Home Aviação de Transporte Sistema de transplantes no Brasil sofre com falta de transporte aéreo

Sistema de transplantes no Brasil sofre com falta de transporte aéreo

3161
70

FAB2582-Fora-Area-Brasileira-Brazilian-Air-Force-Embraer-ERJ-135

“Em três anos, entre 2013 e 2015, a FAB deixou de fornecer aviões para o transporte de 153 corações, fígados, pulmões, pâncreas, rins e ossos. Os órgãos saudáveis se perderam por conta dessas negativas e da falta de outras alternativas de transporte.

Os registros das recusas são feitos pela própria FAB e pela Central Nacional de Transplantes (CNT), do Ministério da Saúde, unidade responsável por fazer os pedidos de transporte e oferecer os órgãos às centrais de regulação nos estados. (….) Nos mesmos dias, a Aeronáutica atendeu a 716 requisições de transporte de ministros do Executivo e de presidentes do Supremo, do Senado e da Câmara. A média é de cinco autoridades transportadas nas asas da FAB para cada órgão desperdiçado.

Em 84 casos, ministros e parlamentares retornavam para casa ou deixavam suas casas rumo a Brasília. Quase 4 mil caronas foram dadas nesses voos.”

Leia matéria completa no site do jornal O Globo.

COMPLEMENTO EM 08/07/2016

Temer assina decreto que determina à FAB transporte de órgãos para transplante. Medida estabelece que um avião da Força Aérea Brasileira ficará sempre disponível para esse tipo de operação

O presidente interino Michel Temer assinou, nesta segunda-feira (6), decreto que determina a disponibilidade de aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) para transporte de órgãos, tecidos e partes do corpo humano para transplante em todo o território nacional. O anúncio foi feito pelo presidente em declaração à imprensa, no Palácio do Planalto.

Temer citou notícia veiculada na imprensa nos últimos dias que informava da indisponibilidade de aeronave para esse atendimento. “Para nossa tristeza cívica, nós verificamos que a notícia registrava que não havia avião da FAB para transportar aquele material. […] Portanto, não haverá mais, a partir de agora, essa deficiência”, garantiu.

Segundo Temer, a decisão leva em conta a ideia de que “saúde é vida”, portanto, o governo deve estar atento a isso. “Nós precisamos estar atentos a esse fato, que parece ou pode parecer de menor relevância, mas tem uma relevância extraordinária.”

FONTE: Portal Brasil

Subscribe
Notify of
guest
70 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Marcos
Marcos
4 anos atrás

Não deveria ser responsabilidade da FAB nem uma coisa nem outra. A FAB virou empresa de transporte executivo, sem cobrar nada por isso.

Walfrido Strobel
4 anos atrás

Um transplante é uma operação caríssima para o estado e o Min. Da Saúde não consegue organizar um programa para uso de táxi aéreo fretados.
Por outro lado, mesmo que alguns ou muitos não gostem, é função da FAB o transporte de autoridades e existe até um Esq. para isso.
Uma concessao agora está virando obrigação, a FAB presta este tipo de apoio a transplantes quando pode e quer.

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
4 anos atrás

Desculpe Walfrido mas uma das missões do GTE e o transporte de órfãos sim, a FAB faz parte do sistema oficial. Basta ver o seu histórico. Isto tem que ser apurado pois uma coisa e deixar de cumprir a missão por não ter aeronave disponíveis por motivos de manutenção ou orçamentários, outra é não ter aviões para transportar órgãos e ter para levar políticos!!! Sinceramente, até eu que gosto do GTE estou ficando ressabiado e aprovando a sua diminuição ou até extincao!!!

Danilo
Danilo
4 anos atrás

É função da FAB defender a população sim! E não se pode colocar um compromisso de um politico acima da vida de uma pessoa pelo amor de Deus! Depois esse povo que comenta diz que reza e vai na igreja! Isso é hipocrisia! A vida esta acima de tudo! E é pra isso que a FAB e as forças armadas existem! Pensem bem! Abraço.

ivammc
ivammc
4 anos atrás

Tendo o uísque no copo o soldo em dia os of da FAB está tudo certo. É só negar tudo, a culpa só é dos políticos qua estão cag… para a saúde do povo. Sempre foi assim. E quem ficar maguari, prove que a saúde do brasileiro vai bem, que o SUS é padrão Suécia no Brasil. Moro perto de um Hospital e toda semana morre gente na fila.

