Home Indústria Aeronáutica Mais caças Sukhoi Su-30MK2 para o Vietnã

Mais caças Sukhoi Su-30MK2 para o Vietnã

6090
81

sukhoi-su-30mk2-vietnam-1

Na foto do alto, dois caças Sukhoi Su-30MK2 destinados à Força Aérea do Vietnã.

O aviões são os dois últimos de um lote de 12 Su-30MK2 encomendados pelo Vietnã sob contrato de US$ 600 milhões com a OAO “Rosoboronexport”, assinado em agosto de 2013.

O Vietnã já tinha recebido em três contratos anteriores, de 2004 a 2012, 24 caças Su-30MK2. Somando as aeronaves do acordo de 2013, o país terá 36 aviões do tipo.

vietnam-map

sukhoi-su-30mk2-vietnam-3 sukhoi-su-30mk2-vietnam-2

COLABOROU: Rustam Bogaudinov

81 COMMENTS

  1. Mas que bobos, qualquer F5 M com derby detona eles KKK.
    Os russos que se cuidem que daqui a alguns anos os chinas estão fabricando Xukoi Xing Ling 2 pra vender mundo afora… E os argentinos vão querer testar.

  2. O que eu acho interessante é que segundo alguns entendidos o pós-venda russo é péssimo, e os aviões vivem no chão por falta de peças e manutenção.
    Pois é, mas quem comprou uma vez tá comprando mais né..
    Mas para o super trunfo e ufanismo tupiniquim vale tudo, até F-fórevis abatendo SU-30 a 370km..

  3. Esses aviões lá servem pra tarefas do dia dia e para manter atualizada a doutrina de combate. Com vizinhos da pesada, a força vietnamita ruiria por completo num único dia de combate.

  4. Qual o tamanho da economia vietnamita? De sua área a defender? Não vou me dar ao trabalho de pesquisar… são nanicas perto da nação gigante da América do Sul.
    E como sempre o mantra:
    Eles têm muitos inimigos… Certo!*

    O mistério é como nossos governantes brasileiros não conseguem nunca ter dinheiro para as FFAA… Será que o ralo é gigantesco?
    O Moro faz ideia do tamanho do mesmo, ou do enorme número deles?


    *Algo que deve acontecer no Vietnam é serem pouquíssimos (ou nenhum) dos seus políticos com contas no exterior.
    Essas tais de contas no exterior não são as caixas de gordura?

  5. Glaquis7, é verdade que a maioria das operações aéreas da Argentina na Guerra das Malvinas era quase suicida, mas aparentemente, nem os bravos pilotos argentinos tiveram coragem de pilotar um Xukoi oliginal. Mas falando sério, parece que são bons. O maior problema da China ainda está na motorização e parece que os chineses têm dificuldades em produzir (ou reproduzir) o desempenho dos motores russos.

  6. “Rinaldo Nery 10 de outubro de 2016 at 17:31

    Que macacão horrível. E ainda voam sem luvas.”

    No tempo de Guerra do Vietnã, eu acho que não havia o macacão feio, nem luvas ou mesmo sapatos! Claro que tão precisando de uma repaginada no uniforme!

    Quem sabe agora que estão mais abertos ao ocidente e interessados no armamento ocidental, certamente alguma coisa vai mudar em termos de doutrina e figurino!

    Saudações!

  7. Edcarlos,tinham sim! E era mais bonito.Há alguns anos atrás, comprei um livro sobre a Força Aérea Vietnamita num museu em Dallas. Bem ilustrado, e a maioria das fotos era da Guerra do Vietnã.
    Quanto ao pós venda russo, vamos lembrar que o Vietnã SEMPRE operou aeronaves russas. Sua logística está toda baseada no modelo russo. Não é o nosso caso.

  8. Os vietnamitas assinaram um acordo de intenção para treinar seus pilotos na Índia com a possibilidade de ampliá-lo para a área de manutenção e suporte técnico similar ao que os malaios tem com a Índia.

  9. Jacinto Fernandes,

    Meu comentário não foi pela valentia nem pela coragem dos Hermanos mas por que ultimamente eles estão testando tudo o que voa mas não tem grana pra comprar nada. KKK

  10. Glasquis 7 10 de outubro de 2016 at 19:13
    .
    João 10 de outubro de 2016 at 18:23
    donitz123 10 de outubro de 2016 at 17:22
    .
    Não é o Vietnam, é a India que procura caças monomotor.
    .
    Não, “querido”. Você não entendeu (Acesse o link postado posteriormente). O Vietnã TAMBÉM procura um caça ocidental para substituir seus caças MiG-21. O que se tem de mais concreto até o momento é o F-16 e o Gripen, o que pode indicar a preferência por um caça monomotor. Quem sabe até mesmo o FA-50 já que os sul-coreanos tem muito investimento por lá.

