Home Ataque aéreo Rússia apresenta partes de mísseis destruídos pela defesa aérea síria

Rússia apresenta partes de mísseis destruídos pela defesa aérea síria

7623
150
Parte de um míssil SCALP com perfurações de artilharia antiaérea

O Chefe da Direção Geral de Operações do Estado Maior General das Forças Armadas Russas, Coronel-General Sergei Rudskaya, em uma reunião do Ministério da Defesa da Rússia, dedicada à situação na Síria, mostrou a ogiva de um míssil Tomahawk, informou o canal de televisão Zvezda. O elemento do míssil de cruzeiro americano foi transferido para Moscou pela república do Oriente Médio após o bombardeio pelos países ocidentais.

Mísseis foram levados para Moscou

Um míssil de cruzeiro Tomahawk que não explodiu e um míssil de alta precisão lançado pelos Estados Unidos e seus aliados usados ​​em seu ataque na Síria em 14 de abril foram trazidos para Moscou, disse Rudskoy, acrescentando que os especialistas militares russos já os estudavam.

“Alguns dos mísseis não conseguiram atingir os alvos designados aparentemente devido a falhas técnicas, o que criou o risco de destruir instalações civis e causar baixas civis. Dois deles, um míssil de cruzeiro Tomahawk e um míssil lançado de alta precisão, foram trazidos para Moscou. Você pode ver a ogiva do Tomahawk neste slide “, disse o general Rudskoy, acrescentando que especialistas russos estavam estudando os equipamentos.

“Os resultados deste trabalho serão usados ​​para melhorar os sistemas de armas russos”, disse ele.

Especialistas russos descobriram os traços de apenas 22 mísseis atingindo alvos em um ataque liderado pelos EUA contra a Síria, de 105 mísseis declarados pelos militares norte-americanos, segundo Rudskoi.

“O Estado Maior da Rússia estudou detalhadamente os resultados os ataques. Os fragmentos de mísseis recolhidos, o estudo das crateras e a natureza das instalações danificadas permitem concluir que, dos 105 acessos declarados na área dos alvos, não mais do que 22 foram registrados”, disse Rudskoi.

Anteriormente, uma fonte do Ministério da Defesa russo disse à TASS que dois mísseis de cruzeiro, que não explodiram quando os EUA realizaram um ataque à Síria em 14 de abril, foram vistos pelos militares sírios e entregues à Rússia em 17 de abril. No dia 18, eles foram levados para Moscou.

Ataque de mísseis na Síria

Em 14 de abril, os Estados Unidos, em coordenação com o Reino Unido e a França, lançaram ataques com mísseis contra instalações de infra-estrutura militar e civil da Síria. De acordo com o Ministério da Defesa da Rússia, as defesas aéreas sírias conseguiram abater 71 dos 103 mísseis.

Washington, Londres e Paris alegaram que os ataques foram uma resposta a um ataque com armas químicas, que teria ocorrido na cidade síria de Douma em 7 de abril. Os relatórios sobre o incidente foram divulgados por várias organizações não-governamentais, incluindo os Capacetes Brancos.

O Ministério das Relações Exteriores da Rússia criticou essas alegações como uma história falsa, enquanto o Ministério da Defesa da Rússia apontou que os Capacetes Brancos eram conhecidos por espalhar notícias fabricadas.

Em 9 de abril, oficiais do Centro Russo de Reconciliação dos lados opostos na Síria visitaram Douma, mas não encontraram vestígios de armas químicas. Em 10 de abril, foi tomada a decisão de enviar especialistas da OPCW à Douma para avaliar a situação no local e coletar informações sobre o suposto incidente químico.

FONTE: TASS / COLABOROU: Rustam Bogaudinov

150
Deixe um comentário

avatar
67 Comment threads
83 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
75 Comment authors
Nicolas_RSLucas SennaAbooRodrigorgdl Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Antonio
Visitante
Antonio

Então, eram verdadeiras mesmo as informações russas. E parece que os russos vão fortalecer ainda mais as defesas anti-aéreas sírias. Aguardemos os próximos capítulos.

Munhoz
Visitante
Munhoz

São poucos fragmentos para comprovar as informações russas e a demora em apresentar os fragmentos também é um sinal do Fake russo a unica possibilidade de os russos comprovarem seria a apresentação de mais fragmentos principalmente ogivas intactas, a não ser que os misseis sírios conseguiram se aproximar para atingir em cheio os misseis ocidentais.

Mas é improvável.

Marcelo
Visitante
Marcelo

Ue, e a força da inercia ao cair não conta ?? a destruição com certeza e grande mesmo sem explodir ..

Jr
Visitante
Jr

Independente da torcida do pessoal que muito provavelmente ira aparecer nos comentários, pergunto se seria possível tirar algum aprendizado ao estudar as partes desses misseis apresentados na matéria?

Marcos
Visitante
Marcos

Os russos fazem até conferência para mostrar os seus “feitos” contra os americanos. Agora só resta aguardar aquele vídeo do flanker colocando o F-22 para correr, do S-200 que acertou um F-35 israelense… e por ai vai

Valdez A
Visitante
Valdez A

Quando nào mostra foto é “fake news’….quando mostra è “showzinho”.

Luiz Trindade
Visitante
Luiz Trindade

E agora russofilos?!? Vai dizer que são fragmentos fabricados?!? Tá igual à um time do RJ que quando perde culpa da emissora de televisão ao juiz para justificar a derrota no jogo?!?

