Home Aviação de Ataque Conversão de F-15S para F-15SA na Arábia Saudita

Conversão de F-15S para F-15SA na Arábia Saudita

4935
5
F-15SA
F-15SA

A Alsalam Aerospace Industries de Riyadh, na Arábia Saudita, recebeu um contrato de US$ 59,7 milhões para a conversão de itens em seis aeronaves sauditas F-15S operacionais para a configuração F-15SA para a Força Aérea Real Saudita.

Os serviços incluem gerenciamento de programa, conversão de mão de obra e armazenamento de kit. O trabalho será realizado em Riad, na Arábia Saudita, e está previsto para ser concluído em 3 de agosto de 2020.

Este contrato é o resultado de uma aquisição não comercial exclusiva. Os fundos de vendas militares estrangeiras (FMS) no valor de US$ 17,8 milhões serão obrigatórios no momento da concessão.

O Air Force Life Cycle Management Center, Base da Força Aérea de Robins, Georgia, é o supervisor do contrato (FA8505-18-F-0041).

FONTE: Departamento de Defesa dos EUA

Subscribe
Notify of
guest
5 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Augusto L
Augusto L
1 ano atrás

O F-15QA( Qatar Advance) é ainda mais avançado que esse da AS, aliás o avião pintado um partes laranjas na matéria do F-15X, é um F-15QA e não F-15SA.

Alex
Alex
1 ano atrás

E eu ainda na espera de um dia o primeiro F-15SE sair da fábrica para a operalidade

BILL27
BILL27
1 ano atrás

Contei 10 pontos de armanento em um só lado da aeronave , não sei quantos pontos tem na seção ventral ,mas são mais de 20 pontos ao todo ….Desconheço aeronave mais capaz do que esta neste quesito

Rhino Power
Rhino Power
1 ano atrás

Belíssima aeronave. Sua venda para a Arábia Saudita, somente foi aprovada devido a intenção de que os sauditas sejam a primeira linha de defesa contra o Irã. Outro ponto que merece atenção é a venda dos sistemas S-400 pela Rússia. Deixando muito claro que nada passará por Riad sem ser amplamente contido. Mesmo com tantos vetores de altíssima tecnologia e defesas aéreas, eles não são capazes de contrapor os israelenses em um futuro conflito.

Humberto
Humberto
Reply to  Rhino Power
1 ano atrás

Rhino, não concordo.
A AS conseguiu comprar os F-15 pois os Israelenses não se opuseram a venda, ambos tem um inimigo em comum que é o Irã ou seja, difícil imaginar um conflito entre eles a curto e a médio prazo, por sinal, existe muito boato sobre o intercambio militar entre eles.
Quanto aos S-400, difícil acreditar que a AS vá querer sair do guarda chuva americano, sinceramente não acredito que esta venda irá ocorrer.