  11. SU-30 está vendendo bem… logo logo a IRIAF deve anunciar a sua escolha de reaparelhamento de caça o que deve ser um número razoável… MIG-29 SMT ou SU-30 MK2 ??? Ou será que terão a audácia ($$$) de partir logo pata um SU-50 …

  12. Uma dúvida aos camaradas, no caso do Sukhoi quem pilota fica no assento traseiro, quanto o uso de luvas por ser voos de baixa altitude e propagandístico quem sabe se abstiveram do uso da mesma, por que quem tem dinheiro para comprar esse caça não tem para comprar luva então fecha budega e contrata via ppp Taiwan para patrulhar o espaço aereo

  13. a12comanf 10 de outubro de 2016 at 18:56
    “É comum exibir o cockpit assim??!
    Normalmente não são cheis de segredos??!”
    .
    Acredito que esse tempo já se foi.
    .
    Hoje em dia um cockpit moderno praticamente se resume a telas de LCD/LED ou sei lá o quê, isso não é novidade para ninguém.
    A tecnologia está no hardware e principalmente no software escondido por trás dessas telas.
    Portanto não há muito o que esconder.

  14. Já temos o Gripen que não foi uma má solução, é um projeto que pode ser melhorado com o tempo, temos grandes profissionais na FAB, nossos pilotos treinam nos EUA, acho que o fator piloto pode contar ao nosso favor, mesmo contra o SU 30.

    Não sou contra o SU 30, até acho que a FAB poderia ter uma força de ataque com pelo menos uns 12 em Manaus, mas criticar o governo federal é chover no molhado, a grana do Fx1 virou estádio para copa,obras para as Olimpíadas e propinas por ai a fora.

  15. Sei q é uma bobagem, mas luvas não tem nada a ver c vôo a baixa altura. Não é pra proteger do frio. Elas são antichama, e também protegem no caso de ejeção. Na FAB (e na maioria das FA) seu uso é OBRIGATORIO. Tenho as minhas até hoje.

  16. Para um país semi-industrializado e com talvez 80% de terreno concerto por planatação de arroz tá bom demais.

    O Vietnam, um país com uma das economias mais pobres do planeta, mas que tem uma força aérea de caças superior a chamada 7°a economia do mundo, a putenfia Latino americana chamada Brasil.

    O Vietnam sobreviveu a tres conflitos internacionais, contra potências como a França, os EUA e a China.

    Que humilhação e que vergonha para um país com tamanha infra estrutura industrial, vasta extensão territorial e diversificado patrimônio humano como Brasil, não ter condições de fazer respeitar seu espaço aéreo.

    Já imaginaram se o estúpido motorista de ônibus chamado Nicolas Maduro resolvesse travar uma guerra aérea contra o Brasil? Já imaginaram o vexame internacional., e isso sem contar os danos materiais e humanos do lado brasileiro.

    Uncle Sam, can you help please?

  17. Tadeu Mendes,

    Para te falar a verdade, não culpo apenas nossos governantes, nenhum deles veio de Marte e caiu de paraquedas em Brasília.
    São apenas o reflexo do que é nossa sociedade.
    .
    Faça um teste: Pergunte a um brasileiro médio o nome do principal caça da FAB.
    (É só um exemplo, já que aqui discutimos justamente esse tipo de tema, mas poderia ser qualquer outro de alguma relevância..)
    Nem vou sugerir que se pergunte nada relacionado a nossa história..
    .
    Agora refaça o teste, mas desta vez perguntando sobre a seleção brasileira de futebol.
    Nomes de jogadores, posições que jogam, nome do técnico, resultado do último jogo.. etc..
    .
    Analise o resultado.
    Pronto. Essa é nossa cultura e nossa única preocupação.

  18. Cel R Nery
    Os Viet andam as turras com os Han vez outra.
    Os Han são cliente de carteirinha do Urso, motores então ….
    Entonces ….
    como fica essa Log Fornecimento para os Cong ?

  19. Sem luvas ?
    Sem meias também !
    +++++
    Cel R Nery
    Estou a muito tempo para fazer esta pergunta, sempre esqueço:
    Os espelhos do Galaxy realmente ajudam em algo ?
    Já vi até com três !

