Home Aviação de Ataque Força Aérea Colombiana prepara-se para o Red Flag 2018

Força Aérea Colombiana prepara-se para o Red Flag 2018

6662
51
Jatos Kfir da Colômbia no exercício Red Flag, em 2012

Para continuar a fortalecer as capacidades operacionais dos esquadrões de combate e melhorar a execução tática e técnica em ambientes operacionais atuais e futuros, foi realizado o terceiro exercício operacional LFE (Large Force Employment), desenvolvido no Comando Aéreo de Combate No. 1, que incluiu a participação dos Comandos Aéreos de Combate No.1, 2, 3, CATAM e Jefatura de Operaciones Aéreas.

Dentro das missões programadas na LFE, que incluem voos diurnos e noturnos, foi possível consolidar os conhecimentos adquiridos pela Força Aérea Colombiana em exercícios internacionais anteriores.

Nesta ocasião, mais de 25 aeronaves participaram de operações de combate aéreo e simularam ataques estratégicos ao mesmo tempo, em um espaço aéreo comum, usando uma fraseologia padronizada da OTAN.

A exigência deste tipo de exercícios permite que a Força Aérea da Colômbia interaja com diferentes meios e missões, fortalecendo as técnicas e táticas do uso do poder aéreo em diferentes cenários.

Durante o desenvolvimento de todos os eventos, as missões foram supervisionadas e avaliadas pela Força Aérea da Colômbia como mais um dos exercicios anteriores de treinamento rigoroso a fim de garantir a participação da Colômbia, representada pelo poder aéreo da FAC, no exercício internacional Red Flag, a ser realizado em 2018.

FONTE: webinfomil.com/Comunicaciones Estratégicas – Comando Aéreo de Combate No.1

Subscribe
Notify of
guest
51 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Tiago Jeronimo ☠ (@TiagoJL)
2 anos atrás

Kfir vs F-5? Quem leva?

Leandro Costa
Leandro Costa
2 anos atrás

A gravidade…

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
2 anos atrás

No passado recente, a gravidade tem vencido mais os kfirs colombianos que os F-5 brasileiros.

Leandro Costa
Leandro Costa
2 anos atrás

Bem, se é no jogo de ‘resta um’ então acho que estamos na vantagem hehehehe. Ainda bem que os Gripen estão no cronograma. Gosto muito tanto dos F-5 quanto dos Kfir, mas eles já deram mais do que sua contribuição.

Gunter Vand
Gunter Vand
2 anos atrás

Combate miserável esse, parece briga de mendigos… Mas os Kfir são bonitos…

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
2 anos atrás

Briga de mendigos nada. São boas aeronaves, de projetos muito bem concebidos em suas épocas, e modernizadas deram um salto em suas capacidades.
.
Seria uma briga de cidadãos de terceira idade que mantém a boa forma, mas já deviam estar, de fato, passando o tempo debaixo da sombra jogando dominó e servindo de penico de pardal, no máximo disputando umas quedas de braço como segunda linha, e não como primeira. Mas ambos os países estão atentos e com programas de reequipamento. Um já encomendado, outro planejado.

Leandro Costa
Leandro Costa
2 anos atrás

Opa, vou dar uma pesquisada ali no botão de ‘busca’ sobre esse planejamento Colombiano. Nessa eu papei mosca.

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
2 anos atrás

Leandro, você não vai encontrar nada recente muito excitante, pois o planejamento existe há um bom tempo, mas os recursos por enquanto só permitem manter um esquadrão de Kfir mesmo.
.
F-16 foi bem cotado por um tempo, depois o Gripen ganhou força. Estudos e istem mas o dinheiro ainda é necessário em outras prioridades.

Matheus Ugraita
Matheus Ugraita
2 anos atrás

Seria legal quando a FAB tiver ao menos um esquadrão de F-39 em IOC já ir para o Red Flag…

Renan
Renan
2 anos atrás

Leandro
Parabéns excelente resposta
abraços

Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
2 anos atrás

Caso os Kfir irem, alguma unidade já estará com radar AESA ? Creio que não.
Adoraria nesse exercício o radar AESA com Derby ER, boa prova !

