segunda-feira, outubro 18, 2021

Gripen para o Brasil

KC-390 realiza primeiro lançamento de paraquedistas

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

KC-390 PQD -1

Testes para o congelamento aerodinâmico do KC-390 estão acontecendo em Campo Grande (MS)

Por Ten Gabrielli

Os moradores de Campo Grande (MS) têm acompanhado uma movimentação atípica nos céus da cidade: desde o último dia 13, o cargueiro KC-390 está na Base Aérea do município para uma campanha que deve seguir até o dia 9 de julho. Um dos testes mais esperados, o primeiro lançamento de paraquedistas aconteceu nesta terça-feira (21/06) e foi considerado um sucesso pelos envolvidos.

“Existia uma preocupação muito grande com a saída dos paraquedistas, pois trata-se de um fluxo aerodinâmico em torno de uma estrutura única no mundo. Felizmente, o retorno que recebemos dos militares foi muito positivo, relataram que a saída foi muito suave”, afirma o Coronel Cláudio Evangelista, gerente técnico do programa KC-390 na FAB.

O primeiro paraquedista a saltar do KC-390 foi o Comandante do Esquadrão Aeroterrestre de Salvamento (EAS), conhecido como PARA-SAR, Major Anderson Oliveira Schiavo. Além dele, outros 17 militares da Força Aérea Brasileira e do Exército Brasileiro realizaram salto livre a 12 mil pés de altitude (mais de 3,5 km), com saídas pela rampa e pelas portas laterais da aeronave. Para os próximos dias, estão previstos ensaios de salto enganchado.

“Achei que o salto foi muito satisfatório, pois a aeronave nos deu estabilidade; a trepidação é quase inexistente”, afirma o Major. O Capitão Ricardo Alcântara, do Exército, concorda. “O aspecto que senti a maior diferença em relação a outras aeronaves que operamos é o fato de o KC-390 ser muito mais estável”, disse.

KC-390 PQD -3

Congelamento aerodinâmico – A campanha de testes faz parte do chamando congelamento aerodinâmico da aeronave. Ou seja, verificar a necessidade de modificações aerodinâmicas decorrentes de aspectos observados nos testes, de modo a definir o perfil externo final da aeronave.

Segundo o engenheiro André Gama, da Embraer, além do lançamento de paraquedistas, essa campanha inclui lançamento de cargas e verificação da estabilidade dos paraquedas extratores. Ele afirma que os testes devem servir, em primeiro lugar, para embasar o desenvolvimento da aeronave, mas que alguns serão utilizados também para a certificação do KC-390. “É praticamente um exercício de guerra. Em alguns dias, a campanha chega a ter o envolvimento de 200 pessoas, entre profissionais da Embraer e militares”, avalia Gama.

KC-390 PQD -2

FONTE: Agência Força Aérea

- Advertisement -

109 Comments

Subscribe
Notify of
guest
109 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Maria do Carmo Lacoste

Outra novidade? o que é essa paredinha na lateral da rampa?
A maior estabilidade deve ser em função da aerodinâmica do avião, seu sistema Fly-by-wire que atua também nessas situações para controlar o voo e os dois motores, que devem produzir menor vibração que os turbo hélices.

kfir

nossa que legal \o/

Rinaldo Nery

A “paredinha” deve ter função aerodinâmica, para melhor escoamento do ar, e evitar a entrada do mesmo na cabine de carga. Acho…

Maria do Carmo Lacoste

Rinaldo Nery 23 de junho de 2016 at 0:07
É presumível, não sei se foi só para o teste ou vai operar assim sempre.
Também não sei se outros modelos de avião a usam durante essa operação.
Para o salto enganchado, vamos ver se vai ter algum tipo de plataforma/batente na porta lateral ou não, uma coisa é lançar mestres de salto, outra é lançar recrutas.

AeroCocus

A paredinha não existia antes. Deve ter sido alguma realimentação no projeto em função do observado nesta campanha.

Definitivamente é um marco e tanto. Que venha o salto enganchado!

Rinaldo Nery

Parece que ao lado da porta lateral há um anteparo que se abre. No A400 também tem.

