Home Conflitos em andamento Segundo site russo, F-35 israelense foi danificado por mísseis sírios

Segundo site russo, F-35 israelense foi danificado por mísseis sírios

11691
203

Oficialmente a aeronave colidiu com um pássaro e conta do twitter da IDF menciona lançamentos de SAM contra aeronave da IDF-AF.

A rádio estatal israelense Kan noticiou ontem que uma das aeronaves F-35I da IDF-AF (Força Aérea Israelense) colidiu com pássaros duas semanas atrás durante um exercício de rotina. O informe também cita que não houve vítimas e a aeronave pousou em segurança.

A matéria da rádio informa também que em função dos danos sofridos é possível que o caça tenha perdido parte de suas capacidades furtivas e por este motivo a IAF-DF decidiu manter a aeronave em solo (“groundeada”) até que técnicos da Lockheed Martin (empresa que projetou e fabrica o F-35) avaliem as condições da aeronave.

Oficialmente a IDF-AF informou que duas avarias foram identificadas na fuselagem durante inspeção de rotina após a aeronave voltar de uma missão de rotina, quando colidiu com um pássaro. O avião teria condições de retornar à linha de voo em alguns dias.

Por outro lado o site russo South Front acredita que o avião tenha sido danificado por estilhaços lançados a partir de um míssil S-200 disparado por uma bateria antiaérea síria. O disparo realizado por uma bateria síria foi confirmado pelo twitter do Ministério da Defesa de Israel (abaixo), mas o mesmo não menciona o tipo de aeronave engajada nem mesmo que tenha atingido a mesma.

 

Subscribe
Notify of
guest
203 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Diogo de Araújo
3 anos atrás

Tá bom Cláudia, senta lá

Diogo de Araújo
3 anos atrás

Ainda falaram que os israelenses não postaram uma foto dos danos causados pela colisão com o pássaro (usando um pouco de ironia acredito)

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
3 anos atrás

O Southfront é sensacionalista e não merece crédito. Está no nível da Sputnik. Ademais são frequentes as notícias de “abates” de aeronaves israelenses por sistemas SAM sírios, notícias essas sem nenhum respaldo na realidade visto que até o presente momento jamais algum despojo de aeronave israelense foi mostrado pelo regime de Bachar Al Assad. E uma vez que os israelenses noticiaram esse incidente com um de seus “Adirs”, o site apenas seguiu o velho padrão de mentira e sensacionalismo da mídia russa.

MBP77
MBP77
3 anos atrás

Parei de ler em “segundo site russo”.
Ando mais seletivo. 😉
Sds.

Manock
Manock
3 anos atrás

Basta divulgar fotos dos danos à aeronave para comprovar se é sensacionalismo ou não. Simples assim!
#divulgajacó

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
3 anos atrás

Manock 17 de outubro de 2017 at 15:02

Quem tem que provar que o caça israelense foi alvejado por mísseis S-200 são os Russos/Sírios e não os israelenses. Ademais, e como já havia dito, esse abates e danos fantasiosos são praxe dos Sírios, que na verdade há muitos anos não conseguem atingir uma aeronave israelense.

Alexandre Galante
Admin
3 anos atrás

Putz, agora o Bosco e os fanboys do F-35 vão ter um colapso nervoso hehehe

Será que a sina do F-35 é a mesma do F-117 abatido na Guerra do Kosovo em 1999? 😉

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
3 anos atrás

MBP77 17 de outubro de 2017 at 15:00

Simples e direto! Parabéns!

Flavio Guimaraes Pereira
3 anos atrás

O uso da frase: “O site russo acredita”
resume tudo!

Burgos
Burgos
3 anos atrás

Como sempre !!!
Um dando o tapa e o outro escondendo a mão e dizendo: Não fui eu !!! Não sei de nada !!!
Fala com aquele ali ó !!!
Por mais que se comente,o Israelense nunca vai falar a verdade e o muçulmano vai sempre inventar história baseado em cima do que ocorreu com o F-35.
Não sei como conseguem ter ódio tanto um do outro.
Dizem que data até A/C .

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
3 anos atrás

Alexandre Galante 17 de outubro de 2017 at 15:10 Galante, com esse seu discurso você acaba posicionando-se do mesmo jeito que a turminha que lê Sputnik e acredita que o “Su-24 paralisou o destroyer da USN no Mar Negro e os tripulantes pediram baixa”. A questão é muito simples: Quem reivindica ter derrubado ou atingido uma aeronave precisa fazer prova do mesmo. Quando derrubaram o F-117 sobre Kosovo os sérvios foram lá, tiraram foto e filmaram os despojos da aeronave e inclusive sambaram nele. Especificamente nesse cenário os Sírios vivem reivindicando abates de aeronaves israelenses mas nunca apresentaram qualquer prova… Read more »

Arc
Arc
3 anos atrás

O interessante é que a poucos dias foi noticiado que um caça israelense foi atacado em espaço aéreo jordaniano, e por isso Israel havia abatido uma bateria anti aérea da Síria.
Pelo jeito o PaçocAir-35 tomou lenha kkkkk (furia de fanboys em 3,2,1…)

