terça-feira, maio 18, 2021

Gripen para o Brasil

60 anos da estreia do míssil Sidewinder em combate

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Um AIM-9B Sidewinder no Phillippine Air Force Aerospace Museum
Um AIM-9B Sidewinder no Phillippine Air Force Aerospace Museum

O míssil ar-ar AIM-9 Sidewinder estreou em combate em 24 de setembro de 1958, em Wenzhou, China.

Quatro F-86Fs da Força Aérea da República da China (RoCAF) armados com o GAR-8, designação inicial do AIM-9B, abateram quatro MiG-17 da Força Aérea da República Popular da China (PLAAF) durante uma missão para cobrir jatos RF-84F da RoCAF.

Um total de seis GAR-8 foram disparados durante a batalha. Outros cinco MiG-17 da PLAAF foram abatidos por metralhadoras M3 Browning ponto 50 dos F-86.

Uma arma secreta da época, um lote de mísseis GAR-8 e seus trilhos de lançamento foram entregues a Taiwan apenas um mês antes, em 18 de agosto.

Família AIM-9 Sidewinder
Família AIM-9 Sidewinder

F-86F da RoCAF com míssil AIM-9B
F-86F da RoCAF com míssil AIM-9B

SAIBA MAIS:

- Advertisement -

6 Comments

Subscribe
Notify of
guest
6 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Delfim

Foi nesse combate, ou outro seguinte, que um MiG-17 da PLAAF retornou com um AIM-9B não-detonado em sua tubeira, o qual caiu em mãos soviéticas e possibilitou o surgimento do Atoll AA-2 ?

Leandro Costa

Bom, bonito e barato. Esses abates feitos pela RoCAF meio que ‘mascararam’ a real performance do míssil em combate aéreo de curto alcance, mas mesmo assim, e posteriormente mesmo com linhas de desenvolvimento diferentes, o Sidewinder mostrou ser um dos mísseis mais confiáveis e baratos de operar de todos os tempos.

Overandout

Um divisor de águas no combate moderno!

Marcos10

F86F ou K?

Leandro Costa

F-86F mesmo. Não precisa de radar para disparar o Sidewinder, a menos que seja da pouquíssima produzida versão ‘C’ que era guiada por radar semi-ativo e foi desenvolvida para equipar os F-8 Crusader. Foi descontinuada após poucas unidades serem fabricadas.

Kemen

Um verdadeiro sucesso comercial em todas as suas modernizações (versões), deu certo, foi muito eficaz, atualmente esta caindo em desuso devido aos que estão disponíveis no mercado.

Reportagens especiais

PAMA-SP 2014: Poder Aéreo no Domingo Aéreo – parte 1

Caça F-5EM da FAB realizou diversas passagens baixas sobre o Campo de Marte, em São Paulo. Um jato de...
- Advertisement -
- Advertisement -