Edcarlos
Edcarlos
4 anos atrás

GTE deveria ser extinto, não digo que autoridades não possam utilizar aeronaves da FAB para transporte. Vergonhoso é o fato de existir um grupo de transportes exclusivo para este fim. Tantas necessidades especiais como o transporte de órgãos para transplante ou material biológico perigoso, inclusive o transporte de enfermos em quarentena por doenças exóticas, altamente contagiosas e mortais.
.
Como força de transporte executivo a FAB encontrasse preparada e equipada. Para atender emergências que põem em risco a vida ou a saúde da população nem pensar!
.
.
Saudações!

Walfrido Strobel
4 anos atrás

A função principal do GTE é o transporte de autoridades. Havendo disponibilidade de Avioes e pessoal ela pode fazer missões de misericordia, como todo Esq. da FAB. O GTE não vai deixar de transportar um senador, para levar um coração. Primeiro a missão específica do Esquadrão. Mesmo que seja para o Senador passar o final de Semana em casa, me lembro de quantas vezes fui receber e despachar ACM, chegava mais cedo para ver se o banheiro da sala de autoridades estava limpo, se tinha papel higiênico, se o cafezinho estava quente e as bolachas não estavam murchas, etc. Toda… Read more »

Frederick
Frederick
4 anos atrás

Informações incompletas formam uma assimetria perigosa e panfleteira. Em quais localidades estavam as 153 que esses órgãos estavam? Qual o itinerário solicitado à FAB? Qual a razão da negativa? Quais as razões levaram a FAB a transportar os órgãos no mesmo período? A preparação para transportar passageiros é a mesma de um órgão? Esse “artigo” coloca peras e bigornas no mesmo cesto, criando solo fértil para caricaturas que nem de longe pincelam o cenário factual. Um dos motivos que tenho ojeriza à lei de acesso à informação é porque tem-se dados, mas não existe mínima capacidade analítica de quem a… Read more »

Carlos Crispim
Carlos Crispim
4 anos atrás

Eu acho que se a FAB tem realmente que transportar esses lixos de Brasília, então que os coloque em aviões turbo-hélice ou C-130, bem desconfortáveis, e transfira os jatinhos para transportar órgãos para transplante. Algum lugar diz que para levar esses esgotos de Brasília tem de ser em avião a jato? Se não, botem eles nos piores aviões, os mais antigos, barulhentos e lentos, pronto.

Mateus
Mateus
4 anos atrás

A FAB não tem responsabilidade nenhuma, só acatam o que “quem nós elegemos” pelo voto nos representando assim o determinaram em suas gloriosas ações em causa própria no congresso, senado, governo federal, estadual, etc. sempre o fazem! Assisto na TV publicidades governamentais (claro que a nossas custas e a muito puxileco), dizendo para sermos altruístas e doarmos nossos órgãos! Sou doador e minha família está esclarecida sobre isso, mas não me enganam… O Brasil está cheio de cabos eleitorais que na menor possibilidade de dar-se bem sem esforço e em muitas vezes criminosamente promovem e elegem essa gente sem moral… Read more »

Frederick
Frederick
4 anos atrás

(papagaios, preciso urgentemente de; a) dedos mais finos, b) óculos melhores, c)um telefone com tela maior. Desculpo-me aos foristas por mais um comentário com traços dislexos)

kfir
kfir
4 anos atrás

No Rio de Janeiro a população esta literalmente morrendo sem atendimento medico, não há leitos nem recursos, Simplesmente não interessa e fato, posso dar o exemplo concreto do bilhete único, onde o dinheiro do petróleo usado para pagar passagens de ônibus ( socialismo), ao fim deste disparate , chamado de direito, poderia proporcionar uma melhor situação na saúde, mais ainda existem 900 milhões para o metro, mas não há combustível para a policia, cidade de macae a passagem e 1 real… ou seja, que se dane a população…Os casos de óbito por falta de simples atendimento se multiplicam, e um… Read more »

Paulo Lima
4 anos atrás

Sou do estado do Maranhão e várias vezes cruzei com Gastão Vieira (Min do turismo a época) em vôos comerciais, sem estardalhasso algum. Acho que seria mais nobre ser cortês com Ministro e encaminhá-lo ao vôo comercial para salvar uma vida. Acho que só é mais um problema só nosso pacto social vigente. Frágil visão de lideranças, sociedade civil pouco organizada e sem saber cobrar e a mídia aparentemente fraca para assuntos sérios.