Jr

Essa é minha duvida também, se essa parede foi só para o teste ou os aviões depois de homologados virão com ela. Eu acho que outros aviões não usam essa parede no compartimento de carga não, pelo menos no C-130J e no C-17 de todos os vídeos que eu vi os paraquedistas saltam direto do compartimento de carga

Maria do Carmo Lacoste

Tem outra coisa, essa peça não poderia ter sido colocada aí de uma hora pra outra, ou seja, é provável que ela tenha sido projetada desde o começo, já estava projetada e prevista, apenas no vídeo institucional da abertura da rampa não foi instalada, não vejo problema. De toda forma o programa avança bem. _________________ Rinaldo Nery 22 de junho de 2016 at 23:27 Havia perguntado sobre o REVO dos H-36 no KC-390, prum amigo no COMGAR, até porque nenhum piloto de helicóptero no Brasil é qualificado na missão REVO. Acho que a FAB terá que enviar gente pro exterior… Read more »

Space Jockey

Com ctza a proteção é para diminuir turbulencia, não sei se dos motores ou do Sponsor, pois ao final destas superficies o ar que entra em velocidade geralmente sai turbulento, a tal zona de turbulencia. Eu imagino que foi somente para o primeiros saltos, provavelmente vão tirar depois…pelo menos é o que acho.

Walfrido Strobel

Interessante é o salto de paraquedas no Il-76 russo, feito pela porta dianteira a 380 km/h.
O paraquedas abre primeiro um mini paraquedas de freio e depois o principal.
https://youtu.be/BeQqv95kq9A

Iran Freitas

PORQUE AINDA ESTÁ TENDO AINDA A ESTRELA E O SIMBOLO DO PT NESSE AVIÃO ? POR FAVOR ALGUÉM QUER EXPLICAR?

fonseca

Walfrido. Gostei dessa turma do paraquedismo russo…

fonseca

nesses testes o que se gasta? só combustível?
Esses 200 militares saltando de paraquedas não representam custos, certo, já que são militares pagos justamente para pular.
As FFAA dando sua contribuição no desenvolvimento do avião.
Quanto à turbulência, no caso de jatos, os gases não atrapalham em nada os saltos?
Uma coisas são aviões de hélice. Outra são jatos quentes expelidos.
E pular na frente não geraria o sugamento dos paraquedistas?
existe algum outro jato militar usado para lançar paraquedistas?

Renato de Mello Machado

Bom muito bom mesmo! Só no aguardo de novos testes.

Predator

A Estrela é da FAB e as siglas são o código da aeronave eu acho…

Gustavo

Muito interessante o ritimo de desenvolvimento da aeronave. Está bem rapido parece coisa de guerra mesmo! Nao me lembro nos dias atuais dw uma aeronave se desenvolver tao rapido aqui no Brasil, o AMX por exemplo levou um tempao né?

Farias Cardoso

Sem dinheiro a FAB só vai ver esses aviões no papel e nos videos da internet. Nada a comemorar, pois a EMBRAER é uma empresa privada associada a uma empresa norte-americana e que só está interessada em lucro. Portanto, para ela as nossas FA tem tratamento igual a qualquer outro cliente.

Alexandre Samir Maziz

Bom dia , como um ex infante paraquedista eu prefiro mais o salto pela porta traseira do avião como foi demonstrado ai no vídeo do que pela porta lateral , acho mais pratico e só da uma “corridinha” e pular , a parte pior do salto é pegar a manha e jeito de aterrissar no solo ,se der mole se quebra mesmo .

Leo

Na minha humilde opinião, a mais bela aeronave de transporte do mundo.

Maria do Carmo Lacoste

Walfrido Strobel 23 de junho de 2016 Amigo, isso não é um mini paraquedas de freio, deve ter outros nomes, mas conheço como “pilotin”, na verdade não freia, e sim, sua função é a de extrair da bolsa o paraquedas principal. Em salto enganchado nos modelos de paraquedas no Brasil – e acho que na maioria do mundo – é a própria fita de lona que extrai o principal, esse pilotin existe em paraquedas de salto livre, quando acionado, ele sai por força de uma mola (as coisas mudam, não sei se ainda é assim), se enche de ar e… Read more »

Washington Luis

Bom dia a todos . É possível encontrar um anteparo desse nos C-105 Amazonas, sua utilidade é que nos intriga. Mais a aeronaves é belíssima. Bem que a Embraer poderia fazer os ensaios de baixas temperaturas aqui em Curitiba/Pr só para poder apreciar essa ave brasileira.

Ederson Joner

Sensacional… A frequência com que estão trabalhando é impressionante. E sobre a aparência da aeronave, sem comentários, é fantástica….