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
3 anos atrás

TukhAV 17 de outubro de 2017 at 15:11 Os Sírios tanto abateram uma aeronave israelense nesse ataque que sequer tinham algum despojo da mesma para mostrar, nem mesmo um pedacinho de asa! E como pelo visto você é desinformado, depois de FALHAR em atingir uma das aeronaves israelenses um dos mísseis, após esgotado o propelente, ameaçou cair em território israelense o que forçou as defesas aéreas locais a dispararem um míssil Arrow 2. Por isso a nota mais dura das IDFs. Ocorre que vocês querem dar veracidade as falácias da mídia russa na base do grito e batendo o pezinho… Read more »

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
3 anos atrás

Arc 17 de outubro de 2017 at 15:22

Quem tem que provar que alvejou um F-35 ou qualquer caça israelense são os sírios, algo que eles não conseguem fazer há quase 30 anos pelo menos. Mas aí já viu né!? Para a cambadinha antiamericana e anti-israelense qualquer lorota vira verdade absoluta!

Sérgio Luis
Sérgio Luis
3 anos atrás

Eu sabia que esse f35 não é o que dizem que é !!

Manock
Manock
3 anos atrás

Bom, como não rolou abate, basta que o tio jacó mostre as fotos que o assunto se encerra.
#pqnaomostrajacó?

Foi andorinha de verão ou rapinagem made in russia?

#divulgajacó

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
3 anos atrás

TukhAV 17 de outubro de 2017 at 15:20

Talvez na sua leitura o Hezbollah seja um “grupo de resistência”……

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
3 anos atrás

eu não ponho a mão no fogo por lado nenhum!!

Nunca saberemos né! mas convenhamos, se estilhaços acertaram o F-35 Jaca e ele conseguiu retornar com segurança, o avião merece crédito pois provou sua capacidade de sobrevivência.

Já pensaram nos caras esfregando as mãos para botarem a mão nas partes de um F-35!!! Devem valer milhões no mercado negro!!!

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
3 anos atrás

Manock 17 de outubro de 2017 at 15:39

Foi fanfarronice Made In Russia para a galera antiamericana frustrada….

Manock
Manock
3 anos atrás

Já sei, o Lightning II que não suporta lightning da natureza (mas com $20bi um dia suportará) empregava manobras evasivas a lá Star Trek para ludibriar o míssil russo do mau quando de repente surgiu um grupo de gansos e pimba. Soltou pecinhas…

#divulgajacó

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
3 anos atrás

Guilherme Poggio 17 de outubro de 2017 at 15:40

Poggio, você há de convir que a prova dos fatos cabe a quem alega! Se o site russo alega que os sírios atingiram o F-35 quem tem de provar são eles e não as IDFs

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
3 anos atrás

Manock 17 de outubro de 2017 at 15:46

É o míssil russo que sempre dá chabú e tem 30 anos que não acerta um caça Israelense…..

A propósito, cadê o motor do “Phodástico” Su-57 que até agora é que nem cabeça de bacalhau, ninguém sabe ninguém viu!?

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
3 anos atrás

Marcelo Andrade 17 de outubro de 2017 at 15:44

Jaca tem sotaque francês e hoje em dia custa mais que um F-35

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
3 anos atrás

Guilherme Poggio 17 de outubro de 2017 at 15:51

O ônus não é das IDFs e sim dos russos. Aliás nem mesmo o governo sírio se manifestou sobre o assunto quando a praxe geralmente é reivindicar seus abates fantasiosos. Aí eu pergunto ao amigo: Por que as IDFs deveriam se posicionar quanto às invencionices de um site russo?

carcara_br
carcara_br
3 anos atrás

Trollolóoo tralalllaaaa lláa laaaa…

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
3 anos atrás

HMS TIRELESS 17 de outubro de 2017 at 15:53
Marcelo Andrade 17 de outubro de 2017 at 15:44

“Jaca tem sotaque francês e hoje em dia custa mais que um F-35”

Olha, então os franceses pilotam pra cacete, pois na Líbia e na Síria eles não bateram em nenhum “pássaro” !! rsrsrsrs

Alexandre Galante
Admin
3 anos atrás

Pronto, só precisamos inventar um canhão de pássaros para avariar o F-35

Leandro Assis
Leandro Assis
Reply to  Alexandre Galante
2 anos atrás

Kkkkk kkkkk! Muito boa essa! Kkkkk

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
3 anos atrás

kkkkk Alexandre Galante , você hoje está inspiradíssimo!!! kkkkk

Manock
Manock
3 anos atrás

HMS TIRELES Cara, não mistura as coisas. Isso não é futebol, vc não precisa torcer pra alguém. Acalma seu orgulho ferido! Não é a sua casa ou o seu irmão que foi atacado. É uma aeronave de outro país que um outro país diz ter acertado. São os outros!!! Outros, entende? Não é o nosso país. Relaxa. Ninguém tá falando de SU57 ou da falha da bailarina do Bolshoi;uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa… E para com esse papo chato de que quem tem que provar é A ou B; Isso não é tribunal!!! Quem… Read more »

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
3 anos atrás

Manock 17 de outubro de 2017 at 16:03

Aqui não é tribunal mas como operador do direito eu tenho que fazer as vezes (hehehehehe)

Aliás, aplicando o in dubio pro reo aqui isso terminaria por beneficiar o caça da LM…..