Galeão Cumbica
Galeão Cumbica
2 anos atrás

Nunao como são estas participações red flag!? São
por convite ou é só colocar o nome na lista?
Sds
GC

Brasil
2 anos atrás

F5 ganha mais quando os kfir colocarem os novos radares AESA aí fica difícil.

Adriano A.R.
Adriano A.R.
2 anos atrás

Leandro, “a gravidade” foi demais! rsrsrsrs…

DIEGO
DIEGO
2 anos atrás

Sempre quando vejo esses Kfir penso no OPALÃO do meu vizinho, motor retificado e painel de cristal e leds etc… muito barulhento, sou fã! O Brasil poderia ter convertido alguns MIRAGE IIIEBR em Kfir, daria gosto de ver.

Kobáμca
Kobáμca
2 anos atrás

Acho que foi o post que mais dei risada com os comentários!! Todos de boa, e curtindo uma zuera!!

Helano Moura
Helano Moura
2 anos atrás

todos so pensam no produto final a ponta do iceberg , pra se ter um caça eficiente tem que comprar um sistema inteiro , manutenção , treinamento , armas e custo beneficio sem isso e apenas um avião e pronto !!!

Helano Moura
Helano Moura
2 anos atrás

E….qualquer sistema e viável , desde que possa mante-lo !!!!

Fabio Jeffer
Fabio Jeffer
2 anos atrás

O Brasil não fica atras não.
Semana que vem a FAB começa no Rocinha Flag

Antonio de Sampaio
Antonio de Sampaio
2 anos atrás

Israel sabe como ganhar dinheiro. Sabem fazer isso como ninguém.

Angelo
2 anos atrás

Infelizmente o ” rocinha flag ” tem quase toda semana , e de vez em quando o ” esquadão agressor de lá ” traz muito prejuizo a sociedade.

sanney
sanney
2 anos atrás

Parece q li aqui nesse site q a colombia coloco o radar aesa nesses kfir. Nao sei qual ganharia esse combate nao se o F5 teve bons resultados num treinamento nos EUA devemos agora espera os resultados colombiano

Angelo
2 anos atrás

Os operadores do gripen não tem um treino internacional , então temos que criar o “SUPER TUCANO Flag “.

Angelo
2 anos atrás

La flota de aviones cazabombarderos Kfir COA de la Fuerza Aérea Colombiana ha potenciado sus capacidades de combate aéreo desde hace un par de meses, con la incorporación de modernos radares de barrido electrónico activo EL/M 2052 fabricados por la compañía israelí Elta Systems. Esta importante y estratégica adquisición pone a la la flota supersónica colombiana a la vanguardia tecnológica en latinoamérica, debido a que es la primera fuerza aérea que incorpora este tipo de avanzados sensores en sus aviones de combate. Los radares del tipo AESA (Active Electronically Scanned Array, por sus siglas en inglés) instalados en gran parte… Read more »

Angelo
2 anos atrás

Caças f35 enfrentam kfir em treinamento avançado.
http://www.webinfomil.com/2016/05/cazas-f-35-se-enfrentan-aviones-kfir-en.html
Se o f35 usar seus sensores o kfir nem chega perto.
Se o kfir chegar ganha na manobrabilidade.
É muito útil se os dois estiverem juntos o f35 como sensor avançado dando a posição do inimigo via datalink e o kfir vai só na boa com sua manobrabilidade.

Angelo
2 anos atrás

Estou postando demais o doberman não mordeu mas da a pouco os editores vem com a espingarda.Desculpe o excesso.

RicardoNB
RicardoNB
2 anos atrás

Kfir ganhar do F-35 na manobrabilidade ?

Humberto
Humberto
2 anos atrás

Galeão, não sou o Nunão..mas vamos lá. Os gringos convidam o pais sim, é um processo formal, o presidente ou o embaixador convida o seu par no Brasil ou alguém que represente o mesmo. MAS este tipo de coisa, não vem de supetão, é um processo de que vai se amadurecendo com o tempo, piloto para cá, para lá, grupos de oficiais, temporada de oficiais no outro pais e por ai vai. É importante salientar que quem faz o convite oficial é o pais e não as forças armadas, temos que lembrar que militares não deixam de ser um meio… Read more »

fabio jeffer
fabio jeffer
2 anos atrás

Ângelo
Cuidado que daqui a pouco um tal de hms tirelles , o senhor dos fatos, da verdade, da razão e que sabe tudo vai te dar uma alfinetada pra mostrar que é o bom

Gustavo
Gustavo
2 anos atrás

Kfir são tão capazes quanto os F-5M, acredito que os Kfir levem ligeira vantagem no dogfight e desvantagem além do alcance visual, devido ao pequeno rcs frontal do F-5.