Augusto L
Visitante
Augusto L

Sim, são! As defesas sirias da epoca da guerra fria não tem capacidade de abater misseis d cruzeiro.
Tomahawks já passaram por Iraque, Libia, Balcãs e nunca foram interceptados.
Os Russos estão desesperados, pq o ataque provou a capacidade de penetração nas defesas aereas russas.
Enquanto as empresas americanas aumentaram seus valores após o ataque as russas que produzem os sistemas defensivos perderam valor.

Canarinho
Visitante
Canarinho

aham e isso mesmo. E a teoria da terra plana, vc acredita?

MGNVS
Visitante
MGNVS

HAHAHAHAHA… terra plana foi boa!

Mauro Cambuquira
Visitante

Obrigado pela informação, não li isso em lugar algum.

Nunão
Visitante
Nunão

Luiz Trindade,
Duvido que um russófilo diria isso.
Um russófobo provavelmente diria.

Luiz Trindade
Visitante
Luiz Trindade

Valeu pela correção Nunão! Abçs.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

As mossas existentes nos fragmentos dos mísseis podem ter sido feitas por outros fatores. Ainda assim os russos insistem eficiência da “hiper top” AAA síria que teria “derrubado 70% dos mísseis atacantes”. Os sérvios são mais competentes na hora de registrar seus feitos…

Augusto L
Visitante
Augusto L

HMS, provavelmente esses fragmentos nem são de misseis americanos e europeus.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

Eu não descartaria essa possibilidade Augusto….

Zorann
Visitante
Zorann

Vou deixar bem claro que não defendo Assad ou qualquer lado. Disto isto: . Não acho que a Síria tenha feito ataques químicos. Dois ou 3 dias, antes Trump anunciou a retirada de tropas americanas da região. A Síria, ao mesmo tempo, vem conseguindo recuperar o território perdido para os insurgentes/EI. Qual o sentido de se usar armas químicas, sendo que o cenário estava cada dia mais favorável? Não faz sentido. A Síria só teria a perder com isto. Isto aí foi armado. . Quanto à eficiencia da AA russa: nem 8, ne 80. Os Sírios conseguiram abates significativos e… Read more »

Zorann
Visitante
Zorann

Só completando: obrigado Rustam Bogaudinov

wwolf22
Membro
Noble Member
wwolf22

lembra qnd os eua insistiam em dizer que o Iraque tinha armas químicas ??? mostraram fotos, fizeram tudo o que tinham direito para incriminar o Iraque… Foi nessa empoca que os EUA e seus capachos criaram a FAKE NEWS… depois de anos de guerra ficou provado que os americanos e seus capachos(israel e inglaterra) criaram tal noticia…
esse ataque na Siria foi obra israeli…

Bosco
Visitante
Bosco

Você é muito preocupado com o monarquia do Sadam Hussein. Deixa o cara queima no inferno em paz. Se ele tinha ou não agentes químicos letais naquele momento ou se ele conseguir levar tudo pra Síria ou se ele fez a fada madrinha dele sumir com tudo não o inocenta de ter tido antes, de ter utilizado seu arsenal químico contra pessoas inocentes. Não uma nem duas vezes, mas várias vezes. Não fique com dozinha dele não. Ele mereceu a forca e fosse eu no lugar do Bush teria mentido também só pra derrubar o sujeito e vê-lo responder pelos… Read more »

Edmilson Sanches
Visitante
Edmilson Sanches

já que estamos falando de assassinos,comente aí sobre outro chamado Ariel Sharon.

Tadeu Mendes
Visitante
Tadeu Mendes

Não de nem para comparar. Nem de longe.

O massacre em Sabra e Shatila foi uma ação da milicia cristã, para punir os palestinos por causa do fizeram no Libano.

Bosco
Visitante
Bosco

Ariel Sharon???
Não comi não!!!

wwolf22
Membro
Noble Member
wwolf22

Bosco, nao estou defendendo o Saddan nao, muito pelo contrario… o que eu quis dizer foi que os americanos fabricaram provas para invadir o Iraque… usaram essas provas FALSAS como pretexto….
estou apenas mostrando que qnd os americanos querem alguma coisa, eles fazem de td pra ter, ate inventar/fabricar provas…

Jota
Visitante
Jota

E qual prova o Putin usou pra invadir a Criméia?
E qual foi pra invasão da Georgia?
Qual a China usou pra invadir o Nepal ? E as Illhas Paracel e Spratly?
Não tem bonzinho nesse jogo!
Mas tem bobo alegre: brasileiros .

wwolf22
Membro
Noble Member
wwolf22

nao sei nao, nao vi eles irem na ONU e apresentarem fotos falsas para justificar a invasão…
@jota, deixa eu te fazer uma pergunta, quem inventou o avião??

Nicolas_RS
Visitante
Nicolas_RS

A Fake News sempre existiu! Muito antes da WW2 por exemplo!

José
Visitante
José

Se já é difícil entender as ações de pessoas normais,quanto mais ainda entender a cabaça de um tirano carniceiro que se apega ao poder com unhas e dentes,é muito difícil. Muitos dizem que o tirano está ganhando a guerra,porém não sabem das dificuldades e das grandes perdas em seu exercito tem sofrido,muito suor e sangue.Os ditos terroristas estavam entrincheirados em uma cidade povoada(mais de 400.000 hab.) e não em campo aberto.As dificuldades de avançar nas cidades povoadas são enormes e as perdas são colossais.Eu li em sites que fazem a propaganda do regime sírio dizendo que eles já perderam mais… Read more »

Wellington Góes
Visitante
Wellington Góes

Penso igual. Vale dizer que a eficácia do ataque se deu, muito, pelo elevado número de mísseis lançados, ou seja, com um ataque massivo, qualquer DAAe teria sérios problemas e muitos mísseis com certeza acertariam seus alvos.

carcara_br
Visitante
carcara_br

(Rcs de 0.001 m2) 0 x 1 sistemas de defesa
Pra quem acredita na infalibilidade da tecnologia stealth, e nos pronunciamentos de militares americanos está ai, novamente….

