heres-the-most-expensive-weapons-system-ever-and-all-of-its-ammunition-in-one-photo

Segundo o site Defensenews, o Pentágono informou ontem que o teste operacional inicial e avaliação (IOT&E) do F-35 foi postergado para 2018.

O atraso se deve aos “bugs” apresentados na versão 3i do software da aeronave, que estão consumindo tempo demasiado para serem corrigidos. A USAF necessita que essa versão funcione plenamente para declarar a IOC (initial operational capability) dos seus F-35A ainda este ano. O problema é que o trabalho na versão 3i está ocupando grande parte da equipe que ainda está trabalhando no software 3F.

Segundo o tenente general Christopher Bogdan, chefe do Joint Program Office – JPO, 23 caças F-35 deverão receber a atualização para o software 3F antes da IOT&E, e isso não deve ocorrer antes de 2018.

Subscribe
Notify of
guest
62 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
4 anos atrás

E gente aqui falando mal do WAD do Gripen… Nem se compara com esse, na minha opinião, fiasco.

Tiago Jeronimo ☠ (@TiagoJL)
4 anos atrás

Esse fiasco é demais para nós.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
4 anos atrás

Óbvio. Mais de USD $ 50,000 a hora de vôo. Claro que é demais. Quero uma Ferrari, mas não consigo pagar o seguro e o IPVA.

AL
AL
4 anos atrás

Rapaz, ô caça embaçado esse!!! Quem receberá seu caça operacional primeiro? Gripen/FAB ou F-35/USAF? Façam suas apostas…

E gente aqui falando mal do WAD do Gripen…²

Djalma
Djalma
4 anos atrás

Me pergunto, se a Lockheed Martin que é veterana com seu Know-how com sucessos como F-16, C-130, F-22 e outros produtos como satélites, foguetes e demais serviços está tendo grande dificuldade com o programa do F-35. Nem imagino como está sendo com os Chineses e Russos…

Fernando
Fernando
4 anos atrás

Se os EUA estão penando com esse caça de 5ºG não dá pra acreditar que os russos e chineses estejam alcançando eles nesse patamar de caças ou que seus novos caças sejam tão ou mais capazes que esse ou o F-22. Dá pra ver que a tecnologia empregada nesse caça é monstruosa e algo inédito.

Mauricio R.
4 anos atrás

Como se o equivalente sueco ao “teste operacional inicial e avaliação (IOT&E)” do JAS-39E estivesse concluído, implementado e encerrado.

Alfredo Araujo
Alfredo Araujo
4 anos atrás

“Rinaldo Nery 25 de maio de 2016 at 17:30
Óbvio. Mais de USD $ 50,000 a hora de vôo. Claro que é demais. Quero uma Ferrari, mas não consigo pagar o seguro e o IPVA.”
.
Acho que o problema não é nem esse.
O problema é quando a Ferrari de USD $ 50,000 a hora de vôo “ande” tanto quanto, ou menos que, uma BMW de USD $ 20,000 a hora de vôo

Jefferson Bertoncini
Jefferson Bertoncini
4 anos atrás

Na minha opinião F-35 é ótima aeronave mas o nível de tecnologia Stealth embarcada faz dessa aeronave um custo muito alto de mais para se manter agora que o SAAB Gripen versão C/D está passando por uma mordenizição para receber o Míssil Meteor vai deixar o pequeno notável Mortal

Clésio Luiz
4 anos atrás

Não minha opinião, todo esse carnaval do F-35 se deve ao contrato que foi feito para o seu desenvolvimento. Quem assinou aquilo no Pentagono deveria responder na justiça. A grosso modo, qualquer problema no desenvolvimento da aeronave é bancado pelo governo. Quanto mais problemas aparecerem, mais o Pentagono paga para resolver, num círculo sem fim. Ou seja, para a Lockheed, não interessa entregar nada no prazo, porque o dinheiro sempre vai entrar. E como lá lobby é legalizado, jamais o congresso americano irá cancelar o programa, porque obviamente o dinheiro do lobby acabaria. . Para vocês terem uma ideia, o… Read more »

Marcelo
4 anos atrás

esse F-35 é o petrolão dos EUA….

Mauricio R.
4 anos atrás

A Boeing já pagou 1,5 bilhão USD em multas, devido a atrasos no KC-46.

