quinta-feira, março 4, 2021

Gripen para o Brasil

Resultados da Saab no período de janeiro a junho de 2017

Destaques

Defesa aérea da Sérvia atingiu outro F-117 durante a Operation Allied Force

A história de como um jato de ataque stealth F-117 Nighthawk da Força Aérea dos Estados Unidos foi abatido...

HENSOLDT: Sistemas antidrone e de proteção de áreas críticas e estratégicas

Nos últimos anos, a venda de drones cresceu muito no mundo. Esses objetos voadores, cada vez mais comuns em...

FAB coordena Operação Escudo Antiaéreo

Operação aconteceu de forma conjunta entre a Marinha do Brasil, o Exército Brasileiro e a Força Aérea Brasileira No período...
Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Saab Gripen E

A Saab, empresa de defesa e segurança, apresenta seus resultados para o período de janeiro a junho de 2017.

Mensagem do Presidente e CEO, Håkan Buskhe:

Demanda manteve-se forte
A demanda e o interesse pelos produtos da Saab permanecem altos. Isso reflete o desenvolvimento de produtos, investimentos em pesquisa e o desenvolvimento e forte presença internacional.

O aumento da preocupação com a segurança ao redor do mundo parece ter criado um estado onde as tensões se estabilizaram em um nível consideravelmente mais alto. Tal cenário se refletiu nos investimentos em defesa e segurança, conforme demonstrado pelo grande interesse pelos produtos do portfólio da Saab. Ao mesmo tempo, a demanda de fornecedores também tem aumentado. Soluções e sistemas precisam ser eficientes em termos de custo, oferecer capacidades significativas e ser entregues rapidamente.

Após diversos anos de estudo e debate político na Suécia, foram apresentadas, no segundo trimestre, as novas regras de exportação de materiais de defesa. Um marco regulatório de longo prazo é essencial para que as exportações funcionem. Somos uma empresa que faz negócios com diversos países, e acreditamos que as novas regras propostas nos permitirão continuar apoiando nossos clientes com soluções de defesa e segurança, e crescendo em linha com os nossos objetivos.

Grandes pedidos
No primeiro semestre, os novos pedidos aumentaram para MSEK 20.554 (11.462). Importantes pedidos foram recebidos em diversas áreas, incluindo dois pedidos de vigilância aérea e um da próxima geração do sistema de Arma Leve Anticarro (NLAW, da sigla em inglês de Next generation Light Anti-Tank Weapon system) pelo Exército Suíço. Já a Suécia encomendou o desenvolvimento e a produção da próxima geração de mísseis antinavio, a modificação e atualização das corvetas classe Gävle, um novo navio de coleta de informações de inteligência, além da continuidade do suporte e manutenção do Gripen C/D. Nós também assinamos um contrato de fornecimento de sistemas de treinamento para o Exército norte-americano.

Ao final do período, a carteira de pedidos atingiu MSEK 112.117.

Aumento das vendas
A receita das vendas cresceu 11% em relação ao mesmo período de 2016. Todas as áreas de negócio registraram aumento da receita. Já a receita operacional atingiu MSEK 885 (611), acompanhada de margem operacional de 5,8% (4,4%). A melhora da margem operacional é atribuída principalmente ao aumento da receita da área de negócios Dynamics e ao maior nível de atividade relacionado aos sistemas de vigilância aérea.

O fluxo de caixa operacional atingiu MSEK -443 (4.193), em linha com a nossa expectativa, após registrarmos fortes fluxos de caixa positivos nos períodos anteriores, devido aos avanços nos projetos e pagamentos de parcelas que não se repetiram neste período.

O lucro diluído por ação foi de SEK 5,98 (3,71).

Saab Gripen E

Gripen E realiza primeiro voo com sucesso
Em junho, a Saab conduziu o primeiro voo da próxima geração de caças inteligentes Gripen E. Durante o voo, a aeronave realizou diversas manobras para demonstrar os vários critérios de teste e testar suas principais funcionalidades. Desde então, novos testes de voo foram realizados e as diversas funções da aeronave estão sendo gradualmente avaliadas conforme o programa é implementado.

Projeção para 2017:
Em 2017, esperamos crescimento da receita acima do objetivo financeiro de longo prazo da Saab, que é um crescimento orgânico anual da receita de 5%.
Esperamos também o aumento da margem operacional, excluindo itens não recorrentes relevantes, quando comparado a 2016, dando assim mais um passo em direção ao objetivo financeiro da companhia, que é o de alcançar margem operacional de 10%.

Destaques financeiros

MSEK  Jan-Jun 2017 Jan-Jun 2016 Var. % 2T17 2T16 Exercício 2016
Novos pedidos 20.554 11.462 79 10.853 6.848 21.828
Carteira de pedidos 112.117 111.593 107.606
Receitas 15.353 13.854 11 7.923 7.064 28.631
Lucro bruto 3.468 3.080 13 1.732 1.569 6.883
Margem bruta (%) 22,6 22,2 21,9 22,2 24,0
EBITDA 1.313 1.075 22 614 551 2.743
Margem EBITDA (%) 8,6 7,8 7,7 7,8 9,6
Lucro operacional (EBIT) 885 611 45 393 317 1.797
Margem operacional (%) 5,8 4,4 5,0 4,5 6,3
Lucro líquido 659 414 59 299 191 1.175
Lucro diluído por ação (em SEK) 5,98 3,71 2,68 1,71 10,60
Retorno sobre o patrimônio líquido (%)¹ 11,2 13,0 9,0
Fluxo de caixa operacional -443 4.193 -1.429 1.137 2.603
Fluxo de caixa livre -532 4.051 -1.429 1.096 2.359
Fluxo de caixa livre diluído por ação (em SEK) -4,96 37,91 -13,30 10,25 22,07

1) O retorno sobre o patrimônio líquido é mensurado no período móvel de 12 meses.

Para mais informações e explicações com relação à utilização dos principais indicadores, acesse http://saabgroup.com/investor-relations/financial-data/key-ratios/ 

As demonstrações financeiras intermediárias, apresentação e webcast estarão disponíveis em http://www.saabgroup.com/en/InvestorRelations.

DIVULGAÇÃO: MSLGROUP Publicis Consultants

- Advertisement -

3 Comments

Subscribe
Notify of
guest
3 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Wilton Feitosa

off topic …
por onde anda o KC-390? …

Nonato

Alguém para comentar o balanço da Saab?
Sem dúvida uma empresa incrível.
Aparentemente pequena, mas que produz de caças a submarinos.
De mísseis a sistemas de tráfego aéreo em grandes aeroportos.
E parece que eles gostam de publicar seus balanços por aqui, coisa que a Embraer não.

Hélio

A não concretização do negocio com a Embraer atrazou o país em 30 anos, isso é uma empresa inovadora e de tecnologia, aaaaaaaa se o Brasil fosse uma nação…

Combates Aéreos

EUA querem saber se Paquistão usou jato F-16 para derrubar MiG-21 indiano sobre a Caxemira

A demanda segue o alívio de tensão na região disputada da Caxemira Os Estados Unidos estão tentando descobrir se o...
- Advertisement -
- Advertisement -