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

Para quem acredita nas alegações dos sírios e dos russos, especialmente quanto aos “71 mísseis derrubados” até fusca batido vira destroço de Tomahawk ou JASSM.

Bruno V. Campestrini
Visitante
Bruno V. Campestrini

Qual a sua fonte para afirmar que o Tomahawk tem um RCS de 0.001 m2? Pq até onde eu sei o RCS delé é 0.5. E o scalp pelo que entendi não foi abatido, simplesmente não explodiu.

carcara_br
Visitante
carcara_br

Você ao menos se deu ao trabalho de olhar as fotos colocadas na matéria? então olhe, porque a “lataria” de um está cheio de marcas de perfuração muito semelhantes aquelas encontradas no voo da Malaysia….

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

Aquelas mossas nos destroços podem ter sido produzidas por qualquer outra forma. Afirmar que “são semelhantes às do avião da Malaysian” é mero achismo…

carcara_br
Visitante
carcara_br

Vamos combinar que Tudo é achismo então, mas que eu achei parecido achei….

Andi
Visitante
Andi

Preparando a pipoca, que o coping comece.

Helio Rduardo
Visitante
Helio Rduardo

Ok, vamos trabalhar com este score, assumindo-o como verdade (muita coisa ainda vai aparecer, estamos no meio da guerra de propaganda): 22 acertos para 105 lançamentos. Pergunto aos amigos que possuem conhecimentos avançados se este número é bom ou ruim. Eu acho bom, ainda mais que: a) a Siria possui boas defesas antiaéreas b) o ataque era anunciado c) a posição dos atacantes podia ser estimada com razoável precisão d) até mesmo a hora e rota dos atacantes deve ter sido anunciada, para evitar atritos com a Rússia. Considerando isso, acertar 22 de 105 mísseis de cruzeiro contra alvos em… Read more »

Claudiney
Visitante
Claudiney

Helio, se fosse verdade seria um resultado péssimo. Na minha opinião, nem os russos/sírios derrubaram tantos misseis, nem os americanos lançaram tudo isso. Veja por exemplo a foto aérea aproximada de Barzeh destruída. Alegadamente foram mais de 70 misseis que atingiram o local. 10 dariam conta. Compare com o vídeo da destruição de uma construção realizada com um único míssil da FA Iraquiana contra o ISIS na Síria.

MateusPeruibe
Visitante
MateusPeruibe

Não sou especialista, mas tem na bancada 4 ou 5 motores, e aparentemente perfurações provocadas de fora para dentro em partes de fuselagens , mas as primeiras noticias do lado Russo falam em números mais altos que 70 abates, faltam mais de 60 motores além dos misseis capturados intactos…
Por hora me parece surpreendente os abates, mas aceitável de mais de 100 perder até uns 8 a 10, alguns por falha e outros abatidos.

Augusto L
Visitante
Augusto L

Russos e seus Fake News, tão atualizando seus modos de fabricação de mentiras.
Isso é uma tecnologia que a Russia esta anos luz a frente d qualquer pais, rsrsrs.

ODST
Visitante
ODST

A Rússia mente, mas não chega aos pés do EUA, fabricação de mentiras é com eles mesmo; tivemos a guerra do Vietnam, onde o Washington mentiu que teria sido atacado primeiro só para poder iniciar a guerra, depois tivemos a invasão do Iraque, com a alegação falsa de que eles possuíam bombas atômicas e armas químicas (familiar?), a tentativa de acobertar a venda de armas para o Irã em 1985 (mesmo sofrendo embargos), a mentira sobre o massacre de 800 aldeões salvadorenhos em El Mozote, entre tantas outras. Esses caras sim são mestres da mentira, não da para acreditar em… Read more »

Quatzy
Visitante
Quatzy

O sistema anti antiaéreo Sírio é tão eficiente que Israel não invade mais o espaço aéreo Sírio pra atacar o país. Agora usa o espaço aéreo do Líbano pra lançar ataque.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

O sistema anti-aéreo da Síria não impede os israelenses de atacarem o país e uso do espaço aéreo libanês é apenas uma das possibilidades. E embora síria e iranianos continuem bravateando que derrubam os mísseis israelenses os alvos continuam sendo destruídos. E o espaço aéreo sírio violado.

BILL27
Visitante
BILL27

Agora falta mostrar os 2 misseis intactos .
Pelo visto as baterias são muito boas ,pois derrubaramo Tomahawk e o sCALP

Bosco
Visitante
Bosco

Esses são os mísseis intactos?
Pessoal, esses fragmentos e até o núcleo de turbinas podem ser recuperados de todos, repito…
“TODOS” os mísseis lançados, que são 105.

Bosco
Visitante
Bosco

Que mísseis cruise podem ser interceptados e dão defeito todo mundo tá careca de saber. O que está em questão aqui é a alegação que os sírios interceptaram 70% dos mísseis lançados e esses fragmentos não corroboram em nada essa afirmação.

