Home Aviação de Caça Nota do MD: Brasil e Suécia ampliam parceria estratégica

Nota do MD: Brasil e Suécia ampliam parceria estratégica

9127
36

Foto da nota Brasil e Suecia ampliam parceria estrategica - PH Freitas - Min da Defesa

Brasília, 15/04/2016 – O embaixador da Suécia no Brasil, Per-Arne Hjelmborn, se reuniu, nesta sexta-feira (15), com o ministro da Defesa, Aldo Rebelo, a fim de ampliar a parceira em programas de alta tecnologia. O objetivo é expandir o sucesso da cooperação alcançada com o F-X2, projeto que envolve além dos caças Gripen NG, o intercâmbio profissional, apoio logístico e a transferência de tecnologia para indústrias brasileiras.

A expectativa é que a atuação conjunta dos países transborde a área de defesa e envolva os segmentos de ciência, tecnologia e inovação. “Com a colaboração do Gripen, viramos parceiros pelos próximos 30, 40 anos. A intenção é usar o projeto Gripen para que juntos possamos tirar o máximo proveito dos efeitos multiplicadores, tanto dentro quanto fora do setor da defesa”, destacou o embaixador.

Como parte da parceria estratégica, foi criado durante a Comissão Mista Intergovernamental Brasil-Suécia, em maio 2015, o grupo de alto nível (High Level Group in Aeronautics), integrado por membros dos dois países. A primeira reunião foi realizada no país nórdico, em outubro do ano passado, e o próximo encontro está previsto para outubro deste ano no Brasil.

“Acho que o Brasil e a Suécia dispõem de todos os requisitos, exigências e condições para um amplo processo de cooperação científica, tecnológica e de defesa. Temos o interesse não apenas em manter, como em ampliar essa parceria”, ressaltou o ministro Aldo Rebelo.

Projeto FX-2

Anunciado em dezembro de 2013, o projeto FX-2 envolve transferência de tecnologia, política industrial, formação de mão-de-obra especializada e desenvolvimento de ciência e pesquisa. O contrato com a empresa sueca SAAB inclui a compra de aeronaves de combate, suporte logístico e compra de armamentos necessários à operação dos caças Gripen NG.

Infográfico Gripen NG - imagem via Ministério da Defesa

A Força Aérea Brasileira receberá 36 aviões de caça Gripen NG. A primeira aeronave deverá ser entregue em 2019 e, a última, em 2024. O contrato prevê ainda a fabricação de 15 das 36 unidades no Brasil, incluindo oito unidades de dois lugares, um modelo criado especialmente para a FAB.

A participação do Brasil no desenvolvimento do projeto dará à indústria aeronáutica brasileira acesso a todos os níveis de tecnologia, incluindo os códigos-fonte do Gripen. O programa de transferência de tecnologia incluirá itens como a integração de hardware, aviônicos, software e sistemas da aeronave, além do intercâmbio de conhecimento com mais de 350 brasileiros indo a Suécia para treinamento.

Em paralelo, a Embraer também vem se preparando para receber o Gripen NG e já realizou as obras de terraplanagem para construção do prédio que abrigará o Centro.

FONTE / FOTO / INFOGRÁFICO: Ministério da Defesa

Subscribe
Notify of
guest
36 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Zerique
4 anos atrás

ótimo, desse que foi o melhor contrato que o país já obteve, que pra mim, foi a escolha mais acertada no projeto FX2 pela FAB. Que venha o progresso.

Gustavo
Gustavo
4 anos atrás

Essa parceria poderia ter sido ampliada tambem para o EB e MB!

Alex Tiago
Alex Tiago
4 anos atrás

Fica faltando novas encomendas o quanto antes se fazer isso maior o numero da pra se negociar eu particularmente gostaria de ver este avião em quantidades mais expressivas do que apenas 36 ate porque se falaram em dois esquadroes de defesa aerea em anapolis e substituiriam em torno de 50 f-5 e outros 50 amx então teriamos uma força aerea de referencia na regiao 136 avioes.