Nonato
Nonato
4 anos atrás

O importante é o equilíbrio. Não faz sentido o desenvolvimento de um caça consumir 400 bi. Desenvolvimento é basicamente computador, túnel de vento… Que tecnologia seria tão cara? O que é a tecnologia? Conhecimento? Tempo? Pesquisa? Produtos? Materiais raros? Esses bugs é ou porque é muito complexo ou porque não sabem fazer. Uma Ferrari é vendida a 3 milhões porque custa isso. E se custasse não é porque é muito melhor do que um golf ou um Audi. Mas porque cobram e há quem pague. Um caça poderia ser vendido a 10 milhões e estaria muito bem pago. Mas dizem… Read more »

Jr
Jr
4 anos atrás

Esse programa é mais que um fiasco, segundo o John McCain o F-35 é um escândalo e uma tragédia.
Olha o que ele falou sobre esse programa a um mês atrás, detalhe que ele provavelmente não sabia ainda de mais esse atraso

http://edition.cnn.com/2016/04/26/politics/f-35-delay-air-force/

Alfredo Araujo
Alfredo Araujo
4 anos atrás

Nonato..
Consegue fundamentar alguma das suas afirmações? São interessantes…

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
4 anos atrás

Jr, bom artigo. “O programa mais caro da história do DoD.” Isso, pra mim, é indefensável. Respondendo ao que postaram lá em cima, diria que o nosso Gripen atinge o FOC primeiro.

Edcarlos
Edcarlos
4 anos atrás

Esse é o preço que se paga para manter-se na vanguarda da tecnologia! O F-35 não é uma aeronave com computador, é um computador com asas!
.
.
Saudações!

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
4 anos atrás

Amigo, até o A350 XWB é um computador com asas, carrega mais de 230 pessoas e já está nas aerovias. A Azul está recebendo três.

marcus
marcus
4 anos atrás

Tecnologia extraterrestre que estava oculta na área 51. Voces verão quando ele ficar pronto, canhão Photonico, e campo de força, e escudo de invisibilidade Klingon. kkkkkkkkkkkkkk

Justin Case
Justin Case
4 anos atrás

Amigos, Embora tradicionalmente a FOC (Final Operational Clearance) ainda seja um importante evento contratual, em termos operacionais é um conceito ultrapassado. Hoje vemos em quase todos os projetos militares um desenvolvimento continuado, onde requisitos iniciais são modificados e novas capacidades operacionais são requeridas e implementadas durance o ciclo de vida. Novas capacidades no uso de armas e sensores são incorporadas em média a cada 5 anos, novas versões de software em intervalo ainda mais curto. Mesmo o hardware básico como motor, estrutura e comandos de voo recebem modificações. Assim, creio que podemos considerar a IOC (Initial Operational Clearance), a autorização… Read more »

Nonato
Nonato
4 anos atrás

Olá, Alfredo. Não tenho com fundamentar de forma mais consistente. Acredito ser algo elementar. Isto é, usando a lógica dá para se chegar a essas conclusões. Vou lhe dar um exemplo. Uma montadora cobra digamos 40 mil por um carro 1.0 e 50 mil pelo mesmo carro 1.6. Pergunta: será que o pequeno aumento gera aumento de custo de dez mil? O resto é o mesmo. Outro exemplo. O que é necessário para a Embraer desenvolver um jato executivo novo? Na minha opinião, é só identificar o que quer do avião e mandar projetar. Digamos, a partir de um avião… Read more »

Nonato
Nonato
4 anos atrás

Alguns caças russos tem empuxo vetorado tridimensional.
Oohhh, alta tecnologia. Cobra mais dez milhões aí por avião.
E essa história de a hora de vôo de um caça ser 60 mil dólares? Outro absurdo. Nem umbtrem bala custa tanto. Muita contabilidade criativa e complexa.
Para mim custo da hora de vôo é só combustível.
Enche o tanque aí camarada Vladimir.
Petróleo tá barato.

Nonato
Nonato
4 anos atrás

Outro ponto
Passar dez anos para desenvolver um avião. Tempo demais. Um do dois anos estaria de bom tamanho.
Ninguém para está reinventando a roda. A não ser uma empresa que nunca construiu um avião ainda ur aprender…

Bosco
4 anos atrás

Marcus,
Quem tem escudo de invisibilidade são os romulanos. rrssss

space jockey
space jockey
4 anos atrás

” Voces verão quando ele ficar pronto” hahaha não sei explicar direito, mas essa frase ficou muito engraçada.