Delmo Almeida

Washington Luis,
.
Também poderia fazer uns teste aqui em João Pessoa de qualquer coisa… A faba costumava fazer deslocamentos para exercícios no Aeroclube daqui (sou vizinho, passo pela cabeceira da pista algumas vezes por dia) e uma vez eu voei no Bufalo.
.
Eu acho que não vai dar problemas essa questão do reabastecimento de helicópteros e que a solução da Airbus também vai resolver o problema deles. A diminuição do diâmetro não deve atrapalhar muita coisa também não…

Delmo Almeida

A Maria Lacoste citou uma reportagem que eu coloquei aqui ontem sobre o A400M. Segue outra:
.
https://www.flightglobal.com/news/articles/france-receives-first-a400m-with-tactical-capability-426592/

Reinaldo Deprera

A última foto é linda e ilustra por si só a campanha.

Save ao fotógrafo da FAB!

Ederson Joner

Vídeos, Vídeos, Vídeos, Vídeos, Vídeos, ….kkkkk

Delmo Almeida

Editores, coloquei duas postagens no Forças Terrestres que não estão aparecendo. O primeiro tinha um link e eu achei que fosse isso, o segundo foi pra dizer que o primeiro tinha sido barrado, mas também foi.
O link era esse:
.
http://www.janes.com/article/61722/end-of-uae-campaign-in-yemen-indicates-divergence-with-saudi-arabia-making-peace-deal-more-likely

Delmo Almeida

Agora um On-Topic:
.
A Embraer fazendo parece fácil… deveriam ensinar à Bombardier e Airbus Military…
.
Embraer e FAB tão rebolando na cara da crise… (pessoal, foi uma piada! Sem escândalo)

Walfrido Strobel

Maria do Carmo. Vc tem razão quanto a sua função principal de abrir o paraquedas, mas existem diferenças entre o sistema ocidental e russo. No sistema ocidental o pequeno paraquedas é o Pilot Shute ou Pilotin que após ser solto pelo paraquedista extrai imediatamente o paraquedas principal. No sistema russo é acionado na saída da aeronave automaticamente o Drogue Parachute, que tem tripla função, reduzir a velocidade e estabilizar o paraquedista que tem de acionar o destravamento do Drogue Parachute para que seja extraído e aberto o principal. Veja nesta foto os paraquedistas descendo estabilizados com o Drogue Parachute aguardando… Read more »

Luiz Antonio

Bom Tarde a Todos
Entendo que a tal “paredinha” é parte de um sistema de compensação de pressão no compartimento de carga para manter a atmosfera estabilizada no interior dele. A abertura da rampa com a aeronave em voo provoca o efeito “sucção” (na verdade é aparente pois o que ocorre na verdade é a expulsão do ar pressurizado no compartimento em virtude da pressão externa mais baixa) Sem a tal “paredinha” o fluxo de ar seria turbulento e não laminar (este menos agressivo para as tripulações e equipes de salto).

Guilherme Poggio

Segue a rota, tempo de voo e horário do dia do lançamento dos paraquedistas

Marco Antonio Capoeira

Boa dinis… tá ai uma boa notícia, respondendo a inúmeras perguntas.

Clésio Luiz

Pode ser prática padrão, pode ser que o tal major foi primeiro para ser o “primeiro” a saltar do KC-390, mas não deixa de ser admirável o chefe ir na frente para dar exemplo e incentivo a tropa.

Queria pegar essas fotos em resolução maior. O fundo da primeira foto foi fantástico.

Matheus

Farias Cardoso

Os dois protótipos e mais 28 unidades já estão confirmadas para a FAB.

Maria do Carmo Lacoste
Valdimir Fernandes

KC0001 tambem voando em direção ao Mato Grosso Passado por Novo Horizonte SP neste momento..

Valdimir Fernandes

o KC 00001 voando tambem passando por Novo Horizonte neste momento….

Maria do Carmo Lacoste

Os dois estão no ar neste momento, o de Gavião Peixoto esta voando agora também…
https://www.flightradar24.com/KC390001/a1db26d

Guilherme Poggio

Impressionante como o programa de ensaios acelerou nos últimos tempos. Mas acho que esteja sendo bancado pela própria Embraer. O GF dificilmente está pagando alguém.