Clésio Luiz
4 anos atrás

“Querido estagiário do Ministério da Defesa que fez esse infográfico. Favor mostrar os próximos trabalhos, antes da publicação, para alguém mais letrado que você em assuntos de defesa, para evitar erros embaraçosos como o presente neste infográfico. Assinado: Entusiasta de Defesa Chato”

Jakall
Jakall
4 anos atrás

Ahahahahahah

Felipe Morais
Felipe Morais
4 anos atrás

Bacana. Como dito, essa parceria poderia ser extendida para o EB e MB. Seria excelente o Brasil produzir o RBS 70 sob licença ou até mesmo que houvesse o “tot” para alguma empresa brasileira produzir. Além disso, há o Bamse que talvez não seja o melhor, mas seria um salto imenso em questão de defesa anti aérea. Há ainda a área de radares que poderiam ser usados no âmbito do sisfron, como o Girafalle. Para a MB, há os navios caça minas e o RBS 15. Além disso, poderiam contribuir bastante no âmbito da construção da Tamandaré e dos navios… Read more »

Carlos Crispim
Carlos Crispim
4 anos atrás

A parceria é boa, ótima até, mas o avião é fraquinho, convencional, não stealth, conservador… Mas para o Brasil tá bom demais.

Mauricio R.
4 anos atrás

Acho que os suecos estão discutindo isso c/ os caras errados, em menos de um mês teremos uma nova administração federal, seria lógico aguardar o momento e conversar c/ quem realmente irá tocar o barco.

ivammc
ivammc
4 anos atrás

Legal a cor do NG do infográfico, parece um agressor. 😉

Caio Romão
Caio Romão
4 anos atrás

Eu só não quero crer que a FAB vai estragar o Gripen com essa pintura.
Em nome de Josias, não pode ser!!!

Romaldo Medina
4 anos atrás

Sério ,,,essa cor até agora não me desceu ,,,o próprio padrão sueco é lindo!

Caio Romão
Caio Romão
4 anos atrás

Romaldo Medina 16 de abril de 2016 at 21:11
Sério ,,,essa cor até agora não me desceu ,,,o próprio padrão sueco é lindo!
——————————————————————————————
Padrão horrível. Parece aqueles “blindados” de plastico daquela linha de brinquedos na década de 1980… Acho que era “S.O.S comandos” ao algo assim. rsrs
Péssimo gosto.

A primeira dúzia de Gripens que aqui chegar, que devem ir para o 1 GDA, ficariam muito bem seguindo esse padrão (no link), já que o símbolo de tal esquadrão é uma pantera.
http://assets3.exame.abril.com.br/assets/images/2015/10/582346/size_810_16_9_20151020-25144-2f4mzu.jpg

Caio Romão
Caio Romão
4 anos atrás

ps: O padrão acima é o padrão comemorativo que a Força Aérea Tcheca usou para ir a operação “Tiger Meet” 2010.

Jefferson Bertoncini
Jefferson Bertoncini
4 anos atrás

Na opinião em relação ao SAAB GRIPEN o que faz dele uma máquina prefeita para o combate aéreo é o armamento do GRIPEN como o AIM-120 ou AIM-9X SIDEWINDER METEOR AGM-65 MAVERICK

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
4 anos atrás

Caio, o símbolo do 1° GDA é o jaguar, não a pantera. Pantera é o símbolo do 5°/8° GAV, em Santa Maria.

SHTF and Preparation
4 anos atrás

Comunista _____________ Aldo Rebelo, sustentáculo de um _________________, eu defendo o imediato afastamento deste _____________que vê corrupção e desmando e diz: pode, deve ser assim mesmo.

Todo __________________
_
COMENTÁRIO EDITADO. LEIA AS REGRAS DO BLOG E RESPEITE-AS, SEM USO DE PALAVRAS DE BAIXO CALÃO E XINGAMENTOS, NEM O USO DESTE ESPAÇO PARA PROPAGANDA / CONTRAPROPAGANDA POLÍTICA. PRIMEIRO AVISO.

Fred
Fred
4 anos atrás

SHTF que tristeza viver em tempos que pessoas como você abrem a boca. Não aguento mais essas paranoias. É simples assim. Chega dessa histeria coletiva.

Padrão de camuflagem da FAB vai ficar lindo demais no Gripen.

Suécia tem uma grande tradição de independência na questão da ciência e tecnologia, principalmente no setor de defesa. Gostaria muito que essa tradição influenciasse nosso país. E acredito que os suecos também tem outros produtos que seriam muito bem vindos às Forças Armadas brasileiroas, como alguns blindados, canhões e munições diversificadas que utilizam.