  20. Alguém sabe dizer se estar aeronaves são novas ou são aquele lote que foi usado interinamente pela índia até a chegada dos primeiros “Su-30 MKI” ???

  21. Carlos Alberto Soares 10 de outubro de 2016 at 23:13

    .

    Caro Carlos Alberto Soares, geralmente os espelhos servem como retrovisores no Canopy, e também, de periscópio para treinamento onde o instrutor tem que acompanhar o desenvolvimento do piloto nas diversas manobras como: evasivas, defensivas e de ataque. Assim sendo, no caso do SU-30 da matéria é two-seat, em que o piloto em treinamento senta-se na frente e o instrutor e pode ser utilizado em missões de bombardeio também. Porque a cabeça do piloto para a frente obscurece a visão do instrutor, por essa razão os espelhos servem de periscópio, o qual, é necessário para dar-lhe uma visão clara para a frente no caso do instrutor ter que assumir para pousos. O curioso é que tem espelhos que podem serem instalados junto com os periscópios para dar um horizonte artificial para o piloto em caso de falha dos instrumentos. O Vought F4U Corsair, foi um dos pioneiros em utilizar os espelhos no canopy. Sds

  22. Hahahahahah esse Carlos Alberto é hilário. Acho que deve dar mais trabalho escrever em códigos e sem conjunções assim do que se escrevesse normal. Eu sou muito insatisfeito com a situação das nossas FAs, mas comparar a situação de algum do países do sudeste asiático com a nossa é no, mínimo, falta de bom senso. Lá o caldo é quente. Historicamente um barril de pólvora. O dragão a cada dia com a fome maior. Japoneses e sul coreanos armados até os dentes. O gordinho psicótico cheio de Nukes. Índia e Paquistão se entranhando mais acima. Taiwan com a existência contestada. EUA com várias bases e uma frota inteira na região. Os tigres asiáticos a cada dia mais economicamente influentes. Não temos nada aqui nas Américas que se comparam com esse local. No dia que aquilo ali estourar, salve-se quem puder porque o chicote vai estralar. Resta saber se vai haver unidade contra o dragão. Porque se não houver, alguns ali podem simplesmente ser eliminados do mapa mundi.

  23. Tiago Silva 10 de outubro de 2016 at 23:30

    all aircraft, new production KnAAZ, branch of PJSC “Company” Sukhoi “the city of Komsomolsk-on-Amur, SU-30MKI produced at another plant in the city of Irkutsk, there produce SU-30MKA-MKM-SM, SU-34 produced at the third plant Sukhoi in Novosibirsk
    _

    todas as aeronaves, a nova produção KnAAZ, ramo da PJSC “Companhia” Sukhoi “a cidade de Komsomolsk-on-Amur, SU-30MKI produzidos em outra fábrica na cidade de Irkutsk, não produzem SU-30MKA-MKM-SM, SU-34 produzido na terceira planta de Sukhoi em Novosibirsk.

  24. E baratim.50 milhões de dolares a unidade.
    pagar e levar.
    sem complicações.
    critica-se muito índia.
    mas o Brasil que complica.
    na ânsia de ter acesso a tecnologia, fabricação local, etc, gasta muito dinheiro, acaba o dinheiro e fica sem caça, sem dinheiro, sem armamentos.
    uns vinte anos nessa situação…

  25. Ivanmc
    Colega, e no monoposto.
    Todos tem ….
    Ou é o espelho do Galaxie ou o da Kombi
    quando adaptado.
    Kombi, a original
    Por ser comprida e ter muitos pontos cegos
    o pessoal coloca espelho de Landau.
    Então Colega, monopostos ?

  26. Tb não entendi muito, Putinsky vende pra China, a China quer tomar o Vietnam, aí vende pro Vietnam também.
    Pode ser pra evitar que os viets comprem caças ocidentais… e estes Sukhoi podem ter alguma deficiência frente aos chineses.

  27. Roberto F Santana 11 de outubro de 2016 at 8:34
    .
    Realmente, aos 3:26 fica bem nítido.
    Aos 4:13, durante a manobra, fica ainda mais.
    .
    Será que tem algo relacionado a queda do Su-30 venezuelano, que dizem ter caído por desorientação?

  28. O Flanker tem uma boa reputação naquela região da Ásia. Além de China e Índia estão na Malásia, Indonésia e Vietnã. Pra essa região o raio de combate parece ser essencial.