Walfrido Strobel
4 anos atrás

Paulo Lima, muitos finais de semana lota a disponibilidade do GTE. O jeito é o Ministro ir de comercial.
Uma vez encontrei um amigo na BASV que estava levando um Ministro em um Xingu VU-9 do 6° ETA e perguntei se eles tinham virado GTE. Ele me respondeu que o GTE estava lotado e eles estavam ajudando.
Vcs acham que VU-35 Learjet foram de graça ao 6° ETA?

Walfrido Strobel
4 anos atrás

VU-35 Learjet do 6° ETA- Brasília DF
Esta foto por coincidencia foi da divulgação de um transporte de coração.
https://encrypted-tbn2.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcQla_UFeCA2haR8m9HIUfVDdeHhC7e4DEJNjh0UyhS7P6tQf7DKuoh9wK1gmw

Walfrido Strobel
4 anos atrás

Antes que alguem pense que todos os VU-35 foram para o 6 ETA, alguns foram convertidos em Reconhecimento Eletrônico.
R-35AM do 1°/6° GAv Recife PE – crédito do autor na foto
https://i.imgur.com/2eEV59t.jpg

EParro
EParro
4 anos atrás

Frederick 5 de junho de 2016 at 13:47

Sabe Frederick, fico imaginando as operações de resgate que a FAB tenha que fazer, como seriam? Qual seria o itinerário? Qual seria o vetor disponível e qual o necessário? Qual a preparação necessária?
Existem situações que, parecem-me, seria melhor a FAB não se manifestar. Dar uma de “migué”.

zorannn
4 anos atrás

Há muitas questões aí. E para poder elogiar ou criticar, acho que falta informações. Tipo: . Somente a FAB faz o transporte destes orgãos? A aviação comercial não participar deste transporte? As polícias estaduais, que em muitos casos tem uma aviação de asas rotativas robusta, participa deste transporte? Obviamente que há vidas em jogo, mas sempre deve-se escolher a opção mais barata para fazer este transporte. A aviação comercial corta o país de norte a sul, poderia muito bem dar uma carona grátis a estes orgãos. A FAB não pode ser a primeira ou a única opção. . Quanto a… Read more »

David Soares
David Soares
4 anos atrás

Fico com raiva disso: a FAB servindo de táxi aéreo para autoridades. A regra deveria ser uso de vôos comerciais para a autoridades irem para suas casas e/ou voltarem à Brasília e em casos excepcionais (calamidade publica, desastre, etc) o uso deveria ser liberado. O custo de uso de uma aeronave dessas é elevado para o Brasil se dar ao luxo de transportar autoridades assim.

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
4 anos atrás

Pessoal,
Se alguém aqui le revista de aviação, a Aviao Revue trouxe uma reportagem sobre transplantes de órgãos. É um sistema em que as companhias aéreas tb participam e de graça. As polícias estaduais, PRF, ou seja, tudo que voa, inclusive obGTE e outros esquadrões da FAB, principalmente na Amazônia!!!!

Nonato
Nonato
4 anos atrás

Não li o original da matéria. Mas aparentemente, tendenciosa.
O governo federal tem obrigação de ficar transportando todos os órgãos a serem transplantados no país?
Talvez servir também de UTI móvel em todos os casos de necessidade…
Não acho isso factívell.
Mas se for, talvez nem saísse tão caro ter dois aviões à disposição. Uma UTI móvel e um para transplantes.

Nonato
Nonato
4 anos atrás

E problema é: atende mil pessoas ninguém agradece.
Se deixar de atender dez, vão reclamar.

Nonato
Nonato
4 anos atrás

Temer poderia inovar nessa área. Ganharia crédito.
De repente todos os ministros voarem em um único avião. Ou dois. Um para o sul outro para o norte. Vem segunda à tarde, volta sexta meio dia.
Eventos também. Tentar conciliar.
Tipo instituir o dia das inaugurações. Terça, quinta… Um avião leva todo mundo. Evita um grande número de horários e trajetos.
Qualquer governo de estado ou município que realizar evento que se adequar à disponibilidade dos ministros.

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
4 anos atrás

Agora, a reportagem do fala quantos ela deixou de teansportar mas não diz nestes três anos quantos órgãos transportou!!!! Segundo fontes do Ministério da Saúde, em 2015, entre jan e out, 5.625 órgãos foram transportados em aeronaves diversas. No site do GTE deve ter os transportes da FAB

Luiz Campos
Luiz Campos
4 anos atrás

Se eu fosse uma “otoridade” e se me alertassem sobre a necessidade de transportar órgãos ou qualquer outra missão humanitária eu cederia o avião e arrumaria outro meio para me locomover. Talvez até acompanhasse o transporte prá ficar bem na foto.

