Home Aviação Comercial Embraer entrega E-Jet número 1.400 para a American Airlines

Embraer entrega E-Jet número 1.400 para a American Airlines

2223
13
E175 da American Airlines

São José dos Campos, Brasil, 6 de dezembro de 2017 – A Embraer celebrou a entrega do E-Jet número 1.400, um modelo E175, durante cerimônia realizada na unidade da Empresa em São José dos Campos. A American Airlines recebeu a aeronave comemorativa e escolheu para operá-la a Envoy Air, subsidiária integral do American Airlines Group Inc.

A American Airlines é cliente da Embraer há mais de 20 anos e a Envoy é um dos primeiros operadores da família ERJ, com mais de 100 jatos destes modelos na sua frota. Considerando os pedidos de E-Jets realizados em 2013 e 2017, a American Airlines já encomendou 74 aeronaves do modelo E175, sendo que 54 deles serão operados pela Envoy. A entrega de hoje representa o E175 número 44 da Envoy.

“O programa de E-Jets, um dos mais bem-sucedidos programas aeronáuticos da história, tem sido fundamental em moldar o mercado de jatos de 70 a 130 assentos como o conhecemos hoje. Celebrar a entrega do 1.400º E-Jet com nossos parceiros de longa data, American Airlines e Envoy, é realmente um momento único para nós, especialmente depois de apenas dois anos da entrega do primeiro E175”, disse John Slattery, Presidente & CEO da Embraer Aviação Comercial. “Entendemos que fazer parte da frota de uma companhia é também fazer parte de sua visão, família e marca. É por isso que, como líder de mercado no segmento, estamos comprometidos em elevar constantemente o padrão com objetivo principal de fornecer produtos e soluções que beneficiem os passageiros.”

“Ao adquirir nossos primeiros jatos, em 1998, a Envoy construiu uma longa e muito bem-sucedida parceria com a Embraer”, afirma Pedro Fábregas, Presidente & CEO da Envoy Air. “A Embraer tem grande orgulho das aeronaves que produz e isso é transmitido na qualidade do E175 entregue hoje. Nossos funcionários adoram operar a aeronave tanto quanto nossos clientes gostam de viajar nelas, por isso, estamos muito satisfeitos por participar desse momento histórico. Vamos receber mais dez jatos E175 muito em breve e poder operá-los ainda por muito tempo.”

A família de E-Jets, lançada em 1999, tem deixado sua marca na história da aviação, uma vez que a Embraer é a única fabricante a desenvolver um portfólio moderno de quatro aeronaves direcionado especificamente para o segmento de 70 a 130 assentos.

Com uma taxa média de voos concluídos de 99,9% e mais de 16 milhões de ciclos de voo, a frota de E-Jets superou a marca de 22 milhões de horas voadas. Além da confiabilidade comprovada, os E-Jets contam com uma rede global de atendimento ao cliente estrategicamente localizada e mais de 40 centros de serviços (MRO, na sigla em inglês), sendo nove autorizados e 31 independentes.

Desde que entrou em operação, em 2004, quando a primeira aeronave foi entregue à LOT Polish Airlines, da Polônia, a família de E-Jets já recebeu mais de 1.800 pedidos firmes e entregou 1.400 aviões. Atualmente, os E-Jets voam nas frotas de 70 clientes em 50 países. Essa versátil família de jatos de 70 a 130 assentos já transportou mais de um bilhão de passageiros operando nas cores de companhias aéreas de baixo custo, regionais e de linhas aéreas principais.

Sobre a Embraer

Empresa global com sede no Brasil, a Embraer atua nos segmentos de Aviação Comercial, Aviação Executiva, Defesa & Segurança e Aviação Agrícola. A empresa projeta, desenvolve, fabrica e comercializa aeronaves e sistemas, além de fornecer suporte e serviços de pós-venda.

Desde que foi fundada, em 1969, a Embraer já entregou mais de 8 mil aeronaves. Em média, a cada 10 segundos uma aeronave fabricada pela Embraer decola de algum lugar do mundo, transportando anualmente mais de 145 milhões de passageiros.

A Embraer é líder na fabricação de jatos comerciais de até 150 assentos e a principal exportadora de bens de alto valor agregado do Brasil. A empresa mantém unidades industriais, escritórios, centros de serviço e de distribuição de peças, entre outras atividades, nas Américas, África, Ásia e Europa.

DIVULGAÇÃO: Embraer

13
Deixe um comentário

avatar
13 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
10 Comment authors
SilvaJoao Moita JrLucas HenriqueBrunoRinaldo Nery Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
MATHEUS
Visitante
MATHEUS

Esse avião é um sucesso. PR-ZEY voltando dos EUA, antes fez uma parada no México e foi apresentado pra Aero mexico ontem. https://www.flightradar24.com/PRZEY/fc0f64b

sergio ribamar ferreira
Visitante
sergio ribamar ferreira

Parabéns Embraer.

RicardoFerreomodelismo
Visitante
RicardoFerreomodelismo

Da nossa triste realidade que estamos vivendo poderia falar qualquer coisa.
Mas prefiro falar da Embraer.
Porque aí meu coração é só alegria …
Parabéns a todos !!!

Wagner
Visitante
Wagner

EMBRAER: O Brasil que dá certo!

Jeferson
Visitante
Jeferson

Off Topic …galera sou de mato grosso, estarei em Natal semana que vem…haveria alguma chance de visita a base aérea ? Sou civil mas tenho acompanhado por aqui e outros meios as novidades de nossas forças armadas … A galera graduada no assunto já adianto minhas escusas a pergunta …

Rinaldo Nery
Visitante
Rinaldo Nery

Ligue na Seção de Comunicação Social da Ala. Não se chama mais Base Aérea.

Jeferson
Visitante
Jeferson

Obrigado …

Bruno
Visitante
Bruno

Esses E-jets da Embraer são muito bonitos, se tem algo que eu gosto é aeronave com design agressivo, não aqueles Airbus das janelinhas e bico arredondados.
Esses americano malvadu, parem de comprar nossos aviões! ¬¬

Lucas Henrique
Visitante
Lucas Henrique

Impressionante! A Embraer é um orgulho para Brasil.

Joao Moita Jr
Visitante
Joao Moita Jr

Congrats, Embraer!!!

Silva
Visitante
Silva

1.400 E-JETS!!!!!!!!!!!!!!!! Embraer, competência e qualidade indiscutíveis!

Rinaldo Nery
Visitante
Rinaldo Nery

Três anos e meio voando E-JETS. É um bom avião. O E2 vai trazer muitas melhorias, sanando algumas deficiências do E1.

MATHEUS
Visitante
MATHEUS

Será que o E175 E2 voa no ano que vem? Talvez não, já que mudaram o ano em que ele vai entrar em serviço. De 2020 pra 2021.