Manock
Manock
3 anos atrás

In dúbio pro andorinha, isso sim! Hahahaha

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
3 anos atrás

Marcelo Andrade 17 de outubro de 2017 at 16:01

Na propaganda da Dassault vale tudo, até mesmo dizer que ganharam do F-22. O problema é quando um velho Phantom da Luftwaffe tira algumas boas lasquinhas da jaca. Aí eles choram….kkkk

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
3 anos atrás

Quem foi posto em xeque? O F-35 ou a andorinha? foi o caça da LM. Então…

SmokingSnake 🐍
SmokingSnake 🐍
3 anos atrás

Lamentável até aonde vai a perseguição desse editor contra o F-35. Uma coisa é certa, a base anti aérea Síria perto de Damasco foi destruída e cade que abateram alguma coisa ou os sistemas russos interceptaram os mísseis? kkkk

Leandro Assis
Leandro Assis
Reply to  SmokingSnake 🐍
2 anos atrás

Segundo uma materia que li na época, nenhum ou quase nenhum tomahawk foi abatido pq ali não se encontravam sistema de defesa anti aérea apropriados, os S-300 são sistemas pra interceptarem e abaterem alvos a altitudes mais elevadas como caças, bombardeiros e até mísseis cm esse perfil de voo, os tomahawk voam a poucos metros cabendo a sistemas semelhantes ao Pantsir

RicardoNB
RicardoNB
3 anos atrás

Nível Sputnik de ser rs. Meu Deus, F-35 nem está operacional na IAF, eles tem que voar escoltados. Toda vez que Israel ataca a Síria tem um abate fantasma rs. Já abateram até F-22.

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
3 anos atrás

Poggio, as IDFs alegaram que um pássaro avariou a aeronave em um comunicado de rotina. Dito isso o site russo pegou essa informação e juntou com outros dois tuítes das IDFs dando conta que os sírios atiraram em aeronaves israelenses e que eles responderam e, voilá, criou uma fábula. Onde está o ônus da prova das IDFs?

Manock
Manock
3 anos atrás

Se forem atacar o Iran melhor considerar as rotas migratórias né?!; vai que um S300, ops, digo, um ganso avaria o Lightening II. Pode soltar pecinha…
😉

JPC3
JPC3
3 anos atrás

Se o caça foi atingido o correto seria esperar por fontes sérias. Agora fica um monte de gente trocando farpas por uma coisa que muito provavelmente não deve ter acontecido.

Se é verdade eu não sei, porém é página russa é famosa pelos erros e inverdades.

Não percam a credibilidade pessoal. Estão perdendo o status de referência em aviação.

Caio Romão
Caio Romão
3 anos atrás

“Alexandre Galante 17 de outubro de 2017 at 15:10
Putz, agora o Bosco e os fanboys do F-35 vão ter um colapso nervoso hehehe
Será que a sina do F-35 é a mesma do F-117 abatido na Guerra do Kosovo em 1999? ”
———————

A diferença, Galante, é que os destroços do F-117 foram mostrados.
Para se provar que uma aeronave israelense foi abatida, o regime de Bashar Al Assad deveria fazer o mesmo…

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
3 anos atrás

RicardoNB 17 de outubro de 2017 at 16:10

Bem lembrado! Os F-35 ainda estão em fase de avaliação operacional pelas IDFs e a galera pira. Pior, fica dando trela para site russo….

Hélio
Hélio
3 anos atrás

Na parece muita coincidência que o f35 tenha se acidentado no mesmo dia do incidente com o s200

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
3 anos atrás

Hélio 17 de outubro de 2017 at 16:24

Se você acredita em teoria da conspiração e desconsiderar que o evento com o F-35 deu-se 2 semanas atrás……

Alexandre Galante
Admin
3 anos atrás

Israel sempre foi o melhor campo de provas para os aviões americanos. O F-35 pode estar sendo usado para testar as defesas dos vizinhos.

RicardoNB
RicardoNB
3 anos atrás

Mas vai explicar isso HMS Tireless. Ultimo ataque israelense foi a mesma história. Os pró-F-35 falavam que tinha sido um F-35. Os anti que não tinha sido F-35 mas que na verdade os sírio tinham abatido um caça israelense. O que me espanta é a origem desse tipo de informação. Pelo amor, F-35I estão longe de estarem operacionais, são aeronaves do Block 3i que ainda estão voando escoltadas. Mas o SAM atacou uma aeronave não operacional furtiva na Síria e foi destruido por um caça não furtivo operacional. Fonte… Um site russo que supôs a história. Eu em… Alguém ainda… Read more »