  29. OFF TOPIC…, mas nem tanto!!!!
    .
    Como o poder aéreo da Coreia do Norte se apresentou em Wonsan, fotos:
    .
    “North Korea’s inaugural Wonsan Air Festival, staged in the coastal city from 24-25 September, was billed as a non-political event “organised to promote the spirit of international peace and friendship through aviation and air sports”.”
    .
    (https://www.flightglobal.com/news/articles/pictures-how-north-korean-air-power-starred-in-wons-430206/)

  30. Roberto Santana,

    Devo corrigir um erro ao digitar: AI > Attitude Indicator ou ADI Attitude Director Indicator.

    Eu digitei ATI….estava meio dormido…rsrsrssrs.

  31. Se o Brasil, a partir do ano de lançamento do fx 2( creio que 2006 ), encomendasse 12 unidades do su 30 por ano, hoje, 2016, possivelmente teríamos 120 Flankers. E fazendo uma simples conta de padaria, pagaríamos $ 6 bi. De dólares ( claro que essa conta não é tão simples assim ). Mas alguém achou melhor pagar $ 5,4 bi. por 36 gripens ng, que ainda nem chegaram, mais a valiosa ToT. Vai entender.
    Esse foi meu 1° comentário aqui, mas já acompanho o site e seus mestres há um bom tempo.

  32. É incrível a quantidade de pessoas que não querem enxergar o obvio e ainda defendem que um F-5EM com Derby derrubaria um Su-30. Poxa, não passe vergonha não…

  33. Caro Gus. o importante é que a pessoa se sinta bem relaxada ao escrever que um F-5EM ultra super fodhástico derrube qualquer coisa, inclusive os Su Venezuelano no chão, mas só no chão.

  34. Rodrigo M 10 de outubro de 2016 at 20:44
    Obrigado pela resposta!

    Loucura quando se sobrepoe o alcance dele sobre o mapa da regiao!! Cobre quase todo o sudeste asiatico!!

  35. Carlos, não prestei atenção aos espelhos do SU-30, mas, primariamente, são para acompanhar os alas na formatura básica. Na instrução de vôo em formação no T-27, era básico pra ver se o Cadete ia nos abater. Também para verificar se está mantendo a posição correta.

  36. Obrigado Cel R Nery e Ivanm
    ++++++
    Bob Santana e Bardini
    Essa questão do horiz art foi motivo de desorientação e queda de um avião pax na Rússia se a memória não estiver falha.
    Foi tema em canal fechado. Houve outros episódios. Os pilotos eram ocidentais e não houve atenção a esse detalhe.
    Também foi comentado aqui no PA, não como tema/tópico.
    Há mais um ou dois instrumentos que também tem leitura diferenciada.
    +++++++++
    Bardini
    O SU da venefavela já postei a versão oficial, adversidades climáticas, mais conhecida como AIM 120 rs

  37. Gus,

    O Derby não foi feito para derrubar Cessna. É um míssil feito para derrubar um caça oponente.

    Se um F-5 faz um lock on em um S-30, e dispara o míssil, e se o S-30 for atingido, vai cair igual
    uma pedra.

  38. Não sabia que existia um F-5Se esse deve ser o kapiroto dos ares, OMG a imaginação desses velhos é coisa fantástica, é tão baludo que trava até F-35 vai cair como chuva de metal

  39. Carlos Alberto Soares

    Of course ignorance, if you seriously think that the F-5 deal with the SU-30MK2 – you think people for idiots? can tell on this story, many will believe you

    __

    É claro que a ignorância, se você pensar seriamente que o negócio F-5 com o SU-30MK2 – você acha que as pessoas para idiotas? pode dizer sobre esta história, muitos vão acreditar em você

  40. O Derby foi desenvolvido pela Rafael, que para quem nao sabe e uma das maiores companias de defesa de Israel.

    O Derby foi desenvolvido para o combate aereo, e sem duvida alguma contra qualquer tipo de jato de combate que o inimigo use no TO.

    Independente do vetor ser um F-5, ou um F-15, ou um F-16, o missil vai cumprir a missao a qual foi projetado: derrubar jatos de combate em dogfight.

    Eu penso que se um F-5 se alinhar com o 6 o’clock do Su-30, fizer o Lock On e disparar, nao vai ser facil escapar.

    O Derby usa radar para se auto-guiar ate o alvo, nem mesmo com o uso de chaffs, garante a
    100% asobrevivencia do Sukhoi-30.

