias com a noticia de que “Bolsonaro cancela acordo entre Boeing e Embraer.” Seria o dia mais feliz do ano!

carvalho2008
Membro
Famed Member

tomara que sim

Wellington Góes
Visitante
Wellington Góes

Na minha opinião, tinham que investigar os envolvidos neste negócio, especialmente o atual CEO da Embraer. Estão levando uma bolada enorme por fora.

Isto não é parceria, isto é uma ****bação.

Voskhod
Visitante
Voskhod

Dê um Oscar pra esse Mito.

CipherNine
Visitante
CipherNine

Dê um Mito para esse Oscar

Junior
Visitante
Junior

Wellington esse sujeito ficou tão assustado por terem descoberto isso ai da matéria antes do tempo, que de forma não muito normal a Embraer soltou para o mercado e a imprensa hoje “que a maioria dos acionistas que votaram via boletim de voto a distância, aprovam a parceria com a Boeing na área de aviação comercial e para vendas conjuntas com o cargueiro militar KC-390” ,ou seja, o pessoal da Embraer sentiu o golpe e divulgou isso antecipadamente para pressionar o governo, soma-se a isso a visita que o ministro da defesa fez ontem a Embraer a pedido do Mourão

Humberto
Visitante
Humberto

Empresas que estão em bolsa de valores, são auditadas por empresas independentes, tanto aqui no Brasil quanto nos EUA. Funcionam 100%? Obvio que não MAS impende um bocado de safadeza. Além destas auditorias, existe o FCPA que é basicamente uma lei americana que impede que empresas sediados nos EUA, corrompam governos ou empresas no exterior. Funciona 100%? Até hoje, nunca ouvi algo que desabone a lei, mas tem gente que se safou pagando multa, mas doeu onde mais dói em uma empresa. E por fim, o mundo de CEO é relativamente pequeno, TODO mundo se conhece, então, a coisa não… Read more »

Hélio
Visitante
Hélio

As empresas americanas não praticam corrupção fora dos EUA? Entenda, essas leis de mercado favorecem ao interesse econômico, não à ética, o que mais tem por aí é empresa que foi condenada por práticas menos piores que as adotadas pelas que dominam o mercado. E mais, veja o caso do CEO brasileiro da Nissan.

Humberto
Visitante
Humberto

Helio, Claro que cometem, mas se pegarem, vão ter pagar multas ou passar uma temporada na cadeia. Eu conheço o FCPA pois fazia parte da integração em uma empresa americana, fazia parte das regras de governança. Sei o que escrevi, pois tive que aprender (inclusive com uma prova chata). Nissan é Francesa e Japonesa, no mais, ele está sendo acusado não de corromper um governo e sim de traquinanças contábeis para embolsar uma bela grana, sinceramente não acredito que ele está sozinho, já já, mais gente do board vai para a cadeia. Isto não tem nada de FCPA, dá uma… Read more »

Wellington Góes
Visitante
Wellington Góes

O mundo dos mercados financeiros, não é o mesmo do mundo dos mercados da aviação. Uma dita suas regras para se movimentar com transparência para os investidores, o outro faz suas regras. No mais, as leis americanas são para salvaguardar os interesses dos EUA, não do Brasil. Vale dizer que o mercado militar não possui qualquer regra, daí porque o FMS existe, do contrário não seria aprovado pela OMC. E, de novo, salvaguardam os interesses comerciais e políticos dos EUA, não do Brasil.

Humberto
Visitante
Humberto

Claro, não vão fazer uma lei nos EUA que vá prejudicar a eles. Agora, mesmo vendas de armas, tem as suas regras sim, pois as empresas que vendem armas estão sediadas nos EUA ou tem ações lá estão sujeitas as leis americanas. Uma coisa é uma venda coberta de sigilo (no fundo ao público mas não das agencias fiscalizadoras) outra totalmente diferente, é a negociação com pastas abarrotadas de dinheiro. Rola suborno? Particularmente acredito que sim, mas não é algo tão natural como é feito no Brasil. O Coronel Oliver North é o exemplo que tem “punição” sim, mas como… Read more »

Dan JR
Visitante
Dan JR

Hm.. que situação cabeluda. Qual é a saída para a Embraer? Tentar melhorar o acordo? Vetar o acordo e tentar sobreviver ao novo arranjo do mercado? Sério.., qual é a saída? Existe uma change para a Embraer sem esse acordo? Valeu!