Valdimir Fernandes

Será que são teste finais para voo a Feira Internacional de Farnborough na Inglaterrra do dia 11 17 de julho?
http://www.aereo.jor.br/2016/06/14/cargueiro-da-embraer-fara-estreia-internacional/

Guilherme Poggio

Estes testes são muito importantes. Lembro de um antigo piloto da FAB que disse para mim que os saltos a partir do Bandeirante foram suspensos porque havia o risco da colisão do paraquedista ou do seu paraquedas com a empenagem. São raras as fotos de saltos a partir da porta lateral do C-95. Quando eu achar eu posto aqui.

alexandrefontoura2013

Sério, Iran Freitas, que você viu a estrela simbolo do PT no KC390? Onde? rsrs

Guilherme Poggio

Verdade Roberto. E veja só como os caras passam perto do profundor.

Washington Luis

Alguém sabe quando será instalado os tanques internos de REVO, e o sistema de mangueiras das pontas das asas, ou se já estão na Embraer? Esses tanques são transportados em terra por caminhão, ou uma caminhonete com reboque consegue fazer o serviço? E a capacidade desses tanques afinal são dois, né?

Jr

Provavelmente o programa acelerou mesmo sem dinheiro do GF porque a Embraer deve ter percebido o aumento de interesse no jato de forma bastante sólida. A concorrência Canadense esta chegando no seu ponto decisivo depois de anos de enrolação, e dizem que ira abrir uma concorrência nos EAU, essa sim, se de fato ocorrer será crucial para o futuro do KC-390 no Oriente Médio

Maria do Carmo Lacoste

Gente, o Bandeirante era e é um faz tudo, foi uma invenção de uns malucos que resolveram que o Brasil poderia fabricar aviões, daí nasceu a Embraer, sua função primária creio que era ligar o país em termos de transporte aéreo com suas distâncias continentais e de escassa infra estrutura, depois disso o projeto foi exercendo outras funções, virou até avião patrulha ainda em uso. Sobre o Bandeirante e bater na fuselagem, acho que o problema era mesmo o profundor que é baixo, uma vez soube de um caso de um paraquedista militar que saiu muito aberto do avião e… Read more »

Wilton Feitosa

Farias Cardoso 23 de junho de 2016 at 7:55
ESTRELA DO PT ?? …rss …
sabe tudo heim …

Rinaldo Nery

Houve um acidente com um C-95 do ETA-3 (não me recordo o ano), onde dois páraquedistas do EB realizariam um salto agrupado (um de frente pro outro). O paraquedas daquele que estava à porta, de costas, abriu e sugou o mesmo pra fora. O impacto no estabilizador horizontal foi tão violento que quebrou a coluna vertebral do sujeito ao meio. Houve um pitch down muito violento, e a aeronave perdeu o controle. Os demais paraquedistas conseguiram saltar. O C-95 caiu no quintal de uma casa, ocasionando a morte de todos os tripulantes. Curiosamente, o oficial (da turma de cima da… Read more »

Guilherme Poggio

Isso mesmo Rinaldo Nery.
.
Bem contada e detalhada a história. Só me lembrava do básico.

Rinaldo Nery

O acidente foi no Rio, na Barra da Tijuca.

Rinaldo Nery

ETA-3 (BAGL).

Maria do Carmo Lacoste

Quem me contou sobre este caso foi um militar mestre de salto da Brigada, mas não deu a entender que o avião sofreu maiores danos e que tão pouco tenha vindo a cair.
Me lembrei do nome ou modelo do avião envolvido na fatalidade, “um Avro” disse ele…
Não sei se é isso mesmo…
Mas o importante é que se olhar a estrutura do KC-390, não tem como se chocar com qualquer parte da aeronave saltando da porta, saiu da porta cai no vazio.

Rommelqe

Gostaria de aqui homenagear o mestre, Cel Dirceu Bonecker de Souza Lobo, comandante-paraquedista, meu ex-professor de desenho
Tenho certeza que ele está lá, nas nuvens,orgulhoso, com o desenvolvimento do KC-390. Certamente estava acompanhando o major Schiavo filmando seus comandados ao deixarem a rampa do KC-390.
Parabéns, não há mais o que falar.

Últimas Notícias

China testa nova capacidade espacial com míssil hipersônico

O lançamento em agosto de um foguete com capacidade nuclear que circulou o globo pegou a inteligência dos EUA...
- Advertisement -
- Advertisement -