Felipe Reis
Felipe Reis
4 anos atrás

vergonha !!!!

Nonato
Nonato
4 anos atrás

Luís Campos. Isso ai. Ministro x estava se deslocando para um evento mas avisado sobre a necessidade de ir buscar um órgão no interior do estado B, autorizou a mudança imediata de rota. Foi junto e ainda levou o órgão no colo foi até o hospital, abraçou a família do paciente receptor e ficou esperando o resultado.
Depois foi para o evento, que já havia terminado… Ou participou do evento por videoconferência, usando equipamentos do hospital…
Ou aproveitou que estava na cidade B, e visitou obras com recursos da sua pasta. Fez do limão um coquetel…

Nonato
Nonato
4 anos atrás

Outra possível situação. O ministro X pediu ao GTE que o coloque em vôos na área iminência de vôo de transplantes. Para ele poder ceder o avião e ficar bem na fita.
Ministro X para presidente.

Oganza
Oganza
4 anos atrás

[Off Topic]
Super Hornet para o Canadá?
http://snafu-solomon.blogspot.com.br/2016/06/canada-to-buy-super-hornetsbut-fear-of.html
Será que o F-35 subiu no telhado?
Será que a “desculpa” de “Aquisição Interina” vai colar?
Será que Lord Vader acertou mais uma, de novo? 🙂

Grande Abraço.

Walfrido Strobel
4 anos atrás

Nonato, o Ministro é um mero passageiro e não vai ser incomodado com este tipo de problema.
Aquele avião e sua tripulação designado para o transporte da autoridade não está disponível para outras missoes e ponto final.
O Oficial de Operações não vai se dirigir ao Ministro para dizer que deixou de transportar um coraçao para fazer a sua missão.

Walfrido Strobel
4 anos atrás

Gente, o GTE não é coisa nova.
A aviação de transporte de autoridades começou no Brasil em 1938 quando o EB comprou oito Lockheed 12 para transporte do Pres, Ministros e autoridades.
Na criação da FAB foi ativada a Seção de Aviões de Comando, precursora do GTE na 3° Zona Aérea RJ comandada pelo Cap. Av. Nero Moura.
Em 1957 foi ativado o GTE com C-47 e 2 Viscont VC-90 encomendados.

História em bom artigo, mesmo desatualizado. http://www.rudnei.cunha.nom.br/FAB/br/gte.html

Bueno
Bueno
4 anos atrás

O Advogado geral da União, exigiu um avião para leva-lo em um evento em Curitiba , ele ligou para o Brigadeiro Nivaldo Rosato…

http://politica.estadao.com.br/noticias/geral,turbulencia-raios-e-trovoes,10000055312

Este é o nosso Brasil que vai pra frente!!

Frederick
Frederick
4 anos atrás

EParro.

A FAB possui esquadrões específicos para este tipo de missão SAR. Até onde me consta, se um ETA não possui condições de atender ao pedido de transporte de órgão – incapacidade de chegar ao local no tempo necessário, disponibilidade, hora de voo e outras tais – não o fará.

francisco
4 anos atrás

e inconpreencivel ler comentarios que comcordam que o corrupto renam calheiros pode sair de brasilia num jatinho da FAB e ir para sao paulo faser transplante de cabelo, quando por conta desas mordomias, falte jatinhos para levar os orgaos para serem transplamtados,fica evidente que muita gente acha isso corretissimo.

Walfrido Strobel
4 anos atrás

Eu tinha escrito que os Learjet VU-35 estavam no 6° ETA reforçando o GTE como faziam os Xingu VU-9 no passado.
Agora o Bueno em texto acima confirmou:
Na falta de Legacy do GTE, ofereceram o Learjet do Sexto ETA para a AGU.

Kolchak
Kolchak
4 anos atrás

Os oficiais da FAB sao contra a extincao do GTE, pois garante preciosas horas de voo.

kfir
kfir
4 anos atrás

Este é um grave problema de imagem para a FAB, corra enquanto dá tempo, pois vcs estão sendo sabotados…
.

EParro
EParro
4 anos atrás

Frederick 6 de junho de 2016 at 10:09

Então Frederick, mas a minha dúvida é sobre uma missão SAR – Busca e Salvamento!
Se um ETA não possui condições de atender então fica como?

Bueno
Bueno
4 anos atrás

Repercussão dos casos citados.