Mauro 76
Visitante
Mauro 76

Bosco , te considero o melhor comentarista de defesa desses sites de defesas ! Fico ate curioso como vc tem tanta informaçao sobre varios sistemas de guerra . Mas acho que vc nao pode acertar sempre , e isso nao te deixa menor em errar alguma previsão! Os melhores do mundo erram, e ganham fortunas para errar ate conseguir o objetivo para qual sao pagos ! Eu acho que esses oficiais russos nao iriam passar um ridículo mostrando o que vc fala como não sendo nada! Se mostraram tais destroços e porque querem mandar um recadobque eles agoram tem algo… Read more »

Bosco
Visitante
Bosco

Mauro, O que acho é que mostrar destroços de mísseis não prova que eles foram derrubados já que esses mesmos destroços sobram quando o míssil cai sozinho ou quando cumpre a sua missão explodindo contra o alvo. E mostrar pedaços de células de mísseis com marcas de “estilhaços” também não é prova cabal de nada já que inclusive podem ser facilmente forjadas. Pra mim, uma prova convincente de que mísseis caíram ou foram derrubados é a ogiva intacta. E se foram 71 mísseis derrubados há pelo menos 71 ogivas para serem mostradas. Simples assim! https://www.youtube.com/watch?v=XBvlm9rZmF0 É fácil de ver por… Read more »

Bosco
Visitante
Bosco

Mauro, A doutrinação comunista deixou a Rússia mas a Rússia não deixou a doutrinação comunista. Os métodos são os mesmos independente de hoje a Rússia não ser comunista. Os militares russos falam pra militância espalhada pelo mundo e não estão nem aí se serão acreditados ou não. A Rússia sabe que a “esquerda” mundial é antiocidental e vê ela como um bastião contra o imperialismo e um bolsão de honestidade e de virtudes e eles (os russos) têm que abastecer sua militância e os neófitos com notícias para não deixar a moral baixar e a peteca cair. Os russos e… Read more »

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

Só uma pequena correção mestre Bosco! O sentimento antiocidental (na verdade mais anti-EUA)embora muito associado às esquerdas, não está a elas restrito visto que também viceja com força na extrema-direita. Vide a malfadada Marine Le Pen.

Jefferson Ferreira
Visitante
Jefferson Ferreira

Nenhuma noticia de uma única fonte deve ser tomada como verdade absoluta! Posto isto, é evidente que a defesa AA Síria teve algum êxito na defesa do ataque da coalizão. Seja por méritos próprios, seja pelo ataque, ao meu ponto de ver, atabalhoado da coalizão, seja pelo anuncio prévio e consequentemente aviso aos russos, o conjunto desses fatores resultou em um número elevado de mísseis perdidos/abatidos! Se o número é esse divulgado difícil saber e nunca saberemos, mas que de fato houve um aumento na eficiência das defesas Sírias isso é notável. Desde do abate do F16 israelense.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

Desculpa Jefferson mas o abate do F-16 se deveu a um erro da tripulação e não à suposta eficiência das defesas sírias.

Jefferson Ferreira
Visitante
Jefferson Ferreira

Exatamente o que vem a corrobora a minha afirmação, uma vez que uma falha dos pilotos foi o suficientes para defesa AA deles abaterem o caça, o que antes era um espaço aéreo desprotegido e que permitia determinas atitudes desleixadas e/ou menos organizadas por parte do atacante hoje já não é mais possível.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

Jefferson, as defesas AA sírias sempre existiram e sempre falharam (e falham) em neutralizar os ataques aéreos israelenses. Como eu disse o que proporcionou o abate do F-16 foi a falha da tripulação do avião e não a eficiência deles. Fossem eles eficientes mesmo as tripulações israelenses sem cometer falhas haveriam abates.

ODST
Visitante
ODST

HMS TIRELESS

Para que um acerte, ou outro tem que errar primeiro, foi um erro dos pilotos e um acerto da defesa Siria, não tente desmerecer o trabalho feito pela AA dos caras, daquela vez houve ineficiência por parte de Israel e eficiência Siria, só aceita, dói menos.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

Não é desmerecer mas sim apontar os fatos! A AA síria demorou 36 longos anos para conseguir alvejar outra aeronave israelense, em um episódio onde a tripulação cometeu o erro (crasso a meu ver) de ignorar o alerta de aproximação de mísseis. E não existe essa de para um acerte o outro tem que errar, uma AA eficiente consegue acertar mesmo que do outro lado se faça tudo certo como inúmeras vezes vimos ao longo da história. E tanto foi um evento isolado que depois do mesmo houveram outros ataques israelenses em território sírio que restaram impunes.

rgdl
Visitante
rgdl

ODST, desculpe discordar mas não é necessário um erro do piloto para que um AA o acerte, desde que esse AA seja realmente efetivo contra a ameaça que pretende abater, ou seja, o piloto não tem o que fazer quando um míssil contra o qual seu equipamento não tem defesa está vindo contra ele, nesse caso o abate será apenas uma questão de tempo.

Alex Nogueira
Visitante
Alex Nogueira

Bom, opinião de leigo, de todo modo, muitas desses fragmentos (partes da turbina dos mísseis, etc) iriam aparecer, explodindo ou não.

Os buracos causados pelos fragmentos dos explosivos das defesas antiaéreas não significa 100% que o míssil americano/inglês/francês foi anulado.

De todo modo as alegações do Trump de que todos mísseis atingiram os alvos de fato foi por água abaixo.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

“De todo modo as alegações do Trump de que todos mísseis atingiram os alvos de fato foi por água abaixo.”