Jhenison Fernandez
Jhenison Fernandez
4 anos atrás

Acho tanto o camuflado verde quando a cumuflagem do 1° GDA lindíssimas, quanto ao gripen E ser fraquinho tipico comentário de quem nao sabe oque fala.

Bardini
4 anos atrás
Rogerio Sousa Lima
4 anos atrás

Amigos, o custo unitário seria de 125 milhões de dólares. Gostaria q alguém me explicasse se esse realmente foi 1 bom negócio pro Brasil. Desculpem a ingenuidade da pergunta, ainda estou embriagado pela expulsão da Dilma do Planalto. Tadinha!!! Agora vai ter de ser sorteada numa casa do Minha Casa Minha Vida.

Juarez
Juarez
4 anos atrás

Rogerio, isto nós vamos saber quando terminar o contrato, ou seja quando a última aeronave estiver operando plenamente, eu, pessoalmente acho que teremos algumas dores de cabeça pela frente, uma delas será o desenvolvimento da aeronave bi place, e que vai acabar atrasando o projeto e nos custando caro, mas foi esta opção, agora é esperar para ver como vai, se for, porque tudo pode mudar.

G abraço

Bueno
Bueno
4 anos atrás

off-topic KC-390
“O futuro jato de transporte militar da Força Aérea Brasileira já ultrapassou 150 horas de voo.”
http://www.fab.mil.br/noticias/mostra/25463/KC-390%20-%20O%20céu%20é%20o%20limite

Jeff
Jeff
4 anos atrás

Graças a Deus não deixaram cair o projeto do KC-390. Parar este projeto seria um grande retrocesso, pra se juntar aos 40 anos perdidos dos últimos 15 anos de gestão governamental duvidosa. Já é difícil para as F.A.s do mundo todo ajustar seus projetos e recursos ao seus governantes, imaginem fazer isso em um país como o Brasil. O cara tem que ter saco de aço mesmo.

Mauricio R.
4 anos atrás

OFF TOPIC…, mas nem tanto!!!!
.
Gripen ao nascer do sol no Planalto:
.
(http://snafu-solomon.blogspot.com.br/2016/04/saab-gripen-ng-under-brazilian-sunrise.html)

Ocidental Sincero
Ocidental Sincero
4 anos atrás

É inquestionável a superioridade da Rússia a partir do ‘ícone’ AK-47, passando por blindados e tanques, míssil, até chegar-se ao RS-8, ICBM-MIRV, Su-35 até o S-400. O mercado mundial consumidor, altamente capacitado, sabe disso. No Brasil, infelizmente, ainda estamos ‘grudados na ideologia’ da guerra fria, oriunda da ‘escola das américas’ do panamá. Coisas absurdas nesse sentido que, só acontece aqui e é contra nossos interesses: o Vice Premier russo Dmitri, quando em visita à Embraer, por ‘ordens dos americanos’, foi proibido de entrar na fábrica. [até nossa soberania fora desprezada]; os armamento individuais usados pelas instituições militares, são verdadeiros ‘achados… Read more »

Mauricio R.
4 anos atrás

OFF TOPIC…, mas nem tanto!!!
.
COTS, quando a panacéia do baixo custo, se torna um problema:
.
“A fault with a batch of resistors installed on circuit card assemblies led to a pause in production of the US Navy’s Advanced Anti-Radiation Guided Missile (AARGM), resulting…”
.
(http://www.janes.com/article/59734/aargm-production-back-on-track-following-issue-with-cots-resistors)
.
PS: Se lá nos EUA esse assunto levou um mês p/ resolver, imaginem qnto tempo não levará aqui no Brasil.

Bosco
4 anos atrás

Ocidental, Você até pode ser sincero mas é mal informado. rsrsss Nenhum desses itens que você citou demonstra cabalmente a superioridade russa no capo da tecnologia militar. Em vez de citar as denominações dos sistemas poderia citar em que eles se mostram superiores. Eu particularmente desconheço nesses que você citou características que os fazem superiores aos seus homólogos americanos. Quanto às armas ocidentais utilizada pelo Brasil, que você citou serem ultrapassadas, elas o são mas há uma infinidade de armas disponíveis, em estado da arte, basta o Brasil querer pagar o quanto elas valem e não querer esmolar. Como a… Read more »

