Home Divulgação Colégio Embraer abre inscrições para 200 vagas em São José dos Campos

Colégio Embraer abre inscrições para 200 vagas em São José dos Campos

3970
6

Colegio Embraer

São José dos Campos, 22 de agosto de 2016 – O Colégio Embraer Juarez Wanderley, mantido pelo Instituto Embraer em São José dos Campos, abriu nesta segunda (22) as inscrições com 200 vagas no Ensino Médio para 2017. Os interessados devem fazer a inscrição pelo site www.vunesp.com.br até sexta-feira (26). A taxa para se inscrever é R$ 40.

Podem participar os estudantes que estão cursando o nono ano do Ensino Fundamental em escola pública das cidades de Caçapava, Jacareí, São José dos Campos ou Taubaté. O aluno também precisa ter cursado todo o Ensino Fundamental (do 1° ao 9° ano) em escola pública e ter nascido após 30 de junho de 2001. Outro requisito é ter renda mensal bruta per capita de até 1,5 salário mínimo nacional, limitada a até 9 salários mínimos por família.

O Colégio Embraer oferece bolsa integral de estudos, além de oferecer uniforme, material didático, alimentação na escola e transporte. As aulas são em período integral, de segunda a sexta, e aos sábados de manhã em caso de atividades extras, como simulados, por exemplo.

A prova para seleção será realizada ser no dia 9 de outubro e o resultado sai no dia 17 de novembro de 2016. Todos os alunos, no ato da inscrição, recebem uma lista de documentos para enviar ao Instituto. Inscrições que não atendam os critérios de seleção podem ser recusadas.

Sobre o Instituto Embraer

O investimento social da Embraer é direcionado para a educação, por meio dos programas geridos pelo Instituto Embraer. As iniciativas do Instituto, que foi criado em 2001, têm como base três pilares de atuação: educação, engajamento com a sociedade e preservação da memória da indústria aeronáutica brasileira. Em 2015, o investimento social da Embraer foi da ordem de R$ 20 milhões, voltados a programas desenvolvidos nas regiões onde a Empresa possui atividades no Brasil.

Dentre as ações do Instituto, destacam-se os Colégios Embraer – Juarez Wanderley e Casimiro Montenegro Filho – localizados respectivamente em São José dos Campos e Botucatu para alunos egressos da rede pública de ensino e que atendam aos critérios socioeconômicos estabelecidos. O modelo aplicado oferece as três séries do Ensino Médio em período integral e, em 13 anos de funcionamento, se tornou referência em educação, com altas taxas de aprovação em vestibulares de universidades públicas e privadas. No total, 2.520 alunos foram formados pelas unidades São José dos Campos e Botucatu, sendo que esta última formou sua primeira turma em 2015.

Para mais informações sobre os projetos e iniciativas sociais da Embraer acesse: www.institutoembraer.org.br

6
Deixe um comentário

avatar
6 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
6 Comment authors
JeffBuenoLuiz FernandoJT8DMatheus Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Marcelo Bardo
Visitante
Marcelo Bardo

Belo projeto. Outras empresas deveriam adotar este tipo de iniciativa. Parabéns à Embraer!!!

Matheus
Visitante

Falando em Embraer. Nenhuma noticia do KC-390? Já faz um bom tempo já que não lermos nada sobre.

Parabens pelo projeto.

JT8D
Visitante
JT8D

Infelizmente a única notícia recente da Embraer é um plano de demissão voluntária para redução do número de funcionários

Luiz Fernando
Visitante
Luiz Fernando

Conheço o colégio… É excelente. Assim como o colégio da Embraer em Botucatu.
É tão concorrido que já surgiram “cursinhos preparatórios” na cidade.
A taxa de aprovação nos vestibulares é muito boa.
Já existem ex-alunos que fizeram engenharia e depois vieram trabalhar na Embraer.

Bueno
Visitante
Bueno

OFF TOPIC Saúde e Defesa formalizam repasse de recursos para transporte de órgãos. Ressarcimento a FAB? no valor de R$ 5 milhões
https://www.youtube.com/watch?v=erWx0GqpSyM

Jeff
Visitante
Jeff

Esse deveria ser o modelo de educação a ser implantado em todo o Brasil para escolas públicas de municípios médios e grandes: escola em turno integral, com uniforme, alimentação, apoio para que possa se manter na escola.

Mas, parece que há muito tempo isso não é de interesse nem do governo, nem do cidadão, que viu as escolas e a educação como um todo ser sucateada e nada se fez.