Ou não!

Alex Nogueira
Visitante
Alex Nogueira

Verdade, pode ter acertado e não explodido xD!

Bosco
Visitante
Bosco

A turbina tá diametralmente oposta à ogiva e tirando a própria ogiva é estrutura mais resistente do míssil. Nada demais que partes dela “sobrevivam” ao impacto e à posterior detonação da ogiva.
As ogivas intactas seriam uma melhor evidência de mísseis interceptados tendo em vista que não seria comum 71 espoletas falharem e em sendo interceptado a ogiva “sobrevive” intacta, salvo nos casos de haver um impacto direto do míssil ou do projétil de canhão, o que não seria comum.

Mateus von Marchi
Visitante
Mateus von Marchi

Copiar a tecnologia norteamericana, até a China faz. Só mostra a inferioridade tecnológica e de inovação perante seus inimigos.

Mateus von Marchi
Visitante
Mateus von Marchi

Pelo que dá para ver, não abateram mais de dez mísseis. Se fosse guerra total, com certeza seriam imobilizados (infraestruturas, fábricas, bases, etc).

Anderson
Visitante
Anderson

Entre Americanos e Russos, acho que os últimos mentem muito mais! É claro que os dois lados nunca falarão a verdade. Talvez nunca se saiba qual o percentual de acertos, mas todavia é crescente um atrito entre os Russos e os EUA, visto que na Europa Ocidental não disponta nenhuma outra liderança que possa substituir os americanos. Acho que muito do material exposto pelos Russos, são apenas os destroços dos mísseis, difícil terem interceptado.

PauloR
Visitante
PauloR

Ate uns dias atrás os fanboys diziam que as declarações de que misseis foram abatidos não passavam de fakenews porque os russos/sírios não apresentavam fotos e nem as partes dos misseis abatidos, agora os russos/sírios provam que abateram os misseis e os fanboys dizem que e fakenews. Que povinho difícil de agradar viu… Sera que o saco dói quando se deparam com a verdade??

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

Pedaços dos mísseis podem tranquilamente ter sido removidos dos destroços e apresentados como “derrubados”…..

Pior que os tais “fanboys” são os antiamericanos de plantão, que acreditam em qualquer bobagem oriunda de um regime ditatorial como o russo é verdade absoluta…

Fabiano WVJ
Visitante
Fabiano WVJ

‘Ditatorial’ não procede.
Pergunta pra um russo se eles querem outro presidente.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

E desde quando a existência de eleições, isoladamente consideradas, é indicativo de democracia? O conceito de democracia vai muito além disso e passa por alternância de poder, liberdade de imprensa, existência de três poderes independentes entre si e o sistema de freios e contrapesos a garantir a harmonia entre os poderes, para ficar nas características mais básicas.

E nada disso existe na Rússia……

Bosco
Visitante
Bosco

Então a Arábia Saudita também não é uma ditadura.
E o que deve ser questionado acerca da democracia russa não é se os russos gostam ou não do Putin, mas sim a fragilidade das instituições russas em prover uma saudável e bem vinda alternância de poder tendo em vista que não há, numa democracia, cidadãos privilegiados ou acima da lei ou absolutamente honestos e justos, em detrimento de outros.
A alternância de poder em verdadeiras democracias tem de ter caráter obrigatório.

Jota
Visitante
Jota

Pessoal , experimenta fazer oposição à qualquer ato de governo, QUALQUER, na Rússia, em Cuba, na China, Arábia saudita, Irã, Egito, etc.
Você serás gentilmente convidado a se retirar do recenseamento.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

Agora vou fazer coro com o Bosco: Cadê os dois mísseis “intactos”?

Bosco
Visitante
Bosco

Os loucos com certeza tomaram conta do hospício. Certamente o Trump mentiu a respeito do tamanho do pipiu dele e o ataque foi muito menor do que o que ele alegou. Aí, os sírios e russos inventam de mentir encima da mentira do Trump e a coisa fica mais cabulosa. Nunca que lançaram 105 mísseis, provavelmente não foram mais que 30 e aí é impossível interceptar 71. Como ninguém diz a verdade cada um vai se enrolando cada vez mais nos cabelos das pernas. Tá ficando feio. O Trump pelo menos dá um de “miguê” e finge que não foi… Read more »

Saldanha da Gama
Visitante
Saldanha da Gama

Concordo plenamente, acho que falta-nos saber o tamanho da mentira que cada um vomitou, alegando sua superioridade! Abraços st4

Baschera
Visitante
Baschera

Mas não foram os sirios que usam suas AA…o que os russos tem que vir dar explicações ? Claro…de “sirio” lá só tem o nome. E mostrar resto de míssil calcinado não prova nada, é diferente de um avião que se tenta provar ter ou não sido abatido.

Sds.

Fabiano WVJ
Visitante
Fabiano WVJ

Se os EUA não acreditassem nas defesas sírias não teriam desperdiçado tantos milhões pra acertar tão poucos alvos.
A questão é se seriam os sistemas antigos como informados.
Os russos já deram muitas provas do que são capazes em matéria de mísseis, sendo o principal vetor militar deles.