    Nao existe contra medidas 100% eficazes.

  41. “o missil vai cumprir a missao a qual foi projetado: derrubar jatos de combate em dogfight.”
    .
    Dogfight com míssil BVR?
    Esses Israelenses…
    Os caras são bons mesmo 😛

  42. Novamente, para que gastar com Gripens e ToT, vamos comprar mais F-5 e moderniza-los aqui mesmo, desenvolvimento mais as capacidades dos nossos especialistas sem gastar bilhões, e aproveitamos e compramos milhões de misseis Derby ja que são israelenses e são fodidões para dogifht BVR (wtf?). Acho que por ser israelense fodao serve tbm para abater as aeronaves apartir do solo é so colocar no ombro e ja era.

  43. Bardini,

    É uma maneira de expressar. Rsrsrs.

    Atentendendo a sua exigencia vou redefinir para Air combat ao invés de dogfight, incluindo BVR.

  44. OFF TOPIC…, mas nem tanto!!!!
    .
    JAPAN AEROSPACE: Kawasaki vê nicho específico para o C-2:
    .
    “He adds that the C-2, which is powered by a pair of General Electric CF6 turbofans, has a unique niche in the transport mission. He says that the aircraft can fly 30t to just under 6,000km.”
    .
    “One market the Kawasaki is interested in is the replacement of legacy Lockheed Martin C-130 aircraft.”
    .
    “After discussing the project with the air cargo industry, however, the company decided that the market, at present, makes such a variant cost prohibitive.”
    .
    (https://www.flightglobal.com/news/articles/japan-aerospace-kawasaki-sees-unique-niche-for-c-2-430287/)

  45. João,

    Não é somente o missil israelense que é fodidão. Os misseis americanos, os misseis russos, os misseis franceses são todos fodidões.

    Então qualquer caça, seja o americano (F-15, F-16, F-18) ou Russo (Mig-29, SU-30) ou françês (Rafael, Mirage) poder ser abatidos por qualquer missil.

    Por tanto, essa fantasia de que um F-5 não pode abater um SU-30 por ser um vetor inferior ao é pura ilusão mesmo.

    Alias, os desertos do Iraque, da Siria é de Israel viraram cemitério de fodásticos caças russos.

  46. Tadeu Mendes 12 de outubro de 2016 at 10:58

    True? ))) Time for you to write fairy tales for children, you are well out!

    __

    Realmente? ))) Tempo para você escrever os contos de fadas para crianças, você está bem fora!

  47. Rustam,

    Quanto ao cemiterio nos desertos para os avioes russos nao tenho duvidas. Ali naquele deserto enterram qualquer trombolho voador da Russia.

    Imagina um Tornado dos anos 80 abatendo MIGs. ou Sukhois no Iraque.

    Quanto ao tema dos misseis, ate mesmo os Panavia Tornado da RAF estao equipados com misseis heat seaking para encarar os jatos da Russia, e se for necessario vao derrubar mais avioes russos nos desertos do Oriente Medio.

    Lembra do recente MIg, abatido por um F-16 da Turquia? A tradicao continua….kkkkk.

  48. Tadeu Mendes

    your knowledge is minimal in military affairs, and Russian equipment in Syria shot down the SU-24 and MIG are not – you are good even on airplanes? )) I think no

    SU-24 is a bomber, shot down his back, but only upon the appearance in Syria Su-35S, Turkish Air Force was so scared I was afraid to even come close to the Syrian border!

    With regard to Iraq and the war of 1991 and 2003, with the full superiority of the coalition as possible to think about combat in the air? but even then there were super cases as the MiG-25PD Iraqi Air Force shot down a F / A-18C US Air Force is what we also know
    __

    seu conhecimento é mínimo em assuntos militares e equipamentos russos na Síria derrubou o MIG SU-24 e não são – você é bom até mesmo em aviões? )) Eu não acho que

    SU-24 é um bombardeiro, um tiro pelas costas, mas só quando do aparecimento na Síria Su-35S, Turkish Air Force estava tão assustada que estava com medo de sequer chegar perto da fronteira com a Síria!

    No que diz respeito ao Iraque e da guerra de 1991 e 2003, com a superioridade total da coalizão possível para pensar em combate no ar? mas mesmo assim houve casos de super como a força aérea iraquiana MiG-25PD abatido a / A-18C F Força Aérea dos EUA é o que nós também sabemos

    https://www.youtube.com/watch?v=g-bZ7LpeMws

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here