Wellington Góes
Visitante
Wellington Góes

A pergunta correta é, existe necessidade para este “acordo”?! Se sim, qual? Se não, por que insistir com ele?!
A resposta é, não existe necessidade. Os novos projetos estão vendendo, sem qualquer desconto. Os projetos anteriores também continuam vendendo, igualmente sem qualquer desconto. Os prejuízos operacionais apresentados até então, são devidos aos custos de desenvolvimento do KC-390, mas percebam que este é a joia da coroa que a Boeing tanto quer, daí outra pergunta, há a necessidade da entrada da Boeing?!

Quem precisa desta “parceria” é a Boeing, não a Embraer.

Dan JR
Visitante
Dan JR

Quero acreditar nisso, sou nacionalista. O que me deixa intrigado é o aval dos militares…, alguém consegue explicar?

francisco
Visitante
francisco

Se for para agradar aos USA os militares ficam caladinhos.

carvalho2008
Membro
Famed Member

correto

carvalho2008
Membro
Famed Member

correto, tambem acho

Manoel Jorge Marques Neto
Visitante
Manoel Jorge Marques Neto

Embraer domina o mercado mundial na sua categoria. Não vai quebrar. Isso é jogo sujo.

Mauro Cambuquira
Visitante

Agora começou a clarear esse negócio. Eu em conta de padaria, já achava o valor da venda muito baixo, se contabilizarmos o que já existe de intenções de compra, o que já está pra ser entregue e o que estamos desenvolvendo em solo brasileiro, essa negociação já era Caracu. Agora, muito me espanta, o custo de negociação mundo a fora, tomada de dinheiro nosso para pesquisa e desenvolvimento, mão de obra, todo o incentivo dado, e o que isso foi gerando de negócios futuros para a EMBRAER, a previsão de vendas, isso tudo iria embora daqui sem o menor esforço.… Read more »

francisco
Visitante
francisco

Está mais para coisa de corrupto. Deve ter muita gente levando algum toco por baixo dos panos, para defender um negócios desses.

ROMULO R.
Visitante

O objetivo do americano , é gerar renda nos EUA , empregos nos EUA , tecnologia e mão de obra especializada para os EUA , e lucro para a economia dos EUA é só, eles consomem tudo eles absolvem só o melhor, só transferem o que é interessante para eles e o último que feche a porta pra penetra não entrar obrigado . Todo mundo sabia que a Boeing estava se lixando para os engenheiros e trabalhadores brasileiros porque é óbvio que eles podem produzir mais barato e mais eficiente no país deles , o super tucano já está sendo… Read more »

Leonardo
Visitante
Leonardo

Presidente é fraco puxa saco dos Estados unidos

GripenBR
Visitante
GripenBR

Cartas na mesa! Sem embromação! O KC vaza, e de graça. Quem encomendou? Quem bancou? Quem desenvolveu? A Embraer sai de SP direito para Delawere! Toda a evolução da família e-jets e executiva. Idem as mesmas perguntas. 5 bi nos “Stades Zunides” não paga nem projeto de obus. Gostar dos EUA, ou de qualquer outro país não é pecado! Mas o brasileiro tem que gostar é do Brasil primeiro! Dizer que isso é vantajoso, que vai “salvar” a Pátria! Pode até ser, mas não essa aqui!

kevinbuenuu
Visitante

Faço das suas as minhas palavras, mas fiquei contente em ver que a maioria por aqui é setico e coloca o Brasil, o NOSSO país, realmente acima de tudo.

Saury Alvarenga
Visitante
Saury Alvarenga

SE para acabar com Embraer então acabe aqui no Brasil. Assim manteremos empregos por um tempo e no final pelo menos teremos a tecnologia para começar uma outra empresa. No fim ficaremos sem ela do mesmo jeito. Então nada de fusão.

Chevalier
Visitante
Chevalier

Exato. Se é pra cair, que caia lutando.

Hélio
Visitante
Hélio

Falou mal dos EUA logo já é comunista…
Eu me impressiono com a lógica desse pessoal que discute politica no Facebook.