Rodrigo M
Visitante
Rodrigo M

Não estou em nenhuma das torcidas que degladiam-se aqui.
Não sou especialista em analisar fotos de restos de mísseis rsrs..
Mas não seria muito fácil sair catando destroços, atirar neles, e depois expor como se tivessem sido atingidos?
Mas por outro lado também não acredito que mísseis americanos, britânicos, franceses, russos etc…etc.. Sejam infalíveis.
É como disse Ésquilo: “Na Guerra a verdade é a primeira vítima”
Cada qual vai contar sua própria versão dos fatos.

ADRIANO M.
Visitante
ADRIANO M.

“Sim, são! As defesas sirias da epoca da guerra fria não tem capacidade de abater misseis d cruzeiro.
Tomahawks já passaram por Iraque, Libia, Balcãs e nunca foram interceptados”.
[Augusto L 25 de Abril de 2018 at 11:25]

Podem ter havido alguma modernização Augusto ! Será que os sistemas sírios eram semelhante aos de Saddan Hussein,Khaddaffi ou de aliados balcânicos? Levando em consideração a importância da Síria no mediterrâneo?

E a demais,concordo com Tireless e Bosco : Onde estão as imagens?!

imagem do momento em que os tomahawks por problemas técnicos caem “planando”,tem?! fotos do míssil no solo sírio,tem?!

Jakson de Almeida
Visitante
Jakson de Almeida

Esses são os misseis intactos que os sírios capturaram?Dizer o que da “sputinice” dos russos.

Mark
Visitante
Mark

Me lembrei daquela famosa nota de 3 reais.

Mark
Visitante
Mark

Eles recuperaram parte de alguns decoys, sobras de alguns misseis e apresentam como prova de alguma coisa. É patético mesmo.

Edmilson Sanches
Visitante
Edmilson Sanches

Torcedores,quando alguém assume simpatia por um lado ou por uma ideologia,seus comentários deixar de ser isentos e passam a se parecer com briga de torcida para saber qual time é o melhor.Engraçado que tem tanto especialistas em mísseis aqui no Brasil e não conseguimos ainda desenvolver um VLS.

Mark
Visitante
Mark

Se está precisando de especialista em mísseis, sugiro que vá a outro lugar procurar, pois aqui muitos comentam suas impressões baseados nos mais variados níveis de conhecimento dos participantes. Você é do RH de qual empresa da área mesmo?

Edmilson Sanches
Visitante
Edmilson Sanches

Sócio da empresa ASA Aeronáutica de Uberlândia.

Luís Henrique
Visitante
Luís Henrique

HAHAHAHAHAAHHAHAAHAHAH

Alguns colegas tiram sarro dos chamados ‘russófilos’,
mas não enxergam a PIADA que é ler alguns comentários.

Pediram que os russos apresentassem provas.
As provas foram mostradas.
Agora, sem base nenhuma, as provas são desqualificadas.

E a lógica nem é analisada.
Imaginar que de um lado existe inteligência, ajuda extraterrestre e do outro lado existe burrice e incompetência generalizada, é o primeiro sinal de quem TOMA LADO.
E imaginar que são necessários 105 mísseis para destruir 3 alvos, relativamente pequenos, também.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

Que “provas” foram mostradas? Alguns fragmentos de mísseis (ou mesmo de decoys, vai saber) que podem muito bem ter sido retirados dos escombros dos alvos destruídos? Sinto muito mas isso não prova absolutamente nada…..

Nickless
Visitante
Nickless

Que provas? pedaços destruídos não provam absolutamente nada. Onde estão os misses intactos que foram capturados?

Bosco
Visitante
Bosco

Eu fico de cara em ver tanta gente aparentemente com inteligência acima da média (só o fato de interessar pelo tema já demonstra que o indivíduo não é completo imbecil já que vê além do seu mundinho minúsculo), dominando o português básico, com facilidade de expressão… considerar esses fragmentos de mísseis prova de que mísseis foram interceptados. Ora! Queriam que sobrassem o que depois de um míssil explodir contra um alvo??? Um unicórnio dourado???
E eu particularmente acredito que muitos tenham dado defeito e ficado pelo caminho e até acredito que alguns possam mesmo ter sido interceptados.

Wagner
Visitante
Wagner

Bosco 25 de Abril de 2018 at 13:39
“Eu fico de cara em ver tanta gente aparentemente com inteligência acima da média (só o fato de interessar pelo tema já demonstra que o indivíduo não é completo imbecil já que vê além do seu mundinho minúsculo), dominando o português básico, com facilidade de expressão…”

Pura jactância.

Luís Henrique
Visitante
Luís Henrique

Quem apela mais, os ‘russófilos’ ou os ‘AMERICANÓFILOS’ ???
HAHAHAHA

MGNVS
Visitante
MGNVS

E venho ler os comentarios so pra rir.
So q atualmente eu rio muito mais dos AMERICANOFILOS do que dos russofilos… hahahahahaha… os russofilos acreditam em contos do Sputinik… sao meio ingenuos… mas os AMERICANOFILOS? … esses sao ridiculos… pq nao conseguem ver o qnto sao totalmente sem nocao.

Bosco
Visitante
Bosco

Mais um russófilo disfarçado com vergonha de sair do armário. Vai meu caro, desabrocha… solta a franga. rsrssss

MGNVS
Visitante
MGNVS

E quem é vc mesmo?
Ah…. vc é so mais um sem nocao que me faz rir muito aqui… hahahaha… eu disse, os russofilos sao ingenuos pq acreditam em noticias do Sputinik… mais o AMERICANOFILO ali é bem pior pq nao tem senso de ridiculo.

Igual eu disse .. eu rio muito aqui dessa briga USA x RUSSIA.

