domingo, maio 16, 2021

Gripen para o Brasil

Antonov vai fabricar aviões na Arábia Saudita

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

An-132

Uma aeronave de transporte baseada no Antonov AN-32 deverá ser construída na Arábia Saudita sob um acordo de cooperação entre a Antonov e Taqnia Aeronautics

KIEV, Ucrânia – A Antonov, fabricante de aeronaves ucraniana, vai abrir uma fábrica na Arábia Saudita com a Taqnia Aeronautics para produzir aviões AN-132 de transporte.

O acordo de cooperação assinado na semana passada na Arábia Saudita define determinados planos para a organização da operação, a produção do AN-132S e suporte pós-venda do avião e outras aeronaves Antonov, como o AN-148 e AN-178.

“É um evento muito importante na nossa cooperação com parceiros da Arábia Saudita”, disse o presidente da Antonov, Mykhaylo Gvozdov. “Hoje [Sexta-feira], fizemos o passo certo em nossas relações com base nos acordos preliminares. Este documento pode ser considerado como o roteiro para a nossa interação por programas conjuntos.”

As duas empresas também assinaram um acordo de cooperação para o desenvolvimento conjunto de materiais metálicos e não-metálicos na Arábia Saudita para uso na produção de aeronaves Antonov.

O AN-132 é um bimotor multi-propósito turboélice, com base no AN-32. O AN-32 pode transportar 42 paraquedistas, tem uma velocidade máxima de 329 milhas por hora e um alcance máximo de 1.553 milhas.

FONTE: UPI.com

- Advertisement -

7 Comments

Subscribe
Notify of
guest
7 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Delmo Almeida

1. Esse avião possui alguma versão de uso civil?

2. Lembrei que vi uma manchete um dia desses (mas estava sem tempo e depois esqueci de procurar) em que o afirmava o fim da Antonov. Alguém sabe o que exatamente aconteceu?

Mauricio R.

A Antonov, parabéns e boa sorte!!!

Jakson de Almeida

Sabem aonde a Antonov queria fabricar aviões?

Mauricio R.

OFF TOPIC…
.
…mas nem tanto!!!
.
E a Arábia Saudita de fato, comprou os aviões:
.
“The Antonov An-178 will equip the Royal Saudi Air Force, but Saudi Arabia plans to assemble it under license and to procure other Antonov medium twin-engined transports, such as the An-132 and the An-148.”
.
“We chose the AN-178 taking into account the good characteristics of this aircraft. Its price and low operational costs are important advantages of this aircraft in comparison with other airplanes of this class.”
.
(http://www.defense-aerospace.com/article-view/release/169889/.html)

Rommelqe

Nada contra a Antonov em si, tudo a favor dos profissionais brasileiros que concebem e fabricam aviōes padrão KC-390.
A AS tambem vai precisar substitur C-130. Vamos torcer para a EMBRAER ja mandar junto junto com os KCs algumas esquadrilhas de A-29…..

Mauricio R.

Mandar o que pra onde, se os sauditas não solicitaram nada a Embraer???? Antes de se adentrar a casa dos outros, é de bom alvitre pedir licença.

André Bueno

Rommelqe 24 de fevereiro de 2016 at 22:57

As relações entre EUA e AS não estão um desastre mas já estiveram melhores. Sim, o KC-390 poderia ser oferecido a eles. Mas, para isso, é necessário haver um produto pronto. Atualmente existe apenas um conceito em desenvolvimento e em processo de homologação.

Reportagens especiais

Fort Worth Alliance Air Show 2015 – F-22 Raptor

Um amigo uma vez me disse brincando que depois de assistir a uma demonstração do F-22 passou a acreditar...
- Advertisement -
- Advertisement -