Ederson Joner
Ederson Joner
4 anos atrás

Não é por que o programa de desenvolvimento desta aeronave está demorando bastante que se pode afirmar que se trata de uma aeronave muito complexa, pois se for assim, o Tejas é um caça divisor de águas da aviação. O que se pode dizer de todos esses atrasos, partindo do princípio que não está faltando grana, e que a LM tem muita experiência, é que pode ser um tremendo erro de engenharia. Projetos equivocados, com uma infinidade de integrações, que a LM julgou ser capaz de executar. E o tempo está passando…. O F22, tem menos “fru fru”, mas funciona!… Read more »

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
4 anos atrás

Custo de hora de vôo não é só combustível. Seria bom se fosse.

ivammc
4 anos atrás

Com todo esse arsenal nas asas creio, em minha singela opinião, que deixou de ser stealth.

ivammc
4 anos atrás

Mas, está bonito na foto.

Mauricio Veiga
4 anos atrás

Exatamente Ivammc, o F-35 é a piada do século, quando voar na sua plenitude já estará obsoleto, que sirva de lição para os futuros projetos, avião de combate é coisa séria, quanto menos ‘politicagem” melhor…

ivammc
4 anos atrás

Nobre Mauricio veiga, coaduno com e seu comentário e digo que com Mach 1.6 o F-35 é um bombardeiro de luxo.

Alfredo Araujo
Alfredo Araujo
4 anos atrás

“Nonato 25 de maio de 2016 at 21:25
Mas acredito que qualquer avião estaria bem pago por dez milhões.”
.
Po irmão… não sei nem por onde começar. Acho melhor nem tentar… rs

EduardoSP
EduardoSP
4 anos atrás

Alfredo Araújo,
Faço minhas suas palavras…
O custo do desenvolvimento de tecnologias de ponta é muito alto. Não é a toa que pouquíssimos países fabricam turbinas aeronáuticas. E custo de desenvolvimento alto com poucos fabricantes significa preço alto.
Antes fosse tudo simples e barato.

Coutinho
Coutinho
4 anos atrás

Bosco e Marcus
O nome correto é Dispositivo de Camuflagem. Alem de Klingons e Romulanos, os Cardassianos tambem tem. 🙂
Quanto ao F-35, uma péssima noticia para algo que longe de virar uma bola de neve já é uma avalanche monumental.

shambr
shambr
4 anos atrás

os engenheiros de Israel ja estao estudando os problemas do f35s ja foram todos resolvidos e salvou o projeto de mais de 400 bilhoes de dollars os f35s de Israel ja estao operando em estado de arte naum acreditem nas noticias sao meras propagandas anti Americanas infantis tio Jacob tem f35s e a polonia f22s se atacarem Israel ou polonia o bagui vai ficar muito doido os poloneses foram os melhores pilotos na batalha da inglaterra e Israel possui os melhores pilotos da era dos jets deus salve Israel e polonia

Marcelo
4 anos atrás

Rapaz…vou querer experimentar o que vc está usando shambr….
Bosco, os Klingons receberam a camuflagem via ToT dos romulanos, pois eles repassaram aos romulanos, cruzadores classe D qualquer coisa. Na verdade, ia ficar caro para os produtores criarem novas naves para os romulanos na série original, aí vieram com essa. Resumo : Vai continuar tendo ToT até no século XXIII !

Wilton Feitosa
Wilton Feitosa
4 anos atrás

“Nonato 25 de maio de 2016 at 21:25
Mas acredito que qualquer avião estaria bem pago por dez milhões.”

Poh rapaz, o seu exemplo de carro 1.0 e 1.6 foi pouco feliz, neste caso a diferença de preço esta basicamente na tributação que é diferente…
No mais, o texto ficaria muito grande e ninguém iria ter tempo pra ler .. rs

TIP
TIP
4 anos atrás

O f-35 eh muito mais do que uma aeronave e/ou computador para o cenário de combate que os EUA planejam pro futuro. Eh um complexo sistema datalink que integrará aéreo, naval e terrestre de forma ímpar no nível global. Uma vez tentei enviar um desenho conceitual de cenário de operação pensado, mas não foi publicado. Traduzindo, o software que será embarcado na aeronave eh um conceito muitos anos a frente do que conhecemos hoje de datalink. Ainda acho que vale o dinheiro investido…

Rogerio Rufini
4 anos atrás

Problema maior desse caça, que quando tiver operacional não vai ser nem 80% da capacidade que deveria ter, caro de mais pra manter, caro pra operar, caro desenvolvimento e caro para cancelar