HAHAHAHAHA

tomcat3.7
Visitante
tomcat3.7

O post da discórdia parte II !!!kkkkkkkkkkkkkkkk

Cleber
Visitante
Cleber

Duas certezas: 1) Quem acredita que a Rússia é obsoleta na tecnologia de misseis ou não quer ver a realidade ou não entende sobre o que fala. Como um país que teve a tecnologia para colocar o primeiro satélite em orbita há décadas, pode ser considerado “fraco” na área em questão? Não são os próprios americanos a usarem um ônibus espacial russo para levar seus astronautas ao espaço? 2) Enquanto os americanos investiram rios de dinheiro em caças, tanques e outras armas de ataque, os russos investiram em armas defensivas sem análogos no cenário mundial. O que é mais caro:… Read more »

MateusPeruibe
Visitante
MateusPeruibe

Cleber, sem querer ser chato, mas você começa errando com certezas absolutas. 1) Quem fez tudo o que você descreveu foi a União Soviética em uma outra realidade geopolítica global, os russos não tem ônibus espacial, eles tem nave espacial (Soyus), ônibus espacial construído pela União Soviética foi o Buran, e nunca passou dos testes preliminares lá nos anos 80. Nunca li alguém falando que os misseis Russos são ruins, O que dizem é que os desses países geralmente atacados pela Otan são de versões antigas e operados por gente mal treinada, efetivamente não ocorreu ainda um confronto direto de… Read more »

Fabiano WVJ
Visitante
Fabiano WVJ
Carlos
Visitante
Carlos

Putz!! “Lockheed Martin para desenvolver um míssil hipersônico”
Essa empresa está em todas!

Bosco
Visitante
Bosco

Carlos, Dos países envolvidos com a tecnologia hipersônica (basicamente constituida pela propulsão scramjet e pelos veículos planadores hipersônicos – HGV) os EUA é o único que mostra os testes, inclusive em tempo real. Quiser ver alguns tá no youtube. Todos os outros apenas divulgam seus avanços e temos que acreditar na veracidade de suas informações. Em relação à tecnologia hipersônica desenvolvida nos EUA há altos e baixos, com notícias favoráveis e algumas notícias relatando contratempos. Algo de concreto só deve emergir daqui uns 5 anos. Já em relação a russos e chineses está tudo às mil maravilhas e pelo que… Read more »

Fabiano WVJ
Visitante
Fabiano WVJ

Pouco acontece no espaço aéreo sem que o tio Sam esteja ciente.
“We’ve watched them test those capabilities.”
https://www.cnbc.com/2018/03/20/china-and-russia-aggressively-are-pursuing-hypersonic-weapons-general.html

Saldanha da Gama
Visitante
Saldanha da Gama

Pipoca pronta e a pepsi twist gelada, lendo com prazer inenarrável se é mentira ou não!!!! st4

Jota
Visitante
Jota

A noticia inicial , há alguns dias atrás era:
“De acordo com a agência de notícias TASS, que afirma citar uma fonte no Ministério da Defesa da Síria, o Exército Sírio entregou dois mísseis de cruzeiro americanos intactos aos militares russos.”
OK.
Então tem que mostrar os mísseis INTACTOS , como fizeram os Iranianos com aquele drone.
Cadê?

Sérgio Luís
Visitante
Sérgio Luís

Bom o raciocínio é esse!
Andei lendo por aí que!!
Esses mísseis que o Trump disse que eram “legais” etc e tal tem o mesmo revestimento “pseudo furtivo” do F-35!
Sabemos que esses mísseis tem uma assinatura muiiito menor que o F-35 e sabemos também que a maioria desses mísseis foram abatidos pelo simplista e não menos eficaz S-200!
Fico aqui imaginando se o grandioso F-35 der as caras na Síria!
Vamos aguardar não é!?!?

Bosco
Visitante
Bosco

Sergio, Não necessariamente um míssil cruise furtivo, no caso, o JASSM, tem RCS menor que o F-35 não. Se tem uma coisa que a tecnologia stealth demonstrou é que tamanho não tem nada a ver com o RCS. Mas mesmo que tenha, a possibilidade de um míssil cruise ser interceptado é maior que a de um F-35 já que o míssil converge em direção ao alvo e se choca com ele, se tornando um alvo para as defesas de ponto. O caça não faz isso e sim lança suas armas a partir de uma distância segura, não se expondo às… Read more »

Sérgio Luis
Visitante
Sérgio Luis

Grande Bosco,
Sim esses dados tecnicos que vc diz eu não me atrevo a descordar!
Mas esse negocio de disparar armas em distâncias seguras torna o ataque geralmente ineficaz. E qual é essa distancia que vc diz ser segura??
Estão dizendo por ai que a russia liberou S-300 pra síria e isso significa 400km de alcance!
Eu não acho que israel tenha algo contundente que possa ser disparado fora do envelope de 400km!

ScudB
Visitante
ScudB

50-60km para qq coisa …
400 para coisa graaaande.

Sérgio Luís
Visitante
Sérgio Luís

Tipo F-35!!!

Lucas Senna
Visitante
Lucas Senna

Não, grande tipo o B-52. Nem no sonho mais molhado dos Russos eles conseguiriam interceptar um F-35 a 400 km, além do mais, o alcance não significa nada se você não consegue ver. Não dá pra acertar algo que não se sabe que está lá.