William Munny
Visitante
William Munny

Não sei o porque do espanto de vcs! É assim que americano negocia e pensa! Todo lucro para eles e nada para os outros! Os venezuelanos, os sírios, os norte coreanos, os chineses e os russos não estariam surpresos…

Marcello Magnelli
Visitante
Marcello Magnelli

Pois é, não posso resistir.
Para aqueles que me negativaram, em um posta anterior onde eu alertava que algo parecido poderia acontecer, fica o recado:
– Eu bem que avisei.

Chevalier
Visitante
Chevalier

Se for pra fechar as portas mesmo (o que duvido, vcs não conseguem prever nem se a bolsa vai cair amanhã ou se chove semana que vem), então que caia lutando e não se venda pros gringos, mandando toda produção pra lá, mais as licenças da FAB, nosso KC-390 enquanto fica só o dinheiro no bolso dos ricos acionistas.

Foxtrot
Visitante
Foxtrot

Kkkk os questionários estavam defendendo a traição da pátria, com a desculpa que a divisão de defesa não entraria no acordo que se manifeste agora.
Ou seja, mais uma vez gastaram bilhões para criar uma empresa nacional e desenvolver tecnologias para depois dar a preço de banana as grandes nações e com aval de parcela da população.
Depois estranham o atraso nacional.

Foxtrot
Visitante
Foxtrot

Quiz dizer cadê os defensores do acordo agora?
Que defendiam essa traição da pátria.

Sérgio Luís
Visitante
Sérgio Luís

Tomara que jogue areia!

Luiz Trindade
Visitante
Luiz Trindade

Agora que vieram despertar para M… que tava fazendo?!? Contrato assinado pai… Não tem mais volta. Mesmo que agora cancelem o fusão, a Boeing já botou a mão nos segredos de construção da Embraer e a Boeing vai disparar em excelência de projetos e vendas.

Adriano Madureira
Visitante
Adriano Madureira

A boeing também está muito interessada na fábrica de trem de pouso da embraer…

Mas não há perigo, são nossos, parceiros, irmãos e aliados🤔, não faria nada para nós prejudicar.

Foxtrot
Visitante
Foxtrot

Kkkk quem são esses parceiros, irmãos e aliados?
Os americanos?
Aprende filho, americanos só jogam para ganhar,e os únicos parceiros, irmãos e aliados que eles tem, são eles mesmos.
Nem os ingleses que possuem mais em comum com os americanos são considerados assim pelos E.U.A .
Acorda criança!

João Carlos
Visitante
João Carlos

Voces acreditam nesse papo de falência?
acham que a Boeing quer comprar uma empresa falida, a terceira fabricante muindial de aviões está falindo?
com fábricas nos EUA, China e Brasil, ganhando licitações e mais licitações nos EUA e no mundo, está recebendo anos de pesquisas dos suecos pagos pelo governo brasileiro e acabou de lançar um avião multimissão que tem vários clientes potenciais pelo mundo?
o que está falindo são suas inteligências

Carlos Miguez - BH
Visitante
Carlos Miguez - BH

Sabem o que acho mais curioso ????
Nenhuma palavra dos ex-presidentes Maurício Novis Botelho e Frederico Fleury Curado, aqueles que fizeram “alçar-vôo” a Embraer que conhecemos hoje. Porque será ???

Junior
Visitante
Junior

O Curado foi corrido de lá por causa da venda de super tucanos para a República Dominicana, depois que a Embraer fez um acordo com a justiça americana

Carlos Miguez - BH
Visitante
Carlos Miguez - BH

Talvez tenha sido a primeira jogada da Boeing !!!

Paulo crus
Visitante
Paulo crus

Esse negócio é péssimo para o Brasil, transferir nossa tecnologia do Kc390, extinguir várias empresas nacionais, extinguir empregos , tolher os brasileiros de desenvolverem seus próprios projetos, tudo indica que estamos incomodando os americanos e que estamos no caminho certo. Fora Boeing, avante Embraer!

Paulo Cruz
Visitante
Paulo Cruz

Se a Embraer tiver que fechar as portas(o que duvido) que seja no Brasil. Acesse papo de fechar as portas não existe. Todos estão vendo que essa empresa se desenvolveu muito nos últimos anos, que tem capacidade para desenvolver novos produtos.