Sidney
Sidney
2 anos atrás

Duas perguntas aos que mais conhecem detalhes desses aviões: 1- Esses Kfir colombianos (que são muito bonitos em minha opinião) seriam o topo da evolução dos Kfir de Israel? 2- Comparados ao Miragem 2000C que a FAB voava seriam de mesmo nível ou superio? Apenas uma observação adicional, na simulação de vôo da DCS (se é que á válido falar disso aqui) da qual participo muito, no dogfight o F-5E apesar de fechar curva bem mais que o M2000, sofre por ter menos potência e o M2000 levando o combate para a vertical o supera facilmente. No quesito perda e… Read more »

carcara_br
carcara_br
2 anos atrás

Sidney dá uma olhadinha na documentação do simulador, eles costumam utilizar dados do próprio fabricantes ou manuais da força aérea, se for este o caso tem alguma precisão sim…
Lembrando que os Deltas não se dão bem em baixas velocidades….

WFonseca
WFonseca
2 anos atrás

Fábio Jeffer – 28/10 – 11:43 Não tenho procuração para falar pelo HMS, mas enquanto leitor percebo que os comentários dele, corretos ou não, são sempre voltados para o assunto tópico. Já você é a segunda vez que respondo: agora, por fazer crítica pessoal ou por comentário sem nada a agregar (24/10 08:19 – “onde tem m… tem americano no meio”). O espaço é democrático mas se não puder contribuir com perguntas, esclarecimentos ou interação dentro do tópico melhor nem postar. O Poder Aéreo só é bom porque possui conteúdo se for para postar críticas pessoais (como estou fazendo) achismos… Read more »

Galeão Cumbica
Galeão Cumbica
2 anos atrás

Humberto. Muito obrigado pela explicação!

Sds
GC

Antonio de Sampaio
Antonio de Sampaio
2 anos atrás

Fora do contexto mas… o Legacy 500 IU-50 da FAB está dando várias voltas aqui por Congonhas, deve estar em voos de testes e certificação… seus rasantes e arremetidas na pista são impressionantes… se entrar no fligt agora dá pra ver.. está do lado esquerdo voando em círculos.. E550.

angelo
2 anos atrás

O E190 E2 voou bastante hoje de manhã em pleno sábado , sinceramente não tenho idéia se a EMBRAER trabalha aos sábados ou só está adiantando a certificação.Quanto a questão da manobrabilidade do kfir sobre f35 é uma opinião de entusiasta de aviação de caça não sou engenheiro.

Eu gosto dos comentários do hms tirelless pois independente de sua opinião sempre busca justifica-la.

Walfrido Strobel
2 anos atrás

Antonio de Sampaio 28 de outubro de 2017 at 14:00
A. S., o IU-50 da FAB está fazendo a atividade fim do Esq., Inspeção em voo.
. http://www.decea.gov.br/?i=unidades&p=geiv

Antonio de Sampaio
Antonio de Sampaio
2 anos atrás

Muito lindo esse Legacy… acabou de pousar neste exato momento….passou baixinho por aqui… voou muito…
Não é incomum esses aviões de testes voarem aos sábados.

Bavaria Lion
2 anos atrás

Sobre o combate hipotético, daria F-5 apesar de uma performance melhor do Kfir, simplesmente por causa do E-99. Ele faz o serviço de AWACS, voando fora da zona de conflito e mandando informações ao F-5 que engajariam cirurgicamente.

Esse fator faz a balança pesar pro brasil em toda a América do sul.

Sem AWACS nós perdemos pra quase todos… O F-5 não é apto para interceptar e fazer superioridade aérea.

