Home Divulgação Saab na LAAD Security 2016

Saab na LAAD Security 2016

2075
16

20151211-en-1084167-469357A Saab, empresa da área de defesa e segurança, estará presente na LAAD Security 2016, que acontece de 12 a 14 de abril. Na exposição, a Saab demonstrará como tecnologia avançada e pensamento inovador podem ajudar a manter nações e sociedades em segurança.

No evento, a Saab apresentará seu extenso portfólio de soluções de alta tecnologia para proteção civil e militar, que contam com o custo-benefício e a confiabilidade necessárias para atender às demandas de vários países, inclusive o Brasil e demais nações da América Latina.

Este ano, soluções abertas e integradas, como TactiCall&SAFE, para Treinamento & Simulação, para Serviços de Emergências Médicas e para Monitoramento de Sinais poderão ser conhecidas e testadas pelo público da LAAD Security 2016, no estande C39 da Saab. São produtos capazes de integrar recursos em terra, mar e ar, reduzindo custos operacionais, e de manter um eficiente e interessante ciclo de vida, do ponto de vista do cliente.

A LAAD Security é um evento de grande importância estratégica para a Saab. O Brasil é um mercado amplo e dinâmico, que apresenta oportunidades em diversas esferas, sejam elas militares ou civis.

“A Saab é conhecida no Brasil como uma parceira confiável, provedora de alta tecnologia que ajuda a promover a segurança e a defesa estratégica em várias partes do mundo. Temos orgulho de nossa parceria com o Brasil no Programa Gripen NG, e há também um enorme campo onde nossas outras soluções de segurança podem ser aplicadas”, disse Marianna Silva, diretora geral da Saab no país. “Nosso pensamento inovador, aliado à flexibilidade e à eficiência de custo de nossas soluções podem ajudar o Brasil a contar com recursos aprimorados para fazer frente a ameaças e problemas reais”, disse.

As soluções da Saab poderão ser encontradas no estande C39, entre 10h e 18h, nos dias 12, 13 e 14 de abril.

A LAAD Security 2016 será realizada no Pavilhão 4 do Riocentro, na Av. Salvador Allende, 6.555, Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro (RJ).

 

Subscribe
Notify of
guest
16 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Joaquim
Joaquim
4 anos atrás

Senhores na minha modesta opinião esse deveria ser o padrão de camuflagem adotada nos NG.

Marcelo
4 anos atrás

creio que o Gripen não sera um dos produtos expostos em feira de segurança interna e policial.

José Flavor Lessa
4 anos atrás

O valente Hobbit, muito orgulho desse pequeno e destemido guerreiro que protegerá nossos céus.

Fernando "Nunão" De Martini
Reply to  José Flavor Lessa
4 anos atrás

A foto principal já foi alterada para se adequar melhor ao texto do release.

Para quem gostou da foto que estava antes:
http://www.aereo.jor.br/wp-content/uploads//2014/11/Gripen-NG-para-o-Brasil-concep%C3%A7%C3%A3o-art%C3%ADstica-Saab.jpg

Fabiano
Fabiano
4 anos atrás

Nunão esta será o padrão de camuflagem do Gripen da FAB ? Ou é só demonstração ?

Fernando "Nunão" De Martini
Reply to  Fabiano
4 anos atrás

É concepção artística, onde vale tudo. Acho que muita água (e tinta) ainda poderá passar por baixo desse caça até vermos como será de fato.
.
Sugiro aos modelistas ansiosos que tenham paciência. Pode ser que tenham que repintar depois seus modelos se fizerem já…
.
PS – não tenho nenhuma informação privilegiada a respeito, apenas me baseio na experiência.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
4 anos atrás

Acho que o EMAER ainda não definiu o padrão de pintura do F-39.

EParro
EParro
4 anos atrás

Este padrão aí é lindo!

Nonato
Nonato
4 anos atrás

Quanto à camuflagem para que serve mesmo? no caso de um carro de combate é para ser confundido com a vegetação ou o deserto etc. E no caso de um avião? esconder-se da artilharia antiaérea? ou de outros avioes? não se usa radar? para um avião voando a 500 ou 1.000 km/h acredito que é localização visual tenha importância bastante reduzida. no horizonte quando for visto, em menos de um minuto ja passou. e essa camuflagem que todo mundo achou linda? por que duas cores? vi algo sobre a guerra entre África do Sul e Angola. os mirage Sul africanos… Read more »

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
4 anos atrás

Não entendi. Num parágrafo você diz que o verde amarelo era facilmente identificável. No anterior você fala que a camuflagem não serve pra nada….
Num combate visual a camuflagem faz diferença, sim. Os F-18 da US Navy tem uma pintura no dorso que simula o canopy. Confunde ao ser visualizado de longe.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
4 anos atrás

Ops. Escrevi bobagem. A pintura foi realizada embaixo da aeronave, e não no dorso. Simétrica ao canopy.

Skyraider
Skyraider
4 anos atrás

Prezado Rinaldo,

São os da US Navy mesmo? Pensei que fosse os F-18 da RCAF

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
4 anos atrás

US Navy. Não vi a pintura dos canadenses.

Skyraider
Skyraider
4 anos atrás

Engraçado porque eu nunca vi um F-18 da US Navy com o falso canopy. Já os canadenses: http://www.hankplumley.com/Photo%20Gallery/Aviation/Military/FA-18%20Hornet/188781_RCAF_CF-188A_Hornet_Belly_Shot_2012_CNAS.html

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
4 anos atrás

Então os canadenses também pintaram, uai. Não disse o contrário. Quem sabe os espanhóis, australianos também pintaram.
Os F-5E do Pampa também tinham.

Fabiano
Fabiano
4 anos atrás

Rinaldo e Nunão,valeu.