Kommander
Visitante
Kommander

Cadê os especialistas de plantão que até a um ou dois meses atrás eram super a favor dessa fusão, dizendo que a EMBRAER era uma empresa falida e com o novo acordo os empregos no Brasil seriam mantidos e a produção dos aviões também!??? Apareçam, por favor.

Carlos Campos
Visitante
Carlos Campos

Esses pontos são ruins mesmo, espero que sejam revistos.

Fulcrum
Visitante
Fulcrum

Se é pra ir pro jogo da predação é melhor a Embraer fazer uma joint adventure com a china e bater de frente com a airbus e a Boeing do que ser engolida de graça.

CRSOV
Visitante
CRSOV

Acho essas cláusulas lesivas ao Brasil e principalmente à EMBRAER !! Os malandrões dos EUA ficariam com todo o conhecimento armazenado em anos de trabalhos árduos aqui no Brasil, empregos seriam perdidos aqui, desindustrialização e os lucros ficariam por lá nos EUA !! Espero que o Presidente Bolsonaro reveja tintin por tintin cada letra desse contrato e coloque termos mais favoráveis ao nosso País !!

Jorge Lee
Visitante
Jorge Lee

Não entendo o porquê do espanto. A fábrica de montagem final (FAL, no inglês) ficar nos EUA tem o objetivo de habilitar o projeto para ser vendido por meio do FMS que hoje é o principal canal de vendas do A-29. Simples. Empregos? Perdemos um pouco, mas salvamos outros. No mundo atual, não dá para se ter tudo da forma como era antes brandado. Soberania e independência são termos cujos significados mudaram bastante nos dias atuais.

Mauricio R.
Visitante

“…o objetivo de habilitar o projeto para ser vendido por meio do FMS que…” Foi aonde eu parei de ler.
Gostaria e muito de saber o que a Boeing pensa sobre isso, mas os caras estão simplesmente calados.
Enquanto isso a Embraer domina a narrativa com ideis absolutamente vazias.
É somente confusão e dissimulação.

Luiz Trindade
Visitante
Luiz Trindade

Soberania e independência são termos cujo significados mudaram bastante nos dias atuais? Então vamos lá: Você aluga a garagem de sua casa para um vizinho. Essa garagem só cabe um Gol, mas ele coloca uma Blazer. A porta de sua casa sai pela saída da garagem. Você sai se ele sair. Se for pelo seus termos, a sua liberdade foi tolida pois o termo mudou muito durante o passar dos anos.

Mauricio R.
Visitante

Fake News!!!! Só acredita quem quiser. Nossa como tem gente sem ter o que fazer em Gavião Peixoto e SJC, além de pautarem a imprensa e plantarem notícias. O nosso agronegócio que se cuide, pois a concorrência parece ser feroz!!!! Os fazendeiros norte americanos e o Greenpeace são pinto perto deles. Ah, senhores jardineiros, é bom vocês se precaverem. Antes plantavam no jornal Valor Econômico, mas como a plantação não pegou e morreu, agora mudaram de veículo. Mas é mais do mesmo, querem porque querem endeusar um avião natimorto. Como se os norte americanos e a maior indústria aeroespacial do… Read more »

Edison Castro Durval
Visitante
Edison Castro Durval

Pergunta, se o avião é Natimorto, por que a Boeing está interessada em opter o projeto????
Não queria dizer isso mais fosse falou tanta M_#-@ que eu aço que você está sobre efeitos de alucinógenos.

Carlos Freitas
Visitante
Carlos Freitas

Venderam o Brasil, se o Bolsonaro não fizer nada logo seremos uma Venezuela, povo vai passar fome sem empregos, não temos nada nosso e o pouco que resta será vendido para o exterior, cada vez que uma empresa compra outra ela na verdade não cresce, simplesmente tira o concorrente da frente, olha o Santander fez com o Unibanco, Eu trabalhei muitos anos em multinacionais e vi o que fazem quando adquirem uma empresa. Nossa trabalhadores são obsoletos, gerências e diretores tudo de fora e deixam apenas alguns peões necessário até que alguma máquina ou software os substituam depois. É com… Read more »

ODST
Visitante
ODST

E tinha gente que dizia que se o Ozires Silva apoiava o negócio era sinal de que é bom para todo mundo…….. o Ozires já está numa certa idade, nem deve ter lido os acordos direito (ou não teve acesso a todos eles). Isso é uma lição para que esse pessoal passe a ter mais opinião própria ao invés de ficar se baseando em falas de gente de nome.