Luiz Konfidera
Visitante
Luiz Konfidera

Pelo que dizem um F-35 seria detectado entre 30-40 km do local emissor do radar (AWACS, radar no solo, navio). Misseis ar-ar BVR existem alguns com alcance superior a 100 km, alguns dizem chegam a 180 km no caso do Meteor. Então no combate ar-ar uma distância segura pode ser algo entre 50-100 km do alvo/radar. Como você deve ter reparado, os mísseis de cruzeiros (ar-solo e solo-solo (navio)) usados no ataque contra a Síria foram lançados de navios e aviões a distância bem segura, fora do alcance das defesas Sírias/Russas. O alcance desses misseis podem facilmente atingir os 1000… Read more »

jose luiz esposito
Visitante
jose luiz esposito

Colonizados e Torcedores do América ou TIO SATÃ sempre tentarão esconder os fatos , nunca houve ataque químico por parte de Assad e nem Armas Químicas na Síria , Tio Satã e seus Capachos vivem de mentiras e ilusões ,não vão ao banheiro sem fazerem propaganda enganosa !

Simioni
Visitante
Simioni

Que coisa mais chata isso.

No outro post, estavam exigindo provas do abate dos misseis. agora que está ai as imagens, fizeram até conferencia para mostrar o feito da defesa aérea Síria agora dizem que é fake. que é resto de fusca isso aquilo.

Acredito sim que abateram varios misseis,pode ser que seja os 60. pode ser que seja 6. mais os fatos estão ai.

Requena
Visitante
Requena

Como já foi dito, quando um míssel explode no alvo, várias peças do próprio míssil ficam espalhadas pelo local. Essas fotos aí não provam nada, qualquer milico raso de batalhão de artilharia sabe disso. Outro ponto destacado pelos colegas é o desespero dos russos em tentar provar que as “defesas aéreas da Síria” derrubaram mísseis americanos. Concordo com quem disse que o ataque pelo jeito causou um prejuízo financeiro violento na indústria militar russa. Só isso explica Moscou tentando provar o improvável. No dia da coletiva do ataque foi falado pelo general auxiliar do Mattis que alguns mísseis(2?) foram perdidos,… Read more »

PEDRO HENRIQUE PEREIRA SOARES
Visitante
PEDRO HENRIQUE PEREIRA SOARES

Está cada dia mais risível a crença do pessoal do site. Mais ou menos assim: Rússia: “Derrubamos um míssil” Comentaristas: “ fake News”, mostre as provas? Rússia: “ mostramos fotos”. Comentaristas: “ há mais, os destroços ficariam de qualquer jeito, isso não prova nada”. Rússia: “ mais tem furos feitos de fora para dentro”. Comentaristas: “ Foi fabricado”, ” nenhum míssil foi abatido”, “ impossível abater um tomahawk”. “Mostre as ogivas intactas”! Daqui a pouco mostra algumas é dizem que foi fabricada… difícil provar alguma coisa, não é? Conclusão Claro que não foi 70% , mas pelo jeito teve um… Read more »

Requena
Visitante
Requena

Correção: Kremlin

Corretor de celular às vezes mata a gente 😩

Ricardo
Visitante
Ricardo

Parece que os russos terão muita coisa para estudar.

Ivan
Visitante
Ivan

Baschera,
(25 de Abril de 2018 at 12:49)
.
Rsrss… 😉
Pois é!
Todo míssil de cruzeiro cai.
Assim sendo, todos deixam pecinhas espalhadas.
O problema é saber quais caíram nos alvos.
.
Forte abraço,
Ivan Ivanovich.

ScudB
Visitante
ScudB

Um certo e “energeticamente” falando impacto deixaria as marcas similares de acordo com apresentados.QQ tipo de explosão externa ou “simulada” causaria as linhas .. um pouco tortas.E/ou regulares. Estamos vendo (no mínimo os destroços de 20 mísseis diferentes (com numero de serie e etc) . Bom. Esta exposição não é para aereo.com.br … Esta é para acionistas de Raytheon:https://br.investing.com/equities/raytheon-co E os papeis picados deles estão em queda desde ataque burra , ridícula, Thrumpeada e fuleradamente inutil..Apesar de choro de “chapeuzinhos brancas” e dos sexualmente afixados com eles.Uma peninha, ne. Que tal de TODOS conferir os números de serie? Talvez ate… Read more »

Bruno W
Visitante

Se interceptaram 71 eu não sei …mas tem um video que mostra 3 sendo interceptado ,este video foi filmado em Damasco por um civil.. Mas os americanos disseram que todos os misseis acertaram os alvos ,(mentiram) meia hora depois do final do ataque este vídeo foi postado no Face.. Os Sírio falaram que derrubaram 71 mas não mostraram mais video… Detalhe se o sistema de defesa Russo e tão ruim assim ,por que Israel protesta tanto e ameaça ,para a Rússia não fornecer o S300 a Síria … Até ameaçar Assad de morte um tal ministro de Israel ameaçou… E… Read more »

Groo_SP
Visitante
Groo_SP
Jorge F
Visitante
Jorge F

Kkkkk… Não vale buscar os destroços no alvo….

Luiz Floriano Alves
Visitante
Luiz Floriano Alves

Queremos ver os misseis “intactos”. Caco não serve para provar nada. A motor de propulsão de um Tomahawk é muito resistente e foi fotografado bem arrebentado, na sua porção mais forte: rotor do compressor e eixo. Esse material pode ser produto de cata nos restos de uma explosão. Agora que é possivel interceptar um Tomahawk, lá isso é. No conflito das Malvinas um Sea Wolf interceptou, automáticamente, até uma granada de artilharia.