Mauricio R.
4 anos atrás

“…o Vice Premier russo Dmitri, quando em visita à Embraer, por ‘ordens dos americanos’, foi proibido de entrar na fábrica. [até nossa soberania fora desprezada]” . E o desprezo pela soberania da Ucrânia, ativamente desestabilizada pela Rússia, em prol dos rebeldes separatistas do leste ucraniano, como é que fica???? E a invasão e subsequente anexação da Crimeia, por forças russas???? Qndo da dissolução da ex-URSS, os russos ratificaram as fronteiras ucranianas em tratado mas parece que qndo se trata dos russos, tratados são somente pedaços de papel sem valor. . “…mesmo o Brasil sendo parceiro dos BRICS encontra-se, sob tremenda… Read more »

Bosco
4 anos atrás

O pessoal “das isquerda” teima em não entender que as “porcarias” que temos é porque assim quisemos e não porque fomos proibidos de adquirir coisa melhor. Há muito pouca restrição do legislativo americano em relação a itens militares sensíveis, principalmente ao Brasil, e que mesmo não negociando com os EUA poderiam se adquiridos de qualquer outro fabricante no mundo. A única coisa que os EUA tem e que não tem igual no mundo, sendo fornecedor único, é a torta de maçã. O problema de não termos equipamentos russos de qualidade é que eles não devem ter equipamentos usados em conta,… Read more »

Bosco
4 anos atrás

É igual esse governo petista prestes a ruir. Colocaram uma analfabeta funcional que nunca tinha sido sequer síndica de prédio pra presidente do Brasil, servindo como encosto de porta até a volta do “deus sol”. Nem encosto de porta essa cidadã conseguiu ser.
Faliram a Petrobrás, abusaram do “direito de roubar”, levaram a prática da corrupção a um novo patamar, fizeram um flagrante estelionato eleitoral, cometeram crime de responsabilidade, etc. , mas o culpado é a Globo, o Judiciário, o juiz Moro, a Câmara, etc.
O culpado é sempre os outros.

Podem deletar meu comentário.

Ocidental Sincero
Ocidental Sincero
4 anos atrás

Bosco e Maurício R. … Onde estão os nossos Abrams, Bradley, F-16, F-18, Apache, AH-1 Cobra e Hellfire´s ? A mais de 60 anos vivemos os mandos e desmandos. Não existe justificativa para a maior economia da região; nunca ter tido nenhum dos armamentos. Todos os aliados do grande “satã” rs, recebem o melhor disponível, inclusive até produzindo equipamentos em conjunto, vide Coréia do sul, Japão, Israel e Austrália. Já aqui, quando decidimos buscar equipamentos fora do “ eixo”, o bonzinho Tio Sam nos ameaça com embargos aos nossos produtos ou até mesmo com a não venda por tempo indeterminado… Read more »

Bosco
4 anos atrás

Ocidental, Quando foi que quisemos ou tivemos dinheiro pra comprar Apache, Abrams, etc.???? Nunca, meu amigo. Eles estão doidos pra vender isso pra gente. O país deles vive de vendar coisas e armas não é diferente não. Nós é que nunca quisemos. Caças já ofereceram até o F-35. Helicópteros eles nos venderão a hora que quisermos os Apaches ou Cobras. Isso que você diz não tem sentido. É equivoco seu! O que quisemos deles em estado da arte eles não titubearam. Por exemplo: SH-70, Harpoon, torpedo Mk-48 Mod 6, etc. No Chile há alguns dos melhores equipamentos americanos em operação… Read more »

Mauricio R.
4 anos atrás

Esquerdopata cheio de mí, mí, mí, pq a grama de alguns aliados realmente atuantes dos americanos, é mais verde que a nossa!!!
.
“Não existe justificativa para a maior economia da região; nunca ter tido nenhum dos armamentos.”
.
Durma-se c/ um barulho desses, como se os americanos tivessem alguma obrigação. Tem acesso que é relevante p/ a geopolítica americana, quem é atuante e não simples farsante.

Bosco
4 anos atrás

Outros culpados pelo governo estar na berlinda: Ministério Público, Polícia Federal, Tribunal de Contas, Cunha, Temer, o machismo, a elite, a burguesia, etc.

Bardini
4 anos atrás

“USA e OTAN nunca quiseram o nosso desenvolvimento, seja mesmo com compras de prateleira, ou até projetos conjuntos no âmbito militar.”
.
Estude a história deste país novamente. É um favor que você se faz.