Wilson
Visitante
Wilson

Não importa qualquer argumento que seja a favor da venda da Embraer. Para mim essa é a maior perda que o Brasil terá.

Luciano DE CASTRO TEIXEIRA
Visitante
Luciano DE CASTRO TEIXEIRA

Nos termos que li acima a Embraer esta sendo doada para a boing , é um completo absurdo, a embraer só vai falir se o governo quiser, se houver um programa de desoneração para incentivar a compra de jatos Embraer pelas empresas brasileiras e da america do sul, só com isso a embraer sobrevive bem, ela é lider mundial na categoria dos jatos que vende, ja tem centros de assistencia na europa, asia e EUA, é completamente absurda a venda nestes termos, estaremos dando a Boing mais de 50 anos de tecnologis e desenvolvimento de um país e criando um… Read more »

Juliana
Visitante
Juliana

Triste ver o Brasil permitir isso, se a Boeing está comprando está fazendo isso para comprar o projeto KC390 a preço de banana, logo este projeto será valorizado e vão lucrar muitos e muitos milhões , quem vem com este papo que a Embraer vai falir é melhor falir aqui do que entregar para os americanos, eles em nosso lugar fariam isso? Por isso são um país de primeiro mundo e nós de terceiro.

Mauricio R.
Visitante

E desde qndo uma empresa que praticamente significa aeronaves “wide-body”, fabricou e entregou mais de 200 C-17, necessita “comprar o projeto KC390 a preço de banana”????
O “+ um” nunca foi tudo isso.

Juliana
Visitante
Juliana

Outro fato é que o Brasil está passando por uma recolonização, podemos ter tudo que existe em países de primeiro mundo e ainda sim seremos um país pobre, o motivo é simples tudo que compramos, consumimos e utilizamos quase 100% são de empresas estrangeiras, logo todo lucro que geramos não fica no Brasil, vai para fora e os caixas das empresas lá ficam mais fortes e a economia mais estável. Se a Embraer aceitar este acordo o que vai acontecer, sim a Boeing vai conseguir vender mais aeronaves sim, pois vão fabricar em solo americano, empregar americanos, receber em dólar… Read more »

Foxtrot
Visitante
Foxtrot

Hoje o maior valor econômico reside no conhecimento. Um país sem conhecimento tecnológico mesmo que possua grande riqueza, ainda assim será a mera colônia das nações que detém o conhecimento. A história já vem nos ensinando isso desde os primórdios, e mesmo assim o Brasileiro não aprendeu nada. Vendemos silício para o Japão e compramos semi condutores, vendemos minério de ferro e compramos aço , vendemos dióxido de urânio e compramos peças de urânio. Ou seja, sempre seremos colônia das nações desenvolvidas enquanto não investirmos no conhecimento nacional. E os próprios militares e governo contribuem com isso com essas compras… Read more »

fewoz
Visitante
fewoz

Ué, até ontem, todos neste site eram a favor dessa “parceria”, mas depois dessa notícia, tudo o que vejo aqui é gente indignada. O pior é que rotulavam qualquer um que iria contra como “esquerdista”, etc… (Reduzindo a discussão política séria e imparcial ao nível de um jogo de futebol). Santa inocência, Batman… 1. Independente do que estiver no contrato, a Boeing vai conseguir de uma forma ou outra, transferir tudo pra lá (mesmo que a passos lentos, pra não despertar a indignação dos brasileiros). Os inocentes continuarão a não acreditar nisso… 2. Como já noticiado, será concorrente até mesmo… Read more »

Mauricio R.
Visitante

Todo mundo malhando a Boeing e com peninha da Embraer, qndo deveria ser o contrário.
A Boeing tá nem ai para o “+ um”, o avião não lhes diz nada.
Eles tem 787; 737MAX; MoMa pra se preocupar.
Quem tem que emplaca-lo no mercado é a Embraer e depois que Portugal fugiu de comprar o trambolho, a tarefa ficou ainda mais difícil.
Dai essas invenções da JV para sua comercialização, de que vai ser fabricado nos EUA, para ser vendido pelo FMS e etc, etc, etc…
Isso tudo não é necessidade da Boeing, mas da Embraer.