Guizmo
Guizmo
2 anos atrás

Antonio de Sampaio, eu estava passando na Ruben Berta de carro, quando vi o Embraer fazendo uma passagem, muito rápido, pela cabeceira de Congonhas. Quase bati o carro. Estacionei no posto shell e entrei no Flightradar24 pra acompanhar tbm….

Antonio de Sampaio
Antonio de Sampaio
2 anos atrás

Guizmo 29 de outubro de 2017 at 5:37 Pois é, foi isso que me chamou atenção, eu estava em casa quando percebi que um avião tinha arremetido em Congonhas, mas percebi que não foi uma arremetida comum, foi em altíssima velocidade, resolvi entrar no fligt ver do que se tratava e era um Legacy do GEIV, percebi que ele já estava voando há um bom tempo, não ia publicar, mas quando notei que era um voo demorado, resolvi publicar para que alguém que mora em São Paulo pudesse observar, ele estava para o lado da zona norte, e eu estou… Read more »

Guizmo
Guizmo
2 anos atrás

Muito bacana seu relato, Antonio! Eu nasci e cresci em Higienopolis, pertinho do Centro, e em dias de boa visibilidade, também via da janela a Fumaça no Campo de Marte.

É o que nos resta! Caçar esses voos inusitados. O Flightradar24 foi um baita app para acompanhar a aviação, além do PA, é claro.

Ivanmc
Ivanmc
2 anos atrás

Isso aí é um frankstein não era bom nem quando foi novo.

Daniel
Daniel
2 anos atrás

Antonio Sampaio. Moro no Mandaqui, zn de Sampa, me considero privilegiado porque pra quem não sabe, o meu bairro fica perto do Campo de Marte e também rota das aeronaves que geralmente pousam na pista do lado oeste de Cumbica. Até 2015 eu ia no Domingo Aéreo no Campo de Marte. Fiquei muito desgostoso nos últimos anos que fui porque as aeronaves não saíram do solo. O evento se tornou muito mais publicitário. Ir em show aéreo pra ver aeronave no solo e assistir show de pagode ou sertanejo é o fim da picada. Pra não passar nervoso, e meio… Read more »

Walfrido Strobel
2 anos atrás

Daniel, que eu saiba o PAMA-SP faz a manutenção dos F-5M e fazia dos Mirage III e 2000, porém os aviões chegam e saem desmontados, não podem decolar e pousar no Campo de Marte.

Leonel Testa
Leonel Testa
2 anos atrás

Concordo com o Bavaria e com a modernizaçao dos E 99 entao os nossos MIKES teriam muita vantagem

Bavaria Lion
2 anos atrás

Bem, o Kfir foi o melhor vetor do oriente médio quando novo. Tanto pelo radar Elta 2001 (desempenho semelhante ao do F-16 da década de 70/80), quanto pela nova motorização (o monstro J79 no lugar do impotente snecma atar 9c). Ficou mais arisco de pilotar porque o centro de gravidade mudou, e, ficou narigudo por causa do radar, mas era e ainda é um vetor formidável. Bom interceptador e bom de superioridade aérea, tem peculiaridades no dogfight e é mach 2.

Não é ruim nem nos dias de hoje…

Flanker
Flanker
2 anos atrás

30 de outubro de 2017 at 9:02
Daniel, que eu saiba o PAMA-SP faz a manutenção dos F-5M e fazia dos Mirage III e 2000, porém os aviões chegam e saem desmontados, não podem decolar e pousar no Campo de Marte.

Walfrido, como o Daniel disse, ele mora perto do Campo de Marte e da aproximação oeste da pista de Cumbica. E os F-5M, quando chegam ou saem de revisão no PAMASP, eles vem voando, pousando em Cumbica, quando são embarcados em carretas para serem levados aos PAMASP.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
2 anos atrás

A participação na Red Flag é convite da USAF para a Força Aérea convidada. Não entra embaixador muito menos Presidente nesse processo. Por isso as Forças Aéreas possuem Adidos no exterior. Tem gente que não sabe (a maioria) pra que serve o adido aeronáutico: serve para tratar com a Força Aérea do País onde está acreditado. E o adido responde ao Estado-Maior da sua Força Aérea, no nosso caso, à Segunda Subchefia. E algumas coisas na Red Flag são PAGAS: REVO, armamento etc.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
2 anos atrás

dobermann….