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
4 anos atrás

O Software do F-35 e uma monstruosidade. Sao milhoes de linhas de codigo. Quantos aos “bugs”, era de se esperar que isso fosse acontecer. Mais de 3000 F-35 serao entregues aos Marines, Air Force e Navy, e nao estamos contando os clientes externos. Mas como todo projeto de tao alta complexidade (sao tres variantes), alguns problemas tecnicos vao surgindo durante a fase de testes. O F-35 se assemelha a um computador com asas. Nao existe atualmente no cenario mundial, nenhuma aeronave tao complexa e sofisticada quanto o F-35. Nem os russos, e nem os chineses sao/serao capazes de projetarem e… Read more »

SAR
SAR
4 anos atrás

10 milhoes por um caça?
O C-98 custa 8 milhoes agora imagine um caça…

Bardini
4 anos atrás

Pode ser caro, mas eu adoraria ver o VF-1 com F-35B…

Fernando "Nunão" De Martini
Reply to  Bardini
4 anos atrás

Eu também.

Alexandre Samir Maziz
4 anos atrás

Afinal os EUA poder esperar para validar o teste operacional do F-35 , pois tem vários outros tipos de caças top de linha para cuidar de seu espaço aéreo e ainda atacar os dos outros fácil fácil , quem pode pode , quem não pode bate palmas !!!!

Carlos Campos
Carlos Campos
4 anos atrás

Ele foi pensando pra ser o novo F16, foi pensando para custar 60 milhões, ser barato de manter, ser feito para ataques eletrônico, ser o avião que protege o Ocidente até 2060. Porém está Caro, teve problemas na estrutura, software defeituoso e que pode até no futuro sofrer novos bugs, vai ser caro de manter, previsão de compra já baixou em 250 caças. Vai ter um sistema centrado de guerra em rede o q não é grande novidade pois o Gripen vai ter, o que um piloto vê outro vê também, e tudo q está em terra e no mar… Read more »

Nonato
Nonato
4 anos atrás

Vejam bem. Pelos valores publicados vemos alguns caças sendo vendidos por 200 milhões. Já o f35 falam em menos de cem milhões…
Qual custou mais?
Será que um typhoon custa 150 milhões?
De onde vêm esses custos? É o alumínio usado na fuselagem?
São os pneus?
São os radares?
Os avionicos? Mas os avionicos já estão desenvolvidos. Se são caros é por quê? Há ouro neles? Um bom exemplo. Empresas privadas americanas estão desenvolvendo espaçonaves reutilizáveis. A baixo custo… Muitos diriam. Ah tecnologia avançadíssima. Coisa que já é feita há 50 anos…

Nonato
Nonato
4 anos atrás

Um iPhone é vendido por uns 500 dólares. Talvez a fabricação saia no máximo por 10 dólares…
Tudo marca…

Nonato
Nonato
4 anos atrás

Outro bom exemplo. Para muitos fabricantes tudo é difícil. Já a Saab faz de tudo. Integração de mísseis? Facilitam tudo. Colocar radar aesa? Coloca. Super Cruise? Colocamos…

Jota
Jota
4 anos atrás

Boa noite à todos. O projeto JSF e seu resultado , o F35 , certamente entrarão ,para a história como um grande divisor de águas , um marco referencial. Para o bem ou para o mal. Sem entrar no mérito da questão sobre a qualidade ou não do avião, até porque ele ainda está em desenvolvimento , acredito que seu maior defeito é sugar /absorver uma grande parte do orçamento disponível para desenvolvimento de novas armas e/ou tecnologias. Dezenas de projetos , de várias áreas dispares , foram afetados . Uma rápida pesquisa na wikipedia e encontramos uma vastidão de… Read more »

Djalma
Djalma
4 anos atrás

Nonato, dei uma pesquisada no google… encontrei uns sites sobre custos das aeronaves (em inglês). Por exemplo, o F/A-18E/F Super Hornet. Sendo $33.22 Milhões o valor da fuselagem, mais $9.64 Milhões nos 2 motores F414-GE-400 e mais $9.32 Milhões nos Aviônicos. O preço final da aeronave é $65,3 Milhões ou $80,7 Milhões com suporte. O DoD investiu $44.50 Bilhões no programa do Super Honert, além de mais $5.56 Bilhões para a Pesquisa e Desenvolvimento. E sobre o F-35, na minha opinião, o projeto era pensado como solução, sendo, uma base para 3 variantes A/B/C, a produção em série e a… Read more »