1- Governo vai disponibilizar avião para transporte de órgãos
http://oglobo.globo.com/brasil/governo-vai-disponibilizar-aviao-para-transporte-de-orgaos-19451248

2 -Temer decidirá se advogado-geral que usou jato da FAB fica no governo

http://g1.globo.com/politica/noticia/2016/06/apos-polemica-sobre-voo-da-fab-agu-deve-se-reunir-com-temer.html

EParro
EParro
4 anos atrás

Walfrido Strobel 5 de junho de 2016 at 12:44

Pois é! Mas quem sabe, logo, logo isto muda.

http://www.mpf.mp.br/df/sala-de-imprensa/docs/acp-transporte-de-orgaos-para-transplante

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
4 anos atrás

Kolchak, não posta bobagem. Onde você leu ou ouviu isso?
Como já foi postado, essa matéria é bem tendenciosa, e a FAB não vai nem se importar em responder ou emitir nota. Alguns locais onde o transplante é solicitado nem possui aeroporto. E, todo mundo que voa presta esse serviço. Na Azul já transportei vários órgãos. Alguns órgãos, tal como o coração, possuem um tempo máximo para o transplante, e nem sempre dará tempo de efetuar o transporte. Tem que ser a jato, literalmente. Quanto a esse câncer do GTE, não vou comentar mais.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
4 anos atrás

Ah, e quem faz a escala de voo para atender o pedido de autoridades (são 54, ainda), é o GC-2, no GABAER. O Operações do GTE não tem nenhum contato com essas autoridades. E nem deve.

Luis Antonio Marcello senger
Luis Antonio Marcello senger
4 anos atrás

O Presidente TEMER agora há pouco já instruiu uma normativa visando dar todo apoio a este tipo de situação, dizendo se não sabedor destes números e dados , e visando consertar algo que segundo ele deve ser sim prioritário no nosso país como tem de agir um presidente normal e decente .

Walfrido Strobel
4 anos atrás

Li o documento da Procuradora de Brasília, 47 páginas de onde no final das contas a proposta é que a FAB literalmente seja responsável por todos os transportes de orgãos interestaduais sempre que a aviação comercial não possa atender no prazo necessário.
Não cita ou mostra de onde vai sair o recurso para todos estes voos, em resumo: Esta senhora vive no País das Maravilhas.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
4 anos atrás

Walfrido, bem postado. Esse pessoal do Judiciário se acha Deus. E se for pra dar ordem pra milico, então, nem se fala!
Como exemplo, estive recentemente com o Comandante do COMAR 7, em Manaus, e o mesmo comentava que recebeu um ofício de uma juíza, solicitando um favor, uma “carona” para uma pessoa doente em Tabatinga. Ao final do ofício, dá 48 horas para o COMAR 7 responder quando a pessoa seria transportada! Não era um favor?

Luiz Campos
Luiz Campos
4 anos atrás

Bueno 6 de junho de 2016 at 15:49
Repercussão dos casos citados.
1- Governo vai disponibilizar avião para transporte de órgãos
http://oglobo.globo.com/brasil/governo-vai-disponibilizar-aviao-para-transporte-de-orgaos-19451248
Estão vendo? se a otoridade tivesse feito esse gesto de bondade antes e se tornado um pai dos pobres não teria que passar por isso e ainda ficaria bem na foto. Tudo questão de marketing.

Lucas Lima
4 anos atrás

Pelo menos o Presidente Michel Temer entendeu o recado!! fácil mandar difícil é fazer acontecer
http://g1.globo.com/politica/noticia/2016/06/temer-manda-fab-disponibilizar-jatos-para-transporte-de-orgaos.html

Bueno
Bueno
4 anos atrás

Luiz Campos, boa tarde.
Tudo que se relaciona com o estado os políticos brasileiros procuram uma forma de se beneficiar, de levar vantagem. Não e diferente com as FFAA que se tornam refém deste sistema viciado. Isto deve ocorrer nos países mais honesto, no Brasil a situação é fora da curva.
E nós, pobres pagadores de impostos vamos protestando, comentando , nos enganando e achando que vai mudar, Vamos distraindo com isto até o fim dos nossos dias. Melancólica a situação .

kfir
kfir
4 anos atrás

Temer ficou incomodado e fez discurso…dizendo que a FAB terá um avião no chão sempre em prontidão para transporte de órgãos…

Walfrido Strobel
4 anos atrás

Parabens ao Pres. Temer, mostrou como se faz política ao estilo velha raposa.
Pintam um avião com algum slogam pró doação de orgãos e ganha seus votos.
Estamos em ano de eleição.